Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 15
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da germinação de esporos do fungo Asperisporium caricae em meios de cultura. Repositório Alice
LIMA, J. S.; ARAGÃO, K. A. e; LIMA, F. A.; MARTINS, M. V. V.; OLIVEI, F. S. A. de.
2010
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Germinação de esporos; Meios de cultura; Fungo.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/879995
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do desempenho do clone 3336 de Eucalyptus Urograndis na multiplicação e enraizamento in vitro. Repositório Alice
BETTENCOURT, G. M. de F.; DEGENHARDT-GOLDBACH, J..
2012
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Micropropagação in vitro; Meios de cultura; Ácido.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/943921
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento, esporulação e virulência do inóculo de Cercospora piaropi, agente de biocontrole do aguapé Trop. Plant Pathol.
Ávila,Zilá R. de; Pitelli,Robinson A..
O presente ensaio foi realizado com o objetivo de avaliar a produção de biomassa micelial bem como a esporulação de Cercospora piaropi, nos meios líquidos V8, ETD (Extrato de Tomate Diluído) e BD (Batata - Dextrose), em períodos de cultivo de 96, 120, 144 e 168 h, sob agitação constante. Adicionalmente foi avaliado o efeito de períodos de desidratação da biomassa micelial (24, 48, 72, 96 e 120 h) sobre a esporulação. Os inóculos obtidos foram avaliados quanto à severidade da doença em plantas de aguapé (Eichhornia crassipes). De acordo com os resultados, o meio ETD proporcionou maior crescimento micelial em relação aos meios BD e V8, destacando-se o período de 144 h de agitação. Entretanto, o meio V8 induziu esporulação superior do patógeno, quando...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Meios de cultura; Período de cultivo; Crescimento micelial; Planta invasora; Eichhornia crassipes.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582004000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cultivo in vitro de embriões zigóticos e aclimatação de plântulas de coqueiro-anão. Repositório Alice
LÉDO, A. da S.; GOMES, K.K.P.; BARBOZA, S.B.S.C.; VIEIRA, G.S.S.; TUPINAMBÁ, E.A.; ARAGÃO, W.M. de..
O objetivo deste trabalho foi ajustar os protocolos de cultivo in vitro de embriões zigóticos e de aclimatação de plântulas de coqueiro-anão-verde do Brasil de Jiqui (Cocos nucifera L.). Os embriões zigóticos maduros, colocados assepticamente em meio de cultura líquido Y3 suplementado com 27,8 mg L-1 de Fe2SO4.7H2O e 60 g L-1 de sacarose, apresentaram maior germinação e formação de plântulas normais. As plântulas transferidas para meio indutor de enraizamento Y3, gelificado e suplementado com 1 mg L-1 de ANA, 0,5 mg L-1 de BAP e 2,5 g L-1 de carvão ativado, apresentaram incremento do desenvolvimento radicular e da parte aérea. Na fase de aclimatação, o substrato composto por areia lavada e pó de casca de coco seco, na proporção de 1:1, proporcionou maior...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Cocos nucifera; Germinação in vitro; Meios de cultura; Regulador de crescimento; In vitro germination culture media; Growth regulator.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/120916
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cultivo in vitro de embriões zigóticos e aclimatação de plântulas de coqueiro-anão PAB
Lédo,Ana da Silva; Gomes,Kicia Karinne Pereira; Barboza,Sarah Brandão Santa Cruz; Vieira,Giuseppe Serra Seca; Tupinambá,Evandro Almeida; Aragão,Wilson Menezes de.
O objetivo deste trabalho foi ajustar os protocolos de cultivo in vitro de embriões zigóticos e de aclimatação de plântulas de coqueiro-anão-verde do Brasil de Jiqui (Cocos nucifera L.). Os embriões zigóticos maduros, colocados assepticamente em meio de cultura líquido Y3 suplementado com 27,8 mg L-1 de Fe2SO4.7H2O e 60 g L-1 de sacarose, apresentaram maior germinação e formação de plântulas normais. As plântulas transferidas para meio indutor de enraizamento Y3, gelificado e suplementado com 1 mg L-1 de ANA, 0,5 mg L-1 de BAP e 2,5 g L-1 de carvão ativado, apresentaram incremento do desenvolvimento radicular e da parte aérea. Na fase de aclimatação, o substrato composto por areia lavada e pó de casca de coco seco, na proporção de 1:1, proporcionou maior...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cocos nucifera; Germinação in vitro; Meios de cultura; Regulador de crescimento.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2007000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
CULTURA IN VITRO DE EMBRIÕES ZIGÓTICOS DE AÇAIZEIRO Rev. Bras. Frutic.
LEDO,ANA DA SILVA; LAMEIRA,OSMAR ALVES; BENBADIS,ABDELLATIF K.; MENEZES,ILMARINA CAMPOS DE; LEDO,CARLOS ALBERTO DA SILVA; OLIVEIRA,MARIA DO SOCORRO PADILHA DE.
Este trabalho teve como objetivo estabelecer o protocolo para a produção de plântulas in vitro a partir da conversão de embriões zigóticos de açaizeiro (Euterpe oleracea Mart.). Os embriões zigóticos maduros foram excisados sob condições assépticas, a partir de sementes obtidas de frutos maduros, e cultivados em tubos de ensaio com 10 mL de meio MS modificado pela presença de 0,17 g.L-1 de NaH2PO4, com 0,6 % de ágar, 0,25 % de carvão ativado e 3 % de sacarose. Foram testadas diferentes combinações de ANA (0,54; 2,68 e 5,37 miM) e BAP (0,44; 1,11; 1,55 e 2,22 miM) e uma testemunha adicional. Em média, os tratamentos constituídos da combinação de ANA e BAP foram superiores à testemunha para todas as variáveis avaliadas. As concentrações de 0,54 e 2,68 miM de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Conversão in vitro; Euterpe oleracea; Meios de cultura; Regulador de crescimento.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452001000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Embriogênese somática indireta em clones elite de Coffea arabica: multiplicação de calos. Repositório Alice
REZENDE, J. C. de; CARVALHO, C. H. S. de; SANTOS, A. C. R.; TEIXEIRA, J. B.; PASQUAL, M..
Objetivou-se comparar a taxa de multiplicação de calos embriogênicos de dois clones de Coffea arabica, selecionados para resistência à ferrugem e de alta produtividade, em dois meios de cultura, nos sistemas de cultivo gelificado e líquido. O experimento foi conduzido no Laboratório de Cultura de Tecidos da Fundação Procafé, em Varginha, MG. Os calos foram induzidos a partir de explantes foliares em meio nos meios PM/SM conforme protocolo descrito por Teixeira et al., (2004) e para a multiplicação, foram testados dois meios de cultura (meio do estágio dois de Albarran et al., 2004 e meio de multiplicação de Teixeira et al., 2004) e dois sistemas de cultivo (gelificado e líquido). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, em...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Meios de cultura; Microprogagação; Coffea..
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/903163
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo comparativo de diferentes meios de cultura para o isolamento de salmonelas em matérias-primas e rações Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
ALBUQUERQUE,Ricardo de; ITO,Nair Massako Kotayama; MIYAJI,Claudio Issamu.
A pesquisa foi conduzida com o objetivo de avaliar a eficiência de meios de isolamento de salmonelas. As matérias-primas e rações analisadas foram submetidas ao pré-enriquecimento em água peptonada tamponada, enriquecimento seletivo nos meios: Selenito cistina (SC), Tetrationato Hajna (TH) e Rappaport Vassiliadis (RV), e semeadura nos meios: Ágar Verde Brilhante (AVB) e Xilose Lisina Desoxicolato (XLD). Verificou-se que os caldos TH e RV produziram mais isolamentos que SC, que foi inferior nas condições deste trabalho, sendo que TH incubado a 42ºC produziu o maior número de resultados positivos, e os meios sólidos de plaqueamento AVB e XLD apresentaram eficiência semelhante.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Salmonella; Meios de cultura; Ração.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962000000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fitorreguladores e posição de explantes foliares na indução à calogênese em cerejeira-do-mato Ciência Rural
Golle,Diego Pascoal; Reiniger,Lia Rejane Silveira.
O presente trabalho objetivou avaliar o efeito de diferentes formas de inoculação, no meio nutritivo, de explantes foliares de Eugenia involucrata DC., uma espécie florestal nativa com diversas potencialidades econômicas. Foram avaliadas as posições abaxial, adaxial, com e sem cortes no limbo foliar. Foi utilizado o meio de cultura MS acrescido de 10 µM de ANA isolado ou das combinações, em µM, de 2,4-D e BAP: 5-5 e 5-10. A posição dos explantes afeta a calogênese e a organogênese em segmentos foliares de E. involucrata, sendo mais adequada a abaxial sem cortes na região do limbo. A associação dos reguladores de crescimento 2,4-D + BAP na concentração de 5-10 µM foi mais promissora para a obtenção de calos, especialmente os nodulares, putativos à...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Posição de explantes; Calos nodulares; Organogênese; Meios de cultura.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013001000005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fontes de nitrogênio, polpa de banana e ágar no desenvolvimento in vitro de plântulas de orquídea Horticultura Brasileira
Pasqual,Moacir; Figueiredo,Milene A de; Rezende,Juliana C de; Araújo,Aparecida G de; Santos,Flávia C; Ferreira,Ester A; Junqueira,Keize P.
Foram realizados dois experimentos com o objetivo de estudar os efeitos de fontes de nitrogênio, polpa de banana e ágar no desenvolvimento in vitro de orquídea Cattleya loddigesii. O primeiro experimento constituiu-se de NH4NO3 (0; 25; 50; 75 e 100% da formulação de 330 mg L-1) e KNO3 (0; 25; 50 e 100% da formulação de 380 mg L-1) acrescidas ao meio MS. No segundo experimento, os tratamentos consistiram de concentrações de ágar (0; 2; 4; 6 e 8 g L-1), no meio de cultura Knudson C, acrescido de polpa de banana nanica (0; 50; 100; 150 e 200 g L-1) em todas as combinações possíveis. Após a inoculação as culturas foram mantidas em sala de crescimento com irradiância em torno de 35 μmol m-2 s-1, temperatura de 25±1ºC e fotoperíodo de 16 horas, por 90 dias. Com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cattleya loddigesii; Orchidaceae; Cultura de tecidos; Meios de cultura.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362009000200016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinação in vitro e ex vitro de Inga vera Willd. subsp. affinis (DC.) T.D. Penn. Ciência e Agrotecnologia
Stein,Vanessa Cristina; Paiva,Renato; Soares,Fernanda Pereira; Nogueira,Rairys Cravo; Silva,Luciano Coutinho; Emrich,Eduardo.
O Inga vera Will subsp. affinis (DC). T.D. Penn. é uma espécie frutífera nativa do Cerrado, importante na recuperação de matas ciliares degradadas. Entretanto, apresenta sua propagação dificultada pelo fato de suas sementes serem recalcitrantes, ou seja, não tolerarem a perda de água. O objetivo deste trabalho foi estudar aspectos da germinação ex vitro e in vitro de ingazeiro. Para tanto, foram avaliados os efeitos de diferentes substratos: areia, Plantmax® e Areia+ Plantmax®; diferentes concentrações de sais: WPM, WPM/2, MS e MS/2, e diferentes concentrações de GA3 (0, 5, 10, 17 e 20 µM) no meio de cultura. Observou-se que, na germinação ex vitro, o substrato Plantmax® proporcionou maior porcentagem de germinação (82%). Com relação à germinação in vitro,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Espécies frutíferas; Substratos; Meios de cultura; GA3.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000600015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Indução da Esporulação de Culturas de Colletotrichum Gloeosporioides Penz Preservadas em Óleo Mineral. Repositório Alice
SILVA, M.F. da; LIMA, D.M.M.; CAVALCANTI, M.A.
Estudos foram realizados com quatro amostras não-esporuladas de Colleto&ichum gloeosporioidés Periz, preservadas em 6leo mineral durante 34 e 36 anos, pertencentes ao acervo da Micoteca URM,.do Departamento de MícoIogÉa da Universidade Federal de Perríambuco, com o fim de obter culturas esporuladas. Na indução para obtenção de estruturas reprodutivas, foram utilizadas, como substrato, folhas de mamoeiro (Carica papaya L.) hidratadas com uma suspensão micelial de C. gloeoporióides e extrato de folha de mamoeiro. Após indução, culturas esporuladas foram obtidas nos meios de batata-dextrose-ágar (BDA) e de aveia-sais minerais-ágar (ASMA-A). Verificou-se que no meio de ASMA-A, houve um aumento considerável de esporos, quando comparado com o meio de BDA.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Micologia; Folhas de mamoeiro; Meios de cultura.
Ano: 1991 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/106213
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micropropagação de pequizeiro (Caryocar brasiliense Camb.) Rev. Bras. Frutic.
Santos,Breno Régis; Paiva,Renato; Nogueira,Raírys Cravo; Oliveira,Lenaldo Muniz de; Silva,Diogo Pedrosa Corrêa da; Martinotto,Cristiano; Soares,Fernanda Pereira; Paiva,Patrícia Duarte de Oliveira.
Por apresentar dormência em suas sementes, a propagação do pequizeiro necessita de estudos para a obtenção de mudas por via assexuada. Este trabalho teve como objetivo contribuir para o estabelecimento de um protocolo de micropropagação de pequizeiro. Para indução de brotações, os explantes foram inoculados em meio WPM com diferentes concentrações de BAP e ANA. Para a indução de raízes, brotações obtidas in vitro foram transferidas para meio WPM suplementado com diferentes concentrações de AIB e na presença ou ausência de carvão ativado. As plantas obtidas foram transferidas para sacos de polietileno contendo o substrato, cobertas com uma garrafa tipo pet para auxiliar no processo de aclimatização. O melhor tratamento para a indução de brotações foi aquele...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: 6-benzilaminopurina; Organogênese; Ácido indolbutírico; Aclimatização; Fitorreguladores; Meios de cultura.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000200031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Propagação in vitro de Baptistonia pubes (Lindl.) Chiron & V.P. Castro (Oncidium pubes Lindl.) (Orchidaceae) Acta Botanica
Ferreira,Alessandro Wagner Coelho; Lima,Maria Inês Salgueiro; Faria,Ricardo Tadeu de; Ribeiro,Jose Pedro Nepomuceno; Casali,Carlos Aparecido.
Baptistonia pubes é uma epífita que ocorre na Floresta Atlântica do Brasil, no Paraguai e norte da Argentina. É considerada espécie vulnerável e ameaçada de extinção. Nossos objetivos foram avaliar a eficácia da germinação de suas sementes e o crescimento em dois pHs utilizando-se dois meios de cultura: Murashige-Skoog (modificado - (MS)) e meio nutritivo à base de banana nanica acrescido de NPK 20-20-20 (Plant Prood®) (BAN) variando-se as concentrações de nutrientes e pH para a germinação e para o crescimento inicial das plântulas. As sementes germinaram em média 15 dias após a inoculação, em todas as condições. A porcentagem de germinação variou entre 2,6 a 11,6%, sendo que a maior porcentagem ocorreu no pH=5,2 BAN e a menor no pH=6,2 MS/2. O meio BAN...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Germinação; Crescimento; Variação de pH; Meios de cultura.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000300006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Viabilidade de grãos de pólen de acessos de abacaxi silvestre (Ananas comosus var. ananassoides). Repositório Alice
SILVA, R. L. da; SOUZA, E. H. de; PELACANI, C. R.; SOUZA, F. V. D..
Os abacaxizeiros silvestres pertencem ao gênero Ananas e possuem fonte de resistência às principais doenças, além de grande potencial ornamental e para produção de fibras. A viabilidade polínica é uma medida de fertilidade masculina empregada no monitoramento de grãos de pólen, de modo a garantir a fecundação e tornar possível cruzamentos entre genótipos silvestres com cultivares comerciais. A determinação da viabilidade dos grãos de pólen pode ser feita pela germinação dos grãos de pólen in vitro como por meio de testes histoquímicos.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Meios de cultura; Germinação in vitro dos grãos de pólen; Histoquímica.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1032196
Registros recuperados: 15
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional