Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho produtivo de macieiras 'Royal Gala' e 'Fuji' submetidas a diferentes densidades de plantio e porta-enxertos PAB
Pereira,Adílson José; Pasa,Mateus da Silveira.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da densidade de plantio e de porta-enxertos sobre o desempenho produtivo de macieiras 'Royal Gala' e 'Fuji'. O trabalho foi realizado de 1996 a 2007, com as cultivares Royal Gala e Fuji, na região de São Joaquim, SC. Os tratamentos consistiram de dois porta-enxertos (M9 e M26) e três densidades de plantio (1.667, 2.500 e 5.000 plantas por hectare), dispostos em arranjo fatorial 2x3, com seis tratamentos por cultivar. Utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso, com quatro repetições. O aumento da densidade de plantio aumenta a produtividade e diminui a produção e o número de frutos por planta, independentemente da cultivar. Além disso, o aumento da densidade de plantio reduz o vigor das plantas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Malus domestica; Alta densidade; Controle de vigor; Pomares modernos; Porta-enxertos ananicantes..
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2016000400348
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Métodos de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' e espaçamentos: efeitos no diâmetro do tronco, fenologia e produção de gemas em pessegueiros 'Aurora-1' Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
O presente trabalho teve por objetivo estudar o diâmetro do tronco, a fenologia e a produção de gemas em pessegueiros 'Aurora-1', enxertados no porta-enxerto 'Okinawa' propagado por sementes e por estacas herbáceas, em três espaçamentos (6 x 2 m, 6 x 3 m e 6 x 4 m). No 2º e 3º anos após o plantio das mudas (2005 e 2006, respectivamente), foram estudadas 13 variáveis na cultivar-copa 'Aurora-1', além de sete avaliações trimestrais de diâmetro do tronco, mensuradas a 5 cm acima e abaixo do ponto de enxertia. Nas condições experimentais adotadas, conclui-se que: a) o diâmetro do tronco de pessegueiros 'Aurora-1' não é influenciado pelo método de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' nem pelos diferentes espaçamentos entre plantas; b) não há diferença de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Seedling; Estaca herbácea; Alta densidade.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000200052
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
SISTEMAS DE VENTILAÇÃO EM TÚNEL E LATERAL NA CRIAÇÃO DE FRANGOS DE CORTE COM ALTA DENSIDADE AGRIAMBI
Zanolla,Neri; Tinôco,Ilda de Fátima Ferreira; Baêta,Fernando da Costa; Cecon,Paulo Roberto; Moraes,Sandra Regina Pires de.
RESUMO Considerando-se a necessidade de se oferecer às aves um ambiente adequado para que elas possam expressar seu máximo desempenho, especialmente nas criações em alta densidade objetivou-se, com este trabalho, comparar o efeito de dois diferentes sistemas ambientais de acondicionamento térmico (Sistema de Ventilação em Túnel - SVT e Sistema de Ventilação Lateral - SVL, ambos associados à nebulização interna) sobre o conforto térmico do galpão e, conseqüentemente, sobre o desempenho produtivo de frangos de corte, em condições de verão, na região de Governador Valadares, MG, cada sistema com densidade de 14 aves m-2, 40% superior à média da região. O experimento foi conduzido dos 15 aos 42 dias de idade das aves, utilizando-se dois galpões idênticos, com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alta densidade; Conforto térmico; Ambiência avícola.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43661999000300361
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Vigor de clones de umezeiro e pessegueiro 'Okinawa' propagados por estacas herbáceas PAB
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o vigor de três clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) e do pessegueiro 'Okinawa' [Prunus persica (L.) Batsch], propagados por estacas herbáceas, em condições de campo. O experimento foi conduzido em blocos ao acaso, com quatro tratamentos (genótipos) e cinco repetições. As plantas foram espaçadas 0,5 m entre si. O pessegueiro 'Okinawa' apresentou maior diâmetro do tronco, em relação aos clones de umezeiro. Na análise conjunta das variáveis, o Clone 10 revela-se o menos vigoroso, indicando a possibilidade de sucesso como porta-enxerto ananizante para pessegueiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Prunus mume; Prunus persica; Alta densidade; Frutas de caroço; Nanismo; Porta-enxerto.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2006000500024
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional