Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Translocação do inseticida tiametoxam+lambdacialotrina da folha para a haste de plantas de soja.
Autores:  CANTONE, W.
HUTH, C.
GUEDES, J. V. C.
ROGGIA, S.
Data:  2012-11-28
Ano:  2012
Palavras-chave:  Inseticida
Resumo:  Foram realizados dois experimentos com objetivo de avaliar a translocação do inseticida tiametoxam+lambdacialotrina da folha para a haste da planta de soja, utilizando o percevejo Edessa meditabunda como bioindicador. Em casa-de-vegetação, plantas de soja da cultivar BRS 284, no estágio R5, foram tratadas com 1,667 mL/L de Engeo Pleno® (tiametoxam+lambdacialotrina), pelo método de imersão da folha. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado, com unidades experimentais compostas por 3 adultos do percevejo confinados na haste da planta de soja. No EXPERIMENTO A foram estudados 4 tratamentos com 4 repetições. Nos tratamentos T1A e T2A todas as folhas foram tratadas com o inseticida e a haste foi infestada na sua metade superior e inferior, respectivamente. T3A e T4A não receberam inseticida e a haste foi infestada na sua metade superior e inferior, respectivamente. Os resultados mostram que ocorre translocação do inseticida da folha para a haste, em quantidade suficiente para causar mortalidade superior a 93% (T1A) e 83% (T2A), aos 9-12 DAI (dias após a infestação). No EXPERIMENTO B foram estudados 6 tratamentos com 6 repetições. Em T1B e T2B foram tratadas as folhas da metade superior da planta e foi infestada a haste da sua metade superior e inferior, respectivamente. Em T3B e T4B foram tratadas as folhas da metade inferior da planta e foi infestada a sua metade superior e inferior, respectivamente. T5B e T6B não receberam inseticida e a planta foi infestada na sua metade superior e inferior, respectivamente. Neste experimento, as maiores mortalidades foram observadas aos 10 DAI, nos tratamentos em que os insetos foram confinados na mesma metade da planta que recebeu o inseticida, T1B (77%) e T4B (70%) não diferindo de T3B (63%) em que os insetos foram confinados acima do ponto de aplicação do inseticida. Enquanto que em T2B a mortalidade foi inferior a 17%. Assim conclui-se que o produto transloca da folha para a haste e apresenta movimento ascendente.

2012
Tipo:  Resumo em anais de congresso (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  33839

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/940743

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/72100/1/1939-1.pdf
Editor:  In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 24., 2012, Curitiba. SEB-40 anos de avanços da Ciência Entomológica Brasileira: anais. [Curitiba]: SEB, 2012. Disponível em: <http://www.cbe2012.com.br/_apps/anais_web/trabalhos_selecionar.php>.
Relação:  Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional