Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Origem das artérias celíaca e mesentérica cranial em bubalinos (Bubalus bubalis, L. 1758) Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
MACHADO,Márcia Rita Fernandes; MIGLINO,Maria Angélica; CABRAL,Vania Pais; ARAÚJO,Nilton de.
Com o intuito de conhecer melhor o sistema arterial nesta espécie, descrevemos a origem das artérias celíaca e mesentérica cranial dos bubalinos. Utilizamos 30 fetos e 1 animal adulto. Os fetos variavam de 4 a 8 meses de idade e tiveram seus vasos injetados com solução de látex - Neoprene, tiveram seus vasos dissecados, e um animal adulto, que teve seus vasos dissecados no local de abate. Observamos que as artérias celíaca e mesentérica cranial originavam-se da porção torácica da aorta em todos os casos, estando isoladas em 90,33% deles e em tronco comum (tronco celíaco mesentérico) em 9,67% dos casos.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Artéria celíaca; Artéria mesentérica cranial; Búfalos.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962000000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Origem e distribuição da artéria celíaca em mutuns dos gêneros Crax e Mitu UnB - FAB
Gonçalves, E.S; Santana, Marcelo Ismar Silva; Lima, Eduardo Maurício Mendes de; Silva, Frederico Ozanam Carneiro e; Severino, Renato Souto; Drummond, Sérgio Salazar.
Este trabalho objetivou descrever a origem e a distribuição dos ramos da artéria celíaca em 19 aves dos gêneros Crax e Mitu, oriundas do Criatório Científico e Cultural de Poços de Caldas, doadas após óbito natural. Para o preenchimento do sistema vascular foi utilizada solução aquosa de látex corado, seguido de imediata fixação em solução aquosa de formol a 10%. Posteriormente, dissecaram-se os colaterais responsáveis pela irrigação do canal alimentar, fígado, baço e pâncreas. A artéria proventricular dorsal foi o primeiro ramo emitido antes da bifurcação da artéria celíaca em ramos esquerdo e direito. O ramo esquerdo enviou as artérias gástrica dorsal, proventricular ventral (e seus ramos ventriculares), gástrica ventral, gástrica esquerda e pilóricas...
Tipo: Article Palavras-chave: Anatomia; Artéria celíaca; Ave.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10482/7676
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Origem, ramificações e distribuições da artéria celíaca em aves fêmeas ( Gallus gallus) da linhagem cobb 500 UnB - FAB
Silva, Frederico Ozanam Carneiro e; Severino, Renato Souto; Drummond, Sérgio Salazar; Bombonato, Pedro Primo; Campos, Danila Barreiro; Campos, Alessandra Barreiro; Lima, Eduardo Maurício Mendes de; Borges, Ana Claudia; Marcelino, Elida de Lourdes.
Estudaram-se a origem, ramificações e distribuições da artéria celíaca em 30 aves (Gallus gallus) da linhagem Cobb 500, fêmeas, com idade entre 7 e 12 semanas. Os espécimes tiveram seus vasos arteriais preenchidos com solução aquosa corada de Neoprene Látex "450" a 50% e a seguir foram fixados em solução aquosa de formaldeído a 10%. A artéria celíaca emergiu da face lateral direita da aorta descendente e enviou ramos ao esôfago (40%), proventrículo (100%), ventrículo (100%), baço (100%), fígado (100%), vesícula biliar (100%), duetos biliares (100%), pâncreas (100%), duodeno (100%), jejuno (100%), íleo (100%) e cecos (100%) e as artérias proventricular dorsal (96,67%) e lienal (23,33%) e dividiu-se em ramos direito e esquerdo em todos os animais. O ramo...
Tipo: Article Palavras-chave: Artéria celíaca; Ave; Gallus gallus.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10482/7738
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Os arranjos configurados pela artéria celíaca no pato doméstico (Cairina moshata) Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
PINTO,Marcos Rogério Alves; RIBEIRO,Antonio Augusto Coppi Maciel; SOUZA,Wilson Machado de.
Mediante esta pesquisa, estudamos os arranjos configurados pela artéria celíaca em 30 patos domésticos Cairina moshata, sendo 20 machos e 10 fêmeas. Foi realizada a injeção de látex corado no sistema arterial e depois as peças foram fixadas em solução aquosa de formol a 10% para posterior dissecação dos vasos arteriais. A artéria celíaca nasce isoladamente da aorta descendente e fornece a artéria proventricular dorsal e a artéria esofágica e a seguir continua-se como tronco de dois outros ramos: esquerdo e direito. O ramo esquerdo emite um vaso que vasculariza a porção ventral do proventrículo (artéria proventricular ventral) e porção terminal do esôfago e, a seguir, fornece 3 ramos que vascularizam a face lateral esquerda e a margem cranial da moela ou...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Artéria celíaca; Sistema circulatório; Aves.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95961998000300001
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional