Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Seleção fenotípica de caprinos resistentes e susceptíveis a parasitoses gastrointestinais.
Autores:  FREITAS, E. P. de
FONTENELE, J. A.
SANTOS, J. M. L. dos
VIEIRA, L. da S.
MONTEIRO, J. P.
Data:  2016-02-02
Ano:  2015
Palavras-chave:  Caprino
Haemochus contortus
Hospedeiro
Helminto gastrintestinal
Nematóide
Parasito
Resistência genética
Verminose
Goats
Helminthoses
Nematode infections
Resistance to acaricides
Genetic resistance
Resumo:  Os pequenos ruminantes são de grande importância socioeconômica para o Brasil, no entanto esses animais são acometidos por parasitas gastrointestinais que provocam perdas nos rebanhos. Haemochus contortus é o helminto mais importante em termos de infecção. Existem diferentes graus de resistência dos hospedeiros a este parasita. Objetivo: Selecionar hospedeiros resistentes e susceptíveis a parasitoses gastrointestinais para futuros estudos genéticos dos parasitas utilizando tecnologias de sequenciamento de próxima geração. Metodologia: Vinte caprinos da raça Moxotó foram infectados por via oral com 3000 larvas L3 de H. contortus e foram monitorados semanalmente durante seis meses por meio da contagem de ovos por grama de fezes. Foram realizados ainda exames hematológicos como volume globular e proteínas plasmáticas totais, bem como a avaliação do peso, escore de condição corporal e FAMACHA dos animais. Após seis meses, os animais foram eutanasiados e necropsiados para recuperação e contagem de parasitas adultos. O sacrifício dos animais foi realizado conforme as normas do Conselho Federal de Medicina Veterinária e aprovado pelo comitê de ética da Embrapa Caprinos e Ovinos (protocolo 026.12). Resultados: A recuperação e a contagem dos parasitas adultos presentes no abomaso dos animais submetidos à necropsia mostrou que há animais com diferentes níveis de infecção. Três animais foram considerados resistentes com média de 243 parasitas por animal (DP ± 56,8) e três animais foram selecionados para o grupo suscpetível com média de 1981 parasitas por animal (DP ± 362,9). Os demais parâmetros foram utilizados para monitorar a infecção ao longo do experimento mas não permitiram diferenciar de forma conclusiva o grupo resistente do suscpetível. Conclusão: Selecionou-se hospedeiros com diferentes graus de resistência e susceptibilidade à parasitose gastrointestinal e estudos genéticos dos parasitas recuperados já estão em andamento.

2015
Tipo:  Resumo em anais de congresso (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  29933

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1035911

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/138297/1/CNPC-2015-Selecao-fenotipica.pdf
Editor:  In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE RAÇAS NATIVAS: SUSTENTABILIDADE E PROPRIEDADE INTELECTUAL, 1., 2015, Teresina. Anais... Teresina: SFA-PI: ABCPD, 2015. p. 268. Ref.: AO-106.
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional