Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
2,6-Di-hidroxiacetofenona e tipo de corte basal no enraizamento de estacas semi-lenhosas de pessegueiro ‘Okinawa’ Ciência Rural
Tofanelli,Mauro Brasil Dias; Rodrigues,João Domingos; Ono,Elizabeth Orika.
A propagação do pessegueiro (Prunus persica) no Brasil é baseada na enxertia sobre porta-enxertos oriundos de sementes. Outros métodos de propagação de frutíferas poderiam ser utilizados para o pessegueiro visando obtenção de materiais de melhor qualidade. Neste trabalho objetivou-se avaliar o efeito do 2,6-di-hidroxiacetofenona aplicado previamente ao ácido indol-butírico em estacas semi-lenhosas de pessegueiro da cultivar Okinawa preparadas com diferentes tipos de corte basal. Foram coletados ramos do porta-enxerto ‘Okinawa’ em dezembro de 2001 para o preparo das estacas sem folhas, com 12cm de comprimento, 7mm de diâmetro, quatro gemas e diferentes tipos de cortes basais (corte longitudinal, corte lateral e corte da casca) tratado-as na base com 0 e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Propagação; Ácido fenólico; Estaquia.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000200036
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
2,6-di-hidroxiacetofenona no enraizamento de estacas semilenhosas de pessegueiro Rev. Bras. Frutic.
Tofanelli,Mauro Brasil Dias; Ono,Elizabeth Orika; Rodrigues,João Domingos.
A propagação do pessegueiro no Brasil baseia-se na enxertia de cultivares-copa em porta-enxertos propagados por sementes, e uma alternativa de propagação para esta frutífera poderia ser a estaquia. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de enraizamento de estacas semilenhosas de cultivares de pessegueiro através da aplicação de 2,6-di-hidroxiacetofonona (2,6-DHAP) antes do tratamento com AIB (ácido indolbutírico). As estacas foram preparadas a partir de ramos coletados das cultivares Delicioso Precoce, Jóia 1 e Okinawa, em dezembro de 2001, para serem tratadas na base com 2,6-DHAP (0 e 300mg L-1), por 4h, em aeração e depois com AIB (200mg L-1 e 2500mg L-1). As estacas foram plantadas em bandejas de poliestireno expandido com vermiculita fina e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Prunus persica; Propagação; Estaquia; Ácido fenólico; Auxina.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000200046
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conteúdo fenólico in vitro em açucena durante a organogênese. Repositório Alice
FLORES, P. S.; PEDROTTI, E. L.; SOUSA, D. B..
bitstream/item/184037/1/24508.pdf
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Hippeastrum aulicum; Ácido fenólico; Açucena.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/941836
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Optimization of phenolic compounds extraction from peanuts seeds using response surface methodology. Repositório Alice
MASSARIOLI, A. P.; JULIANO, F. F.; SANTOS, R. C. dos; ALENCAR, S. M..
Peanut (Arachis hypogaea L.) have been recognized as a source of bioactives compounds beneficiai to health due to their antioxidant and anti-inflammatory properties [I]. Among these compounds, phenolic acids, Oavonoids and stilbenes have been already identified in peanut seeds which showed effective antiox idant activity in several in vitro assays. The extraction process to recovery phenolic compounds from p1ants materiais is an important step to study these compounds and it is necessary to be optimized. The response surface methodology (RSM) is a too1 for optimization of analytical methods based on statistical interpretation that indicates the interaction between variables. There is a lack of study on extraction of phenolic compounds from peanuts seeds,...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Rachis hypogaea L; Ácido fenólico; Amendoim; Planta oleaginosa; Antioxidante; Composto fenólico; Phenolic compounds; Antioxidants.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1064479
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional