Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 12
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relações entre os tipos fitofisionômicos e os solos da margem direita do Córrego Divisa - Bacia do São Bartolomeu-DF escala 1:100.000. Infoteca-e
REATTO, A.; MARTINS, E. de S.; FARIAS, M. F. R.; SILVA, A. V. da; BLOISE, G. L. F.; CARDOSO, E. A.; SPERA, S. T.; CARVALHO JUNIOR, O. A. de; GUIMARAES, R. F..
Esse estudo teve a finalidade de caracterizar e mapear as classes de solos em relação à ocorrência dos principais tipos fitofisionômicos da margem direita do Córrego da Divisa na Bacia do São Bartolomeu, em escala de 1:10.000. Este estudo subsidia o projeto 01.2002.355, no desenvolvimento de metodologia de caracterização ambiental em escala detalhada. As relações obtidas foram as seguintes: sob a fitofisionomia Cerradão ocorrem as classes dos LATOSSOLOS VERMELHOS (LVd1 e LVd2), perfazendo 13,85% da área; Cerrado sentido restrito em LATOSSOLO VERMELHO (LVd3), representando 4,28% da área e a classe dos Cambissolos (CXbdc1), com12,73%, perfazendo o total de 17,01% da área; Campo Sujo Seco em CAMBISSOLOS HÁPLICOS (CXbdc2,3,5 e 6), representando 55,71% da área;...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: ECOSOL100; Reconhecimento do solo; Mapeamento; Zoneamento; Bacia hidrografica; Classificacao do solo; Fitofisionomia; Cerrado; Soil surveys; Soil classification; Cartography; Plant ecology; Watersheds.
Ano: 2002 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/559863
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relação entre as classes de solos e as fitofisionomias da Área de Preservação Ambiental - Apa de Cafuringa, escala 1:100.000. Infoteca-e
REATTO, A.; MARTINS, E. de S.; FARIAS, M. F. R.; SILVA, A. V. da..
O local selecionado para este estudo foi a Área de Proteção Ambiental (APA) de Cafuringa, situada a noroeste do Distrito Federal, com uma área de 457,45 km2 , situada entre 15°30´ e 15°40´ S e 47°50´e 48°12´ W. Este estudo teve a finalidade de relacionar as principais classes de solos com as fitofisionomias respectivas na APA de Cafuringa, em escala 1:100.000, com maior nível de detalhes, para subsidiar o livro ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL DE CAFURINGA, proposto pela Secretaria de Meio Ambiente e Recurso Hídricos - SEMARH-DF. Foram caracterizados 12 tipos fitofisionômicos e um total de 121 classes de solos presentes na APA de Cafuringa. Em ordem decrescente serão apresentados os principais tipos fitofisionômicos em relação ao número de classes de solos e a...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: ECOSOL100; Reconhecimento do solo; Classificacao do solo; Pedologia; Area de Protecao Ambiental; Cafuringa; Zoneamento; Fitofisionomia; Soil surveys; Soil classification; Soil sciences; Plant ecology.
Ano: 2002 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/559851
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Levantamento florístico e fitofisionomia da lagoa Figueira e seu entorno, planície alagável do alto rio Paraná, Porto Rico, Estado do Paraná, Brasil - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2091 Biological Sciences
Kita, Kazue Kawakita; UEM; Souza, Maria Conceição de; UEM.
Foi realizada uma caracterização botânica da lagoa Figueira (planície alagável do alto rio Paraná, Porto Rico, Estado do Paraná, Brasil, a 22o45’36’’S e 53ol5’56’’W), empregando-se levantamentos florísticos e perfis fitofisionômicos em diferentes períodos fluviométricos, além de uma carta batimétrica e análise do solo. O levantamento florístico resultou no reconhecimento de 36 famílias, 75 gêneros e 89 espécies. As famílias de maior riqueza específica foram Poaceae (14 espécies), seguida por Cyperaceae e Euphorbiaceae (oito cada). O porte predominante pertenceu ao herbáceo (79,78% das espécies) e, quanto à forma biológica, houve predominância das terrestres (50,56%) e das anfíbias (37,08%). A fitofisionomia, com predominância de herbáceas, apresenta...
Palavras-chave: 2.01.00.00-0 Biologia Geral florística; Fitofisionomia; Lagoa; Planície alagável; Rio Paraná 2.01.00.00-0 Biologia Geral.
Ano: 2003 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/2091
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação da vegetação arbórea e características edáficas de um cerradão e um cerrado sensu stricto em áreas adjacentes sobre solo distrófico no leste de Mato Grosso, Brasil Acta Botanica
Marimon Junior,Ben Hur; Haridasan,Mundayatan.
Em alguns casos, cerrado sensu stricto e cerradão ocorrem lado a lado e sob condições edáficas e topográficas semelhantes. Como os fatores que contribuem para a ocorrência de cerradão nessas situações ainda não estão totalmente esclarecidos, o objetivo do presente estudo foi comparar a composição florística e a fitossociologia de um cerradão e um cerrado sensu stricto no leste mato-grossense e verificar se maior fertilidade do solo estava contribuindo para a ocorrência do cerradão. Em cada comunidade foi realizado um levantamento florístico e fitossociológico em 50 parcelas de 10 m×10 m, onde foram medidas todas as árvores com diâmetro maior do que 5 cm a 30 cm do solo. Foram coletadas amostras de solos de um perfil de 2 m de profundidade em cada área e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Savana; Fitossociologia; Fitofisionomia; Fertilidade do solo.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062005000400026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atributos físicos de solos e distribuição das fitofisionomias de cerrado na bacia hidrográfica do Rio Jardim, DF. Infoteca-e
SPERA, S. T.; REATTO, A.; MARTINS, E. de S.; CORREIA, J. R..
RESUMO: Avaliou-se a influência das características físico-hídricas de cada classe de solo da Bacia do Rio Jardim, DF e suas relações com as principais fitofisionomias correspondentes. Na caracterização dos perfis de solos, determinam-se a curva de retenção de água no solo e a capacidade de água disponível. As fitofisionomias identificadas foram: Mata Seca Semidecídua, ocorrendo em Latossolo Vermelho e Argiloso Vermelho; Cerradão em Latossolo Vermelho-Amarelo; Cerrado Típico em Latossolos; Mata de Galeria não-Inundável em Argilossolos e Gleissolo Melânico; Cerrado Ralo em Cambissolo Háplico e Neossolo Quartzarênico; Campo Limpo Úmido em Gleissolo Háplico e Plintossolo Háplico. Na classe dos Latossolos, ocorrem tanto as fitofisionomias florestais como as...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Solo; Cerrado; Física do solo; Água do solo; Fitofisionomia; Vegetação; Mata de galeria; Cerradão; Soil; Soil chemicophysical properties; Soil water.
Ano: 2005 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/569835
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fitofisionomias do bioma Cerrado: síntese terminológica e relações florísticas. Repositório Alice
WALTER, B. M. T..
Neste trabalho são analisadas as fitofisionomias do bioma Cerrado e sua flora associada. Bioma que comporta a mais rica savana do planeta, há mais de duzentos anos que ele vem sendo alvo de investigações biológicas diversas, entre as quais aquelas que pretenderam desvendar e definir aspectos estruturais que caracterizam a sua vegetação, em termos de paisagens e de espécies. O presente estudo focalizou as feições da vegetação decorrentes da flora nela presente, analisando a contribuição daqueles que pretenderam definir suas fitofisionomias. As análises apoiaram-se na terminologia, nas definições, conceitos e sistemas nomenclaturais publicados, e procuraram colocar em destaque os problemas que a nomenclatura e as diferenças conceituais representam para a...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Fitofisionomia; Flora; Terminologia; Nomenclatura; Savana; Cerrado.
Ano: 2006 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/176604
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relação entre solo, vegetação e topografia em área de cerrado (Parque Estadual de Vassununga, SP): como se expressa em mapeamentos? Acta Botanica
Ruggiero,Patricia Guidão Cruz; Pivello,Vânia Regina; Sparovek,Gerd; Teramoto,Edson; Pires Neto,Antônio Gonçalves.
Foram investigadas as relações entre mapas de fitofisionomias, solos e topografia, na Gleba Pé-de-Gigante (21º37'30''S; 47º37'30''W, SP). A área estudada constitui a planície de inundação do córrego Paulicéia e colinas no entorno, onde predominam fisionomias de cerrado, havendo também manchas de floresta estacional, floresta ripária e campo úmido, sobre solos predominantemente arenosos. As cartas temáticas analisadas compreenderam: a) mapa pré-existente de fisionomias de vegetação, b) mapa hipsométrico, baseado em curvas de nível de 5 em 5 m e c) mapa de solos, feito a partir de dados químicos e físicos do solo (amostras coletadas em 54 pontos, nas profundidades: 0-5, 5-25, 40-60 e 80-100 cm) e fotografias aéreas (1988, 1:40.000). Os mapas foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cerrado; Fitofisionomia; Classificação de solos; Topografia; Mapeamento; Correlação espécie-ambiente.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A diversidade dos padrões de imagem e sua relação com os temas de vegetação mapeados em escala regional no Pantanal. Repositório Alice
ABDON, M. de M.; SILVA, J. dos S. V. da..
O objetivo desse trabalho foi descriminar padrões de imagem relacionados as fitofisionomias do Pantanal brasileiro, através de dados digitais do satélite Landsat-ETM+, para auxiliar nas pesquisas ambientais da região e nos mapeamentos de vegetação e uso da terra em escala regional.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Landsat; PROBIO-Pantanal; Fitofisionomia; Dados digitais; Vegetação; Satélite; Mapeamento; Vegetation; Cartography.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/9617
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Identificação de padrões em imagens LANDSAT-ETM+ para interpretação da vegetação arbórea do cerrado na sub-região de Cáceres, no Pantanal do Estado do Mato Grosso. Repositório Alice
ABDON, M. de M.; SILVA, J. dos S. V. da..
Este trabalho, desenvolvido com dados obtidos no âmbito do Projeto Probio-Pantanal, teve por objetivo comparar informações de fitofisionomias observadas em áreas da sub-região de Cáceres ocupadas por Savana (Cerrado), e estabelecer padrões para interpretação de imagens.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fitofisionomia; Perfil da vegetação; Cáceres; Vegetação; Savana; Cerrado; Vegetation.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/9614
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relação entre os solos e fitofisionomias do Parque Nacional de Brasília, DF. Infoteca-e
FARIAS, M. F. R.; CARVALHO JÚNIOR, O. A. de; MARTINS, E. de S.; GOMES, R. A. T.; CARVALHO, A. P. F. de; BRAGA, A. R. dos S..
2008
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Solo; Pedologia; Cerrado; Fitofisionomia; Soil surveys; Soil classification; Plant ecology; Savanna.
Ano: 2008 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/572010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
O que são campos rupestres e campos de altitude nos topos de montanha do leste do Brasil? Rev. Bras. Bot.
Vasconcelos,Marcelo Ferreira de.
(O que são campos rupestres e campos de altitude nos topos de montanha do Leste do Brasil?). Os campos rupestres e os campos de altitude do leste do Brasil ocorrem nas partes mais elevadas da Cadeia do Espinhaço, da Serra da Mantiqueira e da Serra do Mar. Uma vez que há certa confusão sobre a caracterização e os limites geográficos destes dois tipos de vegetação, o objetivo deste trabalho é apresentar uma síntese das opiniões sobre tais ambientes campestres, discutindo sobre a história de suas denominações, localização geográfica, aspectos fisionômicos e afinidades biogeográficas. Embora os campos rupestres e os campos de altitude apresentem certas semelhanças fisionômicas e compartilhem alguns táxons vegetais, ambos os tipos de vegetação devem ser...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Biodiversidade em montanhas; Fitofisionomia; Fitogeografia.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042011000200012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de regeneração natural em floresta de terra firme no Amapá Brasil. Repositório Alice
APARICIO, P. S.; SOTTA, E. D.; GUEDES, M. C.; APARICIO, W. C. da S.; OLIVEIRA, L. P.; SOUZA, R. N..
Este trabalho objetivou identificar a regeneração natural na fitofisionomia ombrófila densa da Floresta Estadual do Amapá, descrevendo as relações entre estratos verticais. A área de estudo está localizada no Município de Porto Grande, AP, Amazônia oriental. Foram implantados três conglomerados, equidistantes 2.500 m, para a estimativa da regeneração natural. Foram utilizadas 100 subparcelas de 10 x 10 m para o estudo das arvoretas (5,0 < dap (diâmetro a 1,30 m do solo) < 10,0 cm) e varas (5 x 5 m) (2,5 < dap < 5,0 cm) por conglomerado. Coletaram-se as alturas e nomes populares. As alturas foram divididas em três classes de regeneração, para a estimativa dos parâmetros fitossociológicos de frequência e densidade, bem como da regeneração por...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Fitofisionomia; Classe de altura; Similaridade florística; Amostragem; Método.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1060736
Registros recuperados: 12
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional