Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 183
Primeira ... 123456789 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliacao do desempenho reprodutivo e estabelecimento da estacao de monta de equinos em regime de monta natural a campo no Pantanal. Infoteca-e
SERENO, J.R.B.; SANTOS, S.A.; ZUCCARI, C.E.S.N.; MAZZA, M.C.M..
O cavalo Pantaneiro caracteriza-se pela sua rusticidade e adaptacao as condicoes ecologicas do Pantanal, fruto de selecao natural por mais de dois seculos. Como animal de trabalho, constitui fator de importancia economica e social auxiliando nas producao pecuaria, alem de contribuir para a fixacao do homem na regiao. A partir de 1900, cruzamentos indiscriminados com outras racas, alem da disseminacao de enfermidades, como o "mal-de-cadeiras" (tripanosomose) e mais recentemente a anemia infecciosa equina (AIE), contribuiram para a diminuicao do seu efetivo. A AIE, enfermidade endemica para a regiao, apresenta incidencia media de 42,7% (SILVA, et al. 1995), sendo considerada, atualmente o principal fator limitante para a expansao da criacao de equino no...
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Reproducao; Monta natural; Pantanal; Cavalo pantaneiro; Equine; Reproduction; Pantaneiro horse.
Ano: 1996 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/787811
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação dos fatores que influem nas medidas lineares do cavalo pantaneiro UnB - FAB
Miserani, Márcia Gabriel; Pimentel, Concepta Margaret McManus; Santos, Sandra Aparecida; Silva, Joaquim Augusto da; Mariante, Arthur da Silva; Abreu, Urbano Gomes Pinto de.
O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos de sexo, sub-região, idade de registro e ano de nascimento sobre 15 medidas lineares (altura da cernelha, altura do dorso, altura da garupa, altura dos costados, comprimento da cabeça, comprimento do pescoço, comprimento dorso-lombar, comprimento da garupa, comprimento da espádua, comprimento do corpo, largura da cabeça, largura do peito, largura da anca, perímetro do tórax e perímetro da canela) do Cavalo Pantaneiro. Foram analisados dados de 1.214 animais coletados pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Pantaneiro ¾ ABCCP, no período de 1972 a 1991, usando os procedimentos PRINCOMP, CORR e GLM do SAS e o programa GENES. O sexo, a idade do animal na hora do registro, sub-regiões e ano de registro...
Tipo: Article Palavras-chave: Equino; Pantanal; Fenótipo; Equino - morfologia; Fatores ambientais.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10482/6869
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação e conservação do cavalo pantaneiro. Infoteca-e
SANTOS, S. A.; MAZZA, M. C. M.; SERENO, J. R. B.; ABREU, U. G. P. de; SILVA, J. A. da..
Os cavalos introduzidos no Pantanal pelos conquistadores durante a epoca da colonizacao, encontraram na regiao condicoes ambientais propicias para sua multiplicacao. Como consequencia dos processos adaptativos e da selecao natural por mais de dois seculos e com pouca ou nenhuma interferencia antropica, surgiu um tipo adaptado ao meio. Com o desenvolvimento da pecuaria na regiao, o cavalo Pantaneiro constituiu-se num fator de importancia economica e social, tornando-se imprescindivel em trabalhos de gado e no transporte regional. No final do seculo XIX, a raca entrou em declinio principalmente devido a doenca conhecida como Peste das cadeiras e, posteriormente, outras ameacas como cruzamentos indiscriminados com outras racas e, mais recentemente a Anemia...
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Cavalo pantaneiro; Avaliacao; Conservacao; Manejo reprodutivo e sanitario; Crescimento; Criacao; Genetica; Morfologia; Pecuaria; Pantanal; Equine; Pantaneiro horse; Conservation; Reproductive management; Evaluation; Genetic; Morphology.
Ano: 1995 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/784346
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação endoscópica das vias aéreas, do perfil de gases, dos eletrólitos e do equilíbrio ácido-base em equinos submetidos ao treinamento de três tambores Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Barbosa,J.P.B.; Denadai,D.S.; Gerardi,B.; Pereira,M.A.; Chaves,A.A.; Gomide,L.M.W.; Peiró,J.R.; Mendes,L.C.N..
RESUMO O objetivo deste estudo foi avaliar as vias aéreas por endoscopia, o perfil de gases, de eletrólitos e o equilíbrio ácido-base de equinos da raça Quarto de Milha (QM) antes e após o exercício de três tambores. Dezesseis cavalos, divididos em dois grupos de oito animais, treino regular (TR - cinco vezes) e treino esporádico (TE - duas vezes por semana), foram utilizados no experimento. A endoscopia foi realizada antes e 90 min após o exercício. Foram realizadas duas coletas de sangue por punção da artéria facial transversa antes do aquecimento (M0) e imediatamente após o exercício (M1), e as leituras foram realizadas com o I-Stat(r). Foram determinadas PCO2, PO2, SO2, pH, BE, HCO3 e TCO2, Na+, K+, iCa, glicose, Hg e Ht. Foi utilizada ANOVA com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Hemogasometria; Hemorragia pulmonar; Exercício.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000501152
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação hematológica e bioquímica de equinos suplementados com óleo de arroz semirrefinado, rico em gamaorizanol Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,R.N.; Marques Jr,A.P.; Xavier,P.R.; Alves,G.E.S.; Paes,P.R.O.; Gobesso,A.A.O..
Avaliou-se o efeito da suplementação com óleo de arroz sobre o peso e perfil hematológico de equinos submetidos a exercício físico moderado. Foram utilizados 14 equinos machos, com peso aproximado de 411kg, distribuídos entre o grupo tratado (GT; n=7), suplementado com óleo de arroz adicionado diariamente à dieta (0,5ml/kg/PV), e o grupo-controle (GC; n=7), tratado com óleo de soja (0,5ml/kg/PV). Foram feitas três avaliações: antes do início e aos 20 e 40 dias após o início do tratamento, as quais consistiram de determinação do peso, exame clínico e coleta de amostras de sangue dos animais, antes e após o exercício, para hematócrito, hemograma, dosagem de glicose, lactato e proteína total. Não houve diferença entre grupos e nem entre avaliações quanto às...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Suplementação; Óleo de arroz; Lactato.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352010000500004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Averiguação de protocolo de maus tratos de equino no município de Botucatu/SP – relato de caso MV&Z
Babboni, Selene Daniela; de Souza, Teresa Cristina; Lúcio, Ednilson Ricardo; de Carvalho, Vanderlei Alves; Barbosa, Rodrigo.
Em muitos países já existem leis protetivas aos animais, no sentido de evitar maltratá-los. A Declaração Universal dos Direitos dos Animais, da UNESCO, celebrada na Bélgica em 1978, e subscrito pelo Brasil, elenca entre os direitos dos animais o de "não ser submetido a sofrimentos físicos ou comportamentos antinaturais". Em nossa legislação atual maltratar animais, quer sejam eles, domésticos ou selvagens, caracterizam-se crime ecológico, conforme art.32 da Lei 9.605/98 com detenção de três meses a um ano, e multa, para quem praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar. O trabalho teve como objetivo relatar um caso atendido pela equipe do Canil Municipal em parceria com a Guarda Civil Municipal (G.C.M) do município de Botucatu/SP em julho de 2012....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Denúncia; Averiguação; Maus tratos; Equino; Crime.
Ano: 2015 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/28226
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biometria do equilíbrio podal em equinos de tração pertencentes ao Programa de Extensão "Amigo do Carroceiro" do Centro de Ciências Agroveterinárias da Universidade do Estado de Santa Catarina no município de Lages/SC, Brasil Ciência Rural
Schade,Jackson; Baldissera,Rafael; Paolini,Elenice; Fonteque,Joandes Henrique.
Foram mensurados os cascos de 44 equinos cadastrados no Programa de Extensão "Amigo do Carroceiro" do Centro de Ciências Agroveterinárias da Universidade do Estado de Santa Catarina (CAV-UDESC) que desempenham a função de tração no município de Lages, SC. Os parâmetros avaliados foram comprimento e largura da ranilha, altura dos talões lateral e medial, comprimentos e ângulo da pinça e largura e comprimento da sola. Foram identificadas as seguintes alterações: assimetria entre cascos contralaterais torácicos e pélvicos, ângulo da pinça agudo (49,1±5,1) para membros torácicos e (51,8±4,3) para membros pélvicos, diferença de angulações em 40,9% e 34,1% para cascos dos membros torácicos e pélvicos, respectivamente, contração da ranilha bilateral nos membros...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Locomotor; Biometria; Casco; Equino; Tração; Casqueamento; Ferrageamento.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013000300013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Capacidade funcional em cavalos de salto suplementados com linhaça Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,K.; Heinrichs,R.; Costa,C.; Millen,D.D.; Meirelles,P.R.L..
Objetivou-se avaliar a suplementação com linhaça, como fonte do ácido graxo ômega-3, sobre a capacidade funcional de cavalos de salto. Foram utilizados seis equinos distribuídos em dois quadrados latinos 3x3 balanceados. Os grupos experimentais consistiram em níveis crescentes de linhaça (na forma de farinha e óleo de linhaça na proporção de 75:25, respectivamente), resultando nos tratamentos de 0 (controle), 60 e 120g/cavalo/dia de linhaça. Os cavalos foram suplementados por período de 30 dias. A atividade física consistiu em trabalho para salto no nível de equitação fundamental. As variáveis funcionais mensuradas foram índice de claudicação (IC), comprimento da passada e biometria da articulação metacarpofalangeana - MCF (circunferência e ângulo de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Ácido graxo ômega-3; Articulação metacarpofalangeana; Comprimento da passada.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352014000200025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características fisicoquímicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular em eqüinos UnB - FAB
Fonseca, Fernanda Assis; Zambrano, Roberto dos Santos; Dias, Gláucia Mansur Balsamão; Lima, Eduardo Maurício Mendes de; Alves, Geraldo Eleno Silveira; Godoy, Roberta Ferro de.
Foram estudadas as características fisicoquímicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular de dez eqüinos hígidos. Verificou-se que o líquido é viscoso, amarelo claro a citrino, límpido e livre de partículas à temperatura ambiente. Houve contaminação da amostra por sangue em três amostras que se apresentaram amarelo avermelhadas a vermelhas e de aspecto turvo. A taxa de glicose variou entre 100 e 250 e a concentração protéica não ultrapassou 3,8g/dL. O número médio de células nucleadas foi de 417 células/µL, com predominância de grandes células mononucleares e linfócitos. As mensurações das características pesquisadas no líquido sinovial da articulação temporomandibular de eqüinos são de execução simples e passíveis de implantação...
Tipo: Article Palavras-chave: Equino; Líquido sinovial.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10482/7707
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características fisicoquímicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular em eqüinos UnB - FAB
Fonseca, Fernanda Assis; Zambrano, Roberto dos Santos; Dias, Gláucia M.B.; Lima, Eduardo Maurício Mendes de; Alves, Geraldo Eleno Silveira; Godoy, Roberta Ferro de.
Foram estudadas as características fisicoquímicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular de dez eqüinos hígidos. Verificou-se que o líquido é viscoso, amarelo claro a citrino, límpido e livre de partículas à temperatura ambiente. Houve contaminação da amostra por sangue em três amostras que se apresentaram amarelo avermelhadas a vermelhas e de aspecto turvo. A taxa de glicose variou entre 100 e 250 e a concentração protéica não ultrapassou 3,8g/dL. O número médio de células nucleadas foi de 417 células/µL, com predominância de grandes células mononucleares e linfócitos. As mensurações das características pesquisadas no líquido sinovial da articulação temporomandibular de eqüinos são de execução simples e passíveis de implantação...
Tipo: Article Palavras-chave: Equino; Líquido sinovial; Articulação temporomandibular.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10482/8073
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características físico-químicas e citológicas do líquido sinovial da bainha tendínea digital de eqüinos UnB - FAB
Barnabé, Patrícia de Athayde; Cattelan, José Wanderley; Cadioli, Fabiano Antonio; Godoy, Roberta Ferro de.
Foram estudadas as características físico-químicas e citológicas do líquido sinovial da bainha tendínea digital de nove eqüinos hígidos. Verificou-se que o líquido é viscoso, amarelo claro, límpido, livre de partículas e que não coagula à temperatura ambiente. Sua concentração média de ácido hialurônico foi 60,20mg/dl, a taxa de glicose, similar à plasmática e sua concentração protéica não ultrapassou 1,74g/dl, com relação média albumina:globulina de 0,94. O número médio de células nucleadas foi de 313 células/µl, com predominância de grandes células mononucleares e linfócitos. Houve correlação significativa (r = - 0,649, P<0,01) entre o aumento da concentração de ácido hialurônico e a diminuição percentual de linfócitos. As mensurações das...
Tipo: Article Palavras-chave: Equino; Líquido sinovial; Bainha tendínea digital.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10482/8125
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características Planimétricas y Estereológicas de los Nervios Palmar Lateral y Medial en Manos de Equinos con y sin Síndrome Navicular International Journal of Morphology
Salinas,Paulo; Rivas,Francisco; Figueroa,Saúl; Bañados,Rodrigo; Sandoval,Carlos.
El Síndrome Navicular (SN) es una de las patologías claudicógenas mas frecuentes en la práctica clínica equina. Se ha descrito, cierta susceptibilidad individual respecto a ésta presentación clínica, es decir, algunos equinos con SN claudican y otros, con similares hallazgos radiográficos en mano no lo hacen sugiriendo que existen diferencias cuantitativas, entre equinos con y sin SN, en las características de las fibras nerviosas de los nervios periféricos que inervan la mano. El objetivo del estudio fue describir las características morfológicas cuantitativas de los nervios palmar lateral y medial en equinos con SN. Se obtuvo manos mediante un muestreo dirigido y diagnosticadas por inspección visual y evaluación radiográfica. Se conformó dos grupos: "No...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Equino; Síndrome navicular; Estereología; Planimetría; Morfología; Nervio palmar lateral; Nervio palmar medial.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0717-95022015000400041
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização da equideocultura no estado de Minas Gerais Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Vieira,E.R.; Rezende,A.S.C. de; Lana,A.M.Q.; Barcelos,K.M.C.; Santiago,J.M.; Lage,J.; Fonseca,M. G.; Bergmann,J.A.G..
Recently, horse breeding has achieved greater prominence in the Brazilian society and now it started to appear as a part of the Brazilian agribusiness. The state of Minas Gerais stands out as the main producer of equidae in Brazil. The aim of this work was to characterize the breeding of equidae in this State in order to support future researches in this sector. By the evaluation of records from 1990 to 2009 provided by the "Brazilian Institute of Geography and Statistics" (IBGE) and also 967 interviews with breeders of equidae, it was possible to characterize some important points. It was observed that equidae breeding in this State moves over R$1,500,000,000 per year and employs 86,000 people. The main investments of the properties are made in purchasing...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Equino; Agronegócio; Criação de equinos.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352015000100319
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização genética de equídeos da raça Marajoara por microssatélites. Repositório Alice
COSTA, M. R. T. da R..
O objetivo deste trabalho foi caracterizar geneticamente a raça eqüina Marajoara que é uma das mais importantes da região Amazônica, sendo originada no Brasil, mais especificamente na ilha de Marajó. Esta raça, bastante difundida e utilizada nas fazendas da ilha, é mantida em conservação no Banco de Germoplasma Animal da Amazônia Oriental - BAGAM, da Embrapa, sendo altamente adaptada às condições climáticas e ao relevo que caracterizam essa região. Foram utilizadas amostras da raça Marajoara (54), Puruca (47), Mangalarga (30), Puro Sangue Inglês coletado no Brasil (47), Árabe coletado no Brasil (25), Pantaneiro (63), Lusitano (93), Árabe coletado na Espanha (48), Asturcon (39), Pura Raça Espanhola (60), Puro Sangue Inglês coletado na Espanha (46), Losino...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Genética animal; DNA; Marcador molecular; Marajoara; Cavalo; Equino.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/409652
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Carcinoma de células escamosas facial em cavalo árabe MV&Z
Trindade, Ludmila de Lima; Nascimento, Nara Araújo; Silva, Danielle Nascimento; Machado, Gessica Aline Cruz; Lima, Marcos Chalhoub Coelho; Peixoto, Tiago da Cunha.
Descreve-se um caso de carcinoma de células escamosas (CCE) facial em equino. Em setembro de 2012, um cavalo Árabe, com 18 anos e pelagem preta, oriundo do município de Catú-BA, exibia grave lesão facial de crescimento rápido e emagrecimento progressivo. Segundo o proprietário, em novembro de 2011 o animal apresentou massa com 10cm na região chanfro, que foi cauterizada e recidivou após cinco meses. Ao exame clínico apresentou sialorreia, dificuldade na apreensão de alimentos e caquexia. Devido ao agravamento do quadro, o proprietário optou pela eutanásia. À necropsia, foi encontrada uma proliferação exofítica, ulcerada (15,2x9,3cm), com necrose e exsudato purulento. Verificou-se que a neoplasia iniciara-se sobre o cordão (fina mancha despigmentada na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carcinoma epidermóide; Equino; Patologia.
Ano: 2014 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/23745
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Casearia sylvestris na permeabilidade gástrica à sacarose em equinos submetidos a protocolo de indução de úlcera gástrica Ciência Rural
Fialho,Sergio da Silva; Nogueira,Geison Morel; Duarte,Cláudia Acosta; Paiva Neto,Álvaro de Oliveira; Macoris,Delphim da Graça.
Estudos em animais de laboratório sugerem um efeito antiulcerogênico do extrato de Casearia sylvestris. Esse extrato ainda não foi estudado para a profilaxia e/ou o tratamento de úlceras gástricas em equinos. Para avaliar a influência do extrato de C. sylvestris na permeabilidade gástrica à sacarose, seis equinos adultos foram submetidos a modelo de indução de úlceras gástricas. Os animais foram submetidos ao teste de permeabilidade à sacarose antes e ao término do protocolo de restrição alimentar intermitente, para detecção de ulceração gástrica. Durante os sete dias da indução, os animais foram submetidos a tratamentos diários via sondagem nasogástrica com extrato de C. sylvestris (9mg kg-1 de peso corpóreo) ou veículo (ágar). Após intervalo de 32 dias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Casearia sylvestris; Gastrite; Estômago.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ceratomicose em equinos Ciência Rural
Galera,Paula Diniz; Martins,Bianca da Costa; Laus,José Luiz; Brooks,Dennis.
O cavalo, dado o seu meio ambiente, está sujeito a afecções frequentes da córnea e da conjuntiva, tecidos oculares bastante expostos a bactérias e fungos, principalmente Aspergillus spp. e Fusarium spp. As ceratites ulcerativas bacterianas e fúngicas, bem como as ceratites fúngicas não ulcerativas, caracterizadas principalmente pelo abscesso estromal, são frequentes nessa espécie. Ocorrida a lesão inicial, perpetua-se um ciclo vicioso, com liberação de citocinas inflamatórias, que desencadeiam uma rápida e severa infiltração corneal por células polimorfonucleares. A córnea torna-se sujeita à destruição por enzimas proteolíticas liberadas pelos micro-organismos e por células inflamatórias, capazes de desencadear a dissolução estromal e a perfuração do bulbo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ceratite ulcerativa; Ceratomicose; Abscesso estromal; Fungos; Equino.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782012000700014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Citocentrifugação e métodos convencionais na citologia uterina de éguas em estro e diestro Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Jorge,M.L.N.; Orlandi,C.M.B.; Santana,A.E..
RESUMO A citologia uterina consiste em método prático e eficiente para o diagnóstico de afecções uterinas na égua, contribuindo para a conduta terapêutica e o prognóstico quanto à fertilidade das fêmeas. Assim, o objetivo deste trabalho foi comparar diferentes técnicas de coleta de material para citologia uterina em éguas, a fim de se verificarem possíveis diferenças qualitativas e quantitativas e a praticidade na execução das metodologias. Para tanto, 12 éguas multíparas foram submetidas ao exame citológico uterino, durante o estro e o diestro, por meio de escova ginecológica e lavado uterino de baixo volume. Com esse ensaio, observou-se que não houve diferença significativa (P>0,05) no resultado da citologia uterina entre as diferentes técnicas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Endometrite; Neutrófilos; Citologia e útero.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000400802
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Coleta de células progenitoras periféricas por aférese automatizada em equino: relato de procedimento Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Bernardo,J.O.; Escodro,P.B.; Notomi,M.K.; Roveri,E.G.; Nascimento,T. Gomes do.
ABSTRACT The biotechnology used in tendon, bone and joint recoveries in Equine Medicine has improved in recent years. The most used are platelet rich plasma and stem cells from adipose tissue and bone marrow. However, recent studies have shown that stem cells can be found in the bloodstream, also named peripheral blood progenitor cells (CPP). This note aims at reporting the feasibility of automated collection of CPP in horses. The procedure was conducted in an equine, female, Quarter Horses, 2 years old, 385kg. The automated collection of CPP was conducted using apheresis equipment Fresenius- Kabi coupled to C4Y kit. The procedure lasted two hours and 30 minutes without complications, processing 5054mL of whole blood and obtaining 351mL of CPP. Upon...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Equino; Célula-tronco; Célula progenitora periférica.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000100259
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Colostro de égua no aleitamento artificial. Infoteca-e
UNANIAN, M. M.; SILVA, A .E. D. F. da; PEREIRA, A. C..
1994
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Colostro; Aleitamento artificial; Equine.
Ano: 1994 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/43404
Registros recuperados: 183
Primeira ... 123456789 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional