Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 263
Primeira ... 123456789 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A estrutura de um remanescente de Floresta Ombrófila Mista sobre Latossolo Bruno na região centro-sul paranaense. Repositório Alice
CORDEIRO, J.; RODERJAN, C. V.; CURCIO, G. R..
2015
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fitossociologia; Floresta Ombrófila Mista; Solo florestal; Unidade pedológica.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1023412
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aditamentos à vegetação de Portugal continental IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Costa, José C.; Capelo, J.; Amado, A.; Honrado, João; Espírito-Santo, Dalila; Lousã, Mário.
Tipo: Article Palavras-chave: Vegetação de Portugal; Portugal; Fitossociologia.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5340
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adubação e o período anterior à interferência das plantas daninhas na cultura do amendoim Planta Daninha
Yamauti,M.S.; Alves,P.L.C.A.; Nepomuceno,M.; Martins,J.V.F..
O presente trabalho teve como objetivo determinar o efeito da adubação sobre a comunidade infestante e sobre o período anterior à interferência (PAI) das plantas daninhas na cultura do amendoim, cv. IAC Runner 886, em sistema convencional. Os períodos de convivência estudados foram: 0, 7, 15, 20, 30, 45, 55 e 126 dias após a emergência (DAE), totalizando oito tratamentos, dispostos em blocos casualizados, com quatro repetições, em dois níveis de adubação: 0 e 150 kg ha-1 da formulação 00-20-20 (N-P-K). A adubação não alterou a composição da comunidade infestante, destacando-se Cyperus rotundus, Eleusine indica, Indigofera hirsuta, Portulaca oleraceae e Sida rhombifolia como as espécies de maior importância relativa. Contudo, a densidade de plantas daninhas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Arachis hypogaea; Competição; Fertilização; Fitossociologia.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582010000500011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Analise botânica de um campo de pastagem no estado do Rio de Janeiro Planta Daninha
Peixoto,A. L.; Carvalho,S. M.; Rosa,M. M. T. da.
O presente estudo trata da análise fitossociológica de uma área de pastagem localizada no Município de Vassouras, Estado do Rio de Janeiro, e é parte de um projeto que vem sendo desenvolvido por docentes do Instituto de Biologia da UFRRJ sobre Biologia e Ecologia de Hemípteros do gênero Dysdercus. Na área foram estabelecidos quadrados de 1 m2, dos quais se obtiveram dados de freqüência, densidade e dominância. A somatória dos valores relativos destes dados fornece o IVI (índice de Valor de Importância). As gramíneas que formam a pastagem quando somadas atingem 114,90 IVI. Todas as gramíneas atingem 161,18 IVI. As espécies de gramíneas que são biologicamente infestantes do pasto podem ser consideradas como forrageiras associadas. Wedelia paludosa DC. é a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fitossociologia; Pastagem e invasoras.
Ano: 1982 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83581982000200001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise comparativa da florística e fitossociologia da vegetação arbórea do cerrado sensu stricto na Chapada Pratinha, DF - Brasil Acta Botanica
Felfili,Jeanini Maria; Silva Jr,Manoel Cláudio da; Rezende,Alba Valéria; Machado,José Wagner B.; Walter,Bruno M. Teles; Silva,Paulo Ernane N. da; Hay,John Duvall.
Foram selecionadas seis áreas de estudo, Estação Ecológica de Aguas Emendadas-DF, Parque Nacional de Brasília-DF, APA Gama-Cabeça do Veado-DF, Silvânia-GO, Paracatu-MG e Patrocínio-MG na Chapada Pratinha (15-20º S e 46-49º W), três delas em unidades de conservação e três fora delas. Em cada área foram amostradas 10 parcelas de 1000 m² (20x50m). Todas as árvores a partir de 5 cm de diâmetro na base do tronco foram medidas e identificadas. A florística e a fitossociologia de cada área foi analisada e estas foram comparadas entre si pelos índices de similaridade de Sørense e de Morisita. No total foram encontradas 139 espécies e 42 famílias sendo que apenas 22 espécies foram comuns a todas as áreas. Leguminosae e Vochysiaceae apresentaram valores de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Floristica; Fitossociologia; Arvores; Cerrado.
Ano: 1992 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061992000200003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da composição florística e fitossociológica da floresta nacional do Tapajós com o apoio geográfico de imagens de satélites Acta Amazonica
Espírito-Santo,Fernando Del Bon; Shimabukuro,Yosio Edemir; Aragão,Luiz Eduardo Oliveira e Cruz de; Machado,Evandro Luiz Mendonça.
O objetivo desse trabalho foi analisar a distribuição da cobertura vegetal de diversas porções da Floresta Nacional (FLONA) do Tapajós (FNT), no Pará, através de atributos florísticos e fitossociológicos apoiados por imagens de satélites, em áreas de floresta primária (FP) e floresta secundária (FS). Para isso foram amostrados 35 transectos de 10 m ' 250 m em áreas de FP de alto e baixo platô, incluindo também as áreas alteradas por de corte florestal seletivo de madeira e 29 transectos de 10 m ' 100 m em áreas de FS em vários estágios regenerativos. Em cada um desses transectos foram levantadas informações dendrométricas como DAP (Diâmetro à Altura do Peito), altura total (AT) e altura comercial (AC), além de localização dos indivíduos arbóreos dentro das...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Amazônia; Fitossociologia; Sensoriamento Remoto; Floresta Nacional do Tapajós.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672005000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da degradação da caatinga no núcleo de desertificação do Seridó (RN/PB). Repositório Alice
COSTA, T. C. e C. da; OLIVEIRA, M. A. J.; ACCIOLY, L. J. de O.; SILVA, F. H. B. B. da.
bitstream/item/202072/1/Analise-da-degradacao-2009.pdf
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Floristica; Fitossociologia; Análise multivariada; Biodiversidade.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/660047
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da degradação da caatinga no núcleo de desertificação do Seridó (RN/PB) AGRIAMBI
Costa,Thomaz C. e C. da; Oliveira,Maria A. J. de; Accioly,Luciano J. de O.; Silva,Flávio H. B. B. da.
A condição de aridez associada à pressão antrópica resulta em áreas de degradação extrema, conhecidas como núcleos de desertificação. No núcleo do Seridó a antropização é caracterizada por queimadas, cultivo do algodão no passado, pastoreio e exploração de lenha, que alteraram a composição florística e a estrutura da vegetação potencial. Com este estudo se objetivou identificar níveis de degradação na caatinga arbóreo-arbustiva do Seridó, por meio de técnicas multivariadas que envolveram variáveis do ambiente físico, da florística, fitofisionomia e diversidade da vegetação. O inventário florístico e fitossociológico foi realizado em 16 fragmentos, pelo método Ponto-Quadrante, com a inclusão de plantas com diâmetros no nível do solo 1 cm e altura ≥ 1 m,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Florística; Fitossociologia; Biodiversidade; Análise multivariada.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662009000700020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da estrutura de duas unidades fitofisionômicas de savana (cerrado) no sul do Brasil Acta Botanica
Uhlmann,Alexandre; Galvão,Franklin; Silva,Sandro Menezes.
A região de Jaguariaíva. situada no Estado do Paraná, sul do Brasil, abriga os últimos remanescentes de savana no Estado e pode ser considerada como marco do limite meridional de distribuição deste tipo de vegetação no Brasil. O Parque Estadual do Cerrado (24º09" S; 50º18' WG) foi objeto deste estudo em que se analisou a estrutura da vegetação de duas fornias fisionômicas de savana, o campo cerrado e o cerrado sensu stricto. Estas duas formas são predominantes na área do Parque, ainda que este não seja coberto exclusivamente por vegetação savânica. Vinte parcelas com dimensões de 200m² (20 X 10m) foram alocadas sistematicamente em cada unidade fisionômica, onde todo indivíduo com perímetro basal (PB) igual ou maior a 15cm foi amostrado. Os resultados do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cerrado; Savana; Fitossociologia; Paraná.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061998000300005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise ecológica de um hectare em floresta Ombrófila densa de terra-firme, estrada da Várzea, Amazonas, Brasil1 Acta Amazonica
MATOS,Francisca Dionízia de A; AMARAL,Iêda Leão do.
Foi amostrada fítossociologicamente 1 ha. de floresta tropical densa de terra-firme, em um trecho da Estrada da Várzea, que liga Manaus aos municípios de Silves c Itapiranga, no estado do Amazonas. O trabalho teve por objetivo analisar a composição florística e os parâmetros fitossociológicos, necessários para a determinação do índice de valor de importância ecológica das espécies (IVI), bem como a estrutura da vegetação. A distribuição da amostra foi efetuada mediante a análise da imagem de satélite. A amostragem foi na forma de transecto de 10 x 1 .000m dividida em 20 subparcelas de 10 x 50m, totalizando 10.000rn2. Foram abordados todos os indivíduos arbóreos, palmeiras, cipós e ervas terrestres com CAP ≥ 30cm, dos quais obteve-se amostras botânicas para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Amazônia; Fitossociologia; Floresta Ombrófila; Terra-Firme.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671999000300365
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise fitossociológica de um fragmento de floresta estacional decidual no município de Jaguari, RS Ciência Rural
Hack,Cristiano; Longhi,Solon Jonas; Boligon,Alexandra Augusti; Murari,Augusto Bolson; Pauleski,Dalva Teresinha.
Foi realizado um estudo da vegetação de um fragmento de Floresta Estacional Decidual, na localidade de São Roque, município de Jaguari, RS, Brasil, com objetivo de caracterizar a diversidade florística, bem como as espécies mais importantes na composição do fragmento. Para a avaliação e identificação das espécies arbóreas com Circunferência à Altura do Peito (CAP) = 30cm, foram demarcadas de maneira sistemática, 14 unidades amostrais de 10x100 m (1000 m²). Nestas, foram avaliadas a espécie vegetal, CAP, altura total, altura comercial, posição sociológica e classe de copa. Observou-se a ocorrência de 54 espécies arbóreas e 28 famílias. O Índice de Diversidade de Shannon foi de 3,63, indicando elevada diversidade de espécies no fragmento. As famílias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fitossociologia; Diversidade florística; Espécies arbóreas.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000500015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise fitossociológica e mapeamento de árvores matrizes no parque fenológico da Embrapa no Distrito Agropecuário da Suframa - DAS. Repositório Alice
FERREIRA, M. M..
Foi inventariado 01 hectare de mata primária no parque fenológico da Embrapa Amazônia Ocidental, no Distrito Agropecuário da Suframa - DAS, Manaus/AM, com o objetivo de conhecer as relações fitossociológicas bem como gerar conhecimentos para dar suporte aos planos de manejo para a manutenção desta floresta.
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Fitossociologia; Taxon; Protium divaricatum; Mata primária; Brasil; Amazonas; Manaus; Inventário.
Ano: 2005 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/676273
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e estrutura de florestas de várzea no estuário amazônico Acta Amazonica
Almeida,Samuel Soares de; Amaral,Dário Dantas do; Silva,Antonio Sérgio Lima da.
Este trabalho apresenta os resultados de análise fitossociológica e da estrutura, feita em 4 inventários florísticos executados em parcelas de 1 hectare de florestas inundáveis de várzea localizadas na área do estuário e do baixo Amazonas. As florestas de várzea do estuário albergam uma riqueza de espécies relativamente baixa em relação a outras áreas da região como as florestas de terra firme. No entanto a estrutura de tamanho é considerável, com as árvores atingindo elevada biomassa vegetal. Provavelmente isto é devido ao aporte constante de nutrientes através dos sedimentos que viajam milhares de quilômetros de distância desde as nascentes andinas até o delta do rio Amazonas. As florestas inundáveis de várzea são dominadas por poucas espécies, algumas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Várzeas; Florestas inundáveis; Estuário; Fitossociologia; Amazônia.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672004000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e estrutural da vegetação lenhosa do rio Comemoração, Pimenta Bueno, Rondônia, Brasil Acta Amazonica
MIRANDA,Izildinha S..
Estudou-se a composição florística e estrutura da vegetação da região do Rio Comemoração, em Pimenta Bueno, Rondônia. O levantamento estrutural foi realizado em dez transectos distribuídos em floresta de terra firme (3), mata ciliar (5) e mata alagada (2). Utilizou-se o método Ponto Quadrante, com 50 pontos distantes 10 m entre si em cada transecto. Em cada ponto foram inventariadas quatro plantas com o limite mínimo de 10 cm de CAP. Todas as comunidades estudadas mostraram distribuição de circunferência exponencial negativa. A riqueza de espécies e diversidade foram maiores nas florestas de terra firme; as matas ciliares apresentam em média as maiores áreas basais; as matas alagadas apresentaram as maiores estimativas de indivíduos/ha, embora as...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Abundância; Florística; Fitossociologia; Vegetação lenhosa; Amazônia.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672000000300393
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e estrutural de florestas riparias do alto Rio Paraná, Taquaruçu, MS Acta Botanica
Romagnolo,Mariza Barion; Souza,Maria Conceição de.
Utilizando-se de método fitossociológico, foi realizado estudo comparativo entre três remanescentes de floresta riparia da margem direita do alto rio Paraná (22º43'-45'S; 53º15'-18'W). Em cada um deles foi demarcada uma área de 3.150m\ subdividida em 21 parcelas contínuas de 150m², tendo como critério mínimo de amostragem o perímetro à altura do peito igual ou superior a 15cm. Foram levantados, na amostragem total, 58 espécies, 46 gêneros e 30 famílias, sendo duas indeterminadas. As famílias de maior riqueza específica foram Myrtaceae e Lauraceae com cinco espécies cada, Mimosaceae com quatro, Annonaceae e Rubiaceae com três cada uma, enquanto que os gêneros foram, Nectandra com quatro, Eugenia, Inga, Pouteria, Psidium e Sloanea com dois cada um. Os...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Florística; Fitossociologia; Mata ciliar; Floresta aluvial; Rio Paraná; Planície de inundação.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062000000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e fitosociológica do estrato arbóreo-arbustivo de um sistema agrosilvopastoril com caprinos, em Sobral, CE. Repositório Alice
VALE, N. F. L.; ARAGÃO, V. M. A.; CAMPANHA, M. M.; MEDEIROS, H. R. de; MEDEIROS, F. S. de A..
2010
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Flora arbustivo-arbórea; Fitossociologia; Composição florística; Sistema agrossilvopastoril; Brasil; Nordeste; Ceará; Código florestal; Caprino; Recurso natural; Pastagem nativa; Caatinga; Conservação; Agroforestry systems; Agrosilvopastoral systems; Goats; Model forests; Semiarid soils; Conservation agriculture; Grassland management.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/856873
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise florística e fitossociológica do componente arbóreo da floresta ombrófila mista presente na reserva florestal EMBRAPA/EPAGRI, Caçador, SC - Brasil. Repositório Alice
HERRERA, H. A. R.; ROSOT, N. C.; ROSOT, M. A. D.; OLIVEIRA, E. B. de.
Determinou-se a composição, diversidade, estrutura e qualidade do fuste do componente arbóreo presente na Reserva Florestal Embrapa/Epagri, Caçador (SC) (RFEE), de 1.194 hectares, inserida em uma área de Floresta Ombrófila Mista (FOM). Foram alocadas 48 parcelas temporárias de 500 m2 e 8 parcelas de 250 m2, sendo inventariados 1.225 indivíduos com DAP maior ou igual a 10 cm. Calcularam-se diferentes parâmetros fitossociológicos, destacando-se, entre eles, o Valor de Importância Ampliado (VIA). Determinaram-se 71 espécies, 33 famílias e 54 gêneros, sendo as famílias Myrtaceae, Lauraceae, Fabaceae, Flacourtiaceae, Asteraceae, Aquifoliaceae e Sapindaceae as que apresentaram maior riqueza de espécies, representando, juntas, 52,8% do número total de espécies...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Floresta Ombrófila Mista; Fitossociologia; Diversidade.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/662522
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ASPECTOS ECOLÓGICOS DA VEGETAÇÃO RUPESTRE DA SERRA DOS CARAJÁS, ESTADO DO PARÁ, BRASIL Acta Amazonica
SILVA,Manoela F. F. da; SECCO,Ricardo de S; LOBO,Maria da Graça A.
São fornecidos aspectos ecológicos gerais da vegetação "rupestre" da Serra dos Carajás, envolvendo informações sobre composição floristica, associação solo/planta, fauna/planta e distribuição geográfica das espécies. Nesta vegetação foi registrado um total de 232 espécies, a maioria ervas, distribuídas em 145 gêneros e 58 famílias botânicas. As duas famílias mais bem representadas foram Gramineae e Leguminosae, seguidas de Cyperaceae, Myrtaceae, Rubiaceae, Malpighiaceae, Euphorbiaceae e Compositae. Algumas famílias apresentam espécies arbóreas esporadicamente representadas em "capões de árvores" ou isoladas como Anacardiaceae, Rutaceae, Sapotaceae e Vochysiaceae. Há famílias de ocorrência restrita em locais onde há acumulo de água, como Begoniaceae,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Savana Tropical; Fitossociologia; Fitogeografia; Vegetação rupestre; Amazônia.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671996000200017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos estruturais da comunidade arbórea em remanescentes de floresta estacional decidual, em Corumbá, MS, Brasil Rev. Bras. Bot.
Lima,Michele Soares de; Damasceno-Júnior,Geraldo Alves; Tanaka,Marcel Okamoto.
(Aspectos estruturais da comunidade arbórea em remanescentes de floresta estacional decidual, em Corumbá, MS, Brasil). Um estudo comparativo da estrutura da comunidade arbórea entre dois remanescentes de floresta decídua foi conduzido em diferentes altitudes: florestas deciduais de terras baixas (FEDTB) e submontana (FEDSM), localizados em Corumbá, MS, Centro Oeste brasileiro. Amostraram-se indivíduos arbóreos com CAP ³ 15 cm, utilizando-se método de quadrantes. Foram demarcados 80 pontos em FEDTB e em FEDSM 78 pontos foram distribuídos por altitude: 180 m (18 pontos), 220, 260 e 300 m de altitude (20 pontos cada). Em FEDTB foram amostradas 34 espécies, sendo que Calycophyllum multiflorum Griseb., Ceiba pubiflora (A. St.-Hil.) K. Schum. e Anadenanthera...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Fitossociologia; Floresta decídua; Gradiente altitudinal.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042010000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos fitossociológicos de um fragmento da floresta natural de Astronium balansae engl., no município de Bossoroca, RS Ciência Rural
Boligon,Alexandra Augusti; Longhi,Solon Jonas; Murari,Augusto Bolson; Hack,Cristiano.
Este estudo objetivou conhecer a composição florística e a estrutura fitossociológica de um fragmento da Floresta Natural de Astronium balansae Engl., no município de Bossoroca, RS, Brasil. Foram demarcadas 7 unidades amostrais de 10x100m (1000m2) onde observou-se a ocorrência de 476 indivíduos com Circunferência à Altura do Peito (CAP) = 30cm, distribuídos em 35 espécies e 25 famílias. As espécies mais características e importantes da floresta foram Astronium balansae, Myrcianthes pungens, Patagonula americana, Eugenia uniflora e Parapiptadenia rigida. As famílias Myrtaceae, Meliaceae e Euphorbiaceae foram as mais representativas do fragmento florestal estudado. O valor do Índice de diversidade de Shannon foi 3.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição florística; Fitossociologia; Pau-ferro.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000500014
Registros recuperados: 263
Primeira ... 123456789 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional