Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 194
Primeira ... 123456789 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A extrusão do amaranto no desenvolvimento de produtos: caracterização físico-química. Infoteca-e
ASCHERI, J. L. R.; CARVALHO, C. W. P. de; SPEHAR, C. R..
Introdução. Características nutricionais: composição em aminoácidos; composição lipídica; composição das vitaminas e minerais. Extrusão de amaranto: alguns resultados da extrusão de amaranto; Conclusões e recomendações. Referências bibliográficas.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Aspectos nutricionais; Extrusão; Composição química; Amaranto de grão.
Ano: 2004 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/415867
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Acidez na vinificação em tinto das uvas Isabel, Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc Ciência Rural
Rizzon,Luiz Antenor; Miele,Alberto.
A acidez é uma das características gustativas mais importantes dos vinhos e influencia sua estabilidade e coloração. Devido à insolubilização do ácido tartárico sob a forma de sais, a acidez titulável e o pH podem ser alterados durante a vinificação de acordo com o teor de potássio da uva. Este trabalho avaliou a evolução da acidez durante a vinificação de três cultivares de uvas tintas (Isabel - Vitis labrusca -, Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc - Vitis vinifera) da Serra Gaúcha. Os vinhos foram elaborados por microvinificação na safra de 1995, sendo avaliados a evolução da acidez titulável, pH, ácido tartárico e potássio imediatamente após o esmagamento da uva, na descuba e após a fermentação alcoólica, a fermentação malolática e a estabilização...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vinho; Composição química; Enologia; Acidez.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782002000300023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ácidos tartárico e málico no mosto de uva em Bento Gonçalves-RS Ciência Rural
Rizzon,Luiz Antenor; Sganzerla,Vânia Maria Ambrosi.
Os ácidos tartárico e málico são os principais componentes responsáveis pela acidez do mosto da uva. Suas concentrações no mosto estão relacionadas com aspectos fisiológicos da maturação da uva, com os fatores naturais de clima e solo da região vitícola e com as práticas agronômicas da produção. A razão tartárico/málico é importante para definir a colheita da uva e direcionar o sistema de vinificação. O objetivo do presente trabalho foi determinar os teores dos ácidos tartárico e málico e calcular a razão tartárico/málico dos mostos de cultivares de videira usadas na vinificação em Bento Gonçalves-RS, na safra de 2004. Foram analisados 81 mostos de uvas tintas: Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot e Isabel, e 56 mostos de uvas brancas: Chardonnay,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Uva; Composição química; Ácidos orgânicos.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782007000300053
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ADEQUAÇÃO TECNOLÓGICA DE FRUTOS DA AMAZÔNIA: LICOR DE ARAÇÁ-BOI (Eugenia stiptata) McVAUGH Acta Amazonica
ANDRADE,Jerusa de S.; RIBEIRO,Francisca C. F.; ARAGÃO,Carlos G.; FERREIRA,Sidney A. do N..
Para avaliar o potencial do araçá-boi para produção de licores, foi estudada a composição química da polpa e o efeíto de alguns parâmetros do processamento, tais como, tipo de líquido extrator, tempo de maceração, proporção polpa/líquido extrator, proporção xarope/extrato c método de preparo do xarope. O araçá-boi apresentou boas características para o processamento de licor, como o pH ácido, altos teores de acidez titulável, sólidos solúveis e carotcnóides totais. Os parâmetros ideais para obtenção de licor de boa qualidade foram: cinco dias de maceração na proporção de 1:2 (p/v) de polpa:álcool de milho, relação de 1:0,5 (v/v) de xarope:cxtrato na formulação, utilizando-se xarope preparado com dissolução do açúcar sob aquecimento.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto tropical; Eugenia stipitata; Composição química; Obtenção de licor; Avaliação sensorial.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671997000400273
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações bromatológicas e fermentativas durante o armazenamento de silagens de cana-de-açúcar com e sem milho desintegrado com palha e sabugo R. Bras. Zootec.
Evangelista,Antônio Ricardo; Siqueira,Gustavo Rezende; Lima,Josiane Aparecida de; Lopes,Jalison; Rezende,Adauton Vilela de.
Avaliaram-se as alterações bromatológicas e fermentativas de silagens de cana-de-açúcar com e sem milho desintegrado com palha e sabugo (MDPS) durante 100 dias de armazenamento. Foram determinados o pH, a capacidade tamponante e os teores matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), hemicelulose e nitrogênio amoniacal em relação ao nitrogênio total (N-NH3/NT). Os dados foram analisados em delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 × 21, com três repetições, no qual o fator A foi constituído pela cana picada in natura e cana picada com milho desintegrado com palha e sabugo e o fator B, pelos 21 tempos de armazenagem. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de regressão. Os valores de pH...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aditivos; Composição química; Ensilagem.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982009000100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações químicas e histológicas em mandiocas armazenadas das cultivares Catarina Amarela e Catarina Branca Acta Agron. (Palmira)
Reis Canto,Alisson; da silva Fonseca Júnior,nelson; Beleia,Adelaide.
A pesquisa teve por objetivo avaliar e comparar as alterações químicas e histológicas ocorridas após o armazenamento das raízes de mandioca (Manihot esculenta Crantz) das cultivares Catarina Amarela e Catarina Branca. A parte aérea da planta foi podada 30 dias antes da colheita e as raízes, cultivadas no Instituto Agronômico do Paraná, foram colhidas aos 10 meses de idade, armazenadas por 5 dias e submetidas à avaliação da deterioração fisiológica, teor de umidade, atividades de polifenoloxidase e peroxidase, teor de compostos fenólicos totais, detecção de peróxido de hidrogênio, teor de carotenóides totais, celulose, lignina, além de avaliações histológicas. Após o armazenamento as cultivares sofreram deterioração fisiológica e apresentaram alterações no...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alterações pós-colheita; Composição química; Manihot esculenta.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122013000200003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise bromatológica da parte aérea in natura de araruta (Maranta arundinacea L. 1753) MV&Z
Conceição Silva, Silvania; da Silva Correia, Gabriel; Lima Cordeiro, Verena; Silva Freitas, Caio; da Silva de Jesus, Eliane; de Oliveira Costa, Jackueliny; Eduardo Guimarães da Silva Filho, José; Fernandes Rocha, Laiara; Greque Gomes Santos de Souza, Mario; Santana dos Santos, Rosimere; Cunha da Silva, Saulo; Lorena Almeida Figueiredo, Tais; Karina da Silva Cavalcante, Ana.
Foi realizada a análise bromatológica da parte aérea da araruta (Marantaarundinacea) in natura, visando-se o seu posterior emprego na suplementaçãode galinhas caipiras. O trabalho foi desenvolvido no Setor de Forragiculturae no Laboratório de Bromatologia da UFRB (Cruz das Almas – Bahia). Omunicípio apresenta temperatura média anual de 24,5°C e a umidade relativado ar de aproximadamente 82%. No momento do corte, as plantas estavamcom aproximadamente 60cm de altura e dez meses de idade, que é o períodofinal de crescimento vegetativo e início da fase reprodutiva, e foi escolhidopor coincidir com a colheita dos rizomas. Foram coletadas nove amostrasde áreas aleatórias utilizando-se um quadrado de metal com 40cm2. Todasas amostras foram homogeneizadas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Forragem; Rizomas.
Ano: 2014 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/23820
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise química de corpos de frutificação de Pleurotus sajor-caju cultivado em diferentes concentrações de nitrogênio Ciênc. Tecnol. Aliment.
Silva,Evânia Geralda; Dias,Eustáquio Souza; Siqueira,Félix Gonçalves; Schwan,Rosane Freitas.
Os cogumelos do gênero Pleurotus normalmente crescem bem em substratos mais pobres em nitrogênio, ao contrário dos cogumelos Agaricus que requerem substratos com relação C/N mais estreita. Por outro lado, os valores nutricionais do cogumelo dependem da composição química do substrato utilizado e das condições de cultivo. Este trabalho teve como objetivo avaliar o teor de proteína dos corpos de frutificação do cogumelo Pleurotus sajor-caju cultivado em capim coast-cross, bagaço de cana-de-açúcar, farelo de trigo e diferentes teores de nitrogênio. Apenas os substratos com teores de nitrogênio de 0,65 a 1,30% foram colonizados, enquanto que nos substratos com 1,75 e 2,20% de nitrogênio não houve colonização. Não houve diferença significativa na produção de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pleurotus sajor-caju; Composição química; Teor de proteína.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612007000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação, em pré-colheita, de dessecante em duas cultivares de soja (Glycine max (L. ) Merril) III - Efeitos sobre a composição química (proteína, óleo e cinzas) e resíduos nas sementes Planta Daninha
Durigan,JC.; Durigan,J.F.; Carvalho,N.M..
A aplicação pré-colheita do dessecante paraquat, quando real izada a partir das primeiras épocas (75 e 72 dias após o início do florescimento, para a Santa Rosa e IAC-2, respectivamente) não modificaram os teores com que ocorreram normalmente, proteína, extrato etéreo e cinzas nos grãos. As análises do resíduo de paraquat nos grãos colhidos, mostram claramente que não se deve recomendar tal prática às lavouras de soja, cujo objetivo final seja o fornecimento de grãos para a alimentação humana e animal. Entretanto pode ser indicada, sem maiores restrições, àquelas cuja finalidade é a produção de sementes comerciais.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dessecante; Semente; Composição química; Resíduo.
Ano: 1980 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83581980000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aproveitamento do camu-camu (Myrciaria dubia) para produção de bebida alcoólica fermentada Acta Amazonica
Maeda,Roberto Nobuyuki; Andrade,Jerusa Souza.
O elevado teor de ácido ascórbico no camu-camu (Myrciaria dubia McVaugh, Myrtaceae) desperta o interesse de extrativistas, agricultores e consumidores, e leva à necessidade de desenvolvimento de tecnologias adequadas para produção em terra firme e aproveitamento industrial do fruto. Este trabalho teve por objetivo verificar a adequação do camu-camu para a produção de bebida alcoólica fermentada, assim como o efeito do branqueamento do fruto e da incorporação da casca à polpa nas características nutricionais e sensoriais da bebida. Os frutos foram separados em quatro lotes, sendo dois branqueados (90 ºC por 7 min). Após a despolpa, as cascas de um lote de cada tratamento (com e sem branqueamento) foram incorporadas às respectivas polpas e avaliadas quanto à...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto da Amazônia; Composição química; Saccharomyces cerevisiae; Fermentação; Análise sensorial.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672003000300014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da alimentação escolar oferecida aos alunos do ensino fundamental das escolas municipais de Lavras, MG Ciência e Agrotecnologia
Flávio,Eliete Fernandes; Barcelos,Maria de Fátima Píccolo; Cirillo,Marcelo Ângelo; Ribeiro,Alessandra Honório.
Objetivou-se no presente estudo avaliar a alimentação escolar (AE) oferecida aos alunos do ensino fundamental (EF) nas unidades escolares municipais (UEM), urbanas (EU) e rurais (ER), de Lavras, MG, de forma gratuita, em função do repasse financeiro do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), quanto à composição química e atendimento da meta de fornecer 15% das necessidades nutricionais dos alunos. A coleta de amostras para a análise da composição química foi realizada aleatoriamente, em todas as UEM durante o ano de 2004. A análise da AE apresentou valores diários médios de 189kcal, 7,5g de proteína, 72,9mg de Ca, 16,7mg de Mg, 2,2mg de Fe e 1,4mg de Zn. Para o atendimento da meta de fornecer 15% das necessidades nutricionais, do total de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Necessidades nutricionais; PNAE; Criança; Adolescente.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000600029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da composição centesimal, aminoácidos e mercúrio contaminante de surimi Ciênc. Tecnol. Aliment.
Mira,Nádia Valéria Mussi de; Lanfer-Marquez,Ursula Maria.
A produção de surimi no Brasil ainda constitui atividade pouco explorada, mas com grande potencial de crescimento, seguindo tendências internacionais. O surimi representa uma nova fonte e uma alternativa promissora na elaboração de produtos alimentícios de alto valor nutricional (hambúrgueres, salsichas, análogos de peixe), e de hidrolisados protéicos. Foi objetivo caracterizar um tipo de surimi, produzido a partir de peixes marinhos, visando contribuir para o estabelecimento de padrões de identidade e qualidade deste produto. O surimi foi estudado durante um ano em termos de composição centesimal, perfil de aminoácidos e níveis de mercúrio. O teor de umidade da amostra oscilou entre 79,5 e 88,7%, decorrente da eficiência do processo de centrifugação e da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Surimi; Composição química; Perfil de aminoácidos; Mercúrio.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612005000400007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 1. Digestibilidade in vitro e composição química R. Bras. Zootec.
Queiroz,Domingos Sávio; Gomide,José Alberto; Maria,José.
RESUMO - Foi avaliado o grau de correlação linear simples entre a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) e a composição química de lâminas e bainhas foliares e, do colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott), capim-setária (Setaria anceps, cv. Kazungula) e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa, Nees Stapf ). Os valores de DIVMS e os teores de proteína bruta (PB) e parede celular (FDN) exibiram gradiente ao longo do perfil do perfilho e diferença entre as frações do perfilho. As folhas situadas no topo do perfilho mostraram maior conteúdo de PB e digestibilidade, apesar dos mais altos teores de FDN, que as folhas situadas na base dos perfilhos. As lâminas foliares mostraram valores relativamente...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Correlação linear; Digestibilidade in vitro; Hyparrhenia rufa; Pennisetum purpureum; Setaria anceps.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982000000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da qualidade nutricional em espécies de pescado mais produzidas no Estado da Bahia Ciênc. Tecnol. Aliment.
Andrade,Graciele de Queiroz; Bispo,Eliete da Silva; Druzian,Janice Izabel.
Diversos fatores podem contribuir para a variabilidade na composição das diferentes espécies de pescado. Este trabalho teve como objetivo, identificar as espécies de pescado mais produzidas no Estado da Bahia, avaliar seu valor nutricional e realizar um levantamento das empresas beneficiadoras de pescado do Estado. Um questionário foi aplicado às beneficiadoras de pescado para a caracterização das empresas. Segundo a Bahia Pesca (2005), as espécies mais produzidas são: o camarão-rosa (Penaeus brasiliensis), representando 21,8% da produção estadual; a sardinha (Opisthonema oglinum), 10,2%; os vermelhos com as espécies guaiúba (Ocyurus chrysurus) e o ariacó (Lutjanus synagris), 6,6%; seguidos pela tainha (Mugil spp.), 4,1%. De acordo com o valor nutricional...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Nutrientes em pescado; Ácidos graxos; Beneficiamento.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612009000400004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da silagem de bagaço de laranja e silagem de milho em diferentes períodos de armazenamento - DOI: 10.4025/actascianimsci.v29i4.995 Animal Sciences
Pinto, Andréa Pereira; IAPAR; Mizubuti, Ivone Yurika; UEL; Ribeiro, Édson Luiz de Azambuja; UEL; Fey, Rubens; UEL; Palumbo, Guilherme Roberto; UNESP Jaboticabal; Alves, Teresa Cristina; USP.
Objetivou-se avaliar alguns parâmetros de qualidade da silagem de bagaço de laranja e silagem de milho em diferentes períodos de armazenamento dos silos. Foram preparados minisilos, com capacidade para 3,6 kg, em delineamento experimental inteiramente casualizado, distribuídos em arranjo fatorial 2 x 6, sendo dois tipos de silagem (bagaço de laranja ou milho) e seis períodos de armazenamento (10, 30, 50, 70, 90 e 110 dias), com três repetições. Determinaram-se as características químicas, parâmetros de fermentação e digestibilidade in vitro (DIV). O teor médio de matéria seca (MS) da silagem de bagaço de laranja (SBL) foi de 26,5%. Apesar de a SBL apresentar maior capacidade tampão do que a silagem de milho (SM), houve maior produção de ácido lático nas...
Palavras-chave: 5.04.04.00-8 Pastagem e Forragicultura ácido lático; Capacidade tampão; Composição química; Digestibilidade in vitro; Nitrogênio amoniacal; Parâmetros de fermentação 5.04.04.00-8 Pastagem e Forragicultura.
Ano: 2008 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAnimSci/article/view/995
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da silagem de sete genótipos de sorgo (Sorghum bicolor (L) Moench). III. Valor nutritivo Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Brito,A.F.; Gonçalves,L.C.; Rodrigues,J.A.S.; Rocha Jr.,V.R.; Borges,I.; Rodriguez,N.M..
Foram estudadas as silagens de quatro genótipos de sorgo de porte alto, colmo suculento e com açúcar e três de porte baixo, colmo seco e sem açúcar com o objetivo de estudar fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), hemicelulose, celulose, lignina e digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS). A percentagem média de FDN foi de 63,3% para os sorgos de porte alto e 65,5% para os de porte baixo. Os valores de FDA variaram de 33,1 a 35,7% no material original e de 30,1 a 34,3% aos 56 dias de ensilagem. Houve redução nos teores de hemicelulose com o avanço do processo fermentativo indicando sua utilização como fonte adicional de carboidratos. Observou-se variação nos conteúdos de celulose ao longo da fermentação em alguns dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Silagem; Sorgo; Composição química; DIVMS.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352000000500016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de aveia preta cv Iapar 61 submetida a níveis crescentes de nitrogênio em área proveniente de cultura de soja Animal Sciences
Moreira, Fernandes Barros; UEM; Cecato, Ulysses; UEM; Prado, Ivanor Nunes do; UEM; Wada, Fabio Yoshimi; UEM; Rêgo, Fabíola Cristiane de Almeida; UEM; Nascimento, Willian Gonçalves do; UEM.
Este experimento teve por objetivo avaliar o efeito de quatro níveis de nitrogênio (0, 50, 100 e 200 kg de N há-1) sobre a produção de matéria seca, proteína bruta, altura da planta, relação lâmina/colmo e composição química de dois cortes de aveia preta cv IAPAR 61, em áreas provenientes de cultivo de soja. O experimento foi conduzido em parcelas, com distribuição de blocos casualisados, onde foram avaliados dois cortes de aveia preta. A produção total de matéria seca foi de 3283, 4691, 4993 e 5471 kg ha-1 para os níveis 0, 50, 100 e 200 kg de N ha-1, respectivamente. A altura da planta e a relação lâmina/colmo não apresentaram diferença entre os níveis de nitrogênio. No entanto, a proporção de colmos foi superior no segundo corte. Os teores de proteína...
Palavras-chave: 5.04.00.00-2 Zootecnia aveia preta; Composição química; Nitrogênio; Potencial de produção; Proteína bruta 5.04.00.00-2 Zootecnia.
Ano: 2001 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAnimSci/article/view/2608
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de características da carcaça e da qualidade da carne de queixada (Tayassu pecari [Link, 1795]) Ciência e Agrotecnologia
Ramos,Eduardo Mendes; Oliveira,Cristiane Patrícia de; Matos,Rosali Amaral; Mota,Carine Menezes; Santos,Dimas Oliveira.
No presente trabalho, propôs-se avaliar os parâmetros de qualidade na carcaça e carne de queixadas adultas. Um total de quatro queixadas (três machos e uma fêmea), com peso vivo (PV) médio de 29,47 ± 3,45 kg, foi abatido, determinado o rendimento de carcaça quente (RCQ), e avaliada a área do olho do lombo (AOL), gordura de marmoreio (GM), espessura da gordura de cobertura (EGC), pH, perda de peso por cozimento (PPC), concentração de pigmentos heme totais (PHT) e composição centesimal no músculo Longissimus dorsi (LD). O RCQ em relação ao PV foi de 53,80%, assemelhando-se aos índices observados em bovinos e búfalos, sendo encontrada uma quebra de peso de 3,22% após refrigeração. O pH médio final, após 24 horas, foi de 5,54, dentro da faixa considerada...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Pigmentos heme; Rendimento de carcaça.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000700006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de cinco híbridos de milho (Zea mays, L.) em diferentes estádios de maturação: 3. Composição químico-bromatológica R. Bras. Zootec.
Zeoula,Lúcia Maria; Beleze,Juliano Ricardo Fontanini; Cecato,Ulysses; Jobim,Clóves Cabreira; Geron,Luiz Juliano Valério; Maeda,Emylin Midore; Falcão,Alencariano José da Silva.
O objetivo do presente estudo foi avaliar cinco híbridos de milho (Zea mays L.) Pioneer: superprecoce P32R21, os precoces P30R07, P3041 e P30F33 e o semiprecoce P30F80, quanto à composição química, em diferentes estádios de maturação. O delineamento utilizado foi de blocos ao acaso, com cinco tratamentos e quatro repetições. A colheita das amostras dos híbridos de milho foi adotada estimando-se os cinco estádios de maturação da planta: 30, 34, 38, 42 e 46% de matéria seca (MS). Para cada estádio de maturação, procedeu-se à separação de colmo + bainha, lâmina foliar e do grão para posteriores analises químicas. Da fração grão, foram determinados os teores de nitrogênio total e de amido, nos cinco estádios de maturação. Nas frações de lâmina foliar e colmo +...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Estádios de maturação; Grão; Colmo; Lâmina foliar.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982003000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de compostos não-voláteis em diferentes cultivares de cafeeiro produzidas na região sul de Minas Gerais - DOI: 10.4025/actasciagron.v31i1.6629 Agronomy
Malta, Marcelo Ribeiro; EPAMIG; Chagas, Sílvio Júlio de Rezende; EPAMIG.
O presente trabalho teve como objetivo avaliar os teores de trigonelina, ácidos clorogênicos (5-ACQ) e cafeína em grãos de diferentes cultivares de cafeeiro (Coffea arabica L.). As cultivares avaliadas foram coletadas na Fazenda Experimental da Epamig em Lavras, Estado de Minas Gerais, no ano agrícola de 2005/2006. O delineamento experimental utilizado foi um inteiramente casualizado constando de oito cultivares de café com três repetições. Foram avaliadas as cultivares: Oeiras MG 6851, Acaiá Cerrado MG 1474, Catuaí Vermelho IAC 99, Rubi MG 1192, Topázio MG 1190, Mundo Novo IAC 379/19, Catucaí Amarelo 2 SL e Catuaí Amarelo IAC 62. Após a colheita dos cafés por derriça manual no pano, estes foram lavados e submetidos ao processo de descascamento e...
Palavras-chave: 5.01.03.04-0 Produção de Mudas Coffea arabic; Melhoramento; Composição química; Ácido clorogênico; Cafeína; Trigonelina. Coffea Arabica; Breeding; Chemical composition; Chlorogenic acids; Caffeine; Trigonelline.
Ano: 2009 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/6629
Registros recuperados: 194
Primeira ... 123456789 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional