Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Adaptabilidade e estabilidade de linhagens experimentais de soja selecionadas para caracteres agronômicos através de método uni-multivariado.
Autores:  MAIA, M. C. C.
VELLO, N. A.
ROCHA, M. de M.
PINHEIRO, J. B.
SILVA JUNIOR, N. F. da.
Data:  2007-10-31
Ano:  2006
Palavras-chave:  Interação genótipo-ambiente
Produtividade
Estabilidade
Estability
Adaptabilidade
Adaptability
Método uni-multivariado
AMMI model
Soja
Glycine max
Características agronômicas
Rendimento
Soybeans
Genotype-environment interaction
Agronomic traits
Crop yield
Semillas de soja
Interacción genotipo-ambiente
Caracteristicas agronómicas
Rendimiento de los cultivos
Resumo:  Esta pesquisa visou estudar a interação entre genótipos e ambientes (G x E), a adaptabilidade e estabilidade fenotípica, com o uso do modelo biométrico AMMI (Additive Main Effects and Multiplicative Interaction Analysis), para avaliação da produtividade de grãos de linhagens experimentais (F10 e F11) de soja. O material envolveu três populações obtidas a partir de um dialelo parcial 4 x 4 com quatro genitores resistentes a insetos (IAC-100, Crokett, Lamar e D72-9601-1) e quatro cultivares adaptadas (BR-6, IAS-5, Davis, OCEPAR-4). Em F2 foram empregados três procedimentos distintos de seleção de plantas individuais: PCI, população formada a partir de plantas F2 obtidas com controle total de insetos; PRIM e PRIS formadas a partir de plantas F2 selecionadas para resistência a insetos mastigadores e sugadores respectivamente. De F3 a F11 foi praticada seleção entre progênies para produtividade de grãos e tolerância ao fotoperíodo. Foram desenvolvidos 24 experimentos delineados em blocos ao acaso com duas repetições subdivididas em conjuntos experimentais com testemunhas comuns, combinando as três populações e oito ambientes. Os ambientes (E1 a E8) combinaram dois locais (Anhembi, Areão), dois anos agrícolas (1999/2000, 2000/2001) e dois sistemas de manejo (controle intensivo de insetos ou CII e controle ecológico de insetos ou CEI). Os experimentos de 1999/2000 e 2000/2001 incluíram, respectivamente, 40 e 20 linhagens de uma população. Com base na produtividade de grãos, concluiu-se: o método AMMI evidenciou como linhagens F11 estáveis e produtivas, 70% da PCI, 65% da PRIS e 55% da PRIM; o local Anhembi destacou-se como de alta produtividade em todas as situações (três populações, dois anos e dois manejos; para as três populações, dentre os ambientes mais produtivos, o método AMMI destacou E1 (Anhembi, 1999/2000, CII) como de máxima estabilidade e E6 (Anhembi, 2000/2001, CEI) como de máxima instabilidade; para a capacidade de gerar linhagens superiores em adaptabilidade e estabilidade, sobressaíram-se os genitores IAC-100, D72-9601-1, BR-6, Davis e IAS-5; destaques especiais envolveram os cruzamentos do genitor IAC-100 com IAS-5, Davis, OCEPAR-4 e BR-6.

2006
Tipo:  Artigo em periódico indexado (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  1678-4499 (online)

16440

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/507371

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/113610/1/16440.pdf

10.1590/S0006-87052006000200004.
Editor:  Bragantia, Campinas, v. 65, n. 2, p. 215-226, 2006.
Relação:  Embrapa Acre - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional