Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos clínicos e macroscópicos da palatoplastia imediata com implante de cartilagem da pina articular, conservada em glicerina a 98%, após indução experimental de fenda palatina em cães Ciência Rural
Contesini,Emerson Antônio; Pippi,Ney Luis; Beck,Carlos Afonso de Castro; Brun,Maurício Veloso; Leme,Marshal da Costa; Raiser,Alceu Gaspar; Pellegrini,Luis Carlos de; Bonfada,Adamas Tassinari; Silva,Thiago Félix da; Costa,Jane Stella Cândido da; Trindade,Anelise Bonilla; França,Evandro Pezzini.
Os defeitos de espessura completa do palato que resultam em comunicação oro-nasal raramente cicatrizam espontaneamente. Eles requerem reparo cirúrgico, porém, pode ser difícil obter cicatrização satisfatória devido às condições próprias das cavidades nasal e oral. Neste experimento, foram utilizados 14 cães, reunidos em dois grupos de igual número. Todos animais foram submetidos à indução de fenda palatina experimental. O grupo G1 foi o controle, cuja palatoplastia foi realizada a partir da confecção de "flap" muco-periósteo. No grupo G2, foi utilizada cartilagem da pina auricular conservada em glicerina a 98% entre o osso palatino e o muco-periósteo. Os animais foram avaliados macroscopicamente quanto ao processo cicatricial, por radiografias para a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Palatoplastia; Implante; Glicerina; Cães.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782003000100016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dermatomicose e ceratite micótica causada por Exophiala sp em um cão Ciência Rural
Basso,Paula Cristina; Raiser,Alceu Gaspar; Schmidt,Claudete; Brun,Maurício Veloso; Souza,Tatiana Mello de; Trindade,Anelise Bonilla; Müller,Daniel Curvello de Mendonça.
Neste trabalho, descreve-se o diagnóstico e a conduta terapêutica aplicada em caso de dermatomicose e ceratite micótica causada por Exophiala sp em um cão com um ano e seis meses de idade. Os sinais clínicos incluíam alopecia, crostas, despigmentação e ulceração do plano nasal e focinho, e ceratite superficial bilateral no canto lateral dos olhos. Na cultura fúngica foi isolado Exophiala sp e o exame histopatológico da biopsia cutânea revelou dermatite nodular superficial e profunda granulomatosa. O tratamento com itraconazol sistêmico promoveu remissão dos sinais clínicos. Conclui-se que a realização de cultura fúngica e biópsia de pele são exames complementares eficazes no diagnóstico de dermatomicoses e que o emprego de itraconazol sistêmico pode ser...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Doenças fúngicas de pele; Infecção corneana micótica; Fungos dematiáceos.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000700044
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dilatação esofágica endoscópica associada ao uso de triancinolona intramural em cadela com estenose de esôfago após ovariohisterectomia eletiva Ciência Rural
Oliveira,Marília Teresa de; Trindade,Anelise Bonilla; Souza,Fernando Wiecheteck de; Dalmolin,Fabiola; Pinto Filho,Saulo Tadeu Lemos; Schmitt,Bernardo; Basso,Paula Cristina; Feranti,João Pedro Scussel; Brun,Maurício Veloso.
A estenose esofágica adquirida ocorre normalmente em função de uma esofagite severa, resultando em processo cicatricial com proliferação de tecido fibroso. Entre as causas, encontra-se o refluxo gastroesofágico em animais anestesiados. O presente trabalho objetiva relatar o tratamento de estenose esofágica em uma cadela por dilatações luminais endoscópicas, associadas ao uso de triancinolona intralesional. Um canino, SRD, foi atendido com a queixa de regurgitação e emagrecimento progressivo. Esses sinais surgiram após a realização de OVH videolaparoscópica eletiva, durante a qual a paciente apresentou regurgitação no transoperatório. Com base no exame clínico e nos achados endoscópicos, foi possível confirmar o diagnóstico de estenose no terço final do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Endoscopia; Regurgitação; Corticosteroide.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013000900023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Herniorrafia perineal, ressecção de cisto prostático e criptorquidectomia vídeolaparoscópicas por único acesso em cão Ciência Rural
Basso,Paula Cristina; Raiser,Alceu Gaspar; Brun,Maurício Veloso; Müller,Daniel Curvello de Mendonça; Trindade,Anelise Bonilla; Cavedon,Silvio Salles.
O presente relato descreve a realização de criptorquectomia, ressecção de cisto prostático e herniorrafia perineal vídeolaparoscópicas em um cão da raça Collie que apresentou recidiva dos sinais clínicos após redução cirúrgica convencional. Pela cirurgia laparoscópica, com três portais retroumbilicais, localizou-se um testículo intrabdominal, que foi removido após a aplicação de clipes de titânio no mesórquio e nos vasos testiculares. Verificou-se também a presença de um cisto prostático que foi drenado por punção transparietal com agulha e, em seguida, realizaram-se a ressecção da parede e omentopexia na cavidade cística. Na avaliação da cavidade pélvica, verificou-se que o tamanho do defeito herniário permitia ser manejado por laparoscopia. Aplicou-se...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Endocirurgia; Hérnia perineal; Doença prostática; Caninos.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000200037
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional