Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Infoteca-e
País:  Brazil
Título:  Seleção para correção de prepúcio e ausência de prolapso em touros de corte.
Autores:  TORRES JUNIOR, R. A. de A.
BIGNARDI, A. B.
SILVA, L. O. C. da.
Data:  2005-07-25
Ano:  2003
Palavras-chave:  Bovino
Touro
Reprodução
Melhoramento genético animal
Seleção
Parâmetro genético
Cattle
Bulls
Reproduction
Animal breeding
Selection
Genetic parameters
Resumo:  O grande uso de touros para monta natural em pastagens tomadas por invasoras predispõe animais com prepúcio longo e com tendência a expor a membrana deste a lesões que podem causar até a perda permanente do reprodutor. Essas características são mais comumns nas raças zebuínas e nas britânicas mochas e nos compostos provenientes de combinações dessa raça. Dentre as formas de avaliação dessa característica destaca-se o uso de escores visuais de umbigo/prepúcio a partir de uma referência gráfica fixa que permite uma avaliação de toda a população e disponibiliza uma maior quantidade de informação. A herdabilidade dessa característica é em torno de 0,2, o que torna necessária uma avaliação dos animais pela progênie para conhecer melhor o seu valor como produtor de touros com prepúcio corrigido. Os descartes realizados na desmama, herdabilidade ligeiramente maior para as medidas no sobreano e a correlação residual intermediária (em torno de 0,5) entre as duas medidas justificam a necessidade de tomada de medida nas duas idades. Entretanto, a correlação genética alta entre as medidas na desmama e no sobreano permite que apenas um valor de diferença esperada na progênie seja publicado, reduzindo a quantidade de informação para o produtos e simplificando o processo de escolha. Uma única informação disponível na literatura mostra correlação genética intermediária (0,51) entre as medidas em machos e fêmeas, o que implica as medidas de umbigo nas fêmeas serem menos eficientes na identificação dos melhores animais. No entanto, a simplicidade de avaliação e a pouca informação disponível, até o momento, tornam desejável que se continuema avaliar os escores de umbigo em fêmeas, mesmo que eles sejam utilizados apenas como características indicadoras do valor do anmal para correação de prepúcio e não resultem em mais uma diferença esperada na progênie para umbigo. As correalações genéticas moderadas encontradas entre escore de prepúcio e características de crescimento mostram que é possível identificar animais com valores genéticos desejáveis para as características de peso e gano e valores de bons acima para escore de prepúcio.

2003
Tipo:  Documentos (INFOTECA-E)
Idioma:  Português
Identificador:  85 297 0170 4

10917

http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/325752

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/104767/1/Selecao-para-correcao-de-prepucio.pdf
Editor:  Campo Grande, MS: Embrapa Gado de Corte, 2003.
Relação:  Embrapa Gado de Corte - Documentos (INFOTECA-E)
(Embrapa Gado de Corte. Documentos, 137).
Formato:  22 p.
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional