Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 16
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações fisiológicas e anatômicas das folhas de espécies lenhosas jovens de cerrado sob irradiâncias contrastantes. Repositório Alice
RONQUIM, C. C..
O objetivo principal desse trabalho foi avaliar o impacto da disponibilidade de radiação no balanço de carbono e alocação de biomassa. Na vegetação do cerrado, a adaptação a disponibilidade de luz é fundamental, pois há grande probabilidade dos indivíduos jovens, ainda pequenos, estarem sombreados. Mudas jovens de Anadenanthera falcata Benth. Speg. (Mimosoideae), Stryphnodendron adstringens Mart. Coville (Mimosoideae), Cybistax antisyphilitica, (Mart) Mart. (Bignoniaceae) e Copaifera langsdorffii Desf. (Caesalpinioideae) e Eriotheca gracilipes (K.Schum) A.Robins (Bombacaceae) foram cultivadas sob 60% de irradiância (sombrite) e posteriormente levadas a pleno sol em área da Universidade Federal de São Carlos (21o58?-22o00? S e 47o51?-47o52? W), cidade de...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Alocação de biomassa; Cerrado; Irradiância; Trocas gasosas.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/876260
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações morfológicas e alocação de biomassa em plantas jovens de espécies florestais sob diferentes condições de sombreamento Ciência Rural
Almeida,Silvia Mara Zanela; Soares,Angela Maria; Castro,Evaristo Mauro de; Vieira,Carlos Vinício; Gajego,Evandro Bordignon.
A seleção de espécies nativas e/ou exóticas para recuperação de ambientes degradados ou alterados pode ser baseada no potencial de aclimatação das espécies a diferentes níveis de luminosidade. Nesse contexto, o objetivo deste estudo foi avaliar o efeito do sombreamento (0%, 30% e 50% de interceptação da radiação solar incidente) no crescimento, na alocação de biomassa e nos teores de clorofila total de plantas jovens de quatro espécies florestais de diferentes grupos ecológicos: Maclura tinctoria (L.) D. Don ex Steud. (moreira), Senna macranthera (Collad.) Irwin et Barn. (fedegoso), Hymenaea courbaril L. var. stilbocarpa (Hayne) Lee et Lang. (jatobá) e Acacia mangium Willd. (acácia). Os maiores teores de clorofila total foram observados em condições...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Revegetação; Crescimento; Sombreamento; Alocação de biomassa.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações morfológicas e crescimento de duas espécies gramíneas sob alagamento. Repositório Alice
RAMOS, T. de J. N.; CARVALHO, C. J. R. de; SOUZA, C. M. de A.; VASCONCELOS, S. S..
Este trabalho objetivou investigar as respostas morfológicas e o crescimento de Brachiaria brizantha e Paspalum fasciculatum cultivadas durante 21 dias sob condições de alagamento. A baixa disponibilidade de oxigênio devido ao alagamento reduziu significativamente as taxas de crescimento relativo e assimilatória líquida de B. brizantha, assim como a alocação de biomassa para raízes, aos 14 dias de alagamento. Em P. fasciculatum, as reduções das taxas e da alocação de biomassa foram significativas somente aos 21 dias de alagamento. Nas espécies estudadas, as adaptações morfológicas foram claramente evidenciadas com a formação de grande quantidade de raízes adventícias, que provavelmente contribuíram para a sobrevivência das mesmas à hipóxia. Estes...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Raízes adventícias; Brachiaria brizantha; Panicum fasciculatum; Alocação de biomassa.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/885714
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Balanço de carbono em plantas jovens de cerrado crescendo sob diferentes níveis de CO2 e irradiâncias. Repositório Alice
RONQUIM, C. C..
2011
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Alocação de biomassa; Fotossíntese; Trocas gasosas.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/916392
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características morfofisiológicas em plantas de Tabebuia heptaphyilla (vell.) tol. em condições de luminosidade Acta Amazonica
Siebeneichler,Susana Cristine; Freitas,Gilson Araújo de; Silva,Rubens Ribeiro da; Adorian,Gentil Cavalheiro; Capellari,Daniel.
Um fator importante na determinação da sobrevivência de uma espécie, é sua adaptação à condição de alta ou baixa luminosidade. O objetivo deste estudo foi verificar o desenvolvimento inicial, teores de clorofila e alocação de biomassa em plantas de Tabebuia heptaphyilla (Vell.) Tol, em três condições de luminosidade. O experimento foi conduzido em delineamento de blocos casualizados, com três níveis de luminosidade (pleno sol, 50% de luz e sombra natural) e com 15 repetições em cada tratamento, sendo cada planta considerada como uma repetição. Foram avaliados a altura e diâmetro aos 60, 82, 103, 124, 145 dias após a emergência das plântulas. Plantas expostas ao ambiente de sombra natural apresentaram menor desempenho vegetativo do que as demais condições...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Área foliar específica; Ipê amarelo; Alocação de biomassa; Teor de clorofila.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672008000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Competição intra-específica entre Amaranthus hybridus L. e Amaranthus viridis L. PAB
Maluf,Angela Maria.
Ensaios de competição intra-específica foram conduzidos sobre Amaranthus viridis L. e A. hybridus L., a última espécie com dois biótipos distintos, tipo verde e tipo roxo. Os três ensaios, conduzidos separadamente, utilizaram cinco densidades de sementes por vaso. Em termos gerais, as sementes germinadas prontamente foram a razão do surgimento da próxima geração, visto que estabeleceram plântulas rapidamente e estas venceram em competição. A partir de certo número de sementes semeadas (20 por vaso), o número de plantas adultas obtidas revelou-se independente do número de sementes semeadas, o que indica que a capacidade de suporte do ambiente, ao invés do tamanho do banco de sementes no solo, é a razão da regulação do tamanho populacional; a mesma...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alocação de energia; Alocação de biomassa.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X1999000800001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento de plantas jovens de Myracrodruon urundeuva Allemão (Anacardiaceae) sob diferentes regimes hídricos Acta Botanica
Figueirôa,Joselma Maria de; Barbosa,Dilosa Carvalho de Alencar; Simabukuro,Eliana Akie.
Objetivou-se avaliar o crescimento das plantas jovens cultivadas em casa de vegetação submetidas a três regimes hídricos: 25, 50 e 75% da capacidade de campo (cc) em duas épocas de avaliação (30 e 60 dias). As variáveis observadas foram: altura de planta, massa seca, alocação de biomassa e densidade estomática. Os três regimes hídricos não exerceram influência no comprimento da raiz. A razão de comprimento (cm) raiz/parte aérea a 25% cc, foi aproximadamente de 2:1 e sob 50 e 75% cc manteve-se na ordem de 1:1. O déficit hídrico reduziu a altura das plantas sob 25% cc aos 30 dias. Aos 60 dias os valores variaram de 22, 60; 22,70 e 28,76cm em 25%, 50% e 75% cc, respectivamente. Houve redução significativa na área foliar, produção da massa seca sob o regime...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aroeira; Estresse hídrico; Crescimento; Alocação de biomassa; Caatinga.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000300015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento de plantas jovens de Tabebuia aurea (Manso) Benth. & Hook. f. ex S. Moore submetidas a estresse hídrico Acta Botanica
Cabral,Edna Lopes; Barbosa,Dilosa Carvalho de Alencar; Simabukuro,Eliana Akie.
Tabebuia aurea (Manso) Benth. & Hook. f. ex S. Moore pertence à família Bignoniaceae e ocorre nas margens dos rios temporários do Nordeste semi-árido. O crescimento das plantas jovens foi acompanhado em casa de vegetação por quatro meses e foi analisado em função do alongamento (cm), massa da matéria seca (g) e densidade estomática (mm²). Trinta dias após a semeadura, as plantas foram submetidas a três tratamentos hídricos: 100, 50 e 25% da capacidade de campo (cc). A densidade estomática foi verificada mensalmente nas regiões apical, mediana e basal da folha. Utilizou-se impressão em esmalte e a contagem foi efetuada em área de 1mm². O tratamento de 25%cc propiciou maior redução do crescimento. Nesse tratamento, a razão de crescimento (cm) parte...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Tabebuia aurea; Crescimento; Área foliar; Alocação de biomassa; Densidade estomática.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento de duas espécies arbóreas nativas sob a copa de monocultura exótica. Repositório Alice
RONQUIM, C. C..
Estudou-se a sobrevivência e o desenvolvimento de duas espécies florestais jovens Swietyenia macrophilla King. e Cedrella fissilis Vell. em área aberta e sombreada de um sub-bosque de uma monocultura florestal de Pinus em área da Universidade Federal de São Carlos (21o58?-22o00? S e 47o51?-47o52? W), cidade de São Carlos, São Paulo, Brasil. O clima da região é sazonal com inverno seco (geralmente entre junho e setembro) seguido por verão úmido e, de acordo com a classificação de Koeppen, situa-se entre Aw e Cwa. As melhores condições do solo do sub-bosque de Pinus, principalmente maior acúmulo de matéria orgânica, possibilitou um ambiente mais propício para o desenvolvimento inicial e sobrevivência de ambas as espécies florestais nativas. Ambas as espécies...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Alocação de biomassa; Sobrevivência; Sub-bosque.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/876237
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento inicial de plântulas de Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum. sob influência de sombreamento Acta Amazonica
Silva,Rubens Ribeiro da; Freitas,Gilson Araújo de; Siebeneichler,Susana Cristine; Mata,Jhansley Ferreira da; Chagas,Jaíza Ribeiro.
O presente estudo foi conduzido com o objetivo de avaliar o comportamento inicial de plântulas de Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum. (cupuaçu), em função de diferentes níveis de sombreamento. Ao final de 50 dias, após a emergência, as plântulas de cupuaçu foram submetidas a três níveis de sombreamento, sendo: 0% de sombreamento, 50% de sombreamento e Sombra Natural. O crescimento das mudas foi conduzido em delineamento de blocos casualizados, com 15 repetições, sendo cada planta considerada como uma repetição. Foram avaliados a altura, o diâmetro e o número de folhas aos 60, 82, 103, 124, 145 dias após a emergência das plântulas. A Massa Seca de Folhas (MSF), Massa Seca do Caule (MSC), Massa Seca da Raiz (MSR) e Massa Seca Total (MST),...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Nível de sombreamento; Adaptação; Desenvolvimento inicial; Alocação de biomassa.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672007000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento inicial e repartição de biomassa de Amburana cearensis (Allemao) A.C. Smith, em diferentes condições de sombreamento Acta Botanica
Ramos,Kennya Mara Oliveira; Felfili,Jeanine Maria; Fagg,Christopher William; Sousa-Silva,José Carlos; Franco,Augusto César.
Amburana cearensis é espécie de distribuição ampla no Brasil, ocorrendo no Norte, Nordeste e Centro-Oeste, nas florestas estacionais nos ecótonos floresta/cerrado ou floresta/caatinga. É espécie de elevado valor comercial, estando ameaçada de extinção pela exploração intensiva de sua madeira e ausência de reposição. Pouco se conhece sobre crescimento e alocação de biomassa de espécies de floresta estacional em função do sombreamento. Espera-se que estas espécies apresentem plasticidade fenotípica, uma vez que estão sujeitas a forte gradiente estacional de luz em seu ambiente natural, em adição às variações de luz usualmente encontradas sob o dossel. Estudos desta natureza podem levar a um melhor entendimento do funcionamento dos ecossistemas de florestas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Crescimento inicial; Luz; Alocação de biomassa; Floresta estacional; Reflorestamento.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Interferência interespecífica entre Amaranthus hybridus L. e Amaranthus viridis L. PAB
Maluf,Angela Maria.
O objetivo deste trabalho foi estudar a interferência interespecífica entre duas espécies de Amaranthus -- A. viridis e A. hybridus <FONT FACE=Symbol>¾</FONT>, esta última com dois biótipos distintos (verde e roxo); ambas ocorriam associadas em dois locais. Nas populações de cada local foram feitos ensaios de substituição independentes, em vasos, nos quais observou-se que as populações que germinam mais prontamente são as que vencem em competição, ou seja, se estabelecem e produzem maior número de sementes. Houve tendência de A. hybridus (tipo verde) dominar tanto A. hybridus (tipo roxo) como A. viridis, e de A. hybridus (tipo roxo) dominar A. viridis. Em cultivo misto, houve casos em que as espécies estavam competindo pelos mesmos recursos, ou...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alocação de energia; Alocação de biomassa; Planta infestante; Amaranto; Ensaios de substituição.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X1999000500001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Respostas de cultivares de Brachiaria humidicola e de Brachiaria brizantha 'Marandu' ao alagamento do solo. Infoteca-e
DIAS FILHO, M. B.; LOPES, M. J. dos S..
Objetivou-se com esse estudo comparar as respostas das cultivares Comum e Llanero de Brachiaria humidicola ao excesso de água no solo com a cultivar Marandu de Brachiaria brizantha. Para isso, as plantas foram cultivadas em vaso, sob alagamento, durante 10 dias contínuos ou em solo com drenagem livre. O decréscimo na taxa de alongamento foliar, em plantas cultivadas em solo alagado, foi maior na cultivar Marandu, intermediário na cultivar Llanero e menor na cultivar Comum. Ambas as cultivares de B. humidicola não tiveram o índice SPAD afetado pelo alagamento do solo, enquanto plantas da cultivar Marandu apresentaram redução significativa. A produção de massa seca de folhas e raízes foi mais reduzida pelo alagamento do solo na cultivar Marandu e menos na...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Cultivar; Taxa de alongamento foliar; Índice SPAD; Alocação de biomassa; Brachiaria Brizantha; Brachiaria Humidicola; Solo Inundado; Comportamento de Variedade; Gramínea Forrageira.
Ano: 2019 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1114212
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tolerância ao alagamento do solo em seis acessos de "Brachiaria brizantha". Repositório Alice
DIAS-FILHO, M. B.; QUEIROZ, R. J. B..
2003
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Alocação de biomassa.
Ano: 2003 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/575421
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tolerância ao alagamento em cinco acessos de Brachiaria brizantha. Repositório Alice
DIAS-FILHO, M. B..
Algumas respostas morfológicas e fisiológicas de cinco acessos de Brachiaria brizantha (BRA000591 cultivar Marandu, BRA003441, BRA002844, BRA004308 e BRA004391) foram comparadas em plantas cultivadas em vasos, sob condições de solo alagado e bem drenado, durante 14 dias. O alagamento reduziu significativamente a produção de massa seca foliar em todos os acessos, mas para a massa seca radicular, não foi possível encontrar diferenças entre tratamentos em BRA003441 e BRA004391. Somente BRA003441 não produziu raízes adventícias sob alagamento. A taxa de crescimento relativo foi reduzida pelo alagamento somente em BRA000591 e BRA004308. A taxa de elongação foliar foi reduzida pelo alagamento do solo em todos os acessos, porém, com maior severidade em BRA003441....
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Adventitious roots; Photosynthesis; Forage grasses; Biomass allocation; Growth rate; Raízes adventícias; Fotossíntese; Gramíneas forrageiras; Alocação de biomassa; Taxa de crescimento.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/107344
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tolerância de três acessos de Brachiaria spp. ao alagamento do solo, em condições controladas. Repositório Alice
LIMA, E. do V.; AZEVEDO, V. R. de; DIAS FILHO, M. B..
O excesso de água no solo em pastagens tropicais é a principal condição para instalação da síndrome da morte do capim Brachiaria brizantha cv. Marandu. Assim, objetivou-se comparar a tolerância relativa de três genótipos de Brachiaria: B. humidicola cv. Comum, B. humidicola cv. LIanero e B. brizantha cv. Marandu, ao alagamento do solo. As plantas foram cultivadas em vasos, sob alagamento do solo, em casa de vegetação, na Embrapa Amazônia Oriental, Belém (PA). O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3 x 2, com cinco repetições. As produções de folhas, colmos e de massa seca total não foram reduzidas pelo alagamento do solo na cultivar LIanero, sendo mais reduzidas na cultivar Marandu. Todos os genótipos testados...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Alocação de biomassa; Brachiaria brizantha; Massa seca.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/903796
Registros recuperados: 16
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional