Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eficácia in vitro do extrato de melão-de-São-Caetano (Momordica charantia L.) no controle de Varroa destructor. Repositório Alice
AHID, S. M. M.; COELHO, W. A. C.; PEREIRA, J. S.; PEREIRA, D. S.; FONSECA, Z. A. A. de S.; MACAJÁ, P. B..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Praga; Varroatose; Controle; Fitoterápico.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1017067
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fatores de risco para infecção por Neospora caninum em caprinos no Rio Grande do Norte. Repositório Alice
FONSECA, Z. A. A. de S.; CAVALCANTE, A. C. R.; SANTIAGO, L. B.; BRITO, R. L. L. de; SILVA, R. A. e; AHID, S. M. M..
2012
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fator de risco; Brasil; Rio Grande do Norte; Caprino; Neospora caninum; Parasito animal; Protozoário; Neosporose; Goat; Animal disease.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/933877
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relação sexual do parasitismo por Haemonchus contortus em Caprinos (Capra hircus). Repositório Alice
FONSECA, Z. A. A. de S.; BEZERRA, A. C. A.; AVELINO, D. B.; NASCIMENTO, J. de O.; MARQUES, A. S. C.; VIEIRA, L. da S.; AHID, S. M. M..
A hemoncose é uma doença parasitaria importante para pecuária, sendo os ovinos e caprinos as espécies que apresentam um maior acometimento. Esta enfermidade é provocada pelo nematódeo de gênero Haemonchus sp., parasito de abomaso, medindo entre 1 a 2,5 cm. Tratase da mais patogênica das helmintoses, provocando diminuição do ganho de peso, graves anemias, edemas de mucosa gástrica diminuindo a absorção de nutrientes, edemas externos denominados ?edema de barbela?, sendo sua sintomatologia característica de hemoncose, além de provocar óbito em graves parasitoses. O objetivo deste trabalho foi descrever a fauna parasitária abomasal e a relação sexual do parasitismo por Haemonchus contortus. Foram coletadas amostras abomasais de caprinos após o abate, sendo...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: X.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/905920
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Resistência anti-helmíntica em caprinos no município de Mossoró, RN. Repositório Alice
COELHO, W. A. C.; AHID, S. M. M.; VIEIRA, L. da S.; FONSECA, Z. A. A. de S.; SILVA, E. P. da.
O Nordeste brasileiro destaca-se na caprinocultura, onde as helmintoses gastrintestinais estão entre os maiores problemas. Mesmo com drogas anti-helmínticas de amplo espectro, o controle dos parasitos vem sendo prejudicado pela resistência parasitária. O objetivo deste trabalho foi verificar a sensibilidade dos nematódeos de caprinos à ação dos vermífugos ivermectina 1% e albendazole 10%, como também determinar o perfil das propriedades com helmintos resistentes aos princípios ativos em questão. O trabalho foi realizado no período de janeiro a novembro de 2008 em trinta criações de caprinos em Mossoró, RN. Em cada propriedade, selecionaram-se 45 animais, divididos em três categorias. Eram vermifugados dez dias pós-tratamento, coletaram-se amostras de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Caprino; Anti-helmíntico; Nematódeo gastrintestinal; Resistência; Goats; Anthelmintic; Resistance; Brazil; Rio Grande do Norte.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/868085
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional