Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: 

RelevânciaAutorTítuloAno

Imprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 12
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Períodos de interferência das plantas daninhas na cultura de cebola (Allium cepa) transplantada Planta Daninha
Soares,D.J.; Pitelli,R.A.; Braz,L.T.; Gravena,R.; Toledo,R.E.B..
O trabalho foi realizado com o objetivo de estudar os efeitos de períodos de convivência (0, 14, 28, 42, 56, 70, 84 e 98 dias após o transplantio) de uma comunidade de plantas daninhas sobre a produtividade de quatro cultivares de cebola (Mercedes, Granex 33, Superex e Serrana), em sistema de transplantio de mudas. O experimento foi instalado em Jaboticabal-SP, de abril a outubro de 2000, utilizando delineamento experimental de blocos ao acaso, quatro repetições, em esquema fatorial 4 x 8. As principais populações de plantas daninhas no final dos períodos de convivência foram de Coronopus didymus, Amaranthus hybridus e Cyperus rotundus. Os cultivares Mercedes (2,90 kgm-2) e Granex 33 (2,64 kgm-2) foram os mais produtivos, independentemente da interferência...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Comunidade infestante; Cultivares.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582003000300006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de diferentes períodos de controle das plantas daninhas na produtividade da cultura da cebola Planta Daninha
Soares,D.J.; Gravena,R.; Pitelli,R.A..
Foi realizado um experimento em Monte Alto-SP, visando estudar os efeitos de diferentes períodos de controle das plantas daninhas sobre a produção de bulbos da cultura da cebola (Allium cepa), cultivar 'Mercedes', no sistema de transplantio. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com quatro repetições. Parte dos tratamentos experimentais foi disposta num esquema fatorial 4 x 6, em que constituíram variáveis quatro períodos em que se fez o controle (0-0, 0-7, 0-14 e 0-21 DAT) e seis períodos em que se reiniciou o controle das plantas daninhas prolongando até a colheita: 28, 42, 56, 70, 84 e 98 DAT). Duas testemunhas foram adotadas: uma com controle e outra sem controle das plantas daninhas durante todo o ciclo da cultura....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Allium cepa; Comunidade infestante; Competição.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582004000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Interferência das plantas daninhas no feijoeiro carioca Planta Daninha
Salgado,T.P.; Salles,M.S.; Martins,J.V.F.; Alves,P.L.C.A..
Este trabalho foi realizado com o objetivo de determinar os períodos de interferência das plantas daninhas na cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris) plantado em janeiro. A semeadura do cv. Carioca foi feita no sistema convencional e os tratamentos constaram de dois grupos: no primeiro, a cultura do feijão permaneceu livre da interferência das plantas daninhas desde a emergência até 10, 20, 30, 40, 50, 60 e 70 dias (todo o ciclo da cultura); no segundo, a cultura permaneceu sob interferência desde a semeadura até os mesmos períodos descritos anteriormente, totalizando assim 14 tratamentos. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com quatro repetições. A comunidade infestante foi composta por 13 espécies, com Alternanthera...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Phaseolus vulgaris; Competição; Comunidade infestante.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582007000300002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adensamento da beterraba no manejo de plantas daninhas Planta Daninha
Carvalho,L.B.; Guzzo,C.D..
O objetivo deste trabalho foi verificar o efeito do adensamento da semeadura na capacidade de supressão da cultura da beterraba sobre a comunidade infestante. Os tratamentos constituíram-se de 12 períodos semanais crescentes de convivência e controle das plantas daninhas, a partir da segunda semana após a semeadura, submetidos a duas densidades populacionais da cultura (40 e 50 plantas m-2). Avaliou-se o acúmulo de massa seca pelas plantas daninhas em cada período e a estimativa da época e extensão dos períodos críticos de interferência das plantas daninhas em função da produtividade comercial da cultura. Observou-se menor acúmulo de massa seca pelas plantas daninhas quando a cultura foi adensada, sendo a diferença média no acúmulo de 17 e 30% para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Beta vulgaris; Comunidade infestante; Manejo cultural.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582008000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Épocas e extensões do período de convivência das plantas daninhas interferindo na produtividade da cultura do milho (Zea mays) Planta Daninha
Kozlowski,L.A.; Koehler,H.S.; Pitelli,R.A..
Foi conduzido na Fazenda Experimental Gralha Azul/PUCPR, município de Fazenda Rio Grande, PR, um experimento de campo com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes épocas e extensões do período de convivência das plantas daninhas interferindo na produtividade da cultura do milho. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, em esquema fatorial 4 x 5 + 2, com quatro repetições. Os tratamentos foram: quatro períodos iniciais de controle (0-0, 0-7, 0-14 e 0-21 DAE) e cinco períodos em que se reiniciou o controle das plantas daninhas, prolongando-se até a colheita: 28, 42, 56, 70 e 84 DAE, e mais duas testemunhas, uma com e outra sem controle das plantas daninhas durante todo o ciclo da cultura. O experimento foi instalado em sistema de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Comunidade infestante; Interferência; Período crítico de competição; Rendimento do milho.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582009000300008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Período de convivência das plantas daninhas com cultivares de feijão-caupi em várzea no Amazonas Planta Daninha
Oliveira,O.M.S.; Silva,J.F.; Gonçalves,J.R.P.; Klehm,C.S..
Este trabalho teve o objetivo de determinar o período de convivência das plantas daninhas com três cultivares de feijão-caupi (Vigna unguiculata) em solo de várzea no Estado do Amazonas. A semeadura do feijão-caupi foi em outubro de 2007 no sistema convencional. O delineamento experimental foi o de blocos casualizados, no esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições. As parcelas foram constituídas por 11 períodos de convivência entre o feijão-caupi e as plantas daninhas: 0, 7, 14, 21, 28, 35, 42, 49, 56, 63 e 70 dias após sua semeadura; depois desses períodos, as plantas daninhas foram eliminadas semanalmente por capina. Nas subparcelas foram colocados os cultivares EV x 91-2E-2, BR IPEAN V69 e BR8 Caldeirão. A interferência das plantas daninhas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Competição; Comunidade infestante; Vigna unguiculata.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582010000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dinâmica de populações e fitossociologia de plantas daninhas no cultivo do feijão-caupi e mandioca no sistema corte e queima com o uso de arado Planta Daninha
Marques,L.J.P; Silva,M.R.M; Lopes,G.S; Corrêa,M.J.P; Araujo,M.S; Costa,E.A; Muniz,F.H.
Este estudo investigou a composição florística das plantas daninhas em área queimada durante três anos agrícolas. A pesquisa foi conduzida no município de Zé Doca, Maranhão. O preparo da área no primeiro ano agrícola (2006/2007) foi realizado com corte e queima da vegetação para o cultivo de milho seguido do feijão-caupi. No segundo e no terceiro ano agrícola, o preparo da área consistiu de aração para o cultivo do milho seguido de mandioca (2007/2008) e depois para o feijão-caupi em sucessão à cultura de mandioca (2008/2009). A coleta das plantas daninhas ocorreu nas culturas de feijão-caupi e mandioca aos 30 e 60 dias após a semeadura (DAS), no primeiro e no segundo ano agrícola, respectivamente, e no feijão-caupi aos 30 DAS do terceiro ano agrícola, com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vigna unguiculata; Manihot sp; Sistema itinerante; Aração; Comunidade infestante.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582011000500004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Períodos de interferência de plantas daninhas na cultura do feijoeiro-comum (Phaseolus vulgaris L.) Rev. Ciênc. Agron.
Borchartt,Lucas; Jakelaitis,Adriano; Valadão,Franciele Caroline de Assis; Venturoso,Lenita Aparecida Conus; Santos,Cleberson Lima dos.
Objetivou-se nesta pesquisa determinar os períodos de interferência de plantas daninhas no feijoeiro-comum (Phaseolus vulgaris L.) cultivado em plantio direto, em Rolim de Moura-RO. Dois ensaios foram conduzidos simultaneamente; no primeiro a cultura permaneceu livre da competição com plantas daninhas desde a emergência até os 7; 14; 21; 28; 35; 42; 49 e 64 dias; no segundo a cultura permaneceu em competição com a comunidade infestante pelos períodos citados no primeiro ensaio. O delineamento utilizado foi de blocos ao acaso, com quatro repetições. A Digitaria horizontalis e Zea mays foram as espécies que apresentaram maior importância. A D. horizontalis atingiu altas frequências relativas, dominância relativa e densidade de até 95,3%. A Z. mays apesar dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Comunidade infestante; Competição; Plantio direto.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902011000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Períodos de interferência de plantas daninhas na cultura do quiabo Planta Daninha
Bachega,L.P.S; Carvalho,L.B; Bianco,S; Cecílio Filho,A.B.
Poucas pesquisas têm sido realizadas sobre interferência de plantas daninhas na cultura do quiabo. Objetivou-se com este trabalho estimar os períodos de interferência da comunidade infestante no quiabeiro. Um experimento de campo foi conduzido sob dois grupos de tratamentos, mantendo períodos crescentes de 0 (testemunha), 7, 21, 28, 35, 42, 49, 63, 77, 91 e 105 dias após a emergência da cultura (DAE), com e sem controle das plantas daninhas. As plantas daninhas com maior importância relativa foram Portulaca oleracea, Nicandra physaloides e Eleusine indica. A convivência do quiabeiro com as plantas daninhas por todo o ciclo de cultivo reduziu a produtividade da cultura em 95%. O período anterior à interferência foi de 57 DAE, enquanto o período total de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Abelmoschus esculentus; Comunidade infestante; Convivência; Competição.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582013000100007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Phytosociological surveys: tools for weed science? Repositório Alice
CONCENCO, G.; TOMAZI, M.; CORREIA, I. V. T.; SANTO, S. A.; GALON, L..
Tipo: Separatas Palavras-chave: Weed community; Planta daninha; Comunidade infestante; Levantamento fitossociológico.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/970809
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sobressemeadura de soja com Urochloa ruziziensis e a cultura do milho em rotação PAB
Correia,Núbia Maria; Gomes,Leonardo José Petean.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a sobressemeadura de soja com Urochloa ruziziensis, quanto à capacidade de produção de matéria seca pela forrageira, à infestação de plantas daninhas e ao desenvolvimento da cultura do milho em rotação, no sistema plantio direto. O experimento foi desenvolvido em delineamento de blocos ao acaso, com quatro repetições, em arranjo fatorial 2 x 5 + 1. Avaliou-se a sobressemeadura com U. ruziziensis, em dois estádios de desenvolvimento da soja (R6 e R8) e cinco quantidades de sementes: 200, 400, 600, 800 e 1.000 pontos de valor cultural (PVC). Como testemunha, manteve-se um tratamento sem sobressemeadura. A sobressemeadura de 200 PVC de U. ruziziensis, nos estádios R6 ou R8 da soja, resulta na formação de palha em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Brachiaria ruziziensis; Glycine max; Zea mays; Comunidade infestante; Integração lavoura-pecuária; Plantio direto..
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2015001101017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sobresseamadura de soja com Urochloa ruziziensis e a cultura do milho em rotação. Repositório Alice
CORREIA, N. M.; GOMES, L. J. P..
Tipo: Artigo de periódico Palavras-chave: Comunidade infestante; Integração lavoura-pecuária; Plantio direto; Brachiaria ruziziensis; Zea mays.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1032618
Registros recuperados: 12
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional