Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Ocorrência e caracterização molecular de Cryptosporidium spp. em caprinos jovens do município de Quixadá-Ceará.
Autores:  BRITO, R. L. L. de.
Data:  2015-02-02
Ano:  2014
Palavras-chave:  Actina
Cryptosporidium meleagridis
Cryptosporidium ubiquitum
Cryptosporidium xiaoi
HSP 70
Subunit 18S rRNA
Subunidade 18S rRNA
Criptosporidiose
Caprino
Cabrito
Parasito de animal
Diarréia
Infecção
Parasitologia
Cryptosporidium
Actin
Diarrhoea
Coccidia
Goats
Infection
Resumo:  Resumo: O presente estudo teve como objetivo avaliar a ocorrência da infecção e realizar a caracterização molecular de Cryptosporidium spp. em caprinos jovens do município de Quixadá, Ceará, Brasil. Participaram do estudo um total de 400 animais, com idade entre três e 360 dias, com e sem padrão racial definido, nos quais 154 eram machos e 246 fêmeas, procedentes de 25 estabelecimentos rurais distribuídos em três circuitos. Amostras de fezes foram obtidas diretamente da ampola retal dos cabritos e cadastradas de acordo com o aspecto e a coloração. Uma quantidade de 200 mg de cada amostra foi distribuída em microtubos de 2 mL e congeladas ?in natura? a -20 °C, até o momento das extrações de DNA genômico do parasito com auxílio de kit comercial. Todas as amostras foram submetidas a ?Nested?-PCR para amplificação de fragmentos do gene da subunidade 18S RNA ribossômico. As positivas nesta amplificação foram testadas na "Nested"-PCR com os genes actina e HSP 70. As amostras que tiveram amplificação nesses três genes foram submetidas a "Nested"-PCR em triplicata e posterior sequenciamento nas direções "sense" e "anti-sense". A ocorrência da infecção por Cryptosporidium spp. em cabritos de Quixadá foi de 7,50% (30/400) e 64,00% (16/25) das propriedades tinham cabritos positivos. O distrito Tapuiará foi o que apresentou maior número de animais positivos, e a frequência no período seco e chuvoso foi de 9,55% (19/199) e 5,47% (11/201), respectivamente (P = 0,1218). Das 30 amostras de fezes positivas, 50,00% (15/30) tinham aspecto normal e 70,00% (21/30) coloração normal, sugerindo que cabritos assintomáticos eliminam oocistos no ambiente. Não foi observada positividade para Cryptosporidium spp. em animais com 301 a 360 dias. Por meio do sequenciamento foi possível identificar que as espécies do coccídio detectadas nas fezes dos cabritos foram Cryptosporidium xiaoi, Cryptosporidium ubiquitum e Cryptosporidium meleagridis. Diferentes espécies do protozoário estão presentes em propriedades rurais do município de Quixadá, Ceará, Brasil. Os coccídios C. ubiquitum e C. meleagridis já foram descritos infectando humanos. O manejo sanitário, nutricional e reprodutivo adotado pelos caprinocultores e as características das propriedades não representaram fator de risco para os cabritos se infectarem pelo protozoário. [Occurrence and molecular characterization of Cryptosporidium spp. in goats kids in the town of Quixadá - State of Ceará]. The present study aimed to evaluate the occurrence of infection and perform molecular characterization of Cryptosporidium spp. in goats kids from the town of Quixadá - state of Ceará - Brazil. A total of 400 animals, 154 males and 246 females, with aged between three and 360 days, with and without defined breed, from 25 farms distributed in three circuits, participated in this study. Stool samples were obtained directly from the goats rectum and registered in accordance to their appearance and coloring. An amount of 200 mg of each sample, were distributed in micro tubes of 2 mL and frozen "in nature" at -20 °C until the moment of extraction of the parasite genomic DNA using a commercial kit. All samples were submitted to Nested-PCR to amplify fragments of 18S subunit of ribosomal RNA. The positives samples in this amplification were tested in Nested-PCR with actin and HSP 70 genes. Samples that were amplified in these three genes were subjected to NestedPCR triplicate and subjected to sequencing in sense and anti-sense directions. The occurrence of the infection by Cryptosporidium in goats kids of the town of Quixadá was 7.50% (30/400) and 64.00% (16/25) of the farms with positive goats. The Tapuiará district showed the highest number of positive animals and the frequency in dry and rainy period was 9.55% (19/199) and 5.47% (11/201), respectively (P = 0.1218). Considering 30 samples of positive stools, 50.00% (15/30) had normal appearance and 70.00% (21/30) normal coloring, suggesting that asymptomatic goats can eliminate oocysts in the environment. It was not observed positivity for Cryptosporidium spp. in animals aged between 301 and 360 days. Through sequencing, it was possible to identify that the species of coccidian found in the feces of the goats are Cryptosporidium xiaoi, Cryptosporidium ubiquitum and Cryptosporidium meleagridis. Different species of protozoa are present in rural farms of Quixadá ? state of Ceará - Brazil. The C. meleagridis and C. ubiquitum protozoa have been described infecting humans. Considering the health, nutritional and reproductive management adopted by goat farmers, as well as the characteristics of the property, any of these places presented risk factors for the goats kids infection by the protozoan.

Tese (Doutorado) - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal. Orientador: Katia Denise Saraiva Bresciani; Coorientador: Luiz da Silva Vieira (CNPC); Coorientador: Marcelo Vasconcelos Meireles.
Tipo:  Tese/dissertação (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  28402

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1007393

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/117056/1/CNPC-2014-Ocorrencia-e-caracterizacao.pdf
Editor:  2014
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Tese/dissertação (ALICE)
Formato:  88 f.
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional