Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Composição físico-química de silagens oriundas de sistema Santa Fé produzidas em condições de sequeiro no Semiárido Nordestino brasileiro.
Autores:  SILVA, S. F.
Data:  2019-12-10
Ano:  2019
Palavras-chave:  Sistema Santa Fé
Grãos
Semiárido
Alimentos conservado
Culturas graníferas
Sequeiro
Zea Mays
Volumosos
Gramínea Forrageira
Silagem
Resumo:  Resumo: Produzir forragem de qualidade e em adequadas quantidades, ainda se constitui um desafio em condições de sequeiro no semiárido brasileiro. Objetivou-se, portanto, avaliar a composição físico-química e o perfil fermentativo de silagens de milho, colhido em diferentes estádios de maturação dos grãos, consorciado com gramíneas, sob condições de sequeiro. Três tipos de silagens foram produzidas: silagem de milho oriundo de monocultivo (silagem de milho), silagem de milho oriundo do consórcio com o capim-buffel (silagem de milho+capim-buffel) e silagem de milho oriundo do consórcio com o capim-massai (silagem de milho+capim-massai), em três momentos de colheita, definidos pelos estádios de maturação dos grãos (leitoso, farináceo mole e farináceo duro), com três repetições (mini-silos de PVC), totalizando 27 unidades experimentais. Os teores de pH mantiveram-se entre 3,8 e 4,2 considerados padrão para silagens de boa qualidade. A menor produção por gases ocorreu nas silagens de milho+capim-buffel (17,55%) no estádio farináceo duro. Menores perdas por efluentes ocorreram nas silagens de milho+capim-buffel no estádio farináceo mole (4,04 k/t) e no estádio farináceo duro (4,58 k/t). Os maiores teores de ácido lático ocorreram nas silagens de milho (6,62%) e de milho+capim-buffel (6,10%). Os teores de ácido acético mantiveram-se elevados, acima de 2,5% nas silagens de milho e de milho consorciado, nos estádios leitoso e farináceo mole. Não houve diferenças entre as silagens para os teores de ácido butírico. Teores adequados de matéria seca para silagens de boa qualidade (28-30%) foram obtidos nas silagens de milho solteiro (30,34%) e consorciadas com as gramíneas buffel (30,82%) e massai (28,95%) no estádio farináceo mole. Os maiores teores de proteína bruta foram observados nas silagens de milho solteiro (10,69%) e milho+capim-buffel (11,37%). Maiores teores (P<0,05) de componentes fibrosos foram observados no estádio leitoso para todos os tipos de silagens. A maior digestibilidade in vitro da matéria seca foi verificada nas silagens de milho+capim-buffel (54,06%) e, menor, nas silagens confeccionadas no estádio leitoso (49,28%). As silagens de milho foram classificadas como de boa a excelente qualidade. As silagens de milho solteiro devem ser confeccionadas no estádio farináceo mole. Quando em condição consorciada, a indicação é com o capim-buffel no estádio farináceo mole dos grãos. [Physical-chemical composition of silages of Santa Fe system produced in dry conditions in the Brazilian semiarid]. Abstract: Producing quality fodder in adequate amounts is still a challenge in the dry conditions in the Brazilian semi-arid. Thus, the aim of this study was to evaluate the physico-chemical composition and fermentation profile of corn silages harvested at different grain maturation stages, intercropped with grasses under dry conditions. Three types of silages were produced: corn silage from a monoculture (corn silage), corn silage from a consortium with buffel grass (corn silage + buffel grass) and corn silage from a consortium with massai grass (corn silage + massai grass), at three harvesting times, defined by grain maturity stage (milky, soft farinaceous and hard farinaceous), with three replicates (mini-silos made of PVC), totaling 27 experimental units. pH levels remained between 3.8 and 4.2, considered as standard for good quality silages. The lowest gas production occurred in the corn silage + buffel grass (17.55%) at the hard farinaceous stage. Lower effluent losses occurred in the corn silage + buffel grass at the soft farinaceous stage (4.04 k/t) and in the hard farinaceous stage (4.58 k/t). The highest levels of lactic acid were observed in the corn (6.62%) and maize + buffel grass (6.10%) silages. Acetic acid contents remained high, above 2.5% in the corn and intercropped corn silages in the milky and farinaceous stages. No differences between silages for butyric acid contentes were observed. Adequate dry matter contents for good quality silages (28-30%) were obtained in the single maize silage (30.34%) and silages consorted with buffel (30.82%) and massai (28.95%) grasses in the soft farinaceous stage. The highest crude protein levels were observed in the single corn (10.69%) and corn + buffel grass (11.37%) silages. Higher levels (P <0.05) of fibrous components were observed at the milky stage for all silages. The highest in vitro dry matter digestibility level was verified in the corn silage + buffel grass (54.06%) and, the lowest, in silages in the milky stage (49.28%). The corn silages were classified as good to excellent quality. Single corn silages should be applied in the soft farinaceous stage. When in a consortium condition, the indication is of application alongside buffel grass in the soft farinaceous grain stage.

bitstream/item/206548/1/CNPC-2019-UPA-08.pdf

Tese (Doutorado em Zootecnia) ? Universidade Federal do Ceará, Fortaleza. Orientadora: Maria Socorro de Souza Carneiro; Coorientador: Marcos Cláudio Pinheiro Rogério (CNPC).
Tipo:  Tese/dissertação (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  39368

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1116432
Editor:  2019.
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Tese/dissertação (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional