Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de cultivares de milho crioulo em sistema de baixo nível tecnológico - DOI: 10.4025/actasciagron.v32i2.430 Agronomy
Pipolo, Valéria Carpentieri; UEL - Londrina; Souza, Agnelo de; UEL - Londrina; Silva, Daiana Alves da; UEL - Londrina; Barreto, Thales Pereira; UEL - Londrina; Garbuglio, Deoclécio Domingos; IAPAR; Ferreira, Josué Maldonado; UEL - Londrina.
Com o advento da agricultura moderna, as sementes crioulas foram, em geral, substituídas por cultivares híbridos, com elevado potencial produtivo, porém mais dependentes de insumos e tecnologias intensivas. O objetivo deste trabalho foi avaliar variedades de milho crioulo, de forma a identificar materiais mais produtivos e que propiciem o processo sustentável no qual os próprios grãos possam ser utilizados como semente. Foram avaliadas 15 variedades de milho crioulo, tendo como testemunhas as cultivares comerciais BR 106 e IPR 114. Os experimentos foram conduzidos em Arapongas e Imbaú, Estado do Paraná, durante o ano agrícola de 2004/2005, sem a utilização de insumos externos. O delineamento utilizado foi o de blocos casualizados com quatro repetições. As...
Palavras-chave: Zea mays L.; Variedades locais; Melhoramento Zea mays L.; Landraces; Breeding.
Ano: 2010 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/430
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de zinco e fósforo em amostras de solo corrigidas com calcário na produção de matéria seca do milho-doce (Zea mays var. Saccharata) Agronomy
Pipolo, Valéria Carpentieri; UEL - Londrina; Garcia, Ivone Paschoal; UNESP; Assis, Joston S.; UNESP.
. Em razão do curto período de assimilação de nutrientes e do intenso metabolismo, o milho-doce apresenta maiores exigências nutricionais que o milho-verde comum. A cultura do milho-doce é intolerante a solos ácidos e apresenta resposta crescente de rendimento às aplicações de fósforo, nitrogênio e zinco. Com objetivo de verificar as exigências nutricionais do milho-doce, realizou-se um trabalho em casa de vegetação, onde se variaram os níveis de zinco e fósforo. O solo foi corrigido com calcário e o teor de bases elevado para 70%. Os níveis de Zn (sulfato de zinco) utilizados foram 0; 0,8; 1,6 e 3,2ppm e P (fosfato bicálcico) foram 0,75 e 150ppm. Após 33 dias do plantio, a parte aérea do milho-doce foi avaliada quanto ao rendimento de matéria seca. O...
Palavras-chave: 5.01.00.00-9 Agronomia milho-doce; Nutrição mineral; Fósforo; Zinco 5.01.00.00-9 Agronomia.
Ano: 1998 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/4359
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional