Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 19
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia foliar de bromélias ocorrentes em áreas de cerrado do Estado de São Paulo, Brasil Acta Botanica
Proença,Suzana Lúcia; Sajo,Maria das Graças.
Visando apontar características inerentes à família Bromeliaceae e indicar possíveis adaptações anatômicas encontradas nas espécies de cerrado, foram estudadas as folhas de cinco Bromelioideae, sete Tillandsioideae e uma Pitcairnioideae. Em geral, nas Bromelioideae, os estômatos estão aprofundados na epiderme e verifica-se um tecido mecânico epidérmico e subepidérmico; observa-se um tecido parenquimático armazenador de água, células esclerificadas não relacionadas aos tecidos vasculares, além de canais de aeração percorrendo longitudinalmente o mesofilo. Nas Tillandsioideae, as folhas são densamente recobertas por escamas, os estômatos ocorrem nas duas superfícies e o mesofilo é bastante compacto. Em Pitcairnioideae, a estrutura foliar é bastante...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bromeliaceae; Anatomia foliar; Cerrado; Estado de São Paulo.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062007000300013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia foliar de Erythroxylum P. Browne (Erythroxylaceae) do Cerrado do Estado de São Paulo, Brasil Acta Botanica
Bieras,Angela C.; Sajo,Maria das Graças.
Com o objetivo de apontar caracteres úteis na delimitação taxonômica, foram estudadas as folhas das espécies de Erythroxylum do Cerrado do Estado de São Paulo(E. ambiguum, E. campestre, E. cuneifolium, E. deciduum, E. microphyllum, E. nanum, E. pelleterianum, E. suberosum e E. tortuosum). Todas as folhas são revestidas por cristais de cera epicuticular, que apresentam forma de grânulo ou plaquetas e se distribuem de maneira esparsa ou densa. Para todos os representantes, o padrão de nervação é camptódromo - broquidódromo, o mesofilo é dorsiventral e os estômatos restringem-se à superfície abaxial. Algumas características como bordo acuminado, região da nervura central com projeção adaxial, feixes vasculares laterais envolvidos por bainha parenquimática e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomia foliar; Cerrado; Erythroxylaceae; Erythroxylum; Taxonomia.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000300018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia foliar de Melastomataceae do cerrado do Estado de São Paulo Rev. Bras. Bot.
Reis,Claudia dos; Bieras,Angela C.; Sajo,Maria das Graças.
Foi estudada a estrutura foliar de 22 espécies de Melastomataceae (tribos Miconieae, Tibouchinieae e Microlicieae) encontradas no cerrado do estado de São Paulo. Em todos os representantes, as folhas são dorsiventrais e hipostomáticas e a nervura principal é formada por xilema e por floema nas duas faces (exceto por uma única espécie). Determinados caracteres presentes nesses órgãos, como tipo e posição dos estômatos e aspecto das superfícies adaxial e abaxial, na região da nervura principal, variam consideravelmente dentro de um mesmo gênero. Outros como espessura da cutícula nas duas superfícies, tipo e morfologia dos tricomas, presença ou não de emergências, porcentagem de parênquima paliçádico e posição e forma do sistema vascular principal, quando...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomia foliar; Cerrado; Melastomataceae.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042005000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomy of the floral scape of Bromeliaceae Rev. Bras. Bot.
Proença,Suzana Lúcia; Sajo,Maria das Graças.
This paper describes the anatomy of the floral scape for 12 species of Bromeliaceae, belonging to the subfamilies Bromelioideae, Tillandsioideae and Pitcairnioideae. Although all the scapes have a similar organization, there are variations in the structure of the epidermis, cortex and vascular cylinder. Such variations are described for the studied scapes and, when considered together they can help to identify the species. These aspects are described for each scape and discussed under a taxonomic point of view.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomy; Bromeliaceae; Floral scape.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042008000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos morfo-anatômicos de três espécies de Drosera, durante o desenvolvimento pós-seminal Acta Botanica
Miranda,Vitor Fernandes Oliveira de; Sajo,Maria das Graças.
Durante o processo de germinação, as sementes das três espécies (Drosera spathulata Labill., D. intermedia Dreves & Hayne e D. burmanni Vahl) rompem-se por meio de um opérculo e as plántulas desenvolvem pêlos unicelulares ancoradouros antes do estabelecimento da raiz primária. A porção apical dos cotilédones permanece no interior dos envoltórios das sementes e possui função haustorial. Diferentes tricomas são constatados nas folhas e cotilédones das plántulas, inclusive na superfície das emergências. Alguns aspectos morfo-anatômicos das folhas também são apresentados.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Desenvolvimento pós-seminal; Drosera; Anatomia foliar.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062000000200007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização anatômica foliar para 14 espécies de Xyris L. (Xyridaceae) da Serra do Cipó, MG, Brasil Acta Botanica
Sajo,Maria das Graças; Wanderley,Maria das Graças Lapa; Carvalho,Luciana Marques de.
As folhas de X. anamariae, X. archeri, X. hymenachne, X. melanopoda, X. minarum, X. obcordata, X. paraensis, X. pilosa, X. platystachia, X. pterygoblephara, X. savanensis, X. spinulosa, X. tortilis e X. tortula, foram preparadas segundo técnicas usuais para estudos anatômicos. A análise comparativa, da região basal desses órgãos, mostrou diferenças na estrutura da epiderme, na organização do mesofilo e no número e grau de agrupamento dos feixes vasculares, dependendo da espécie considerada. Esses aspectos foram utilizados na caracterização de cada representante estudado e, analisados em conjunto para indicar formas diferentes de especialização foliar, relacionadas à deficiência hídrica.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Xyris; Xyridaceae; Anatomia foliar.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061995000100004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estrutura foliar de Aechmea Ruiz & Pav. subgênero Lamprococcus (Beer) Baker e espécies relacionadas (Bromeliaceae) Rev. Bras. Bot.
Aoyama,Elisa M.; Sajo,Maria das Graças.
Com o objetivo de colaborar na delimitação taxonômica de Aechmea, subgênero Lamprococcus, foram estudadas as folhas de 25 táxons morfologicamente relacionados entre si (13 de Aechmea, três de Ronnbergia E. Morren & André, quatro de Araeococcus Brongn. e cinco de Lymania Read). Apesar das folhas serem todas hipoestomáticas e possuírem mesofilo dorsiventral portador de hipoderme, elas exibem características que podem ser utilizadas na delimitação de cada representante. Essas características incluem: posição dos estômatos na superfície foliar, presença ou não de oclusão nas câmaras subestomáticas, ocorrência ou não de grupos de fibras dispersos no mesofilo, natureza da parede das células que compõem as bainhas e extensões dos feixes vasculares e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/review Palavras-chave: Aechmea; Anatomia foliar; Taxonomia.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042003000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estrutura foliar de espécies de Aechmea Ruiz & Pav. (Bromeliaceae) do Estado de São Paulo, Brasil Acta Botanica
Proença,Suzana Lúcia; Sajo,Maria das Graças.
O estudo da estrutura foliar de Aechmea bromeliifolia (Rudge) Baker, A. distichantha Lem., A. ornata Baker, A. nudicaulis (L.) Griseb., A. pectinata Baker, A. coelestis (K. Koch) E. Morren, A. cylindrata Lindm. e A. gracilis Lindm. mostrou que, em todas as espécies, as folhas são hipoestomáticas e revestidas por células epidérmicas de paredes sinuosas e portadoras de corpos silicosos. Apresentam também hipoderme mecânica e aqüífera, escamas nas duas superfícies e canais de aeração, interrompidos por diafragmas de células braciformes, no parênquima clorofiliano. A ocorrência restrita de algumas características permitiu elaborar uma chave de identificação para os representantes estudados. Tais características incluem a ocorrência de grupos de fibras...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Estrutura foliar; Aechmea; Bromeliaceae.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Leaf Structure and Taxonomy of Petunia and Calibrachoa (Solanaceae) BABT
Reis,Claudia dos; Sajo,Maria das Graças; Stehmann,João Renato.
We studied the leaf anatomy of sixteen species of Calibrachoa and eight species of Petunia. In Calibrachoa leaves, the vascular bundles sheath (endodermis) was formed by parenchymatous developed cells, different from those of the mesophyll. In Petunia, this sheath did not show a marked morphological differentiation. The Calibrachoa leaves could be separated according to the type of leaf margins, the distribution of the stomata on leaf surfaces, the organization of the mesophyll and the morphology of the trichomes. Based on these results, an indented dichotomous identification key was elaborated for the species of the genus Calibrachoa.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Solanaceae; Calibrachoa; Petunia; Leaf anatomy; Taxonomy.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-89132002000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Morfo-anatomia caulinear de nove espécies de Orchidaceae Acta Botanica
Oliveira,Virginia del Carmen; Sajo,Maria das Graças.
Foram analisados sob o ponto de vista morfo-anatômico os sistemas caulinares (caule aéreo, rizoma e pseudobulbo) de nove espécies de Orchidaceae (Catasetum fimbriatum, Dichaea bryophila, Encyclia calamara, Epidendrum campestre, Epidendrum secundum, Miltonia flavescens, Pleurothallis smithiana, Stanhopea lietzei e Vanda tricolor). Comparando-se as espécies foi possível reconhecer uma certa uniformidade na organização interna dessas estruturas. Os rizomas e caules aéreos são revestidos por epiderme unisseriada, apresentam córtex parenquimático e feixes vasculares colaterais distribuídos em dois ou mais anéis no cilindro central. Os pseudobulbos possuem epiderme unisseriada recoberta por espessa cutícula e feixes vasculares colaterais distribuídos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rizoma; Pseudobulbo; Caule aéreo; Orchidaceae.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062001000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Nervação foliar em espécies brasileiras de Myrtaceae Adans Acta Botanica
Cardoso,Cristiano Marcelo Viana; Sajo,Maria das Graças.
Com o objetivo de caracterizar o padrão de nervação foliar na subfamília Myrtoideae Nied. (Myrtaceae) bem como de reconhecer caracteres particulares a cada subtribo, foram estudadas as folhas de 44 espécies, pertencentes às subtribos Myrtinae (nove gêneros), Myrciinae (cinco gêneros) e Eugeniinae (oito gêneros). Foi observado que, embora o padrão camptódromo-broquidódromo seja o dominante entre as espécies, o padrão misto acródromo-broquidódromo também se encontra presente. Para cada uma das espécies foi descrito o padrão secundário de nervação, o de nervação última marginal, o de nervação terciária, o tipo de aréola, bem como a presença ou ausência de nervura intramarginal.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Myrtaceae; Morfologia foliar; Nervação foliar; Brasil.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000300016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Notas taxonômicas em Xyris L. (Xyridaceae) Acta Botanica
Wanderley,Maria das Graças Lapa; Sajo,Maria das Graças.
São propostas alterações nomenclaturais e taxonômicas em Xyris, status novum e dois novos sinônimos.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Xyridaceae; Xyris; Status novo; Novos sinônimos.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061996000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ontogenia foliar de três espécies de Erythroxylum P. Browne (Erythroxylaceae) ocorrentes no Cerrado Rev. Bras. Bot.
Bieras,Angela C.; Sajo,Maria das Graças.
Com o objetivo de descrever a ontogenia foliar e natureza das cicatrizes, encontradas em lâminas adultas de Erythroxylum, foram analisadas as folhas de Erythroxylum campestre, E. nanum e E. tortuosum, em diferentes estágios de desenvolvimento. Para as três espécies, verificou-se a ocorrência de um crescimento foliar marginal do tipo "submarginal mediano". No início do desenvolvimento do órgão, a atividade do meristema adaxial é intensa e leva à formação de uma saliência nessa face, enquanto que a porção laminar se desenvolve de forma involuta, devido à atividade do meristema marginal. Os estômatos se diferenciam junto com as camadas do mesofilo e a expansão final do órgão é dada por um crescimento intercalar. Durante a ontogenia não foi registrado o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cicatriz laminar; Erythroxylaceae; Erythroxylum; Ontogenia foliar.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042004000100009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Radicular anatomy of twelve representatives of the Catasetinae subtribe (Orchidaceae: Cymbidieae) Anais da ABC (AABC)
Pedroso-de-Moraes,Cristiano; Souza-Leal,Thiago de; Brescansin,Rafael L.; Pettini-Benelli,Adarilda; Sajo,Maria das Graças.
Considering that the root structure of the Brazilian genera belonging to the Catasetinae subtribe is poorly known, we describe the roots of twelve representatives from this subtribe. For anatomical analysis, the roots were fixed in FAA 50, preserved in ethanol 70% and sectioned at its medium region using razor blades. The sections were stained with 0.05% astra blue and safranin and mounted in glycerin. For the identification of starch we used Lugol's solution; for lignin, floroglucin chloridric; for lipids, Sudan III, and for flavanoids, potassium hydroxide. The relevant aspects were registered using a digital camera joined with an Olympus microspope (BX51 model). The structural similarities of all roots support the placement of the subtribe Catasetinae...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Epiphytism; Morphoanatomy; Orchid; Systematic.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0001-37652012000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Root anatomy of nine orchidaceae species BABT
Oliveira,Virginia del Carmem; Sajo,Maria das Graças.
Studies on the root anatomy of nine Orchidaceae species presented a multisseriated velamen, a parenchymatous cortex and a definided endodermis, in all the studied species (Catasetum fimbriatum Lindl., Dichaea bryophila Rchb. f., Encyclia calamara(Lindl.) Pabst, Epidendrum campestre Lindl., Epidendrum secundum Jacq., Miltonia flavescens Lindl., Pleurothallis smithiana Lindl., Stanhopea lietzei (Regel) Schltr. and Vanda tricolor Lindl.) Structural characters, which could be considered root adaptations to an epiphytic habit, were also common for all species.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Root anatomy; Orchidaceae; Ephiphytism; Structural characters.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-89131999000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Submicroscopical Features of Leaves of Xyris Species BABT
Sajo,Maria das Graças; Machado,Silvia Rodrigues.
The leaf ultrastructure of five Xyris species were examined using scanning electron microscope (SEM), transmission electron microscope (TEM) and histochemical methods. All studied leaves show some features in epidermis and mesophyll, which were of considerable adaptative significance to drought stress. Such features included the occurrence of a pectic layer on the stomatal guard cells and the presence of a network of pectic compounds in the cuticle. Pectic compunds were also in abundance in lamellated walls of the mesophyll cells and on the inner surface of the sclerified cell walls of the vascular bundle sheaths. There were also specialized chlorenchymatous "peg cells" in the mesophyll and drops of phenolic compounds inside the epidermal cells.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Xyris; Ultrastructure; Leaf.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-89132001000400011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Vascularização foliar e a identificação de espécies de Eugenia L. (Myrtaceae) da bacia hidrográfica do Rio Tibagi, PR Rev. Bras. Bot.
Cardoso,Cristiano M. V.; Sajo,Maria das Graças.
Com o objetivo de reconhecer caracteres vegetativos que auxiliem na identificação de Myrtaceae, foram estudadas as folhas de 17 espécies de Eugenia, presentes da bacia do Rio Tibagi, PR. Analisando os padrões de nervação das lâminas e as características da bainha perivascular, na região do pecíolo, foi possível separar essas espécies em três grupos distintos. O padrão camptódromo-broquidódromo ocorre em nove espécies; o acródromo em quatro espécies e, nas quatro restantes, observa-se um padrão misto. A bainha perivascular do pecíolo pode ser de natureza parenquimática, esclerenquimática ou mista. Elaborou-se uma chave de identificação usando esses caracteres vegetativos, demonstrando que eles podem, seguramente, auxiliar na identificação das espécies de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia; Myrtaceae; Nervação foliar.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042004000100006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Vascularização foliar e anatomia do pecíolo de Melastomataceae do cerrado do Estado de São Paulo, Brasil Acta Botanica
Reis,Cláudia dos; Proença,Suzana Lúcia; Sajo,Maria das Graças.
Foram estudados o pecíolo e a vascularização foliar de 22 espécies de Melastomataceae do cerrado do Estado de São Paulo. A análise da vascularização mostrou que, embora venação acródroma seja constante para todos os representantes, determinados caracteres, como o tipo de aréola, a relação entre o número de nervuras primárias e secundárias, o tipo de venação última marginal e a organização da rede de nervuras, são úteis na delimitação das tribos e gêneros estudados. O estudo anatômico do pecíolo também revelou que determinados aspectos, como o contorno do órgão, a distribuição dos feixes vasculares e as características epidérmicas, fornecem subsídios para a caracterização de gêneros. As variações encontradas na vascularização foliar e na estrutura do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Melastomataceae; Vascularização foliar; Anatomia; Pecíolo; Cerrado.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000400029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
What are tilosomes? An update and new perspectives Acta Botanica
Kedrovski,Halisson Rafael; Sajo,Maria das Graças.
ABSTRACT Characterization of tilosomes and study of their development revealed that they are similar to the cell wall ingrowths of transfer cells. Roots from Anathallis sclerophylla were used to examine the development, histochemistry and ultrastructure of tilosomes using light, confocal and electron microscopy (both SEM and TEM). Tilosomes initiate as cellulosic papillae in the root elongation zone, increasing the apo/symplast surface throughout the wall-membrane apparatus. Both the development and structure of tilosomes and velamen strips appear similar to the reticulated and flange cell wall ingrowths of Vicia faba transfer cells. We suggest two functional phases for tilosomes: a) in young tissues they increase the symplast connection and thus improve...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Autofluorescence; Callose; Cell wall biochemistry; Ontogeny; Oriented wall deposition; Waxes.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062019000100106
Registros recuperados: 19
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional