Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 87
Primeira ... 12345 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise estrutural da floresta tropical úmida do município de Alta Floresta, Mato Grosso, Brasil Acta Amazonica
Malheiros,Antonio Francisco; Higuchi,Niro; Santos,Joaquim dos.
Este trabalho teve como objetivo estudar a composição e estrutura de um estrato arbóreo da floresta tropical úmida em Alta Floresta - MT, determinando os padrões de semelhança com outras regiões da Amazônia brasileira. O estudo foi realizado em uma área de 2 hectares, dividida em 20 parcelas de 10x 100m, onde foram mensurados a altura e o DAP ≥ 10 cm de todos os indivíduos. Para avaliação do grau de similaridade entre a composição florística e estrutura arbórea de Alta Floresta com as nove regiões pertencentes à Amazônia Legal brasileira, utilizou-se o método de agrupamento hierárquico aglomerativo com ligações pela média dos grupos (UPGMA), por meio do índice de Sorensen (qualitativo). Para a ordenação, foi utilizado o mesmo programa, utilizando a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Estrutura; Similaridade; Amazônia mato-grossense; Alta Floresta.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672009000300008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise estrutural em floresta ombrófila densa de terra firme não explorada, Amazônia Oriental. Repositório Alice
SOUZA, D. R. de; SOUZA, A. L. de; LEITE, H. G.; YARED, J. A. G..
O estudo teve como objetivo analisar a composição florística e as estruturas horizontal, interna e diamétrica da floresta. A pesquisa foi conduzida na Unidade de Manejo Florestal (UMF) da Fazenda Tracajás (02o35?53?S e 47o47?10?W), Município de Paragominas, Estado do Pará, Brasil. A floresta foi estratificada em três áreas homogêneas, denominadas classes I, II e III de estoques volumétricos, empregando-se análise multivariada: análises de agrupamento e discriminante. Em cada classe de estoque foram instaladas, aleatoriamente, cinco parcelas de 100 x 100 m (1,0 ha) cada uma, para medição dos indivíduos com dap ? 15 cm. No centro de cada parcela de 100 x 100 m foi instalada uma subparcela de 10 x 100 m (0,1 ha), para medição dos indivíduos com 5 cm ? dap...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Floresta tropical; Diversidade; Composição florística; Estrutura fitossociológica.
Ano: 2006 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/578016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e estrutural do estrato arbóreo-arbustivo de um sistema agroflorestal na caatinga, em Sobral, CE. Repositório Alice
SILVA, V. M. A.; CAMPANHA, M. M.; MEDEIROS, H. R. de.; SILVA, G. J. G. M..
A Caatinga, que ocupa mais de 10% do território nacional, é o bioma semi-árido mais rico do mundo em biodiversidade. Entretanto, desmatamentos e queimadas praticados pela agropecuária tradicional vem provocando alterações neste ecossistema. Como alternativa, a Embrapa Caprinos desenvolveu um sistema agroflorestal (SAF) voltado para o semi-árido. O objetivo deste trabalho foi avaliar a preservação da flora nativa em um SAF implantado em Sobral/CE. O estudo foi conduzido em 2008, em 1,6 ha de área destinada ao plantio agrícola no SAF. Foram calculadas a densidade, a frequência e a dominância relativas, índice de valor de importância, Índice de diversidade de Shannon (H?) e a Equabilidade (J.). Foram encontrados 24 indivíduos, distribuídos em quatro famílias...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Sistema agroflorestal; Sistema agrossilvipastoril; Código florestal; Composição florística; Brasil; Ceará; Semiárido; Biodiversidade; Caatinga; Pastagem nativa; Conservação; Espécie nativa; Árvore forrageira; Agroforestry systems; Agrosilvopastoral systems; Brazil; Semiarid soils; Browse plants.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/857004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e fitosociológica do estrato arbóreo-arbustivo de um sistema agrosilvopastoril com caprinos, em Sobral, CE. Repositório Alice
VALE, N. F. L.; ARAGÃO, V. M. A.; CAMPANHA, M. M.; MEDEIROS, H. R. de; MEDEIROS, F. S. de A..
2010
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Flora arbustivo-arbórea; Fitossociologia; Composição florística; Sistema agrossilvopastoril; Brasil; Nordeste; Ceará; Código florestal; Caprino; Recurso natural; Pastagem nativa; Caatinga; Conservação; Agroforestry systems; Agrosilvopastoral systems; Goats; Model forests; Semiarid soils; Conservation agriculture; Grassland management.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/856873
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Analysis of growth form types and floristic composition due to past disturbance and plantation management in the SHIFT experimental area. Infoteca-e
PREISINGER, H.; SIQUEIRA, M. do S. G.; COELHO, L. F..
bitstream/item/180630/1/ID-79940-29-45.pdf
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Composição florística.
Ano: 1993 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1093721
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspecto fitossociológicos de um fragmento florestal no município de Monte Negro, Estado de Rondônia. Repositório Alice
MARTINS, EUGÊNIO PACELLI; CANTANHÊDE, FABIANE LIMA; LOCATELLI, M..
2006
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Composição florística; Monte Negro; Rondônia; Estrutura Diamétrica.
Ano: 2006 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/928720
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos estruturais da comunidade arbórea em remanescentes de floresta estacional decidual, em Corumbá, MS, Brasil Rev. Bras. Bot.
Lima,Michele Soares de; Damasceno-Júnior,Geraldo Alves; Tanaka,Marcel Okamoto.
(Aspectos estruturais da comunidade arbórea em remanescentes de floresta estacional decidual, em Corumbá, MS, Brasil). Um estudo comparativo da estrutura da comunidade arbórea entre dois remanescentes de floresta decídua foi conduzido em diferentes altitudes: florestas deciduais de terras baixas (FEDTB) e submontana (FEDSM), localizados em Corumbá, MS, Centro Oeste brasileiro. Amostraram-se indivíduos arbóreos com CAP ³ 15 cm, utilizando-se método de quadrantes. Foram demarcados 80 pontos em FEDTB e em FEDSM 78 pontos foram distribuídos por altitude: 180 m (18 pontos), 220, 260 e 300 m de altitude (20 pontos cada). Em FEDTB foram amostradas 34 espécies, sendo que Calycophyllum multiflorum Griseb., Ceiba pubiflora (A. St.-Hil.) K. Schum. e Anadenanthera...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Fitossociologia; Floresta decídua; Gradiente altitudinal.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042010000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos fitossociológicos de um fragmento da floresta natural de Astronium balansae engl., no município de Bossoroca, RS Ciência Rural
Boligon,Alexandra Augusti; Longhi,Solon Jonas; Murari,Augusto Bolson; Hack,Cristiano.
Este estudo objetivou conhecer a composição florística e a estrutura fitossociológica de um fragmento da Floresta Natural de Astronium balansae Engl., no município de Bossoroca, RS, Brasil. Foram demarcadas 7 unidades amostrais de 10x100m (1000m2) onde observou-se a ocorrência de 476 indivíduos com Circunferência à Altura do Peito (CAP) = 30cm, distribuídos em 35 espécies e 25 famílias. As espécies mais características e importantes da floresta foram Astronium balansae, Myrcianthes pungens, Patagonula americana, Eugenia uniflora e Parapiptadenia rigida. As famílias Myrtaceae, Meliaceae e Euphorbiaceae foram as mais representativas do fragmento florestal estudado. O valor do Índice de diversidade de Shannon foi 3.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Fitossociologia; Pau-ferro.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000500014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Banco de sementes do solo para uso na recuperação de matas ciliares degradadas na região Noroeste fluminense. Repositório Alice
OLIVEIRA, T. J. F. de; BARROSO, D. G.; ANDRADE, A. G. de; FREITAS, I. L. J.; AMIM, R. T..
O objetivo deste trabalho foi caracterizar a capacidade de germinação e diversidade das espécies do banco de sementes de um fragmento de mata ciliar localizado na Estação Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro (PESAGRO-RJ), em Itaocara - RJ e, com isso, avaliar o seu potencial para uso em técnicas de nucleação. Amostras de 0,25 m x 0,25 m x 0,05 m de solo e serapilheira foram coletadas em cinco diferentes pontos do fragmento, a cada 10 m, a partir da margem do rio Paraíba do Sul. Em cada distância foram tomadas três amostras de solo e três amostras de solo + serapilheira. O material coletado foi levado à Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) e disposto em bandejas plásticas de 25 cm de diâmetro e 9 cm de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Composição florística; Restauração; Mata Atlântica; Nucleação.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1100158
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversidade de espécies arbóreas do sub-bosque de reflorestamentos no Brasil Repositório Alice
RONQUIM, C. C.; VITAL, D. M.; ALVAREZ, I. A..
Este estudo teve como objetivo avaliar diversidade de espécies arbustivo-arbóreas que ocorrem no sub-bosque de plantios comerciais de Eucalyptus spp e Pinus spp no Brasil por meio da revisão de 40 trabalhos científicos. Ao todo foram identificadas 79 famílias, 294 gêneros e 761 espécies nativas. As cinco espécies de maior ocorrência foram: Casearia sylvestris (Sw.); Copaifera langsdorffii (Desf.); Zanthoxylum rhoifolium (Lam.); Siparuna guianensis (Aubl.); Piptadenia gonoacantha (Mart.) Macbr. De todas as espécies relacionadas somente 20% são pioneiras. Das espécies encontradas nesse ambiente, 233 ocorrem somente no bioma mata atlântica e 108 somente em fisionomias do bioma cerrado. As demais espécies ocorrem em ambos os biomas. A forma de dispersão de...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Composição florística; Espécies nativas; Eucalyptus spp.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/902501
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversidade de espécies arbóreas nativas do sub-bosque de povoamento de Eucalyptus SPP. Repositório Alice
RONQUIM, C. C.; VITAL, D. M..
Esse estudo teve como objetivo avaliar diversidade de espécies arbustivo-arbóreas que ocorrem no sub-bosque de plantios comerciais de Eucalyptus spp. nos estados de São Paulo e Minas Gerais por meio da revisão de 28 trabalhos científicos. Ao todo foram identificadas 73 famílias, 264 gêneros e 663 espécies. As dez espécies de maior ocorrência foram: Casearia sylvestris Sw.; Copaifera langsdorffii Desf.; Zanthoxylum rhoifolium Lam.; Siparuna guianensis Aubl.; Piptadenia gonoacantha (Mart.) Macbr.; Cabralea canjerana (Vell.) Mart.; Ocotea corymbosa (Meisn.) Mez; Rapanea ferruginea (Ruíz & Pav.) Mez; Aegiphila sellowiana Cham. e Tapirira guianensis Aubl. Foram encontradas 34 espécies com algum grau de ameaça de extinção de acordo com a ?Lista oficial das...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Composição florística; Espécies arbóreas nativas; Eucalyptus spp; Sub-bosque.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/874356
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversidade de espécies arbóreas sob o dossel de Eucalyptus spp e Pinus spp no Brasil. Repositório Alice
RONQUIM, C. C.; COLA, M. G. S.; SILVA, G. B. S. da; ALVAREZ, I. A.; ARAUJO, L. S. de.
2011
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Composição florística; Espécies nativas; Diversidade.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/916445
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversity of vegetation in the Atlantic Forest of Paraibuna river trail – State Park of Mountain Range Sea Sci. Agrar.Paran. / SAP
Marmontel, Caio Vinicius Ferreira; Rodrigues, Valdemir A..
The Atlantic Forest wealth an cherish of animal and plant species, and have the high test levels of biodiversity on the plant. We aimed to characterize the floristic composition of the arboreous vegetation of the Atlantic Forest in Rio Paraibuna belonging Core Cunha to the State Park of Mountain Range Sea. 10 plots were marked with size of 25 m² each and recorded all woody tree species with DBH greater than or equal 5 cm. In the survey of native tree species were sampled 90 live individuals distributed in 19 botanical families, 26 genres and 28 species identified, with a diameter class in the standard of native forests. The family with bigger abundance faugh Myrtaceae and species Cyathea delgadii e Nectandra lanceolata individuals with bigger numbers. The...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Diversidade; Floresta de Araucária; Floresta Ombrófila Densa..
Ano: 2013 URL: http://e-revista.unioeste.br/index.php/scientiaagraria/article/view/6312
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características da estrutura de uma floresta de terra firme em Porto Velho, Rondônia. Infoteca-e
BENTES-GAMA, M. M.; LEAL, G. S.; BARROS, J. de O.; LOPES, R. H.; ZAMORA LÓPEZ, G. F.; SILVEIRA, J.C. da..
O objetivo deste trabalho foi estudar a estrutura de um fragmento de floresta ombrófila aberta com a finalidade de ampliar o sistema de informações sobre a tipologia florestal no estado de Rondônia. A área de estudo está localizada no campo experimental da Embrapa em Porto Velho, Rondônia. O levantamento ocorreu em uma parcela permanente de 300 x 300 m (9 ha), subdivida em 100 sub-parcelas de 30 x 30m (0,09 ha), nas quais foram inventariados todos os indivíduos com Diâmetro a Altura do Peito - DAP = 15 cm. Foram registrados 2.327 indivíduos arbóreos, distribuídos em 99 espécies, 66 gêneros e 30 famílias botânicas, com uma diversidade H' = 3,63. A família Caesalpinaceae foi a que concentrou o maior número de indivíduos (460). Já as espécies que se...
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Composição florística; Fitossociologia; Inventário florestal; Sclerolobium paniculatum.
Ano: 2009 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/710383
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização e aspectos fenológicos da vegetação ripária de municípios do Submédio São Francisco. Repositório Alice
KIILL, L. H. P.; DIAS, C. T. de V..
As denominações floresta ripária, mata ciliar, de galeria, de várzea, ribeirinha são as mais utilizadas para designar a vegetação que se localiza ao longo dos rios e córregos, independentes do bioma onde ocorrem (SPERA, 1995). De acordo com Berg (1995), o termo floresta ripária seria o mais adequado, pois pode ser aplicado às florestas associadas a cursos d?água dentro de quaisquer formações vegetais brasileiras. Catharino (1989), em estudos florísticos de matas ciliares, alertou para a grande abrangência do termo ?mata ciliar?, principalmente considerando a grande variação dos ecossistemas ribeirinhos do Brasil. O autor esclarece que não são encontradas apenas florestas nas beiras de cursos d?água, mas, também, outras associações vegetais. O mesmo autor...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Floresta ripária; Mata ciliar; Vegetação; Composição florística; Fitossociológica; Vale do São Francisco; Código florestal; Caatinga; Planta nativa; Vegetação; Vegetation; Vegetation ecology.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/884098
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização fitossociológica do estrato arbóreo em um remanescente de floresta estacional semidecidual, em Montenegro, RS Ciência Rural
Longhi,Solon Jonas; Brena,Doádi Antônio; Scipioni,Marcelo Callegari; Giacomolli,Leonardo Zanella; Deliberali,Gustavo; Longhi,Régis Villanova; Mastella,Tarso.
O presente trabalho foi realizado em um remanescente de Floresta Estacional Semidecidual antropizado, localizada nas coordenadas 29° 49'S e 52° 25'W, nas proximidades do pólo petroquímico no município de Montenegro (RS), Brasil, com o objetivo de conhecer seus aspectos florísticos e fitossociológicos. A amostragem foi sistemática constituída de 21 faixas com 10m de largura e comprimento variável de acordo com a extensão da floresta, distantes entre si em 80m, onde foram distribuídas parcelas contíguas de 10 x 10m (100m²). Foram avaliados indivíduos que apresentavam circunferência à altura do peito (CAP)>15cm, totalizando 3.854 indivíduos (1,83ha), distribuídos em 81 espécies, 59 gêneros e 32 famílias. As famílias botânicas mais representativas na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Sucessão; Espécies florestais.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000600021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Classification of plant communities, structure and diversity of forests in Acre, Brazil. Repositório Alice
EULER, A. M.; FUJIWARA, K.; BOX, E.; SARAIVA, R..
2016
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Floristic composition; Botanic composition; Composição florística; Composição botânica.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1047507
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparações florísticas e estruturais entre comunidades de palmeiras em fragmentos de floresta primária e secundária da Área de Proteção Ambiental Raimundo Irineu Serra - Rio Branco, Acre, Brasil Acta Amazonica
Carvalho,Anelena Lima de; Ferreira,Evandro José Linhares; Lima,Joanna Marie Tucker.
O presente estudo compara a composição e estrutura das comunidades de palmeiras da Área de Proteção Ambiental Raimundo Irineu Serra - APARIS, localizada no perímetro urbano do Município de Rio Branco-Acre. Foram selecionadas três áreas de floresta secundária em estágios sucessionais distintos: 7,5 anos, 27,5 anos, 37,5 anos de idade, e um fragmento de floresta primária. Em cada área foram instaladas cinco parcelas de 20 X 20m, onde foram analisadas a composição florística, estrutura horizontal e estrutura populacional das palmeiras. Foram identificados 1.034 indivíduos, incluídos em 12 gêneros e 19 espécies de palmeiras. A área de floresta primária apresentou maior diversidade. Na análise da estrutura populacional de cada área, comprovamos a existência de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Arecaceae; Composição florística; Estrutura populacional; Fragmentos florestais; Floresta secundária.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672010000400004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Composição de espécies vasculares de campo sujo e campo úmido em área de cerrado, Itirapina - SP, Brasil Rev. Bras. Bot.
Tannus,João L.S.; Assis,Marco Antonio.
Foi estudada a composição florística de uma área de cerrado na região de Itirapina - SP (22°15'43''-50'' S e 47°53'- 54' W), onde ocorrem fisionomias de campo sujo e campo úmido. Visando estabelecer uma melhor distinção entre estas fisionomias, foi realizado o levantamento florístico que incluiu coletas em excursões mensais no período de março de 1998 a abril de 1999, além de coletas esporádicas a partir de maio de 1999 até dezembro de 2001. Adicionalmente foi realizado um levantamento junto ao Herbário Rioclarense (HRCB) de todas as coletas provenientes desta área. Os resultados foram analisados em função da ocorrência das espécies nas fisionomias (campo sujo e campo úmido), e por componente florístico (herbáceo-subarbustivo e arbustivo-arbóreo). Foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Campo sujo; Campo úmido; Cerrado; Composição florística; Itirapina.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042004000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Composição e estrutura florística de florestas degradadas e secundárias da mesorregião Sudeste Paraense, PA, Brasil. Repositório Alice
DUARTE, J. A. P.; FERREIRA, G. C.; RUSCHEL, A. R.; MAFRA, N. do A..
O presente trabalho objetivou levantar os padrões florísticos e estruturais do componente arbóreo em florestas primárias degradadas (FPD) e florestas secundárias em estágio inicial (FSI) e intermediário (FSM), em dois níveis de diâmetro à altura do peito: nível I - 2cm<DAP>10cm e nível II ? DAP&#8805;10 cm. Para quantificar os indivíduos do nível II, foram instaladas 63 parcelas amostrais com o dimensionamento de 10 m x 250 m e no interior de cada destas alocaram-se sub-parcelas de 10 m x 10 m para amostragem dos indivíduos do nível I. Calculou-se os parâmetros fitossociológicos como a dominância, densidade e frequência relativas, o Índice de Valor de Importância (IVI) e o Índice de Valor de Cobertura (IVC), bem como a estrutura diamétrica da...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Fitossociologia; Composição florística; Floresta; Floresta Secundaria; Área Basal; Cecropia; Vismia Guianensis; Amazonia.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1106539
Registros recuperados: 87
Primeira ... 12345 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional