Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Resistência de genótipos de sorgo ao pulgão Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856) (Helmiptera: aphididae): II. Teste de confinamento.
Autores:  FONSECA, A. R.
CRUZ, I.
CARVALHO, C. F.
SOUZA, B.
Data:  2006-08-09
Ano:  2005
Palavras-chave:  Sorghum
Pulgão-do-milho
Resistência de plantas a insetos
Antibiose
Resumo:  O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de genótipos de sorgo sobre a biologia do pulgão Rhopalosiphum maidis (Fitch). Os experimentos foram conduzidos na Embrapa Milho e Sorgo, em Sete Lagoas, MG. Foram testados oito genótipos de sorgo, sendo sete de reconhecida resistência ao pulgão Schizaphis grêmio (Rondani), e a cultivar comercial BRS 303. Para se obter folhas para a criação dos pulgões em laboratório, foi plantada, semanalmente, no campo, uma fileira de cinco metros lineares de cada material. Os experimentos foram conduzidos durante duas gerações do pulgão, utilizando-se, na primeira, insetos recém-nascidos, com aproximadamente uma hora de idade e oriundos da cultivar BR 304. As ninfas foram individualizadas e mantidas em seções foliares provenientes de cada uma das oito cultivares estudadas. Como segunda geração, utilizaram-se ninfas recém-nascidas, obtidas de progenitores criados em cada genótipo estudado na fase anterior, ou seja, indivíduos da segunda geração. Em ambas as gerações, os insetos foram mantidos em câmaras climatizadas reguladas a 25 ± 1 ºC, UR 70 ± 10% e fotofase de 12 horas, avaliando-se o número de ínstares, períodos pré-reprodutivo, reprodutivo e pós-reprodutivo, ciclo total, número de ninfas produzidas por fêmea e peso dos insetos aos quatro e oito dias de idade, com 15 repetições. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial (genótipos x gerações x repetições). Os genótipos TX 430 (IS x SC) e GR 1.1.1.1.1 apresentaram efeito adverso sobre a biologia do inseto, reduzindo a sobrevivência, a capacidade reprodutiva, o período reprodutivo, pós-reprodutivo e o ciclo total. O genótipo BRS 303 foi o hospedeiro mais adequado, proporcionando uma elevada produção de ninfas, alta viabilidade e períodos reprodutivo, pós-reprodutivo e ciclo de vida mais longos.
Tipo:  Artigo de periódico
Idioma:  Português
Identificador:  Revista Brasileira de Milho e Sorgo, Sete Lagoas, v. 4, n. 3, p. 323-334, 2005.

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/489528
Direitos:  openAccess
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional