Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Estrutura da comunidade vegetal arbóreo-arbustiva de um sistema agrossilvipastoril, em Sobral, CE.
Autores:  CAMPANHA, M. M.
ARAÚJO, F. S. de
MENEZES, M. O. T. de
SILVA, V. M. A.
MEDEIROS, H. R. de
Data:  2011-08-04
Ano:  2011
Palavras-chave:  Agroflorestal
Fitossociologia
Phytosociology
Caatinga
Agroforestry
Resumo:  A Caatinga, vegetação dominante no semiárido brasileiro, vem sofrendo intenso processo de degradação, provocado, entre outras causas, pelas atividades tradicionais agropecuárias e extrativistas. A necessidade de conservar o meio ambiente e seus recursos naturais ocasionou a busca por alternativas aos sistemas convencionais de produção. Neste contexto, os sistemas agroflorestais, que integram árvores com culturas agrícolas e produção animal, surgem como alternativa de exploração com sustentabilidade. Com o objetivo de estudar o potencial de preservação de espécies da flora da Caatinga em um sistema agrossilvipastoril implantado no semiárido, em Sobral - CE, foi avaliada a densidade, a frequência e a dominância relativas, o índice do valor de importância e o índice de Shannon & Wiener, no componente arbóreo-arbustivo deste sistema. Verificou-se que as práticas de manejo utilizadas no sistema diminuíram a densidade, e interferiram na altura e distribuição diamétrica dos indivíduos em relação à vegetação da Caatinga original. Entretanto, essas práticas foram efetivas em preservar a riqueza de espécies da flora arbóreo-arbustiva, semelhantes à área de reserva vegetal nativa. Cordia oncocalyx foi a espécie com maior número de indivíduos no sistema, apresentando também maior índice de valor de importância, seguido por Mimosa caesalpiniifolia. A família Leguminosae foi a mais representativa. O índice de Shannon encontrado demonstra que o sistema agrossilvipastoril possui potencial para promover um nível intermediário de conservação, entre remanescentes de vegetação da Caatinga e áreas antropizadas neste bioma.

2011
Tipo:  Artigo em periódico indexado (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  23788

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/897279

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/39190/1/Estrutura-comunidade.pdf
Editor:  Revista Caatinga, Mossoró, v. 24, n. 3, p. 94-101, jul./set. 2011.
Relação:  Embrapa Milho e Sorgo - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional