Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Efeitos pós ingestivos dos flavonóides rutina e genistina no intestino médio de larvas de Anticarsia gemmatalis: estudos iniciais.
Autores:  MARQUES, C. R. G.
CRUZ, N. A.
SALVADOR, M. C.
BOIÇA JUNIOR, A. L.
FALLEIROS, A. M. F.
SILVA, S. H.
MOSCARDI, F.
HOFFMANN-CAMPO, C. B.
LEVY, S. M.
Data:  2008-09-29
Ano:  2008
Palavras-chave:  Entomologia
Entomology
Resumo:  Na soja, as substâncias mais prováveis de defesa contra insetos-praga são os flavonóides; dentre estes, destacam-se a rutina (R) (quercitina 3-O-raminoglicosidio) e a isoflavona genistina (G) (genisteína, 7-O-ß-D-glicosidio). Estudos indicam o intestino médio (IM) do inseto como principal local de atuação destes compostos. O objetivo deste trabalho é avaliar a ocorrência de alterações morfológicas no IM de Anticarsia gemmatalis após ingestão destes flavonóides. Insetos provenientes da Embrapa/Soja-Londrina-PR foram alimentados em dietas artificiais contendo diferentes concentrações de "R" (R1= 0,827g; R2=1,654g), "G" (G1=0,031g; G2=0,062g), mistura das duas (R+G= 0,827g+0,031g) e dieta sem adição das substâncias. O IM de larvas de 30 instar foi processado e analisado rotineiramente ao microscópio de luz. Tanto "R" como "G" afetam o IM; no entanto, são alterações focais, ou seja, existem regiões alteradas em meio a regiões íntegras. O efeito da "R" sempre foi maior que da "G", em qualquer concentração. //As células colunares foram as mais afetadas, com vacuolização citoplasmática, ruptura da membrana apical e perda da bordadura estriada, indicando ausência de absorção. Em R2 foram detectados vazios citoplasmáticos, aumento do espaçamento intercelular e liberação do conteúdo celular para o lúmen. As células caliciformes não sofreram alterações. As células regenerativas mostraram proliferação celular atípica. A lâmina basal e a camada muscular também foram alteradas, resultando em fragmentação da parede do IM. Em larvas alimentadas com "G", as alterações foram semelhantes, porém mais brandas. O efeito aditivo de R+G foi mais intenso e detectado ao longo de quase todo epitélio. Em geral, a membrana peritrófica não foi afetada em nenhum dos tratamentos.

bitstream/item/190856/1/ID-28538.pdf

Resumo 948-1.
Tipo:  Resumo em anais de congresso (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  28538

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/470855
Editor:  In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 22., 2008, Uberlândia. Ciência, tecnologia e inovação: anais. Viçosa, MG: UFV, 2008.
Relação:  Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Formato:  1 CD-ROM.
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional