Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 65
Primeira ... 1234 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estrutura da comunidade e alimentacao dos peixes da Baia da Onca, uma lagoa do Pantanal do Rio Aquidauana, MS. Repositório Alice
CATELLA, A. C..
A Baia da Onca tem formato de ferradura caracteristico de meandro abandonado pelo rio Aquidauana. E uma lagoa perene, que se une ao rio no inicio das cheias (fins de dezembro), dele se isolando no refluxo das aguas em meados de abril ou maio. Em coletas experimentais, foram capturadas 75 especies de peixe durante o periodo de isolamento, de julho a dezembro/1988, utilizando-se como petrechos de pesca uma rede de arrasto e uma mini-traineira. Verificou-se que a comunidade de peixes e composta principalemnte por especies de pequeno porte, sendo poucas abundantes e um grande numero de especies raras, como e comum em estudos de comunidades de ambientes tropicais e sub-tropicais. O estudo de sua estrutura revelou que as especies sao distribuidas de forma mais...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Comunidade; Baia da Onca; Morfometria; Nivel de agua; Rio Aquidauana; Food; Alimentação; Ecologia; Lagoa; Peixe; Pantanal; Ecology; Fish; Morphometry.
Ano: 1992 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/788929
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de controle da pesca de Mato Grosso do Sul - SCPESCA/MS: 1 maio/1994 a abril/1995. Infoteca-e
CATELLA, A. C.; PEIXER, J.; PALMEIRA, S. da S..
Nesse documento encontram-se as informacoes coletadas e organizadas pelo SISTEMA DE CONTROLE DA PESCA DE MATO GROSSO DO SUL - SCPESCA/MS, para o periodo de maio/1994 a abril/1995. Essas informacoes foram obtidas para todo o pescado (profissional e esportivo) oficialmente vistoriado e desembarcado no Estado. Foi registrado um total de 1.433,5 toneladas de pescado, onde 28,1% corresponde a pesca profissional e a 71,9% a pesca esportiva. As especies mais capturadas foram: pacu (655,9t), pintado (253,5t), cachara (104,5t), piranha (duas especies, 77,0t), piavucu (69,3t), barbado (68,8t), dourado (63,4t), jau (42,0t) e curimbata (20,6t). A contribuicao dos rios mais piscosos foi: Paraguai 42,7%, Miranda 26,2%, Aquidauana 7,5%, Taquari 6,3% e Cuiaba (localmente...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Controle; Mato Grosso do Sul; Fishery; Control; System; Pantanal; Brazil.
Ano: 1996 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/790957
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul SCPESCA/MS-5-1998. Infoteca-e
CATELLA, A. C.; ALBUQUERQUE, F. F. de; CAMPOS, F. L. de R..
Neste estudo encontram-se as informacoes sobre a pesca profissional e esportiva coletadas e analisadas pelo Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul (SCPESCA/MS), para o ano de 1998. Essas informacoes foram obtidas para todo o pescado capturado na Bacia do Alto Paraguai (BAP), oficialmente vistoriado pela Policia Militar Ambiental/MS e desembarcado no Estado. Foi registrado um total de 1.539 t de pescado, do qual 19,6% correspondem a pesca profissional e 80,4% a esportiva. As especies mais capturadas foram: pacu Piaractus mesopotamicus (363 t, 25,4%), pintado Pseudoplatystoma corruscans (230 t, 16,1%), piavucu Leporinus macrocephalus (162 t, 11,4%), dourado Salminus maxillosus (160 t, 11,2%), barbado Pinirampus pirinampu (101 t, 7,1%) e cachara...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Avaliacao de estoque pesqueiros; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fisheries; Fish stock; Brazil.
Ano: 2001 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/807400
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Distribuicao espacial do tucunare, Cichla sp (Pisces, cichlidae), peixe amazonico introduzido no Pantanal, Brasil. Infoteca-e
NASCIMENTO, F. L.; CATELLA, A. C.; MORAES, A. S..
O tucunare, uma especie exotica, introduzido da bacia Amazonica, tem sido observado no Pantanal desde 1982 no Rio Piquiri, na divisa dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Entre novembro de 1992 e janeiro de 1994 foram realizadas 5 campanhas ao longo da bacia do rio Piquiri e no rio Sao Lourenco, acima e abaixo da sua juncao com o rio Piquiri. Exemplares de tucunare foram encontrados em lagos marginais, sugerindo que possivelmente utilizam o rio somente como "corredor". Os limites da distribuicao foram definidos como: 17o28'59"S, 55o13'45"O (abertura da passagem subterranea do rio Correntes); 17o21'20"S, 54o30'25"O (cachoeira Itiquira); 17o18'44"S, 56o43'24"O (boca do rio Piquiri). Portanto, ocorrendo somente na bacia do Piquiri. A transparencia...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Peixe; Tucunare; Distribuicao espacial; Pantanal; Cichla sp; Peacock Bass; Spatial distribution; Wetland.
Ano: 2001 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/809809
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alimentacao do tucunare Cichla sp. (Pisces, cichlidae) um peixe introduzido no Pantanal, Brasil. Infoteca-e
SUAREZ, I. R.; NASCIMENTO, F. L.; CATELLA, A. C..
Com o objetivo de estudar a alimentacao do tucunare (Cichla sp.) no Pantanal, foram realizadas cinco coletas entre novembro/1992 e junho/1994. Foram capturados 425 especimes, destes 207 apresentaram conteudo estomacal. Foram analisadas a Frequencia de Ocorrencia (FO), Volume Relativo (Vr) e "Indice Alimentar" (IA). Os peixes foram o principal item alimentar (FO=97,10%, Vr=96,45, IAi=99,81%), seguido de "restos vegetais", (FO=6,28%, Vr=2,49, IAi=16%) e camaroes (FO=1,93%, Vr=1,04, IAi=2%). Foram identificadas 21 especies de peixes no conteudo estomacal do "tucunare". Curimatella dorsalis foi a presa predominante em numero de individuos (18,75%) e em biomassa (28,81%). A familia mais representativa em biomassa foi Curimatidae (27,36%) e Cichlidae (26,93%);...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Peixe; Tucunare; Alimentacao; Pantanal; Cichla sp; Fish; Feeding habits; Wetland.
Ano: 2001 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/809807
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul SCPESCA/MS 7 - 2000. Infoteca-e
CAMPOS, F. L. de R.; CATELLA, A. C.; FRANÇA, J. V. de..
Neste estudo encontram-se as informações sobre a pesca profissional e esportiva coletadas e analisadas pelo SISTEMA DE CONTROLE DA PESCA DE MATO GROSSO DO SUL - SCPESCA/MS em 2000, obtidas para todo o pescado capturado na Bacia do Alto Paraguai - BAP, oficialmente vistoriado pela Polícia Militar Ambiental/MS e desembarcado no Estado. Foi registrado um total de 934t de pescado, onde 33% (306 t) correspondem à pesca profissional e 67% (628 t) à esportiva. As espécies mais capturadas foram: pintado Pseudoplatystoma corruscans (178t; 22,3%), pacu Piaractus mesopotamicus (158 t; 19,8%) e cachara Pseudoplatystoma fasciatum (140 t; 17,6%). Os rios que mais contribuíram foram Paraguai (380 t; 47,6%) e Miranda (179 t; 22,5%). Um total de 42.847 pescadores...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Pesca comercial; Pesca esportiva; Bacia do Paraguai; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fisheries; Commercial fisheries; Sport fisheries; Paraguay River Basin; Brazil.
Ano: 2002 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/810914
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul SCPESCA/MS - 6 - 1999. Infoteca-e
CATELLA, A. C.; ALBUQUERQUE, F. F. de; CAMPOS, F. L. de R..
Neste estudo encontram-se informações sobre a pesca profissional e esportiva, oficialmente vistoriadas pela Polícia Militar Ambiental/MS na Bacia do Alto Paraguai, coletadas e analisadas pelo Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul (SCPESCA/MS), no ano de 1999. Foram capturados 1.537 t de pescado sendo 20,8% pela pesca profissional e 79,2% pela esportiva. As espécies mais capturadas foram: pacu Piaractus mesopotamicus (361 t, 25,6%) e pintado Pseudoplatystoma corruscans (206 t, 14,9%), sobretudo nos rios Paraguai e Miranda. Um total de 58.966 pescadores esportivos visitaram o Estado, oriundos principalmente de São Paulo (66,1%). Em mediana, os pescadores profissionais capturaram entre 54 e 90 kg/pescador.viagem e os pescadores esportivos entre...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Monitoramento; Avaliação de estoque pesqueiro; Peixe; Bacia do Rio Paraguai; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fisheries; Fish stock assessment; Fish; Paraguay river basin; Brazil.
Ano: 2002 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/810754
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Turismo de pesca: desafios e oportunidades. Infoteca-e
CATELLA, A. C..
2003
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Peixes.
Ano: 2003 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/797906
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A pesca no Pantanal Sul: situação atual e perspectivas. Infoteca-e
CATELLA, A. C..
Informações pesqueiras - conhecer para decidir; Os produtos da pesca profissional artesanal e da esportiva; Delimitação de estoques pesqueiros; O peixe mudou de mão; Novas mudanças no perfil da pesca; Pesque e solte - intencional e não intencional; Nível de exploração da pesca; Espécies subaproveitadas; Agregando valor ao pescado; Peixe de granja e peixe caipira; Conhecimento ecológico tradicional; Perfil do pescador profissional artesanal; Crise do setor turístico pesqueiro; Alternativas para o setor turístico pesqueiro; Novas instituições no cenário da pesca; Gestão participativa; Fatores externos à pesca; Fatores naturais e antrópicos; Escolha do modelo de desenvolvimento.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Peixe; Produção; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fishery; Fish; Production; Brazil.
Ano: 2003 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/799005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul SCPESCA/MS - 8 - 2001. Infoteca-e
ALBUQUERQUE, S. P.; CATELLA, A. C.; COPATTI, A..
Neste trabalho encontram-se as informações sobre a pesca profissional artesanal e esportiva coletadas e analisadas pelo Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul (SCPESCA/MS) para o ano de 2001. Essas informações foram obtidas para todo o pescado capturado na Bacia do Alto Paraguai (BAP), oficialmente vistoriado pela Polícia Militar Ambiental/MS e desembarcado no Estado. Foi registrado um total de 811 t de pescado, do qual 41% correspondem à pesca profissional e 59% à esportiva. As espécies mais capturadas foram: pintado (172 t; 26%); pacu (136 t; 21%); cachara (88 t; 14%); jaú (55 t; 8%); barbado (34 t; 5%). Os rios que mais contribuíram foram: Paraguai (335 t; 52%) e Miranda (143 t; 22%). Um total de 35.168 pescadores esportivos visitaram o...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Pesca comercial; Pesca esportiva; Controle; Bacia do Alto Paraguai; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fisheries; Commercial fisheries; Sport fisheries; Paraguay River Basin; Brazil.
Ano: 2003 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/811024
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul SCPESCA/MS - 9 - 2002. Infoteca-e
ALBUQUERQUE, S. P.; CAMPOS, F. L. de R.; CATELLA, A. C..
Neste boletim encontram-se as informações sobre a pesca profissional e esportiva coletadas e analisadas pelo Sistema de Controle da Pesca de Mato Grosso do Sul (SCPESCA/MS), para o ano de 2002. Os dados obtidos foram provenientes do pescado capturado em toda a Bacia do Alto Paraguai em Mato Grosso do Sul e vistoriado pela Polícia Militar Ambiental/MS. Foi registrado um total de 686 t de pescado, do qual 312 t (45%) foram capturados pela pesca profissional e 374 t (55%) pela pesca esportiva. As espécies mais capturadas foram pintado Pseudoplatystoma corruscans (145 t, 27%), pacu Piaractus mesopotamicus (125 t, 24%), cachara Pseudoplatystoma fasciatum (54 t, 10%) e piavuçu Leporinus macrocephalus (41 t, 8%). Os rios que mais contribuíram foram Paraguai (253...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Pesca comercial; Pesca esportiva; Controle; Bacia do Alto Paraguai; Pantanal; Mato Grosso do Sul; Brasil; Fisheries; Commercial fisheries; Sport fisheries; Paraguay River Basin; Brazil.
Ano: 2003 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/811025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Procedimentos para estimar o rendimento pesqueiro dos pescadores profissionais artesanais do Pantanal Sul. Infoteca-e
CATELLA, A. C..
A pesca é uma das principais atividades econômicas do Pantanal, realizada nas modalidades profissional-artesanal, esportiva e de subsistência. Atualmente, o anzol é o único aparelho de captura permitido pela legislação de pesca do Mato Grosso do Sul, o que implica numa baixa produtividade da pesca profissional artesanal regional. No plano político-administrativo foi criada em 2003 a Secretaria Especial de Aqüicultura e Pesca da Presidência da República (SEAP/PR), com a missão de formular, coordenar e implementar as políticas para o desenvolvimento e o incentivo da pesca comercial e da aqüicultura nacional, preenchendo um espaço deixado com a extinção da antiga SUDEPE em 1989. Nesse sentido, o escritório regional da SEAP/PR-MS realizou a reunião técnica "A...
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pesca; Pantanal; Equipamentos.
Ano: 2004 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812043
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Introdução aos modelos de produção excedente: uma ferramenta para o manejo pesqueiro. Infoteca-e
CATELLA, A. C..
Os modelos de produção excedente constituem uma das ferramentas disponíveis para os estudos de avaliação do nível de exploração dos estoques pesqueiros e são também denominados modelos sontéticos, holísticos, dinâmicos de biomassa ou simplesmente modelos de produção do estoque. Sua principal característica é que utilizam poucos parâmetros, relacionando os dados anuais de captura por unidade de esforço (CPUE) ao esforço pesqueiro (f) empreendido ou à mortalidade por pesca (F) e assumem que a biomassa de peixes presente no ambiente é proporcional a essa relação. Consideram o estoque pesqueiro como uma entidade homogênea, sem distinguir os efeitos do recrutamento, crescimento e mortalidade natural, como fazem os modelos analíticos, e focalizam somente a...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Avaliação de estoques; Modelos sintéticos; Pesca; Evaluation of stocks; Synthetic models; Fishing.
Ano: 2004 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/794606
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Turismo cultural de pesca: pescadores amadores e profissionais-artesanais compartilhando experiências no Pantanal. Infoteca-e
PIOVEZAN, U.; CATELLA, A. C..
2006
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pescador amador; Pescador local; Turismo.
Ano: 2006 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812841
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desembarque e decisões políticas sobre a pesca no Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brasil. Repositório Alice
CATELLA, A. C.; PEIXER, J.; COPATTI, A.; CAMPOS, F. L. R...
O perfil da pesca modificou-se ao longo dos anos no Pantanal de Mato Grosso do Sul, em decorrência de novas demandas sociais, mediadas por decisões políticas circunstanciais, visto que não há uma Política de Pesca para o Estado, com objetivos claros e definidos em conjunto com os atores do setor. Neste estudo, verificou-se a repercussão dessas decisões sobre o desembarque pesqueiro e o bem estar dos atores.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Gestão da pesca; Pesca artesanal; Pesca amadora; Pesca de águas interiores.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812456
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise espaço-temporal da captura do pacu(Characidae) e do pintado (Pimelodidae) no Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brasil. Repositório Alice
CETRA, M.; CATELLA, A. C..
2007
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pesca de águas interiores; Pesca artesanal; Piaractus; Pseudoplatystoma.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812463
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A percepção dos pescadores profissionais-artesanais (PPA) sobre a gestão e a conservação dos recursos pesqueiros: primeiras experiências em duas colônias de pesca no Pantanal de Mato Grosso do Sul. Repositório Alice
AMANCIO, C. O. da G.; BORBA, F.; CATELLA, A. C..
O estudo revelou como a pesca é realizada, principais apetrechos, distribuição geográfica dos locais de pesca, relação do PPA (Pescador Profissional Artesanal) com a pesca do pintado e pacu. Assim, poder-se-á direcionar melhor a forma de atuação junto a esses PPA, visando a "pesca sustentável" em consonância com a valorização do profissional, reconhecendo-o como fundamental no processo de gestão e conservaçã dos estoques pesqueiros da BAP/MS (Bacia do Alto Paraguai).
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pesca de águas interiores; Conhecimento ecológico tradicional; Sistema de controle de pesca do Mato Grosso do Sul (SCPESCA/MS).
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812206
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Turismo cultural de pesca: uma nova experiência no Pantanal. Repositório Alice
CATELLA, A. C.; PIOVEZAN, U.; MARIANI, M..
2007
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pesca de águas interiores; Pesca artesanal; Pesca amadora; Mato Grosso do Sul.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812457
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pesque-e-solte: sobrevivência inicial dos peixes devolvidos ao rio no Pantanal. Repositório Alice
CAPISTRANO-SANTANA, A.; CATELLA, A. C.; EATON, D.; MARQUES, D. K. S..
Com a proibição do uso de redes e tarrafas para a pesca profissional e o estabelecimento de tamanhos mínimos de captura a partir dos anos 80, criou-se a prática de um "pesque-e-solte não intencional". Posteriormente, no final dos anos 90, o "pesque-e-solte" (catch-release) passou a ser difundido como uma nova modalidade de pesca esportiva no País. Entretanto, há críticas sobre essa prática. Não se conhece a intensidade de seus efeitos sobre as populações naturais no Neotrópico pois, o peixe capturado fica sujeito a injúrias, torna-se uma presa fácil e perde resistência a doenças depois de solto. Assim, investigou-se a taxa de sobrevivência dos peixes nas primeiras 72 horas após serem capturados e devolvidos ao rio a salvo dos efeitos de predação.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Catch-release; Pesca esportiva; Rio Paraguai; Mato Grosso do Sul.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812462
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos ecológicos e culturais da pescaria de anzol. Infoteca-e
CATELLA, A. C..
2007
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E)
Ano: 2007 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812529
Registros recuperados: 65
Primeira ... 1234 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional