Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 5
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação agronômica de acessos de guaco (Mikania laevigata sch. Bip. Ex baker - asteraceae) no cerrado. Repositório Alice
ALONSO, A. M.; MALAQUIAS, J. V.; SOUSA, D. M. G. de; ANDRADE, G. A. de; VIEIRA, R. F.; SILVA, D. B. da.
bitstream/item/169301/1/Anais-CBRG-2016-pg-196.pdf
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Mikania laevigata; Guaco; Mikania; Planta medicinal; Características Agronômicas; Germoplasma; Cerrado.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1082946
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biogeografia do gênero Mikania Willd. (Asteraceae) no Rio Grande do Sul, Brasil Acta Botanica
Ritter,Mara Rejane; Waechter,Jorge Luiz.
A distribuição geográfica das 39 espécies nativas de Mikania Willd. no Rio Grande do Sul foi estudada em duas escalas: uma escala regional, utilizando regiões fisiográficas como unidades, e uma escala continental, considerando regiões político-geográficas como unidades. A riqueza específica e a amplitude de distribuiçãoforam obtidas diretamente de matrizes de presença e ausência, relacionando espécies e regiões. A matriz regional foi analisada por dois métodos multivariados, uma análise de agrupamentos e uma análise de coordenadas principais, utilizando o complemento do coeficiente de Jaccard como elemento de comparação (dissimilaridade). Na escala regional as regiões mais ricas foram o Litoral e a Depressão Central, enquanto na escala continental, a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Mikania; Asteraceae; Biogeografia; Rio Grande do Sul.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000300021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinação de sementes de Asteraceae nativas no Rio Grande do Sul, Brasil Acta Botanica
Ferreira,Alfredo Gui; Cassol,Bibiana; Rosa,Shirley Galli Taylor da; Silveira,Tânia Sales da; Stival,Ana Lúcia; Silva,Adriana Andreoli.
Aquênios (sementes) recém coletados, de treze espécies nativas de Asteraceae comuns nos ambientes abertos da região sul do Brasil foram testados quanto à germinação em temperaturas alternadas ( 20/10; 25/15; 30/20; 35/25°C) e sob temperaturas constantes ( 20; 25 e 30°C) com ou sem luz. A temperatura ótima para germinação varia entre as espécies, sendo que as espécies Elephantopus mobilis; Eupatorium laevigatum; Mikania cordifolia; Senecio oxyphyllus; Trixis prastens germinam de forma semelhante em todas temperaturas testadas. Eclipta alba tem sua germinação promovida a 30°C. Tagetes minuta tem a germinação das sementes promovida a 20°C. Em Senecio heterotrichius; S. selloi; Stenachaenium campestre; Symphyopappus casarettoi e Vernonia nudiflora as sementes...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Germinação; Temperatura; Luz; Compostas; Senecio; Baccharis; Eclipta; Elephantopus; Eupatorium; Mikania; Stenachenium; Sumphyopappus; Tagetes; Trixis.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062001000200009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micromorfologia da superfície do fruto de espécies de Mikania Willd. (Asteraceae) ocorrentes no estado do Rio Grande do Sul, Brasil Acta Botanica
Ritter,Mara Rejane; Miotto,Silvia Teresinha Sfoggia.
A micromorfologia da superfície dos frutos de 15 táxons de Mikania Willd. em microscopia eletrônica de varredura (MEV) é apresentada neste trabalho. Buscaram-se caracteres que auxiliassem a separação de espécies próximas, ocorrentes no Estado do Rio Grande do Sul. Para algumas delas, estes caracteres mostraram valor taxonômico. As espécies estudadas foram divididas em quatro grupos, de acordo com o padrão encontrado. O padrão que apresentou paredes periclinais estriadas e paredes anticlinais com projeções verrucosas foi o mais constante nas espécies de Mikania Willd. analisadas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Mikania; Asteraceae; Cipsela; Microscopia eletrônica de varredura.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000100022
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Taxonomic novelties in Mikania (Asteraceae: Eupatorieae) from Atlantic Forest, Brazil Naturalis
Borges, R.A.X.; Forzza, R.C.; Fraga, C.N..
During studies of Brazilian Atlantic Forest Asteraceae, a new species and a replacement name were determined: Mikania amorimii from Bahia State and Mikania capixaba from Espírito Santo State. The former is a new species related to M. ternata but distinct by its leaves, involucral bracts and cypsela morphology. The latter is proposed as a replacement name for Mikania dentata G.M.Barroso, a later homonym of M. dentata Spreng. Line drawings and comments about conservation status are made for both species.
Tipo: Article / Letter to the editor Palavras-chave: Atlantic Forest; Bahia; Compositae; Espírito Santo; Mikania; New species; Taxonomy; Vines.
Ano: 2010 URL: http://www.repository.naturalis.nl/record/525010
Registros recuperados: 5
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional