Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 23
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ácidos orgânicos de baixo peso molecular e ácidos húmicos e alterações em algumas propriedades físicas e químicas de Latossolos, Plintossolo e Neossolo Quartzarênico Rev. Bras. Ciênc. Solo
Corrêa,Marcelo Metri; Andrade,Felipe Vaz de; Mendonça,Eduardo Sá; Schaefer,Carlos Ernesto G.R.; Pereira,Tiago Torres Costa; Almeida,Cecília Calhau.
Os ácidos orgânicos provenientes da decomposição da matéria orgânica, da exsudação radicular e do metabolismo de microrganismos, possuem importante papel na melhoria das condições físicas e químicas do solo. Entretanto, sua eficiência está relacionada à qualidade e à forma dos ácidos orgânicos e à sua interação com colóides do solo. Com o objetivo de avaliar o efeito dos ácidos orgânicos de alto e baixo peso molecular na alteração de propriedades físicas e químicas de solos, foram coletados materiais de horizontes B de quatro Latossolos e um Plintossolo, e C de Neossolo Quartzarênico. Para isso, foram utilizadas doses de ácidos cítricos e oxálicos de 0, 1, 3, 9 e 18 mmol L-1; e para os ácidos húmicos, doses de 0,0; 2,0; 4,0; 6,0 e 10,0 g kg-1, num...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido cítrico; Ácido oxálico; Ácido húmico.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832008000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do comportamento de pasta de alho durante o armazenamento (Allium sativum L.) Ciênc. Tecnol. Aliment.
Berbari,Shirley Aparecida Garcia; Silveira,Neliane Ferraz de Arruda; Oliveira,Líria Akemi Tavares de.
Este trabalho de pesquisa teve por objetivo avaliar o comportamento da pasta de alho sem adição de sal, por um período de três meses. A principal perda de qualidade da pasta de alho é causada pelo escurecimento do produto que ocorre devido à ação de enzimas polifenoloxidases. Para controlar este escurecimento foi utilizado o ácido cítrico. O processamento da pasta de alho compreendeu as etapas: tratamento de imersão, descascamento, obtenção da pasta em "cutter", adição de ácido cítrico e sorbato de potássio para evitar o desenvolvimento de microrganismos deterioradores, acondicionamento em potes de plástico e de vidro, desaeração parcial em câmara de vácuo e armazenamento a temperatura ambiente. O produto final foi submetido a análises microbiológicas,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alho; Pasta; Ácido cítrico; Vidro; Plástico.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612003000300029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de caquis cv. Fuyu submetidos à aplicação de agentes inibidores de escurecimento e armazenados a 0°C - DOI: 10.4025/actasciagron.v27i3.1399 Agronomy
Fagundes, Angela Fuentes; UEPG; Ayub, Ricardo Antonio; UEPG.
Objetivou-se avaliar o efeito de tratamentos químicos aplicados em pós-colheita em frutos de caqui (Diospyros kaki L.) cv. Fuyu armazenados a temperatura de 0 ± 2ºC. Os frutos foram imersos durante dois minutos em solução de ácido ascórbico, ácido cítrico e cloreto de cálcio, mais espalhante adesivo (óleo vegetal) 0,02% (v/v), secos à temperatura ambiente e armazenados a 0 ± 2ºC e 95±2% UR. Os frutos foram avaliados aos 32 e 52 dias com relação ao escurecimento da epiderme, porcentagem de frutos escurecidos, firmeza da polpa, sólidos solúveis totais, pH da polpa e acidez total titulável. Após 52 dias, não houve efeito dos produtos para inibir o escurecimento da epiderme de caquis Fuyu. Frutos tratados à base de ácido cítrico se mantiveram mais firmes e com...
Palavras-chave: 5.01.00.00-9 Agronomia Diospyrus kaki L.; Ácido ascórbico; Ácido cítrico; Cloreto de cálcio; Qualidade do fruto 5.01.00.00-9 Agronomia.
Ano: 2005 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/1399
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cinética de liberação de chumbo de solos de área de mineração e metalurgia de metais pesados Rev. Bras. Ciênc. Solo
Buschle,Brenda Novaes; Palmeiro,Jussara Kasuko; Sade,Youssef Bacila; Melo,Vander de Freitas; Andrade,Maurício Gomes de; Batista,Araína Hulmann.
O estudo de cinética de liberação de metais pesados é uma importante ferramenta de diagnóstico ambiental de áreas contaminadas, pois determina, além dos teores acumulados liberados após tempos crescentes de equilíbrio, a taxa (velocidade) de dessorção desses poluentes para a solução do solo. Com o objetivo de avaliar a cinética de liberação de Pb de solos da área de mineração e metalurgia de metais pesados, no município de Adrianópolis (PR), vale do rio Ribeira, selecionaram-se oito solos, submetidos a diferentes formas de contaminação (solos 2, 4 e 5 - incorporação de resíduos da metalurgia de metais pesados aos perfis; solos 3, 6 e 7 - adição de Pb particulado via chaminés da fábrica; solo 8 - contaminação por passagem da água pluvial pela fábrica...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Adsorção específica de Pb; Equação parabólica de difusão; Ácido cítrico.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832010000600010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cinética de liberação de potássio e magnésio pelos minerais da fração argila de solos do Triângulo Mineiro Rev. Bras. Ciênc. Solo
Melo,Vander de Freitas; Corrêa,Gilberto Fernandes; Ribeiro,Anderson Nora; Maschio,Paulo Alessandro.
Estudos sobre cinética de liberação de K e Mg permitem uma melhor compreensão da dinâmica desses nutrientes no solo e podem fornecer subsídios para adequação das recomendações de adubação e aumentar a produção das plantas. A seleção do local de amostragem foi definida com base nas diferenças entre os materiais de origem (Grupo Bauru, Araxá, São Bento e Coberturas Detritico-Lateríticas Terciárias), estádio de desenvolvimento dos solos e representação espacial das litologias. Os teores de K total da fração argila foram determinados após digestão das amostras com HF, HNO3 e H2SO4 concentrados. Para avaliar o potencial dos minerais da fração argila de liberar K e Mg para as plantas, a partir de formas inicialmente não-trocáveis e estruturais, foram utilizadas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Reserva de K; Reserva de Mg; Ácido cítrico; Equação parabólica de difusão.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832005000400006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação de métodos "in vitro" para determinação da biodisponibilidade de fósforo Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Duarte,H.C.; Graça,D.S.; Borges,F.M.O.; Di Paula,O.J..
Avaliou-se a solubilidade do fósforo presente em seis fontes por meio da utilização de sete extratores. As fontes de fósforo foram: fosfato bicálcico (FB), fosfato monoamônico (MAP), fosfato supertriplo (FST), fosfato de rocha de Araxá (FRA), farinha de ossos calcinada (FOC) e farinha de ossos autoclavada (FOA). Os extratores foram: água, ácido cítrico nas concentrações de 2% (AC2), 10% (AC10), 20% (AC20) e 30% (AC30), ácido clorídrico na concentração de 0,5% (HCl) e o citrato neutro de amônio (CNA). O procedimento de laboratório foi padronizado independente do extrator utilizado. O fósforo presente no FB foi pouco solubilizado pela água (33,8%), além disso, o fósforo da FOC, da FOA e do FRA foi praticamente insolúvel nesse extrator. O HCl solubilizou o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fósforo; Extrator; Solubilidade; Ácido cítrico.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352003000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento e nutrição de clone de eucalipto em resposta à aplicação de concentrações de c-ácido húmico Rev. Bras. Ciênc. Solo
Pinheiro,Gabriela Lúcia; Silva,Carlos Alberto; Furtini Neto,Antônio Eduardo.
Os efeitos das substâncias húmicas nas propriedades dos solos são conhecidos, porém poucos são os estudos que avaliam os efeitos desses materiais nas plantas; assim, dependendo da concentração e da natureza química das moléculas húmicas aplicadas, pode haver maior expansão radicular, incremento na absorção de nutrientes e maior crescimento das culturas. Com o objetivo de avaliar os efeitos de concentrações de C-ácido húmico na nutrição e no crescimento de mudas de eucalipto, foi realizado um experimento em solução nutritiva, em casa de vegetação. Os tratamentos constituíram-se de duas fontes de ácidos húmicos (material húmico - MH e ácido húmico p.a. - AH p.a.), sendo cada fonte adicionada na solução nutritiva nas seguintes concentrações de C-ácido húmico:...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Substâncias húmicas; Ácido cítrico; Ácido oxálico; Crescimento radicular; Complexos organometálicos.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832010000400021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento radicular e produção de ácidos orgânicos em cultivares de soja com diferentes tolerâncias ao alumínio. Repositório Alice
MENOSSO, O.G.; COSTA, J.A.; ANGHINONI, I.; BOHNEN, H..
A elucidação dos mecanismos que definem o comportamento diferencial entre genótipos de soja quanto à toxidez de Al facilita a utilização da variabilidade genética existente ou produzida. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do Al no crescimento radicular, na modificação do pH da solução e no conteúdo de ácidos orgânicos em extratos de raízes de cultivares de soja tolerantes ao Al, FT-1 e FT-6 (Veneza) e sensíveis, IAC-13 e Paraná. As plantas cresceram por nove dias em solução contendo 50 mg L-1 de Ca e 0,0 e 0,2 mg L-1 de Al, com pH inicial de 4,76. Houve maior crescimento de raízes nas cultivares tolerantes e não houve alterações do pH da solução relacionadas à tolerância das cultivares ao alumínio. A presença do Al reduziu o conteúdo dos...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Ácido cítrico; Raízes; Extratos; PH; Citric acid; Roots; Extracts; Soybeans.
Ano: 2001 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/444309
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento radicular e produção de ácidos orgânicos em cultivares de soja com diferentes tolerâncias ao alumínio. Repositório Alice
MENOSSO, O.G.; COSTA, J.A.; ANGHINONI, I.; BOHNEN, H..
A elucidação dos mecanismos que definem o comportamento diferencial entre genótipos de soja quanto à toxidez de Al facilita a utilização da variabilidade genética existente ou produzida. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do Al no crescimento radicular, na modificação do pH da solução e no conteúdo de ácidos orgânicos em extratos de raízes de cultivares de soja tolerantes ao Al, FT-1 e FT-6 (Veneza) e sensíveis, IAC-13 e Paraná. As plantas cresceram por nove dias em solução contendo 50 mg L-1 de Ca e 0,0 e 0,2 mg L-1 de Al, com pH inicial de 4,76. Houve maior crescimento de raízes nas cultivares tolerantes e não houve alterações do pH da solução relacionadas à tolerância das cultivares ao alumínio. A presença do Al reduziu o conteúdo dos...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Glycine max; Ph; Ácido cítrico; Raízes; Extratos; Citric acid; Roots; Extracts.
Ano: 2001 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/105851
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento radicular e produção de ácidos orgânicos em cultivares de soja com diferentes tolerâncias ao alumínio PAB
Menosso,Orival Gastão; Costa,José Antonio; Anghinoni,Ibanor; Bohnen,Humberto.
A elucidação dos mecanismos que definem o comportamento diferencial entre genótipos de soja quanto à toxidez de Al facilita a utilização da variabilidade genética existente ou produzida. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do Al no crescimento radicular, na modificação do pH da solução e no conteúdo de ácidos orgânicos em extratos de raízes de cultivares de soja tolerantes ao Al, FT-1 e FT-6 (Veneza) e sensíveis, IAC-13 e Paraná. As plantas cresceram por nove dias em solução contendo 50 mg L-1 de Ca e 0,0 e 0,2 mg L-1 de Al, com pH inicial de 4,76. Houve maior crescimento de raízes nas cultivares tolerantes e não houve alterações do pH da solução relacionadas à tolerância das cultivares ao alumínio. A presença do Al reduziu o conteúdo dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Glycine max; PH; Ácido cítrico; Raízes; Extratos.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2001001100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cultivo in vitro de eixos embrionários de paricá Ciência e Agrotecnologia
Reis,Iulla Naiff Rabelo de Souza; Lameira,Osmar Alves; Cordeiro,Iracema Maria Castro Coimbra; Castro,Carla Vanessa Borges; Carneiro,Allan Guerreiro.
Objetivou-se, neste trabalho, avaliar a influência do meio de cultura MS normal e com as concentrações dos sais reduzidas à metade (½ MS), a presença de ácido giberélico (AG3) e de ácido cítrico em eixos embrionários de paricá cultivados in vitro. Os eixos embrionários foram extraídos das sementes e inoculados em meio de cultura básico MS e ½ MS, suplementados ou não com ácido cítrico (1 g.L-1) e com AG3 (3 mg.L-1), constituindo 6 tratamentos e 7 repetições. Os eixos embrionários de paricá podem ser cultivados em meio MS com metade das concentrações dos sais, não sendo necessária a adição de ácido cítrico, e a presença de 3 mg.L-1 de AG3 afetou o desenvolvimento das plântulas de paricá.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido giberélico; Ácido cítrico; Schizolobium parayba var. amazonicum.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho zootécnico de juvenis de tilápia-do-Nilo alimentados com dietas suplementadas com ácido cítrico. Repositório Alice
HISANO, H.; CARDOSO, I. L.; FERRI, G. H.; PARISE, J.; PINHEIRO, V. R.; BORGHESI, R..
2016
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Ácido orgânico; Aditivo zootécnico; Ração; Dieta; Ácido cítrico; Ração.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1067702
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efecto del fósforo y del potasio en la producción de ácido cítrico utilizando una cepa de Aspergillus niger: Effect of P and K in the citric acid production using an Aspergillus niger strain Acta Agron. (Palmira)
Gómez Schouben,Ana Lucía; Sánchez de Prager,Marina; Muñoz,Jaime Eduardo; Valencia,Isabel Cristina.
En la investigación se evaluaron el rendimiento (%) y la productividad (g/lt por hora) de la fermentación sumergida de ácido cítrico con el uso de una cepa de Aspergillus niger mejorada por exposición a luz UV, cuando se incrementa el nivel de potasio (K) y reduce el nivel de fósforo (P) en una formulación de base que contiene sacarosa, micro- y macronutrientes. Se evaluaron cinco tratamientos en un diseño completamente al azar con tres repeticiones en una estructura multifactorial completa aumentada 2² + punto central. Los mejores resultados de rendimiento y productividad se obtuvieron con 329 mg/ lt de P y 271 mg/lt de K (tratamiento 2), equivalentes a 63.2% de rendimiento y 1.20 g/lt por hora de productividad. Se encontró que sólo el potasio es...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Aspergillus niger; Ácido cítrico; Fermentación; Macronutrientes; Fósforo; Potasio.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122014000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito do uso de zinco e ácido cítrico na produção de café "Acaiá" adensado. Repositório Alice
NOGUEIRA, F. D.; SILVA, F. A. M.; GUIMARÃES, P. T. G.; GODINHO, A.; MALTA, M. R.; SENNA, J. R..
2002
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Café adensado; Produção; Ácido cítrico; Coffea arabica.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/908719
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Extraction and evaluation of stabilizing on color property of betalain beet for use as a natural food coloring. Repositório Alice
SOUSA, C. R. V. de; FURTADO, R. F.; SILVA, S. M. F.; MARTINS, C. M.; BASTOS, M. do S. R.; BENEVIDES, S. D..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pigmento; Ácido cítrico; Estabilidade; Pigmento; Ácido cítrico; Estabilidade.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1006636
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Manipueira como substrato na biossíntese de ácido cítrico por Aspergillus niger Scientia Agricola
Leonel,M.; Cerada,M.P..
O trabalho teve por objetivo avaliar a viabilidade do uso da manipueira, residuo líquido resultante da prensagem da massa ralada de mandioca, como substrato na biossíntese de ácido cítrico por Aspergillus niger. Os meios de manipueira foram comparados nas mesmas condições de temperatura, a meios sintéticos, utilizados tradicionalmente. Em se tratando de proposta de um novo substrato, foi estudado o armazenamento do resíduo a temperatura ambiente por 72 horas, e realizada a caracterização físico-química da manipueira e dos meios elaborados com esse substrato. Foi avaliada a produção de ácido cítrico nos meios sintéticos e de manipueira. Verificou-se que a produção de ácido cítrico não diferiu quanto ao meio. Não foi observado crescimento do microrganismo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido cítrico; Aspergillus niger; Substrato; Manipueira; Resíduo de mandioca.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161995000200016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Metais pesados em solos de área de mineração e metalurgia de chumbo: I - Fitoextração Rev. Bras. Ciênc. Solo
Andrade,Maurício Gomes de; Melo,Vander de Freitas; Gabardo,Juarez; Souza,Luiz Cláudio de Paula; Reissmann,Carlos Bruno.
A fitoextração tem sido sugerida como alternativa viável às práticas tradicionais de recuperação de solos contaminados por metais pesados (remoção do solo e destinação em aterros ou coprocessamento em cimento, etc.), em razão dos menores custos e por ser menos impactante ao ambiente. Este trabalho objetivou avaliar a fitoextração induzida (uso de ácido cítrico como agente quelante) de metais pesados, com o cultivo de aveia-preta (Avena strigosa Schreber), girassol (Helianthus annuus L.) e grama-batatais (Paspalum notatum Flügge), em solos poluídos (solos 2, 3 e 4) de uma área de mineração de Pb em Adrianópolis (PR). O solo 1 foi amostrado em área de mata nativa (referência). O experimento foi realizado em casa de vegetação, com três repetições. Foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido cítrico; Fitotoxidez por Pb; Plantas acumuladoras de metais.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832009000600037
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de frutose, ácido cítrico e proteína total no plasma seminal de caprinos no Nordeste do Brasil. Repositório Alice
PINHEIRO, R. R.; MACHADO, R.; SIMPLICIO, A. A.; ANDRIOLI, A..
1992
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Proteína total; Total protein; Caprino; Sêmen; Frutose; Ácido cítrico; Goats; Proteins; Fructose; Citric acid.
Ano: 1992 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/514451
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade de palmito pupunha minimamente processado: aplicação de antioxidantes Ciência e Agrotecnologia
Botelho,Marisa Carvalho; Leme,Suzana Chitarra; Lima,Luiz Carlos de Oliveira; Abrahão,Sheila Andrade; Silqueira,Heloísa Helena de; Chitarra,Adimilson Bosco.
Objetivou-se, neste trabalho, a avaliação de antioxidantes na prevenção do escurecimento e na manutenção da qualidade de palmito pupunha minimamente processado armazenado a 5º C (± 1º C e 90% ± 5% UR). Os palmitos foram adquiridos no município de Coqueiral (MG), lavados em água corrente e detergente neutro, sanificados com hipoclorito de sódio 200 mg L-1 por 15 min, processados em rodelas de 1 cm de espessura, sanificados com hipoclorito de sódio 100 mg L-1 por 10 min e submetidos aos seguintes tratamentos: controle, cisteína 0,5%, ácido cítrico 0,5% e cisteína 0,5% + ácido cítrico 0,5%. Posteriormente, foram acondicionados em embalagens rígidas de polipropileno, armazenados por 12 dias a 5º C (± 1º C e 90% ± 5% UR). O delineamento experimental foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Palmito pupunha; Ácido cítrico; Cisteína; Processamento mínimo.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000500033
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade final de melão osmoticamente desidratado em soluções de sacarose com adição de ácidos. Repositório Alice
ARGANDOÑA, E.J.S.; NISHYYAMA, C.; HUBINGER, M.D..
A desidratação osmótica associada à adição de ácidos fracos representa uma alternativa de processamento brando, resultando em um produto com características sensoriais praticamente inalteradas e apropriado para o consumo imediato. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência dos ácidos cítrico e lático na obtenção de melão osmoticamente desidratado e na qualidade final do produto. Pedaços de melão (Cucumis melo inodorus, cultivar: Gold Mine), de 40x30x15 mm, foram imersos em três tipos de soluções (sacarose + ácido cítrico, sacarose + ácido lático e sacarose) com diferentes concentrações de sacarose (50 a 70ºBrix). A desidratação osmótica foi realizada em temperatura controlada (30 a 50ºC) por até três horas. A adição de ácidos não influenciou...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Cucumis melo inodorus; Ácido cítrico; Ácido lático; Desidratação; Citric acid; Lactic acid; Dehydration.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/108863
Registros recuperados: 23
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional