Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Perdas de água e de sedimentos em solos sob as coberturas de pastagem e de mata nativa na sub-bacia do ribeirão das Posses, Extrema/MG.
Autores:  GOMES, M. A. F.
PEREIRA, L. C.
SOUZA, M. D. de
FIGUEIREDO, R. de O.
Data:  2018-01-16
Ano:  2017
Palavras-chave:  Declividade
Escoamento superficial
Slope
Solo
Relação solo-água
Soil
Runoff
Resumo:  Este trabalho avalia perdas de água e de sedimentos em uma vertente com três tipos (classes) de solos representados por dois Cambissolos, dois Argissolos e dois Neossolos Litólicos, denominados de CH1, CH2, PVA1, PVA2, RL1 e RL2, sendo o primeiro sob cobertura de mata nativa, situado em cota mais elevada, com declividade de 55%, e os demais sob cobertura de pastagem em cotas inferiores, com declividades entre 53 a 19%. Uma análise comparativa entre as perdas de água, por exemplo, no período entre 25/05 e 10/12/2016, com precipitação de 649,3 mm, mostra que as maiores perdas ocorreram nos Neossolos Litólicos, com 19 e 21% de declividade, seguidos dos Argissolos com valores entre 35 e 23%. As perdas de água foram de 380,09 m3/ha (CH1), 392,49 m3/ha (CH2), 437,25 m3/há (PVA1), 509,95 m3/ha (PVA2), 948,03 m3/ha (RL1) e 901,22 m3/ha (RL2). Situação análoga ocorreu com os solos, cujo valor de perda mais baixo foi no CH1 com 4,71 kg/ha e mais alto no RL2 com 23,31 kg/ha. Aspectos de caráter físico do solo, como profundidade, densidade, condutividade hidráulica e teor de CO, aliados à declividade da área, foram relevantes na distinção das perdas, tanto de água quanto de sedimentos. O solo CH1 teve a cobertura (mata nativa) como um componente a mais que contribuiu para a menor perda. --- This work evaluates water and sediment losses in a slope with three types of soils represented by two Inceptisols, two Ultisols and two Udorthent, identified as CH1, CH2, PVA1, PVA2, RL1 and RL2. The first soil under native forest, located at a higher elevation, with a slope of 55% and the others soils under pasture cover at lower levels, with slopes between 53 and 19%. A comparative analysis of water losses, for example, in the period between May 05 and December 10, 2016, with a precipitation of 649.3, shows that the greatest losses occurred in Udorthents, with values of 19 and 21% of Slopes, followed by Ultisols with values between 23 and 35%. The water losses were 380.09 m3/ha (CH1), 392.49 m3/ha (CH2), 437.25 m3/ha (PVA1), 509.95 m3/ha (PVA2), 948.03 m3/Ha (RL1) and 901.22 m3/ha (RL2). Similar situation occurred with soils, whose lowest loss value was in CH1 with 4.71 kg / ha and highest in RL2 with 23.31 kg/ha. Aspects of soil physical character, such as depth, density, hydraulic conductivity and CO content, together with the slope of the area, were relevant in distinguishing losses, both water and sediments. Soil CH1 had the cover (native forest) as an additional component that contributed to the lower loss.

bitstream/item/171174/1/2017AA44.pdf
Tipo:  Artigo em anais de congresso (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  15970

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1085542
Editor:  In: RODRIGUES, V. A.; SIQUEIRA, H. E.; OLIVEIRA, P. J. D. de.; PINHEIRO, L. Z.; BUCCI, L. A. (Ed.). Biomas brasileiros: conservação da biodiversidade, solo, floresta e água. Botucatu: FEPAF, 2017. Edição dos anais do 5º Simpósio Internacional de Microbacias Hidrográficas, realizado em Botucatu, em junho de 2017.
Relação:  Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional