Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento e diagnóstico da resistência anti-helmíntica em populações de haemonchus contortus no estado do Ceará. Repositório Alice
SANTOS, J. M. L. dos..
Resumo: Os nematoides gastrintestinais são um dos principais fatores limitantes na criação de pequenos ruminantes no mundo. Os benzimidazóis (BZ), as lactonas macrocíclicas (LM) e os imidazotiazóis são os anti-helmínticos mais utilizados para o controle desses parasitas. Contudo, o uso de fármacos leva inevitavelmente ao desenvolvimento de resistência anti-helmíntica (RAH). O diagnóstico de RAH é realizado principalmente por meio de métodos fenotípicos com baixa sensibilidade. Dessa forma, métodos moleculares, são necessários para melhorar a capacidade de detecção da RAH. Os objetivos desse trabalho foram avaliar o estado da RAH em nematoides gastrintestinais de ovinos no Ceará, investigar a relação entre a resistência a BZ e LM e padronizar técnica de...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Pequeno ruminante; PCR em tempo real; Nematoide gastrintestinal; Resistência molecular; Lactonas macrocíclicas; Caprino; Ovino; Helminto gastrintestinal; Haemonchus contortus; Anti-Helmíntico; Resistência a produtos químicos; Parasitismo; Benzimidazol; Goats; Sheep; Small ruminants; PCR; Resistance to anthelmintics; Drug resistance; Nematoda; Parasitism; Levamisole; Oxfendazole; Ivermectin.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1082456
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Polimorfismos responsáveis pela resistência a benzimidazóis em populações de Haemonchus contortus isoladas no estado do Ceará. Repositório Alice
SANTOS, J. M. L. dos..
Resumo: Haemonchus contortus é o nematóide mais prevalente na região Nordeste do Brasil. O seu controle é baseado na utilização de benzimidazóis de forma generalizada e o uso inadequado acelera a seleção de parasitos resistentes. Métodos fenotípicos, tais como, o teste de redução na contagem de ovos nas fezes (FECRT) e o teste de eclosão de ovos (TEO) são amplamente utilizados para caracterizar a resistência anti-helmíntica (RA), embora com baixa sensibilidade. Os métodos baseados na reação em cadeia pela polimerase (PCR) são também utilizados para diagnosticar a resistência a benzimidazóis em H. contortus. Estes métodos detectam polimorfismos de nucleotídeo único (SNP) F200Y, F167Y e E198A no gene codificante para o isotipo 1 da ?-tubulina, que são...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Nematóide gastrintestinal; Ovino; Nematóide; Anti-helmíntico; Haemonchus contortus; Benzimidazol.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/965944
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional