Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biometria de frutos e sementes de Butia capitata (Mart.) Beccari (Arecaceae), em vegetação natural no Norte de Minas Gerais, Brasil Biota Neotropica
Moura,Roberto Cardoso de; Lopes,Paulo Sergio Nascimento; Brandão Junior,Delacyr da Silva; Gomes,Janaína Gonçalves; Pereira,Maurício Ballesteiro.
O fruto do coquinho-azedo (Butia capitata (Mart.) Beccari) possui grande importância social e econômica para as comunidades que estão localizadas próximas a áreas de sua ocorrência. Características biométricas de frutos e sementes são importantes para a distinção de espécies, para a formação de lotes mais uniformes de sementes, para estudos de dispersão e de estabelecimento de plântulas. Assim, o objetivo deste trabalho foi determinar e correlacionar as principais características biométricas dos frutos e sementes de coquinho-azedo, para que possa gerar informações das potencialidades produtivas e econômicas dessa espécie. Para a condução deste experimento, foram utilizados 2.050 frutos maduros de coquinho-azedo, coletados em 41 plantas. As características...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cerrado; Extrativismo; Morfometria; Coquinho-azedo; Palmeiras.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032010000200040
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cultivo orgânico do mamoeiro 'Baixinho de Santa Amália' em diferentes ambientes de proteção Rev. Bras. Frutic.
Martelleto,Luiz Aurélio Peres; Ribeiro,Raul de Lucena Duarte; Sudo-Martelleto,Mariluci; Vasconcellos,Marco Antônio da Silva; Marin,Sérgio Lúcio David; Pereira,Maurício Ballesteiro.
Mudas de mamoeiro da cv. Baixinho de Santa Amália (grupo 'Solo') foram transplantadas para três estruturas contíguas: (a) estufa com cobertura de plástico, (b) estufa sombreada com cobertura adicional de sombrite (30%, sobre o plástico) e (c) telado com cobertura exclusiva de sombrite (30%), estabelecendo-se, ao lado, uma área de cultivo em ambiente natural. Nas estufas, as partes laterais e frontais foram revestidas com tela antiafídica. No momento do transplantio e a intervalos mensais subseqüentes, durante o primeiro ano de cultivo, as plantas foram avaliadas em relação a: altura, diâmetro basal do tronco, número de folhas ativas e área foliar. O manejo e tratos culturais empregados obedeceram às normas técnicas constantes da legislação nacional...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carica papaya L.; Cultivo protegido.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000300017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estabilidade fenotípica de genótipos de morangueiro submetidos a número variável de subcultivos in vitro Ciência Rural
Fonseca,Andréa Pereira da; Silva,Erika Caitano da; Pereira,Maurício Ballesteiro; Oliveira,Roberto Pedroso de; Dornelles,Ana Lúcia Cunha.
Objetivando analisar o número de subcultivos que permita a multiplicação do morangueiro, sem que ocorram alterações nas características fenotípicas dos clones submetidos a esse processo, explantes dos genótipos 'Aromas', 'Camarosa' e 'Camino Real' foram submetidos, em uma primeira etapa, a 12 ciclos de subcultivos in vitro e, no ano seguinte, explantes dos mesmos genótipos, das mesmas plantas matrizes, foram subcultivados por três ciclos. Após a fase de aclimatização, as mudas foram transplantadas para canteiros, e o experimento conduzido segundo delineamento em blocos casualizados em esquema fatorial 3x2 (genótipos e níveis de subcultivos). As características avaliadas foram: altura da planta e comprimento da raiz (cm), massas fresca e seca da parte aérea...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fragaria ananassa (Duch.); Cultura de tecidos; Caracteres quantitativos.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013000800001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Expressão da esterilidade feminina e da carpeloidia em mamoeiro sob diferentes ambientes de cultivo protegido Rev. Bras. Frutic.
Martelleto,Luiz Aurélio Peres; Ribeiro,Raul de Lucena Duarte; Sudo-Martelleto,Mariluci; Vasconcellos,Marco Antônio da Silva; Pereira,Maurício Ballesteiro.
O presente estudo teve por objetivo avaliar a ocorrência de esterilidade feminina e de carpeloidia em mamoeiros hermafroditas 'Baixinho-de-Santa Amália' cultivados sob manejo orgânico, em diferentes tipos de ambiente de proteção,e conduzido com ou sem bifurcação do tronco no transcorrer das quatro estações do ano. Foram construídos três tipos de estruturas de proteção contíguas: (i) estufa (cobertura de plástico); (ii) estufa sombreada (cobertura adicional de tela 'sombrite' - 30% sobre o plástico), e (iii) telado (cobertura exclusiva de tela 'sombrite' - 30%), ao lado de uma área de ambiente natural, a pleno sol. Nestes locais, foram cultivados, dentro das normas técnicas da agricultura orgânica, mamoeiros da cv. Baixinho-de-Santa-Amália. Em metade das...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carica papaya; Agricultura orgânica; Cultivo protegido; Carpeloidia; Esterilidade feminina.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000400017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fenologia e produção de massa seca e de grãos em cultivares de milheto-pérola PAB
Geraldo,José; Oliveira,Luciana Diniz de; Pereira,Maurício Ballesteiro; Pimentel,Carlos.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a fenologia e produtividade de duas cultivares brasileiras de milheto-pérola, BN 2 e BRS 1501, comparadas com três cultivares africanas, Souna III, Guerguera e HKP. Foram instalados dois experimentos no campo, sem adubação e sem irrigação, um em janeiro, com a cultivar BN 2, e outro em abril, com BRS 1501. Na semeadura de janeiro, o ciclo das cultivares BN 2 e HKP foi menor do que o das outras, em virtude do encurtamento da fase vegetativa, e BN 2 apresentou menor duração da floração. Com balanço hídrico de -40 mm, não houve diferença significativa em relação à biomassa, mas a produção de grãos da Souna III, com 2.950 kg ha-1, foi significativamente superior à das demais. Na semeadura de abril, com um balanço hídrico...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pennisetum glaucum; Etapas de desenvolvimento vegetal; Biomassa; Grão; Rendimento; Ciclo vegetativo.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2002000900009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Unidades térmicas e produtividade em genótipos de milheto semeados em duas épocas PAB
Costa,Antonio Carlos Torres da; Geraldo,José; Pereira,Maurício Ballesteiro; Pimentel,Carlos.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o acúmulo de unidades térmicas (UT) e de biomassa em genótipos de milheto semeados nas águas e na seca, sem irrigação e adubação, em delineamento experimental de blocos ao acaso. Nas águas, o ciclo do BRS 1501 foi de 76 dias, com 1.239 UT, e ENA 1 teve ciclo de 82 dias, com 1.325 UT, sem diferenças de produtividade de biomassa e grãos. O genótipo Souna III acumulou 1.352 UT, com a maior produção de biomassa, mas não de grãos. Na floração, nessa época, BRS 1501 acumulou menos UT (517 UT) e menos biomassa, enquanto ENA 1 acumulou 545 UT e mais biomassa. Na seca, BRS 1501 teve ciclo de 80 dias, tendo requerido 1.123 UT, enquanto ENA 1 teve ciclo de 76 dias, com 1.074 UT; não houve diferença significativa na produção de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pennisetum glaucum; Graus-dia; Fases de desenvolvimento; Biomassa; Grãos.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2005001200003
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional