Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 45
Primeira ... 123 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Actividade ovárica na cabra da raça Serrana em dois períodos distintos do ano IPB - Escola Superior Agrária
Simões, J.; Almeida, José Carlos; Paula, R.; Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge; Mascarenhas, R..
O objectivo deste trabalho foi o estudo da actividade ovárica em cabras da raça Serrana em 2 períodos distintos de actividade reprodutiva: de 1 de Setembro a 30 de Novembro (Período 1) e de 21 de Fevereiro a 29 de Março (Período 2). Durante o período 1 foram utilizadas 42 fêmeas, entre 2 e 9 anos de idade, nulíparas e multíparas; durante o período 2, foram utilizadas 23 daquelas fêmeas. Todas as fêmeas multíparas tiveram o último parto entre 6 e 12 meses antes dos ensaios. A actividade ovárica foi avaliada através do doseamento da progesterona em amostras de plasma recolhidas duas vezes por semana. A condição corporal destes animais foi controlada e mantida constante. No período 1, até meio do mês de Setembro, foi detectada uma ausência de corpos lúteos...
Tipo: ConferenceObject
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5666
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Administração de diferentes doses de eCG na sincronização de cios de cabras da raça Serrana no início da estação reprodutiva IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Azevedo, Jorge; Valentim, Ramiro; Almeida, José Carlos; Galvão, Lurdes; Simões, J.; Maurício, Raimundo; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro; Medeiros, Sandra.
Este trabalho teve por objectivo estudar os efeitos da administração de duas doses diferentes de eCG – 300 UI ou 500 UI –, no âmbito de um tratamento de sincronização de cios, aplicado a cabras da raça Serrana, ecótipo Transmontano, no início da estação reprodutiva. De acordo com os resultados alcançados, a resposta reprodutiva das cabras estudadas não variou significativamente em função da dose de eCG utilizada.
Tipo: ConferenceObject
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5914
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
An implantable microsystem for electrical resistance and temperature measurements in cows with wireless capabilities suitable for reproductive management IPB - Escola Superior Agrária
Morais, R.; Valente, A.; Almeida, José Carlos; Silva, A.M.; Soares, S.; Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge.
In the cattle breeding industry, where artificial insemination techniques are employed, the successful detection of oestrus onset leads to considerable cost saving in herd management. One of the most reliable approaches is based on the determination of progesterone concentration in milk. However, these methods rely on the biosensor concept where a biological substrate is used in a chemical binding reaction to, directly or indirectly; produce some effect (electrical or light) that is used at the transducer level. These methods present several drawbacks concerning real-time measurements due to the complexity of the reactions involved and reagent/waste handling. Another approach is to combine measurements of electrical resistance of vaginal mucus and...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Microsystem; Wireless; Sensor.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5146
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anestro fisiológico pós-parto em ovelhas Churras da Terra Quente paridas no Inverno: efeito ano. Estudo preliminar IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Coelho, Alípio.
Este trabalho teve como principal objectivo estudar o anestro fisiológico pós-parto, em ovelhas da raça autóctone portuguesa Churra da Terra Quente (CTQ), paridas no Inverno, ao longo de três anos consecutivos. Nestas ovelhas, o retorno à actividade ovárica “completa” revelou-se sempre difícil, embora se tenham verificado diferenças significativas entre anos.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Anestro pós-parto; Churra da Terra Quente.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10198/6387
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anestro pós-parto em ovelhas de diferentes raças. Efeitos do regime de amamentação IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro.
Este trabalho teve como principal objectivo estudar o efeito de dois regimes diferentes de amamentação – permanente ou apenas durante a noite – sobre o anestro fisiológico pós-parto, em ovelhas da raça autóctone portuguesa Churra da Terra Quente (CTQ) e da raça exótica Ile de France (IF), paridas no período de Inverno - Primavera. Para o efeito, utilizou-se um total de 46 ovelhas da raça CTQ e 32 da raça IF. Considerámos que as ovelhas tinham ovulado após o parto, quando os níveis plasmáticos de progesterona se elevaram, pela primeira vez, acima dos 0,5 ng/ml (PSCPP). De acordo com os resultados alcançados, o regime de amamentação aplicado não afectou significativamente o anestro pós-parto das ovelhas CTQ e IF.
Tipo: Article Palavras-chave: Amestro pós-parto; Ovinos.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10198/6297
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anestro pós-parto em ovelhas de diferentes raças: II. Amamentação duas vezes ao dia IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro.
Este trabalho teve como principal objectivo estudar a duração do anestro fisiológico pós-parto, em ovelhas da raça autóctone portuguesa Churra da Terra Quente e da raça exótica Ile de France, paridas no período de Inverno-Primavera e que amamentaram os seus borregos apenas durante dois períodos diários de meia hora cada. Para o efeito, utilizamos 24 ovelhas da raça Churra da Terra Quente e 16 da raça Ile de France. Consideramos que as ovelhas ovularam pela primeira vez após o parto, quando os níveis plasmáticos de progesterona se elevaram, pela primeira vez, acima dos 0,5 ng/ml. De acordo com os resultados alcançados, nestas raças, a duração do anestro fisiológico pós-parto, após parição no Inverno-Primavera, é condicionado pelo anestro sazonal.
Tipo: Article Palavras-chave: Anestro pós-parto; Churra Galega Bragançana.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/6317
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anestro post parto en cabras de la raza autóctona portuguesa Serrana – ecótipo trasmontano – paridas en Otoño IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Azevedo, Jorge; Valentim, Ramiro; Galvão, Lurdes; Maurício, Raimundo; Almeida, José Carlos; Fontes, Paulo; Coelho, Alípio.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar el anestro post parto en cabras de la raza autóctona portuguesa Serrana, ecótipo Transmontano, paridas a finales de Otoño. En estas cabras, la parición en Noviembre determinó una difícil retoma de la actividad reproductiva y la tentativa de utilización de la primera ovulación post parto tendría seguramente como resultado una bajísima tasa de fertilidad.
Tipo: Article Palavras-chave: Anestro pós-parto; Serrana.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/6299
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anestro post parto en cabras de la Raza autóctona portuguesa Serrana – ecótipo Trasmontano – paridas en otoño IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Azevedo, Jorge; Valentim, Ramiro; Galvão, Lurdes; Maurício, Raimundo; Almeida, José Carlos; Fontes, Paulo; Alípio, Coelho.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar el anestro post parto en cabras de la raza autóctona portuguesa Serrana, ecótipo Transmontano, paridas a finales de Otoño. En estas cabras, la parición en Noviembre determinó una difícil retoma de la actividad reproductiva y la tentativa de utilización de la primera ovulación post parto tendría seguramente como resultado una bajísima tasa de fertilidad.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Anestro pós-parto; Serrana.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/6396
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anoestro postpartum en cabras de la raza Serrana – ecotipo Transmontano – paridas en verano IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Coelho, Alípio; Mendonça, Álvaro.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar el anoestro postpartum en cabras de la raza autóctona portuguesa Serrana, ecotipo Transmontano, paridas en Verano. Durante el día, las cabras salían para realizar el pastoreo y al atardecer, inmediatamente antes de regresar al aprisco-corral, eran ordeñadas. La lactación de los chivos se dio solamente por la noche. La duración media del anoestro postpartum fue de 51,0 ± 16,9 días. Las cabras Serranas presentaron una buena retoma de la actividad reproductiva, ya que todas presentaron celo antes de la primera ovulación post parto y en ésta apareció siempre gestación.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Anestro pós-parto; Serrana.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10198/6394
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anoestro postpartum en cabras de la raza Serrana – ecotipo Transmontano – paridas en verano IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Coelho, Alípio; Mendonça, Álvaro.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar el anoestro postpartum en cabras de la raza autóctona portuguesa Serrana, ecotipo Transmontano, paridas en Verano. Durante el día, las cabras salían para realizar el pastoreo y al atardecer, inmediatamente antes de regresar al aprisco-corral, eran ordeñadas. La lactación de los chivos se dio solamente por la noche. La duración media del anoestro postpartum fue de 51,0 ± 16,9 días. Las cabras Serranas presentaron una buena retoma de la actividad reproductiva, ya que todas presentaron celo antes de la primera ovulación post parto y en ésta apareció siempre gestación.
Tipo: Article Palavras-chave: Anestro pós-parto; Serrana.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10198/6296
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anoestro postpartum en ovejas de diferentes razas: I. Permanentemente acompañadas por los corderos IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar la duración del anoestro fisiológico postpartum en ovejas de la raza autóctona portuguesa Churra da Terra Quente y de las razas IIe de France y Suffolk, paridas en invierno-primavera. Para ello hemos utilizado 24 ovejas Churras da Terra Quente. 16 ovejas IIe de France y 20 ovejas Suffolk. Se consideró que las ovejas habían ovulado por primera vez tras el parto cuando los niveles plasmáticos de progesterona se elevaron por encima de los 0,5 ng/ml. Según los resultados obtenidos. en estas razas el estudio del anoestro fisiológico postpartum en invierno-primavera depende claramente del anoestro estacional de las ovejas.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Anestro pós-parto; Ile de France; Suffolk.
Ano: 2001 URL: http://hdl.handle.net/10198/6383
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anoestro postpartum en ovejas de diferentes razas: I. Permanentemente acompañadas por los corderos IPB - Escola Superior Agrária
Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos; Valentim, Ramiro; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro.
El principal objetivo de este trabajo fue estudiar la duración del anoestro fisiológico pospartum en ovejas de la raza autóctona portuguesa Churra da Terra Quente y de las razas Ile de France y Suffolk, paridas en invierno-primavera. Para ello hemos utilizado 24 ovejas Churras da Terra Quente, 16 ovejas Ile de France y 20 ovejas Suffolk. Se consideró que las ovejas habían ovulado por primera vez tras el parto cuando los niveles plasmáticos de progesterona se elevaron por encima de los 0,5 ng/ml. Según los resultados obtenidos, en estas razas el estudio del anoestro fisiológico postpartum en invierno-primavera depende claramente del anoestro estacional de las ovejas.
Tipo: Article Palavras-chave: Anestro pós-parto; Ovinos.
Ano: 2001 URL: http://hdl.handle.net/10198/6294
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anticipación de la estación reproductiva en ovejas de la raza Churra Galega Bragançana. Inseminación artificial IPB - Escola Superior Agrária
Valentim, Ramiro; Fernandes, Mónica; Azevedo, Jorge; Mendonça, Álvaro; Almeida, José Carlos; Velasco, Helena; Simões, João; Fontes, Paulo; Maurício, Raimundo; Cardoso, Manuel; Correia, Teresa Montenegro.
Este trabajo tuvo como principal objetivo evaluar la eficacia de la aplicación de dos tratamientos hormonales distintos en la anticipación de la estación reproductiva – progestágenos + eCG vs. melatonina + progestágenos + eCG –, en ovejas de la raza Churra Galega Bragançana. Adicionalmente, por primera vez en esta raza portuguesa, se valoró el uso de la técnica de inseminación artificial (IA) cervical en relación a la monta natural (MN). De acuerdo con los resultados alcanzados, a finales del invierno, 89,7% de las ovejas estudiadas estaban en anestro estacional. El tratamiento con melatonina determinó, comparado con el tratamiento clásico con progestágenos y eCG, un incremento de los porcentajes de ovejas que presentaron celo y que resultaron gestantes....
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Actividade ovárica; Churra Galega Bragançana.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10198/6328
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anticipación de la estación reproductiva en ovejas de la raza Churra Galega Bragançana. Inseminación artificial IPB - Escola Superior Agrária
Valentim, Ramiro; Fernandes, Mónica; Azevedo, Jorge; Mendonça, Álvaro; Almeida, José Carlos; Velasco, Helena; Simões, J.; Fontes, Paulo; Maurício, Raimundo; Cardoso, Manuel; Correia, Teresa Montenegro.
Este trabajo tuvo como principal objetivo evaluar la eficacia de la aplicación de dos tratamientos hormonales distintos en la anticipación de la estación reproductiva – progestágenos + eCG vs. melatonina + progestágenos + eCG –, en ovejas de la raza Churra Galega Bragançana. Adicionalmente, por primera vez en esta raza portuguesa, se valoró el uso de la técnica de inseminación artificial (IA) cervical en relación a la monta natural (MN). De acuerdo con los resultados alcanzados, a finales del invierno, 89,7% de las ovejas estudiadas estaban en anestro estacional. El tratamiento con melatonina determinó, comparado con el tratamiento clásico con progestágenos y eCG, un incremento de los porcentajes de ovejas que presentaron celo y que resultaron gestantes....
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Ovinos; Churra Galega Bragançana; Melatonina; Progestágenos.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10198/4573
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicación de tratamientos con diferentes duraciones en el control de la actividad ovárica de cabras de raza Serrana IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Azevedo, Jorge; Simões, J.; Galvão, Lurdes; Fontes, Paulo; Mendonça, Álvaro; Almeida, José Carlos; Velasco, Helena; Maurício, Raimundo; Cardoso, Manuel; Valentim, Ramiro.
Este trabajo tuvo como objetivo estudiar los efectos de la aplicación de dos tratamientos progestativos, con diferentes duraciones –largo (12 días) y corto (5 días)–, en el control de la actividad ovárica de cabras de la raza Serrana, ecotipo Transmontano. De acuerdo con los resultados alcanzados, a finales de Abril, las cabras Serranas seguían en anestro estacional. La aplicación del tratamiento corto determinó, con relación al tratamiento largo, un mejor comienzo de la actividad reproductiva.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Cabra; Serrana; Progestágenos; Largo; Corto.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10198/4575
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Concept study of an implantable microsystem for electrical resistance and temperature measurements in dairy cows, suitable for estrus detection IPB - Escola Superior Agrária
Morais, Raul; Valente, A.; Almeida, José Carlos; Silva, Amélia M.; Soares, Salviano; Reis, M.J.C.S.; Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge.
In cattle breeding industry, where artificial insemination techniques are employed, the successful detection of estrus onset leads to considerable cost-saving in herd management. One of the most reliable approaches is based on the determination of progesterone concentration in milk. However, these methods rely on the biosensor concept where a biological substrate is used in a chemical-binding reaction to directly or indirectly produce some effect (electrical or light) that is used at the transducer level. These methods present several drawbacks concerning real-time measurements due to the complexity of the reactions involved and reagent/waste handling. Another approach is to combine measurements of temperature and electrical resistance of reproductive...
Tipo: Article Palavras-chave: Microsystem; Electrical resistivity sensor; Wireless interface; Estrus prediction.
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5807
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento e desenvolvimento testicular dos borregos da raça Churra Galega Bragançana IPB - Escola Superior Agrária
Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge; Teixeira, A.; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos.
No presente trabalho procurou-se estudar o crescimento testicular dos borregos da raça Churra Galega Bragançana, durante o processo de estabelecimento da puberdade fisiológica. Considerou-se que os borregos tinham atingido a puberdade fisiológica, quando ejacularam os primeiros espermatozóides. Um grupo de 15 borregos desta raça, pertencentes ao rebanho experimental da Escola Superior Agrária de Bragança (ESAB), nascidos de parto simples, durante a Primavera, foram utilizados na elaboração deste estudo. Quando se iniciou o presente trabalho, as aderências penianas dos borregos da raça Churra Galega Bragançana, então com idades compreendidas entre os 109 e os 133 dias, já haviam desaparecido. Nos borregos em estudo, os primeiros espermatozóides surgiram no...
Tipo: Article
Ano: 1994 URL: http://hdl.handle.net/10198/870
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação da duração do anestro pós-parto em ovelhas da raça Churra Galega Bragançana com diferentes condições corporais ao parto IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge; Cardoso, Manuel; Almeida, José Carlos; Ferreira, Sónia.
Este trabalho foi desenvolvido com o objectivo de estudar a duração do período de anestro pós-parto, em ovelhas da raça Churra Galega Bragançana, com dois níveis diferentes de condição corporal ao parto - 2,5 e 2,0. Neste sentido, na cidade de Bragança (latitude 41° 49' N, longitude 6° 40' W e altitude 720 metros), mais precisamente na Quinta de Santa Apolónia, pertencente à Escola Superior Agrária de Bragança, um grupo de quarenta ovelhas da raça Churra Galega Bragançana com 2 a 3 anos de idade foi escolhido para a realização deste estudo. Durante o último terço da gestação, vinte destas ovelhas apresentaram uma condição corporal de 2,5 e as restantes vinte uma condição corporal de 2,0. No conjunto das ovelhas estudadas, a duração do intervalo médio de...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Anestro pós-parto; Churra Galega Bragançana.
Ano: 1999 URL: http://hdl.handle.net/10198/6327
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação da idade à puberdade em borregas das raças Churra Galega Bragançana e Suffolk nascidas no Inverno IPB - Escola Superior Agrária
Correia, Teresa Montenegro; Valentim, Ramiro; Azevedo, Jorge; Mendonça, Álvaro; Galvão, Lurdes; Cardoso, Manuel; Almeida, José Carlos; Lobo, Vera.
Este trabalho teve como principal objectivo estudar a idade à puberdade de dois grupos de borregas, um da raça autóctone portuguesa Churra Galega Bragançana e outro da raça exótica Suffolk, nascidas no início do Inverno e sujeitas às condições de maneio da Escola Superior Agrária de Bragança (ESAB). Neste sentido, na cidade de Bragança (latitude 41⁰49’N, longitude 6⁰40’W e altitude de 720 metros), mais precisamente na Quinta de Sta Apolónia, pertencente à ESAB, 15 borregas Bragançanas e 15 Borregas Suffolk, as primeiras com uma idade inicial de quatro meses e as segundas de 5 meses, foram aleatoriamente escolhidas para a realização deste estudo. As borregas Bragançanas revelaram-se sexualmente tão precoces quanto as borregas Suffolk.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Puberdade; Churra Galega Bragançana.
Ano: 2001 URL: http://hdl.handle.net/10198/6386
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação da idade à puberdade fisiológica dos borregos da raça Churra Galega Bragançana IPB - Escola Superior Agrária
Valentim, Ramiro; Teixeira, A.; Azevedo, Jorge; Correia, Teresa Montenegro; Almeida, José Carlos.
O principal objectivo deste trabalho foi ode estudar – através de doseamentos de testosterona – o processo da puberdade fisiológica nos machos da raça Churra Galega Bragançana. Considerou-se que os borregos tinham atingido a puberdade fisiológica, quando ejacularam os primeiros espermatozóides. Um grupo de 15 borregos desta raça, pertencentes ao rebanho experimental da Escola Superior Agrária de Bragança (ESAB), nascidos de parto simples, durante a Primavera, foi utilizado na elaboração deste estudo. A análise das alterações hormonais foi feita num sub-grupo de 8 animais, representativo do grupo inicial. Tudo parece indicar que quando começamos o presente trabalho, altura em que os animais tinham aproximadamente 4 meses de idade, já o processo de puberdade...
Tipo: Article
Ano: 1994 URL: http://hdl.handle.net/10198/885
Registros recuperados: 45
Primeira ... 123 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional