Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Absorção de P, Mg, Ca e K e tolerância de genótipos de arroz submetidos a estresse por alumínio em sistemas hidropônicos Ciência Rural
Freitas,Fábio Almeida de; Kopp,Mauricio Marini; Sousa,Rogério Oliveira de; Zimmer,Paulo Dejalma; Carvalho,Fernando Irajá Félix de; Oliveira,Antonio Costa de.
Solos com concentrações elevadas de alumínio (Al3+), podem prejudicar o desenvolvimento e a absorção de nutrientes de plantas de arroz. O objetivo do experimento foi avaliar o desempenho de dezoito genótipos de arroz quanto a absorção de P, Mg, Ca e K e identificar genótipos com bom desempenho quando submetidos ao estresse por Al3+ em sistema hidropônico. Foram utilizados quatro níveis de Al3+ (0, 10, 20 e 30mg L-1) e o delineamento experimental foi blocos casualizados com três repetições. As plântulas permaneceram em sistema hidropônico por 20 dias sob efeito dos tratamentos, e após foram avaliadas quanto ao comprimento de raízes (CR) e teores de P, Mg, Ca e K. Todas as variáveis apresentaram reduções significativas nos seus valores, e os genótipos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Oryza sativa; Alumínio tóxico; Variabilidade.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782006000100011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da diversidade genética de cornichão com o uso de marcadores microssatélites R. Bras. Zootec.
Santos,Armando Martins dos; Agnol,Miguel Dall'; Janke,Aline; Bortolini,Fernanda; Huber,Kátia Graziela Costa.
O objetivo neste trabalho foi analisar a diversidade genética de 14 materiais de Lotus corniculatus L. por meio de marcadores microssatélites. Foram analisados quatro cultivares e uma população de L. corniculatus e seus respectivos genótipos selecionados visando tolerância e sensibilidade ao alumínio. Foram utilizados 17 pares de primers que detectaram 36 alelos nos 17 locos microssatélites, com média de 2,25 alelos por loco. O resultado da análise de agrupamento com base nos índices de similaridade mostrou a formação de três grupos: um englobando germoplasmas e genótipos selecionados para sensibilidade ao alumínio e outros dois formados por genótipos selecionados visando tolerância ao alumínio tóxico. A análise molecular foi eficiente para detectar e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alumínio tóxico; Cornichão; Marcador molecular; Variabilidade genética.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de espécies diploides de Lotus em resposta à toxidez por alumínio R. Bras. Zootec.
Santos,Armando Martins dos; Dall'Agnol,Miguel; Janke,Aline; Bissani,Carlos Alberto; Santos,Luciana Carvalho dos; Leão,Marcos Laux de.
Objetivou-se com este trabalho caracterizar espécies diploides, inclusive a espécie modelo Lotus japonicus, e linhas endogâmicas recombinantes do gênero Lotus, quanto à tolerância ao alumínio (Al) tóxico utilizando-se solo ácido e solução nutritiva. Os experimentos foram conduzidos em casa-de-vegetação, sendo testadas três espécies diploides (L. japonicus MG-20 e GIFU, L. filicaulis e L. burtii) e 180 linhas endogâmicas recombinantes. Nos experimentos com espécies diploides, utilizou-se a alfafa como testemunha sensível e, nos experimentos com linhas endogâmicas recombinantes, utilizou-se a espécie modelo GIFU. Nos experimentos em solo, foram avaliadas características morfológicas da parte aérea e da raiz e, nos experimentos em solução nutritiva, apenas o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alumínio tóxico; Espécie modelo; Linha endogâmica recombinante.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000500006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dissimilaridade genética entre genótipos de trigo avaliados em cultivo hidropônico sob estresse por alumínio Bragantia
Bertan,Ivandro; Carvalho,Fernando Irajá Felix de; Oliveira,Antônio Costa de; Silva,José A. G. da; Benin,Giovani; Vieira,Eduardo Alano; Silva,Giovani O. da; Hartwig,Irineu; Valério,Igor Pirez; Taciane,Finatto.
O conhecimento da distância genética entre genótipos é importante ferramenta utilizada na escolha de genitores que vão dar origem às populações segregantes. Essa informação serve como parâmetro para indicação de cruzamentos que possibilitem recuperar recombinantes superiores para o caráter desejado. O principal objetivo do estudo foi promover informações de dissimilaridade genética para o caráter tolerância ao alumínio tóxico em genótipos de trigo da Região Sul do Brasil, avaliados em cultivo hidropônico sob estresse por alumínio em nível tóxico, utilizando diferentes técnicas de agrupamento e visualização gráfica. Entre os 23 genótipos testados, foi constatada a presença de variabilidade genética para tolerância ao alumínio, verificada pela formação de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Seleção de genitor; Alumínio tóxico; Triticum aestivum L.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052006000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ensaios comparativos de cultivares de trigo em diferentes regiões paulistas no biênio 1979/80 Bragantia
Felício,João Carlos; Ferreira Filho,Antonio Wilson Penteado; Castro,Jairo Lopes de; Barros,Benedito de Camargo.
Visando estudar o comportamento de cultivares de trigo recomendados para solos com ou sem alumínio nocivo na camada arável, juntamente com outros cultivares comerciais, foram realizados vários ensaios nas regiões tritícolas paulistas no biênio 1979/80. Nos experimentos em solos com alumínio, somente 'IAC-21' e 'BR-4' apresentaram produções médias superiores à testemunha 'BH-1146', enquanto nos solos sem alumínio os cultivares Tucano, Anahuac, El Pato, Mitacoré, Aracatu, Sema 220, MR 74042 e MR 74501 alcançaram as melhores médias de produção. Entre os cultivares comerciais testados, IAC-13, INIA-66, Itapua-5, PAT-24, IAC-17, IAC-5, BH-1146 e Tobari-66 revelaram as melhores produções, variando de acordo com a região. De maneira geral, em condições de campo,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Triticum aestivum L.; Produção; Alumínio tóxico; Resistência; Puccinia graminis f. sp. tritici; Puccinia recondita.
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000100001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Uma proposta de seleção para caracteres quantitativos e qualitativos em aveia Ciência Rural
Benin,Giovani; Carvalho,Fernando Irajá Félix de; Oliveira,Antônio Costa; Silva,José Antonio Gonzales da; Lorencetti,Claudir; Maia,Melissa Batista; Marchioro,Volmir Sérgio; Freitas,Fabio; Hartwig,Irineu.
Em aveia (Avena sativa L.), a utilização de técnicas que minimizem os efeitos de ambiente na expressão do fenótipo e que facilitem a identificação de genótipos de superior rendimento de grãos, baixa estatura e tolerantes ao alumínio tóxico são aspectos de fundamental importância para o desenvolvimento de cultivares mais promissores e com adaptabilidade a áreas consideradas marginais. Desta forma, genótipos selecionados pelo método colméia de condução de populações segregantes, em três diferentes cruzamentos, foram submetidos a testes simultâneos para tolerância ao alumínio tóxico (Al+3) e insensibilidade ao ácido giberélico (AG3), objetivando a identificação de constituições genéticas superiores. A técnica utilizada possibilitou a seleção de plantas de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Avena sativa L.; Alumínio tóxico; Ácido giberélico; Melhoramento genético.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782004000300008
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional