Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Application rate trials with a nuclear polyhedrosis virus to control Spodoptera frugiperda (Smith) on maize Anais da SEB
Cruz,Ivan; Figueiredo,Maria L. C.; Valicente,Fernando H.; Oliveira,António C..
Different concentrations of nuclear polyhedrosis virus were applied as aqueous suspensions using a tractor mounted or a backpack-manual sprayer to control Spodoptera frugiperda (Smith) larvae on maize (Zea mays L.). Larval mortality varied with the application equipment. For the tractor-mounted sprayer application of at least 2.5 x 10(12) P.I.B./ha was necessary to attain a control comparable to that obtained with the backpack-manual sprayer application (70.2%). For this application method it can be used the dose of 2.5 x 10(11) PI.B./ ha, butNPV persistence was very short. A greaterNPV persistence was obtained with doses over 1.25 x 10(12) P.I.B./ha (93.4% mortality). The occurrence of parasitoids in the experimental area increased larval mortality rate...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Insecta; Fall armyworm; Baculovirus; Biological control.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0301-80591997000100019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da idade de lagartas de Spodoptera frugiperda (Smith) (Lepidoptera: Noctuidae) no desempenho do parasitóide Campoletis flavicincta (Ashmead) (Hymenoptera: Ichneumonidae) e consumo foliar por lagartas parasitadas e não-parasitadas Anais da SEB
Cruz,Ivan; Figueiredo,Maria L. C.; Gonçalves,Edirlene P.; Lima,Dilma A. N.; Diniz,Elcy E..
Verificou-se o potencial de parasitismo de Campoletis flavicincta (Ashmead) (Hymenoptera: Ichneumonidae) sobre lagartas de Spodoptera frugiperda (Smith) de diferentes idades e o consumo foliar de lagartas parasitadas, em relação a não parasitadas. Quando foram oferecidas ao parasitóide lagartas de 3-d o número médio de lagartas parasitadas foi de 232/fêmea, número semelhante ao que foi obtido com lagartas de 2-d (182,0 lagartas/fêmea). Com lagartas de 4-5-d, o número médio de parasitismo foi, respectivamente, 80,7 e 71,0 indivíduos parasitados/fêmea. Lagartas sadias, durante todo o seu período de vida, consumiram, em média, 209,3 cm² de área foliar, enquanto que as lagartas parasitadas consumiram apenas 14,5 cm² (6,9% do consumo de uma lagarta sadia).
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Insecta; Lagarta-do-cartucho; Parasitismo; Controle biológico; Consumo de alimento.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0301-80591997000200003
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional