Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 53
Primeira ... 123 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação de fitorreguladores no crescimento da erva-cidreira-brasileira Horticultura Brasileira
Stefanini,Mirian Baptista; Rodrigues,Selma Dzimidas; Ming,Lin Chau.
Lippia alba, espécie brasileira da família Verbenaceae, é plantada e usada em todo o Brasil por suas atividades farmacológicas como analgésica, antiespasmódica, calmante, sedativa e citostática. Popularmente a Lippia é denominada de alecrim, cidreira falsa ou falsa melissa. O trabalho visou testar o efeito das aplicações de GA3, ethephon e CCC sobre o crescimento de Lippia alba (Mill.) N.E.Br. - Verbenaceae, em diferentes épocas do ano. O experimento foi instalado na Fazenda São Manuel, pertencente à UNESP em Botucatu, de dezembro/95 a dezembro/96. O mesmo consistiu de sete tratamentos e três repetições em blocos inteiramente casualizados, com os tratamentos aplicados nas parcelas e as colheitas nas subparcelas. Os tratamentos incluíram o controle, ácido...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lippia alba; Verbenaceae; Ácido giberélico; Ethephon; CCC; Plantas medicinais.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362002000100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ácido Giberélico (GA3) e maturação de frutos das tangerinas 'Mexerica Montenegrina'e 'Poncã' Scientia Agricola
Marur,Celso Jamil; Stenzel,Neusa Maria Colauto; Rampazzo,Elcio Felix; Scholz,Maria Brígida Santos.
Na região norte do estado do Paraná, Brasil, as tangerinas `Ponkan' (Citrus reticulata) e `Montenegrina' (Citrus deliciosa) geralmente são colhidas em maio e julho, respectivamente. Aplicações de produtos à base de GA3 podem estender o período de produção, permitindo aos produtores programar a colheita e obter melhores preços. Neste trabalho foi estudado o efeito do GA3 sobre a maturação dos frutos de ambas as espécies, nos anos de 1996 e 1997. Os tratamentos constaram de concentrações compreendidas entre 20 e 60 mg L-1 de GA3 aplicadas ao início da mudança de cor dos frutos e quando a coloração alaranjada estava mais avançada. A cada 21 dias a maturação dos frutos foi visualmente avaliada e 6 frutos por parcela foram amostrados para análises do grau Brix...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido giberélico; Maturação; Mexerica `Montenegrina'; Tangerina `Poncã'.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161999000300002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Acondicionamiento pre-siembra: una opción para incrementar la germinación de semillas de chile habanero (Capsicum chinense Jacq.) Agrociencia
Garruña-Hernández,René; Latournerie-Moreno,Luis; Ayala-Garay,Oscar; Santamaría,Jorge M.; Pinzón-López,Luis.
Las semillas de chile habanero (Capsicum chinense Jacq.) disminuyen su germinación después de periodos de almacenamiento superiores a los 100 d. Los tratamientos de acondicionamiento revigorizan, aceleran y uniforman la germinación de las semillas del género Capsicum. En este estudio se acondicionaron semillas de chile habanero durante 144 h con aireación constante en agua destilada y soluciones acuosas (tratamientos) de: KNO3 al 3 %, polietilen glicol (PEG) a -0.5 MPa, ácido abscísico (ABA) a 10-5 M, y ácido giberélico (AG3) a 400 ppm. Después del acondicionamiento las semillas germinaron en cajas petri y charolas (el testigo fue sembrado sin acondicionar). El diseño experimental fue completamente al azar, con los datos se realizó un ANDEVA y las medias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido abscísico; Ácido giberélico; Capsicum chinense; Emergencia; Nitrato de potasio; Polietilen glicol.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1405-31952014000400006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise de crescimento de plantas de manjericão tratadas com reguladores vegetais Bragantia
Barreiro,Adriana Pacheco; Zucareli,Valdir; Ono,Elizabeth Orika; Rodrigues,João Domingos.
O estudo objetivou avaliar o efeito de reguladores vegetais no desenvolvimento de plantas de manjericão (Ocimum basilicum L.). Para tanto, plantas foram cultivadas em vasos de 12 litros em casa de vegetação. O delineamento foi em blocos casualizados com quatro tratamentos contendo quatro repetições e cinco coletas. Os tratamentos consistiram de aplicações foliares dos seguintes reguladores vegetais: ácido giberélico (GA3) 100 mg L-1, ácido 2-cloroetilfosfônico (ethephon) 100 mg L-1 e cinetina 100 mg L-1, que foram preparados em solução aquosa. As aplicações dos reguladores vegetais foram realizadas aos 40, 60 e 80 dias após a semeadura (DAS), e o desenvolvimento das plantas avaliado em coletas a intervalos de 14 dias, aos 50, 64, 78, 92 e 106 DAS. Em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Manjericão; Índices fisiológicos; Ácido giberélico; Ethephon; Cinetina.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052006000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ANELAMENTO E ÁCIDO GIBERÉLICO NA FRUTIFICAÇÃO DA UVA 'MARIA' SEM SEMENTES Scientia Agricola
Kalil,Geovanita Paulino da Costa; Terra,Maurilo Monteiro; Kalil Filho,Antonio Nascimento; Macedo,Jefferson Luiz Vasconcello de; Pires,Erasmo José Paioli.
Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a resposta do cultivar Maria (IAC 514-6) ao anelamento e à aplicação de ácido giberélico na concentração de 200ppm, no início ou após o florescimento, para as características dos cachos, bagos e engaços. O experimento foi realizado em Jundiaí, SP, e o delineamento estatístico foi inteiramente casualizado, com doze tratamentos e cinco repetições. Não foram detectados efeitos de época de anelamento ou de aplicação de ácido giberélico. Efeitos significativos do anelamento no tronco ou nos ramos e da aplicação do ácido giberélico ou de ambos os tratamentos foram detectados para as características estudadas. Os incrementos verificados para essas características foram semelhantes ao serem aplicados os...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Videira cv. Maria; Anelamento; Ácido giberélico.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161999000200010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anelamento e reguladores de crescimento: efeitos sobre as medidas biométricas e qualidade de cachos da videira 'Superior Seedless' Rev. Bras. Frutic.
Leão,Patrícia Coelho de Souza; Silva,Davi José; Silva,Emanuel Élder Gomes da.
Com o objetivo de se obter maior tamanho de baga, peso médio de cacho e produtividade, os cachos da variedade Superior Seedless foram pulverizados com ácido giberélico (1 + 20 mg.L-1), bioestimulante Crop Set® nas doses de 0,1 e 0,2% e com ou sem anelamento no caule. Esses tratamentos foram aplicados de forma isolada ou combinados entre si. O trabalho foi conduzido durante o período 2001-2002 (dois ciclos de produção), no Campo Experimental de Bebedouro da Embrapa Semi-Árido em Petrolina-PE. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, com 12 tratamentos e três repetições, sendo duas plantas por parcela. Não foram observadas diferenças significativas entre os tratamentos nos dois ciclos de produção. Entretanto, quando o ácido giberélico foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Uvas sem sementes; Bioestimulante; Ácido giberélico; Crop Set®.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de AG3 e CPPU na qualidade da uva 'Itália' em Porto Feliz-SP Rev. Bras. Frutic.
Rodrigues,Alessandro; Araujo,João Paulo Campos de; Girardi,Eduardo Augusto; Scarpare,Fabio Vale; Scarpare Filho,João Alexio.
A videira 'Itália' (Vitis vinifera L.) é a cultivar de uva fina para mesa mais consumida no Brasil. A qualidade dos cachos é uma característica fundamental, sendo o tamanho das bagas o componente mais valorizado pelos consumidores. Uma das alternativas para incrementar a qualidade das bagas é o uso de biorreguladores. Avaliaram-se, em três ciclos de produção, os efeitos de doses de ácido giberélico (AG3) isolado e associado com forchlorfenuron (CPPU), na qualidade dos cachos de uva Itália produzida em Porto Feliz-SP. A aplicação dos biorreguladores foi realizada aos 25 dias após o florescimento, em delineamento experimental inteiramente casualizado, em fatorial 4X4 (zero, 10; 20 e 30 mg L-1 AG3 X zero, 5; 10 e 15 mg L-1 CPPU), com oito repetições para o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido giberélico; Ciclo de produção; Forchlorfenuron; Vitis vinifera L.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000100001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de reguladores vegetais em uva apirena 'Centennial Seedless' Ciência Rural
Macedo,Willian Rodrigues; Terra,Maurilo Monteiro; Tecchio,Marco Antonio; Pires,Erasmo José Paioli; Fernandes,Gisele Machado; Villar,Larissa; Moura,Mara Fernandes.
O trabalho objetivou avaliar o efeito de doses crescentes do forchlorfenuron associado ou não ao ácido giberélico sobre componentes físico-químicos da uva 'Centennial Seedless' para consumo in natura. Os tratamentos testados foram ácido giberélico (AG3) (0 e 5mg L-1) associado ao forchlorfenuron (0, 2, 4, 6, 8 e 10mg L-1). As variáveis analisadas foram a massa, o comprimento e a largura dos cachos, das bagas e dos engaços, o teor de sólidos solúveis, o pH, a acidez titulável e a relação sólidos solúveis/acidez titulável (SS/AT). O experimento foi conduzido em vinhedo localizado no município de São Miguel Arcanjo, no sudoeste do Estado de São Paulo, sendo os reguladores vegetais aplicados aos 15 dias após o pleno florescimento, mediante pulverização...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vitis vinifera L.; Ácido giberélico; Forchlorfenuron; Qualidade do fruto.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000800007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de tratamentos para a quebra da dormência das sementes de araticum. Infoteca-e
PEREIRA, E. B. C.; PEREIRA, A. V.; MELO, J. T.; SOUSA-SILVA, J. C.; FALEIRO, F. G..
0
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Germinação; Semente; Araticum; Annona crassiflora; Dormência da semente; Propagação vegetativa; Ácido giberélico; Germination; Seeds; Dormancy; Plant propagation; GA.
URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/568306
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Calidad fisiológica de semillas de variedades de Ocimum producidas bajo condiciones del Valle del Cauca, Colombia Acta Agron. (Palmira)
Durán Gaviria,Leila Aceneth; Castro Vargas,Diego Fernando; Sánchez Orozco,Manuel Salvador; Bonilla Correa,Carmen Rosa.
El género Ocimum con más de 150 especies se caracteriza por la alta variabilidad morfológica y quimiotípica y el gran valor en las industrias de perfumería, cosmética, alimentaria y farmacéutica. Con el objetivo de evaluar la calidad fisiológica de las semillas de este género, en el Centro Experimental y el Laboratorio de Fisiología Vegetal de la Universidad Nacional de Colombia sede Palmira, se realizaron pruebas de germinación y viabilidad con 2,3,5- trifenil tetrazolio, TTZ. En un diseño factorial con semillas de cinco variedades, tres tratamientos y tres repeticiones, se evaluaron los efectos de embeber las semillas durante 5 minutos en nitrato de potasio KNO3 al 0.2% y ácido giberélico AG3 a 250 ppm y 500 ppm como primer riego y un testigo...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Albahaca; Quimiotipos; Germinación; Tetrazolio; Viabilidad; Latencia; Nitrato de potasio; Ácido giberélico.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122016000100006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
CARACTERIZACIÓN FENOTÍPICA DE SEGREGANTES IDENTIFICADOS CON MARCADORES DE MICROSATÉLITES, CON ÉNFASIS EN APIRENIA Y RESPUESTA A ÁCIDO GIBERÉLICO EN CRECIMIENTO DE BAYAS DE UVA Agricultura Técnica
Barticevic R.,Margarita; Zavala M.,Kattina; De Felice,Simona; Valenzuela B.,Jorge; Muñoz Sch.,Carlos; Hinrichsen R.,Patricio.
En este artículo se reporta la caracterización de algunos cruzamientos de uva de mesa (Vitis vinifera L.) para los caracteres desarrollo de semilla, tamaño de bayas y respuesta al tratamiento con ácido giberélico (GA3) para crecimiento de baya. Para ello, se han usado segregantes de identidad conocida por cuanto se ha verificado su filiación en base a un conjunto de cinco marcadores de microsatélites heterocigotos en los progenitores, con los que se detectó entre 18 y 21% de autofertilización del cultivar madre, además de cerca de 3% de plantas que no coinciden genéticamente con ninguno de los progenitores. Los cruzamientos estudiados fueron Ruby Seedless x Sultanina, Ruby Seedless x Perlette y sus respectivos recíprocos (76 y 56 segregantes en producción,...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Vitis vinifera L.; Mejoramiento genético de uva de mesa; Filiación; Microsatélites; Apirenia; Ácido giberélico; Tamaño de bayas.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-28072004000100001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento de plantas de Salvia officinalis sob ação de reguladores de crescimento vegetal Ciência Rural
Povh,Juliana Aparecida; Ono,Elizabeth Orika.
O objetivo deste trabalho foi estimar os parâmetros da análise de crescimento em função de diferentes reguladores vegetais aplicados na parte aérea de plantas de Salvia officinalis L. Para tanto,o experimento foi instalado em casa de vegetação do Departamento de Botânica, Instituto de Biociências, da Universidade Estadual Paulista, Botucatu, SP. Os tratamentos consistiram na pulverização da solução de 100mg L-1 de ácido giberélico (GA3); 100mg L-1 de benzilaminopurina (BAP); 100mg L-1 de ácido 2-cloroetil-fosfônico (ethephon); Stimulate® a 2% (90mg L-1 de cinetina, 50mg L-1 de ácido giberélico e 50mg L-1 de ácido indolilbutírico) e água (testemunha). As aplicações foram realizadas em três épocas, aos 15, 25 e 35 dias após o transplante (d.a.t.) e o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lamiaceae; Ácido giberélico; Benzilaminopurina; Área foliar específica.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000800015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento e teor de proteínas em sementes de soja sob influência de hormônios vegetais Rev. Bras. Bot.
Nascimento,Ronaldo do; Mosquim,Paulo R..
Os prováveis hormônios vegetais envolvidos no crescimento e acúmulo de proteínas de reserva em sementes de soja foram avaliados por meio do cultivo artificial dos frutos. Explantes de frutos de soja apresentando o pericarpo completamente expandido e sementes com aproximadamente 100 mg de massa fresca foram cultivados in vitro com várias concentrações de ácido naftaleno-acético (ANA), ácido giberélico (GA3), benziladenina (BA) e ácido abscísico (ABA). Esses fitorreguladores foram utilizados inicialmente isolados nas concentrações de 10-7, 10-6, 10-5 e 10-4 mol.L-1 cada um. Em seguida, foram combinados dois a dois, sendo as concentrações determinadas em função dos maiores incrementos na massa seca das sementes observados nos experimentos iniciais. O ANA foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido giberélico; Explantes; Fitoreguladores.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042004000300016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cultivo in vitro de eixos embrionários de paricá Ciência e Agrotecnologia
Reis,Iulla Naiff Rabelo de Souza; Lameira,Osmar Alves; Cordeiro,Iracema Maria Castro Coimbra; Castro,Carla Vanessa Borges; Carneiro,Allan Guerreiro.
Objetivou-se, neste trabalho, avaliar a influência do meio de cultura MS normal e com as concentrações dos sais reduzidas à metade (½ MS), a presença de ácido giberélico (AG3) e de ácido cítrico em eixos embrionários de paricá cultivados in vitro. Os eixos embrionários foram extraídos das sementes e inoculados em meio de cultura básico MS e ½ MS, suplementados ou não com ácido cítrico (1 g.L-1) e com AG3 (3 mg.L-1), constituindo 6 tratamentos e 7 repetições. Os eixos embrionários de paricá podem ser cultivados em meio MS com metade das concentrações dos sais, não sendo necessária a adição de ácido cítrico, e a presença de 3 mg.L-1 de AG3 afetou o desenvolvimento das plântulas de paricá.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido giberélico; Ácido cítrico; Schizolobium parayba var. amazonicum.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho de cultivares de arroz com uso de reguladores de crescimento, em diferentes sistemas de cultivo PAB
Grohs,Mara; Marchesan,Enio; Roso,Rodrigo; Formentini,Tiago Constante; Oliveira,Maurício Limberger de.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de reguladores de crescimento sobre o estabelecimento inicial e o desempenho agronômico de cultivares de arroz irrigado, em diferentes sistemas de cultivo. O experimento foi conduzido em ambiente controlado e em campo, com as cultivares Irga 424 e Irga 425, e os produtos ácido giberélico, tiametoxam e Haf Plus. Em campo, os tratamentos foram testados nos sistemas de cultivo convencional e pré-germinado. Em ambiente controlado, as substâncias avaliadas promoveram a germinação de Irga 425, com incremento de 50% na germinação com o uso de tiametoxam, e de 39% com Haf Plus e ácido giberélico. Em campo, esse desempenho foi dependente do sistema de cultivo e da cultivar utilizada. O ácido giberélico causou...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Oryza sativa; Ácido giberélico; Estabelecimento inicial; Sistema pré-germinado; Tiametoxam.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2012000600007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Diferenciação floral, alternância de produção e uso de ácido giberélico em tangerineira 'Montenegrina' (Citrus deliciosa Tenore) Rev. Bras. Frutic.
Ramos-Hurtado,Ana María; Koller,Otto Carlos; Mariath,Jorge de Araújo; Sartori,Ivar Antonio; Theisen,Sergiomar; Reis,Bernadete.
A alternância de produção é um problema na cultura da tangerina 'Montenegrina' (Citrus deliciosa Ten.). Objetivou-se testar o uso do ácido giberélico e épocas de aplicação na inibição floral e conseqüente diminuição da alternância. O experimento foi executado no período de abril de 2004 a agosto de 2005, no município de Eldorado do Sul, Estado do Rio Grande do Sul, em pomar de 20 anos com plantas enxertadas sobre Poncirus trifoliata Raf. Noventa e seis plantas uniformes, em alternância de produção e com poucos frutos foram selecionadas e arranjadas em delineamento de blocos ao acaso, com quatro repetições e duas plantas úteis por parcela. Os tratamentos foram arranjados em esquema fatorial com quatro concentrações de AG3 (0; 20; 40 e 60 mg/L) e três épocas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Citrus deliciosa; Alternância de produção; Diferenciação floral; Ácido giberélico.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000300005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
EFECTO DE LA LUZ Y DEL ÁCIDO GIBERÉLICO (AG3) EN LA GERMINACIÓN DE Minthostachys mollis KUNTH. GRISEB.(LABIATAE) Acta biol.Colomb.
SUÁREZ,DIEGO; FERNÁNDEZ ALONSO,JOSÉ LUIS; MELGAREJO,LUZ MARINA.
Minthostachys mollis (Kunth) Griseb., es un arbusto perenne que crece en la región andina de Colombia; es ampliamente utilizada por las comunidades rurales donde es valorado por sus propiedades medicinales. El objetivo de este estudio fue determinar el efecto de la luz (luz roja, luz blanca y luz natural) y del ácido giberélico (0, 5, 15, 25 ppm) en el proceso de germinación de M. mollis. Se encontró inhibición de la germinación bajo condiciones de oscuridad. No se observó efecto de AG3 sobre la germinación. Los porcentajes de germinación fueron superiores a 80% para los tratamientos con luz (semilla fotoblástica positiva), donde el tratamiento con luz roja tuvo el efecto más significativo sobre el proceso de germinación.
Tipo: Journal article Palavras-chave: Ácido giberélico; Luz roja; Núculas; Semillas fotoblásticas.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-548X2011000200012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
EFECTO DEL ARREGLO DE RACIMO Y APLICACIÓN DE CITOQUININA SINTÉTICA (CPPU) EN LA CALIDAD DE UVA DE MESA VARIEDAD SULTANINA TRATADA CON DOS FUENTES DE GIBERELINAS Agricultura Técnica
Navarro O.,Mauricio; Retamales A,Julio; Defilippi B.,Bruno.
Se realizaron dos ensayos con dos fuentes de giberelinas (GA3 y GAs) para evaluar efectos de manejo de racimo y adición de N-(2-cloro-4-piridil)-N'-fenilurea (CPPU), una citocinina sintética, sobre la producción y calidad de la uva Sultanina. En cada ensayo se consideraron los factores de adicionar o no CPPU (5 mg L-1) y realizar o no raleo adicional (30% de eliminación) originándose cuatro tratamientos de la combinación de factores. La adición de CPPU al GA3 provocó un aumento en el tamaño de las bayas (20%), peso de racimos (20%) y producción total por planta (22%), con un retraso en la maduración de la fruta. CPPU determinó bayas de color más verde, mayor grosor del pedicelo y mejor apariencia del escobajo. El raleo adicional provocó un adelanto en...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Thompson Seedless; Raleo de bayas; Ácido giberélico; Giberelinas; Citoquininas; CPPU (N-[2-cloro-4-piridil]-N’-fenilurea).
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-28072001000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de reguladores de crescimento em uva apirênica, cv. BRS Clara Rev. Bras. Frutic.
Nachtigal,Jair Costa; Camargo,Umberto Almeida; Maia,João Dimas Garcia.
O presente trabalho teve por objetivo verificar o efeito da aplicação de diferentes concentrações do ácido giberélico (AG3), do thidiazuron (TDZ) e do forchlorfenuron (CPPU) no aumento do tamanho dos cachos e das bagas e no teor de sólidos solúveis totais de uva sem semente, cv. BRS Clara. As plantas foram conduzidas no sistema de latada, sobre o porta-enxerto IAC 572, no espaçamento 2,5 x 2,0m e com irrigação por microaspersão. Os experimentos foram conduzidos na Estação Experimental de Viticultura Tropical, da Embrapa Uva e Vinho, em Jales-SP. Os reguladores de crescimento foram aplicados via pulverização localizada no cacho, utilizando-se de concentrações de 0 a 4mg.L-1 de CPPU; 0 a 10mg.L-1 de TDZ, e de 0 a 90mg.L-1 de AG3, isolados ou em conjunto. De...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vitis sp.; Uvas de mesa; Ácido giberélico; Thidiazuron; Forchlorfenuron.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000200029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
EFEITO DO ÁCIDO GIBERÉLICO NO RENDIMENTO DE TUBÉRCULOS DE BATATA Ciência Rural
Lovato,Cláudio; Medeiros,Sandro Luís Petter; Streck,Nereu Augusto.
RESUMO Em um experimento objetivando avaliar o efeito da quebra de dormência de "batata-semente", com ácido giberélico, sobre o rendimento de tubérculos, verificou-se que "batata-semente" imersas por 20 minutos em solução a 10 ppm, produziram plantas que recobriram mais uniforme e rapidamente o solo, o que determinou rendimento 44% superior à testemunha.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Ácido giberélico; Batata-semente; Quebra de dormência.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781994000100037
Registros recuperados: 53
Primeira ... 123 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional