Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estádios de maturação e variação da temperatura de armazenamento na qualidade pós-colheita de ameixas cv. amarelinha Rev. Bras. Frutic.
Malgarim,Marcelo Barbosa; Cantillano,Fernando Rufino Flores; Treptow,Rosa de Oliveira; Souza,Edson Luis de; Coutinho,Enilton Fick.
Ameixas, de modo geral, têm curto período de conservação pós-colheita, fazendo-se necessário otimizar as condições de colheita e de armazenamento. O trabalho objetivou avaliar o efeito do estádio de maturação e da variação de temperatura durante o armazenamento refrigerado na qualidade pós-colheita de ameixas cv. Amarelinha. As frutas foram selecionadas em três estádios de maturação e submetidas aos tratamentos: T1) 30 dias a 0ºC; T2) 10 dias a 0ºC + 5 dias a 7ºC + 15 dias a 0ºC; T3) 10 dias a 0ºC + 10 dias a 7ºC + 10 dias a 0ºC; T4) 5 dias a 0ºC + 5 dias a 7ºC + 20 dias a 0ºC; T5) 5 dias a 0ºC + 10 dias a 7ºC + 15 dias a 0ºC. A UR foi de 90 a 95% para todos os tratamentos. Após a retirada das frutas das câmaras frias mais três dias à temperatura de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus salicina; Colheita; Refrigeração; Análise sensorial.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Idade e sexo na maciez da carne de ovinos da raça Corriedale Ciência Rural
Gularte,Márcia Arocha; Treptow,Rosa de Oliveira; Pouey,Juvêncio Luís Fernandes; Osório,José Carlos.
A maciez da carne geralmente é o atributo mais importante para o consumidor. Vários são os fatores que influem sobre esSe aspecto no animal, como por exemplo: genótipo, idade, sexo, entre outros. Neste estudo, verificou-se a influência da idade e do sexo na maciez do músculo Longissimus dorsi de ovinos da raça Corriedale, através de métodos sensoriais e instrumentais. Após o abate, realizou-se a avaliação visual da textura do músculo pela granulação da superfície do mesmo. As amostras foram congeladas por 5 meses. Após a cocção, foi analisada a maciez da carne pelo equipamento Warner-Bratzler shear medindo a força de cisalhamento, e por avaliação sensorial realizada por uma equipe treinada de julgadores. Resultados obtidos pela avaliação sensorial e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ovinos; Corriedale; Maciez; Longissimus dorsi.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782000000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Modificação da atmosfera na qualidade pós-colheita de ameixas cv. Reubennel Rev. Bras. Frutic.
Malgarim,Marcelo Barbosa; Cantillano,Rufino Fernando Flores; Treptow,Rosa de Oliveira; Souza,Edson Luis de; Coutinho,Enilton Fick.
Ameixas, de modo geral, têm curto período de conservação pós-colheita, havendo necessidade de otimizar as condições de colheita e de armazenamento. Este trabalho objetivou avaliar o efeito de diferentes modificadores de atmosfera, durante o armazenamento refrigerado, na qualidade pós-colheita de ameixas cv. Reubennel. Frutas no estádio de maturação meio-maduro foram submetidas aos seguintes modificadores de atmosfera: filmes de polietileno de 12,5 e 15µm de espessura e cera à base de carnaúba e avaliadas após 10; 20; 30 e 40 dias de armazenamento a 0ºC e UR de 90-95%. Avaliaram-se a perda de massa, cor, firmeza da polpa, pH, sólidos solúveis (SS), acidez titulável (AT), relação SS/AT, incidência de podridões, escurecimento interno e características...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ameixa; Atmosfera modificada; Qualidade; Frigoconservação; Análise sensorial.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Perfil e preferências do consumidor de pêssego (Prunus persica) em diferentes regiões produtoras no Rio Grande do Sul Rev. Bras. Frutic.
Trevisan,Renato; Piana,Clause Fátima de Brum; Treptow,Rosa de Oliveira; Gonçalves,Emerson Dias; Antunes,Luis Eduardo Corrêa.
Entender a qualidade percebida pelo consumidor é fundamental para aquele que deseja não apenas produzir frutas, mas também comercializá-las. Além disso, conhecer o consumidor e seus hábitos contribui no adequado planejamento de ações nos diversos segmentos da cadeia produtiva. Procurou-se verificar o perfil e a preferência dos consumidores de pêssego in natura, em três cidades do Rio Grande do Sul. A partir das respostas ao questionário aplicado, traçou-se seu perfil quanto as suas exigências relativas ao hábito de compra e da qualidade da fruta. Utilizou-se a estatística de Qui-quadrado para verificar a ocorrência de independência entre as variáveis obtidas por meio das respostas dos consumidores em uma amostra de 430 entrevistados entre as três cidades....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Padrão de qualidade; Teste de preferência; Mercado.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452010000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade pós-colheita da pêra (Pyrus communis L.) cultivar Carrick submetida a diferentes condições de armazenamento Rev. Bras. Frutic.
Coutinho,Enilton Fick; Malgarim,Marcelo Barbosa; Souza,Edson Luiz de; Treptow,Rosa de Oliveira.
As pêras européias não alcançam a maturidade de consumo na planta, sendo amadurecidas após a colheita, mediante armazenamento. O presente trabalho objetivou avaliar a qualidade pós-colheita de pêras cv. Carrick sob diferentes condições de armazenamento. As frutas foram armazenadas à temperatura de 0±0,5ºC e umidade relativa (UR) de 90-95% e, para simulação da comercialização, temperatura de 20º±1ºC e UR de 75-80%. As frutas foram submetidas aos tratamentos: T1) 30 dias a 0 ºC; T2) 28 dias a 0ºC + 2 dias a 20ºC; T3) 26 dias a 0ºC + 4 dias a 20ºC; T4) 24 dias a 0ºC + 6 dias a 20ºC. Após 30 dias, foram analisadas as seguintes variáveis: sólidos solúveis totais (SST); acidez titulável (AT); relação SST/AT; cor; firmeza de polpa e ocorrência de podridão. Foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pêra; Maturação; Qualidade; Armazenamento; Análise sensorial.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452003000300014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Um estudo para compreender a preferência e aceitação de consumidores de purês de pêssegos brasileiros Rev. Bras. Frutic.
Toralles,Ricardo Peraça; Malgarim,Marcelo Barbosa; Vendruscolo,João Luiz; Cantillano,Rufino Fernando Flores; Treptow,Rosa de Oliveira.
Testes de preferência e de aceitação foram realizados para determinar a relação entre parâmetros e atributos de qualidade de purês de pêssegos elaborados a partir das cvs. Granada, Jade, Esmeralda, Maciel, Eldorado, Jubileu, Br-6 e Magno. Pêssegos da safra 2003-2004 foram colhidos em pomar comercial na região de Pelotas - RS. As propriedades físicas e químicas foram determinadas com quatro repetições de vinte pêssegos de cada cultivar. O purê de pêssego foi elaborado por branqueamento contínuo. Os testes de preferência e aceitação foram aplicados com 50 consumidores, e as respostas dos consumidores foram registradas, respectivamente, em uma escala auto-ajustável e uma hedônica de nove pontos. Também, utilizou-se um teste descritivo com nove julgadores...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Parâmetros e atributos de qualidade; Preferência de consumidor e cor característica de purês de pêssegos.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000300013
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional