Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 19
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aislamiento, viabilidad y rendimiento de células mononucleares de médula ósea de conejos ABCL
Oliveira,Benito Juarez Nunes Alves de; Souza,Luiz Augusto de; Eurides,Duvaldo; Silva,Luiz Antônio Franco da; Baungarten,Letícia Binda; Busnardo,Camila Araújo.
El objetivo de este estudio fue establecer un protocolo de aislamiento celular y evaluar el rendimiento y la viabilidad de células mononucleares de la médula ósea de conejos. Fueron usados 32 conejos adultos, machos, de la raza Nueva Zelanda, con peso medio de 3,06±0,24 kg. Se aspiró un volumen de 2,0 mL de la médula ósea del húmero en cada animal. Las muestras fueron diluidas en solución salina tamponada de Dulbecco (DPBS) y sometidas al gradiente de densidad Ficoll-Ipaque (1,077 g/mL) en proporción 2:1. En seguida, el material fue centrifugado a 495g por 30 minutos a 15 ºC. El rendimiento y la viabilidad fueron determinados por lectura en una cámara hemocitométrica de Neubauer, utilizando el colorante de exclusión vital azul de tripan. Se obtuvo un...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Células madre mesenquimales; Médula ósea; Aislamiento; Conejos.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.org.ar/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0325-29572011000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise ultra-estrutural da túnica muscular do intestino delgado de cães preservado em diferentes meios Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
Mota,Francisco Cláudio Dantas; Eurides,Duvaldo; Beletti,Marcelo Emílio; Freitas,Patrícia Maria Coletto; Mastrantonio,Eneida César; Shimizu,Bianca Jacob; Cardoso,Julio Roquete; Martins,Alan Kardek.
Foram avaliados 25 amostras da camada muscular do intestino delgado de cães, conservados em solução supersaturada de açúcar a 300%, glicerina a 98%, polivinil-pirrolidona a 5% e tintura de tiomersal 1:1000. As amostras foram mantidas conservadas por 45 dias e submetidas a análise ultra-estrutural por microscopia eletrônica de transmissão. Os meios não preservaram totalmente a integridade celular, sendo as soluções de açúcar a 300% e glicerina 98% as que melhor mantiveram as ultra-estruturas celulares.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Intestino delgado; Cães; Preservação de tecido.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962002000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Bloqueio do nervo alveolar mandibular com ropivacaína a 0,5 % em gatos Ciência Rural
Milken,Vanessa Martins Fayad; Freitas,Patrícia Maria Coletto; Eurides,Duvaldo; Silva,Frederico Ozanam Carneiro e; Mota,Francisco Cláudio Dantas; Naves,Elisete de Araújo; Rezende,Renata Junqueira; Prieto,Leandro Arévalo; Melo,Mariana da Silva; Goulart,Michele Rodrigues.
Objetivou-se, com este experimento, avaliar a ação da ropivacaína a 0,5% no bloqueio do nervo alveolar mandibular de gatos. Vinte gatos adultos, sem raça definida, machos ou fêmeas, receberam clorpromazina (1,0mg kg-1, VO) e propofol (3,0mg kg-1, IV). Ropivacaína a 0,5% foi administrada com uma agulha 13x3,8 em forma de "L", inserida no ângulo da mandíbula direita, aproximadamente 1,0cm rostral ao processo angular e 0,5cm dorsal à superfície medial do ramo da mandíbula, a fim de depositá-la próximo ao nervo alveolar mandibular, no forame mandibular. As freqüências cardíaca e respiratória foram mensuradas antes da administração da clorpromazina, 20 minutos após administração desta (T0), 20 minutos após o bloqueio do nervo alveolar mandibular com ropivacaína...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Gato; Anestesia; Ropivacaína; Nervo alveolar mandibular.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782006000200029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Complicações decorrentes da utilização da acepromazina associada à xilazina na preparação cirúrgica de rufiões bovinos Ciência Rural
Silva,Luiz Antônio Franco da; Chaves,Sibele Martins; Fioravanti,Maria Clorinda Soares; Eurides,Duvaldo; Rabelo,Rogério Elias.
O presente estudo teve a finalidade de avaliar, em propriedades rurais, os períodos trans e pós-operatório de rufiões bovinos preparados pelas técnicas cirúrgicas de desvio do pênis e de formação de um novo óstio prepucial, utilizando como tranqüilizante a xilazina ou a associação entre a xilazina e a acepromazina, acrescidos de anestesia local. Foram utilizados 156 bovinos machos, com idade entre 12 e 18 meses, sendo que 108 foram submetidos ao desvio do pênis e 48 operados pela técnica de formação de um novo óstio. Os bovinos foram alocados aleatoriamente em dois grupos compostos por 78 animais cada (um grupo recebendo somente xilazina; o outro, a associação xilazina/acepromazina, ambos recebendo anestesia local com lidocaína 2%). Durante 30 dias do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rufiões bovinos; Xilazina; Acepromazina; Pós-operatório.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782002000300012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
DE TUBO DE SILICONE NO REPARO DE SEIO LACTÍFERO PAPILAR DE VACA LEITEIRA: ESTUDO EXPERIMENTAL Ciência Rural
Eurides,Duvaldo; Silva,Marcos; Contesim,Emerson Antônio.
RESUMO Neste experimento, 10 vacas leiteiras foram distribuídas em dois grupos de igual número para implante de tubo de silicone no seio lactífero papilar. No grupo 1 a prótese foi fixada ao seio lactífero com pontos de sutura, permanecendo no local durante 60 dias. No grupo 2 a prótese foi implantada juntamente com uma sonda uretral para drenagem de leite e removida 12 dias após à intervenção cirúrgica. Em todos os animais foram feitas avaliações do fluxo de leite e estudos macroscópicos e microscópicos do seio lactífero papilar. Nos animais do grupo 1 os resultados apontaram alterações do seio lactífero papilar, mamite e deslocamento do tubo de silicone. No outro grupo os resultados foram excelentes, sendo o método mais vantajoso.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prótese; Teto; Cirurgia; Bovino.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781994000100023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Descorna de bovinos utilizando grampos de metal na dermorrafia Ciência Rural
Fioravanti,Maria Clorinda Soares; Silva,Luiz Antônio Franco; Leão,Maria Auxiliadora; Juliano,Raquel Soares; Eurides,Duvaldo; Alves,Claúdia Dueno.
Os grampos de metal foram empregados na dermorrafia de 50 vacas mestiças (Zebu/Holandês) de peso variado, com idade entre 18 e 60 meses após serem submetidas à descorna plástica. Os animais foram operados em diferentes propriedades rurais do Estado de Goiás, durante os anos de 1995 e 1996 e avaliados durante o pós-operatório. Quatro animais apresentaram exsudação serosa local, dois dias após a cirurgia; um animal desenvolveu sinusite unilateral e, em dois outros, houve deiscência da ferida. A técnica utilizada reduziu o tempo de cirurgia, facilitou a divulsão da pele e produziu hemostasia satisfatória. A aplicação dos grampos foi rápida e fácil, e a cicatrização satisfatória.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Descorna; Sutura; Grampos de metal; Bovino.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781999000300021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eletroacupuntura aplicada nas fases precoce e tardia da cicatrização do tendão calcanear comum de coelhos após reparo tardio com peritônio bovino conservado em solução supersaturada de sal: aspectos clínicos Ciência Rural
Freitas,Patricia Maria Coletto; Daleck,Carlos Roberto; Melo,Mariana da Silva; Eurides,Duvaldo; Martins Filho,Sebastião; Baungarten,Letícia Binda.
Para avaliar o uso da eletroacupuntura (EA) sobre os aspectos clínicos e deambulatórios, 36 coelhos tiveram o tendão calcanear comum seccionado e, após 30 dias, receberam enxerto de peritônio bovino conservado em solução supersaturada de sal. Em seguida, os animais foram distribuídos aleatoriamente em três grupos de igual número: no primeiro grupo, os coelhos foram estimulados pela EA do segundo ao 11° dia de pós-operatório (PO) (E10); no segundo grupo do 11o ao 31o dia de PO (E20) e, no terceiro grupo, os animais não foram estimulados (C). Verificou-se, nos animais do E10, durante o PO, ausência de edema e hiperemia no membro tratado pela EA. Não se observou diferença significativa (P>0,05) entre os grupos quanto ao grau de deambulação dos animais....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eletroacupuntura; Enxerto; Tendão; Coelho.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782006000600025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Escova dental e dedeira na remoção da placa bacteriana dental em cães Ciência Rural
Lima,Tânia Berbert Ferreira; Eurides,Duvaldo; Rezende,Renata Junqueira; Milken,Vanessa Martins Fayad; Silva,Luiz Antonio Franco da; Fioravanti,Maria Clorinda Soares.
A placa bacteriana é fator primário na formação de gengivite, cálculo dentário, halitose e doença periodontal. Objetivou-se avaliar a quantidade de placa bacteriana dental removida pela escova dental e dedeira. Foram utilizados 60 cães machos e fêmeas de diferentes raças, idade e peso, divididos em dois grupos. O índice Logan &amp; Boyce foi utilizados para quantificar a placa bacteriana antes e após a escovação. Observou-se diferença estatística (p<0,05) na remoção da placa bacteriana antes e após escovação. Não houve diferença estatística (p>0,05) entre a utilização da escova dental e a dedeira.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cães; Placa bacteriana; Doença periodontal; Dente.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782004000100023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
IMPLANTE DE BORRACHA DE SILICONE EM PÊNIS DE BOVINOS. ESTUDO EXPERIMENTAL Ciência Rural
Eurides,Duvaldo; Silva,Marcos; Coelho,Humberto Eustáquio; Contesini,Emerson Antônio.
Neste experimento, 12 novilhos de diferentes raças, com idade de 18 a 24 meses foram submetidos a secção do ligamento apical para provocar desvio de pênis, para posterior correção cirúrgica. Os animais foram distribuídos em dois grupos de igual número e submetidos ao implante de borracha de silicone na extremidade livre do pênis para correção do desvio. Nos animais do grupo 1 a prótese foi implantada no corpo cavernoso e entre o ligamento apical e túnica albugínea. Nos animais do grupo 2 a prótese foi implantada entre o ligamento apical e túnica albugínea. Em todos os animais o material implantado foi bem tolerado com formação de discreta reação inflamatória, sendo encapsulado por tecido conjuntivo fibroso, ocasionando adesão resistente e uniforme entre o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pênis; Prótese; Implante; Cirurgia; Bovino.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781994000300017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Morfologia e biometria do ligamento apical do pênis de touros da raça Girolando Ciência Rural
Cardoso,Júlio Roquete; Eurides,Duvaldo; Moreira,Paulo César; Mendonça,Alberto Corrêa; Silva,Luiz Antônio Franco da; Silva,Frederico Ozanam Carneiro e; Cruz,Viviane Souza.
Objetivou-se descrever a morfologia e biometria do ligamento apical do pênis de 32 touros da raça Girolando (Bos taurus indicus X Bos taurus taurus, Linnaeus - 1758), com idade de 36 a 48 meses e pesando de 480 a 540kg. As peças anatômicas foram obtidas em frigorífico e mantidas congeladas até dissecação. O ligamento originou-se a 15,1±2,9cm distalmente à curvatura caudal da flexura sigmoide e inseriu-se a 1,4±0,7cm proximalmente ao colo da glande, medindo 18,9±2,6cm de comprimento. Apresentou largura de 1,9±0,6mm na sua origem, 2,2±0,8mm na inserção e 35,2±10mm na altura da inserção da lâmina interna do prepúcio. A espessura média ao longo de sua extensão variou de 0,7 a 1,9mm. Próximo à coroa da glande, o ligamento apical se posiciona principalmente na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomia; Biometria; Bovino; Genital.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000800014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Neoplasias de língua em cinco cães Ciência Rural
Daleck,Carlos Roberto; De Nardi,Andrigo Barboza; Silva,Márcio César Vasconcelos; Eurides,Duvaldo; Silva,Luiz Antônio Franco da.
Este trabalho tem como objetivo relatar a ocorrência de cinco casos de neoplasias de língua em cães. Os sinais clínicos mais observados foram ptialismo, halitose e hiporexia. Após biópsia excisional para exame histopatológico, os resultados revelaram dois casos de melanoma, um caso de histiocitoma, um caso de fibrossarcoma e um caso de mastocitoma grau II, sendo que neste o proprietário não autorizou qualquer forma de tratamento. O tratamento para os demais foi a glossectomia parcial e, no caso de fibrossarcoma, associou-se a quimioterapia. Dois animais apresentaram deiscência de sutura no pós-operatório, não havendo necessidade da realização de nova intervenção. Em relação ao prognóstico, os pacientes com histiocitoma, fibrossarcoma e um com melanoma não...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Doenças de cães; Neoplasias de língua; Oncologia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782007000200047
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Neoplasias de língua em cinco cães Ciência Rural
Daleck,Carlos Roberto; Nardi,Andrigo Barboza De; Silva,Márcio César Vasconcelos; Eurides,Duvaldo; Silva,Luiz Antônio Franco da.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000100051
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Placa bacteriana dentária em cães Ciência Rural
Eurides,Duvaldo; Gonçalves,Gentil Ferreira; Mazzanti,Alexandre; Buso,Antônio Mário.
Com objetivo de avaliar a incidência de placa bacteriana dentária, foram utilizados 30 cães, sem raça definida, distribuídos em três grupos iguais, de acordo com a faixa etária, sendo o grupo I de 0 a 2 anos, o grupo II de 3 a 5 anos e o grupo III acima de 6 anos. Os animais foram submetidos a anestesia geral e sobre os dentes foi aplicado cloreto de metilrosanilina, para evidenciar acúmulos bacterianos. As placas encontravam-se distribuídas em 80,99% no grupo I, 71,45% no grupo II e 83,96% no grupo III. Os grupos dentários foram considerados separadamente, apresentando índices de 64,84% nos dentes incisivos, 84,80% nos caninos, 87,23% nos pré-molares e 78,34% nos molares. Nos três grupos de cães observou-se índices semelhantes de placa bacteriana nos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Dente; Placa bacteriana.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781996000300013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
PREPARAÇÃO DE RUFIÕES BOVINOS POR REMOÇÃO DO LIGAMENTO APICAL DO PÊNIS Ciência Rural
Eurides,Duvaldo; Contesini,Emerson Antônio; Viana,Silvana Maria.
Foram utilizados 12 novilhos, sem raça definida com idade variando de 16 a 20 meses, com objetivo de apresentar um novo método para preparo de rufiões, pela amputação do ligamento apical da glande do pênis. Os animais foram observados em monta natural 20 dias após a intervenção cirúrgica para avaliar a eficiência da técnica e a libido. Os rufiões apresentaram acentuado desvio ventral e lateral direita do pênis, com total incapacidade de realizar a cópula A técnica descrita é eficiente de fácil e rápida execução, podendo ser utilizada na detecção de vacas em do, em programas de inseminação artificial.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovino; Rufião; Pênis; Cirurgia.
Ano: 1992 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781992000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
REABILITAÇÃO DE DENTES INCISIVOS DE BOVINOS COM PRÓTESE PARCIAL FIXA METÁLICA Ciência Rural
Eurides,Duvaldo; Marçal,Paulo; Menezes,Amaury Caetano de.
No presente experimento 12 novilhos com idade variando de 6 a 12 anos, sem raça definida, foram utilizados para verificar a viabilidade de reabilitação de dentes incisivos com aplicação de prótese parcial fixa metálica. O método constou da confecção de molde em resina acrílica, moldagem dos dentes com alginato para obtenção de um modelo em gesso e elaboração das próteses em liga metálica de níquel-cromo e cobre-alumínio. Verificou-se que as próteses mantiveram-se retidas com significativo desgaste na fase oclusal e permitiu que os animais em criação semi-intensiva recuperassem a capacidade de fracionar forrageiras. A prótese pode ser utilizada para prevenir graves alterações de desgaste de dentes incisivos ou para restabelecer suas funções.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dentes; Prótese fixa; Bovinos.
Ano: 1993 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781993000100009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Reparo de esôfago cervical de cães com segmento intestinal livre autólogo desprovido de epitélio e de lâmina própria da túnica mucosa Ciência Rural
Freitas,Patrícia Maria Coletto; Eurides,Duvaldo; Beletti,Marcelo Emilio; Mota,Francisco Cláudio Dantas; Shimizu,Bianca Jacob; Naves,Elisete de Araújo; Rebouças,Karen Silva; Silva,Luiz Antônio Franco da; Fioravanti,Maria Clorinda Soares.
Doze cães foram separados em dois grupos de igual número e submetidos à remoção de um retalho de 3,0 x 3,5cm do esôfago cervical. A abertura foi ocluída com enxerto de segmento intestinal livre autólogo desprovido de epitélio e lâmina própria da túnica mucosa, com pontos simples separados por fio poliglactina 910. Os animais do grupo 1 foram observados durante 15 dias de pós-operatório, e os do grupo 2, durante 30 dias. Observou-se epitelização e discreta estenose no local do enxerto com invasão de tecido conjuntivo denso rico em fibras colágenas. O enxerto de segmento intestinal livre autólogo foi eficiente no reparo de rupturas do esôfago cervical de cães.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Intestino; Enxerto; Cirurgia.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782002000300013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Rumenotomia em bovinos: uso da paramentação e de oxitetraciclina parenteral na profilaxia de complicações pós-operatórias Ciência Rural
Silva,Luiz Antônio Franco da; Eurides,Duvaldo; Silva,Gabrielly Fernandes Salazar da; Monteiro,Jefferson Henrique Silva; Matos,Eline Silveira de; Castro,Glauciane Ribeiro de; Silva,Ediane Batista da; Silva,Olízio Claudino da; Fioravanti,Maria Clorinda Soares.
Utilizou-se a paramentação e a oxitetraciclina parenteral na profilaxia de complicações pós-operatórias em 28 bovinos fêmeas submetidos à rumenotomia, distribuídos em quatro grupos de sete animais. Nos bovinos dos grupos I (GI) e II (GII), as rumenotomias foram realizadas seguindo normas de paramentação do cirurgião e do auxiliar, enquanto que, nos animais dos grupos III (GIII) e IV (GIV) essa conduta não foi adotada. No pós-operatório, utilizou-se antibiotico parenteral à base de oxitetraciclina nos animais do GI e GIII. As principais complicações observadas no pós-operatório foram: edema, enfisema subcutâneo, deiscência de pontos da ferida de sutura e peritonite. Verificou-se que a paramentação contribuiu positivamente na redução do tempo de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rumenotomia; Antibiotico; Paramentação; Bovino.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Transplante de cartilagem costal autóloga no reparo de desvio do pavilhão auricular de cães: estudo experimental Ciência Rural
Eurides,Duvaldo.
Neste experimento, 12 cães com idade entre 7 e 12 meses foram submetidos a técnica cirúrgica com objetivo de apresentar novo método para reparo de desvio lateral da orelha externa, mediante transplante autólogo de cartilagem costal. Verificou-se que as orelhas apresentaram postura ereta, movimentos aparentemente normais e ausência de desvio. Macroscopicamente o enxerto encontrava-se firmemente aderido a cartilagem auricular e a pele. Pela microscopia óptica observou-se em torno da cartilagem costal presença de tecido conjuntivo fibroso. A técnica cirúrgica avaliada poderá ser utilizada para correção de desvio lateral da orelha de cães.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Cirurgia; Transplante; Orelha.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781996000100019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Utilização do adesivo N-butil cianoacrilato e o do fio poliglactina na rafia de córnea em coelhos (Oryctolagus cunicullus) Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
Mota,Francisco Cláudio Dantas; Eurides,Duvaldo; Freitas,Patricia Maria Coletto; Beletti,Marcelo Emílio; Goulart,Michelle Rodriques; Cunha,Livia Maria; Silva,Luís Antônio Franco da; Fioravanti,Maria Clorinda Soares.
Objetivou-se avaliar, por meio de estudos macroscópicos e histológicos, a reparação cicatricial da córnea de coelhos perfuradas, ocluidas com o adesivo N-butil cianoacrilato, comparado à sutura com fio poliglactina 910 nº 7-0. As córneas de 18 coelhos adultos foram perfuradas e em seguidas submetidas a ráfia, sendo a ferida da córnea do globo ocular direito com o adesivo sintético N-butil cianoacrilato e a do globo ocular esquerdo com pontos simples separados com fio poliglactina 910. Os animais foram separados em três grupos de igual número e decorridos 7, 15 e 30 dias de pós operatório notou-se que tanto o adesivo sintético como a sutura foram eficientes na síntese das feridas, estabilizando o conteúdo intra-ocular. O adesivo N-butil cianoacrilato...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Coelhos; Córnea; Cirurgia; Sutura.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962003000500004
Registros recuperados: 19
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional