Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Redistribuição de carbono orgânico e fósforo pelo escoamento superficial em sistemas agrícolas convencionais e agroflorestais no semi-árido cearense.
Autores:  NOGUEIRA, R. da S.
OLIVEIRA, T. S. de
TEIXEIRA, A. dos S.
ARAUJO FILHO, J. A. de.
Data:  2009-04-22
Ano:  2008
Palavras-chave:  Erosão
Manejo agroflorestal
Semi-árido
Brasil
Ceará
Sobral
Resumo:  Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a redistribuição de carbono orgânico e fósforo (P) pelo escoamento superficial, para verificar a hipótese de que os sistemas agroflorestais promovem uma menor redistribuição de carbono orgânico e P no solo. A área experimental localiza-se na Fazenda Crioula, pertencente ao Centro Nacional de Pesquisa de Caprinos da EMBRAPA, no município de Sobral-CE. A partir de projeto desenvolvido desde 1997 foram selecionadas as seguintes áreas: Agrossilvipastoril (AGP), Silvipastoril (SILV), Tradicional (TR), Cultivo Intensivo em Pousio (CIP), Mata Nativa 1 (MN-1) e Mata Nativa 2 (MN-2). A área estudada foi georeferenciada, sendo alocados transectos para coleta de amostras de solo na profundidade de 0-5 cm, a cada 10 m. Em seguida, foi feito o levantamento altimétrico utilizandose o nível topográfico. Os teores de carbono orgânico foram determinados por oxidação úmida e o P disponível por extração com Mehlich I e colorimetria. Os resultados foram avaliados por meio de medidas descritivas e técnicas geoestatísticas. Observou-se a existência de grande variabilidade quantitativa dos teores de C e P entre as áreas estudadas. Entretanto, quando se avaliou a variabilidade espacial em cada uma das áreas estudadas, constatou-se o predomínio de um aspecto uniforme da distribuição de C e P nas áreas TR e CIP, enquanto que isto não ocorreu com as áreas mais conservadoras (AGP e SILV). Tais resultados podem ser explicados pela maior ação dos agentes erosivos no caso específico da área CIP que apresentou uma tendência de redistribuir os nutrientes para outras regiões. O mesmo não acontece com a área AGP, um sistema muito mais conservador: tanto que a variação espacial é muito semelhante à da condição natural. [Redistribution of organic carbon and phosphorus by surface runoff in agroforestry and conventional systems in the semi-arid region of Ceará]. Abstract: The objective of this study was to evaluate the redistribution of organic carbon and phosphorus (P) by surface runoff, in order to verify the hypothesis that agroforestry systems promote lower redistribution of organic carbon and P than conventional systems. The experimental area is located in the Crioula Farm, CNPC ? EMBRAPA, in the municipality of Sobral, CE. The following systems were selected: Agrisilvipastoral (AGP), Silvipastoral (SILV), Traditional (TR) Fallow Intense Cropping (FIC), Natural Forest-1 (NF-1) and Natural Forest-2 (NF-2). The studied field was georeferenced and transects were allocated for sampling every 10 m along the area at 0-5 cm depth. An altimetric survey was carried out using topographic leveling. C content was determined by wet oxidation and P was extracted by Mehlich-1 and determined by colorimetry. The results were analyzed using descriptive statistic and geostatistic techniques. Large variability of C and P content was observed, however, when spatial variability was evaluated in each area, it showed a uniform pattern of C and P for TR and FIC systems, but not for the most conservative systems such as AGP and SILV. These results can be explained by the more intense action of erosive agents in FIC that tends to redistribute nutrients to other areas. But the same does not occur in AGP, a much more conservative system, in which spatial variation is very similar to natural conditions

2008
Tipo:  Artigo em periódico indexado (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  21920

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/533800

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/112743/1/AP-Redistribuicao.pdf
Editor:  Revista Ceres, Viçosa, MG, v. 55, n. 4, p. 327-337, jul./ago. 2008.
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional