Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 13
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Algumas reações fisiológicas de vacas holandesas ao clima de Jaboticabal, São Paulo. Repositório Alice
SALIMOS, E. P.; ROSA, L. C. de A.; ANDRADE, A. T. de; MANGERONA, A. M.; PACHECO, M. R..
Foram feitas observações sobre a influência da temperatura e umidade do ar, nos períodos da manhã (7h) e da tarde (14h), duas vezes por semana, de março a maio de 1978, sobre os movimentos respiratórios, temperatura retal, pulso e hematócrito de bovinos da raça Holandesa das variedades malhado de preto e malhado de vermelho, em condições normais de manejo e alimentação. Verificou-se que nos períodos de temperaturas mais elevadas houve um aumento significativo nos valores do pulso, frequência respiratória e temperatura retal enquanto que os valores do hematócrito foram menores. Não foi observada correlação com a umidade do ar. Os animais malhados de vermelho utilizaram com maior intensidade o ritmo respiratório como meio de dissipação de calor corporal,...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Bovinos; Frequência respiratória; Hematócrito; Pulso; Temperatura retal.
Ano: 1981 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/981174
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da freqüência cardíaca e respiratória em ovinos de diferentes raças. Repositório Alice
OLIVEIRA, D. P. de; OSTERNO, J. J.; PORTO, A.; CARVALHO, J. F. de; LIMA, M. A. de C.; VASCONCELOS, A. M. de; LANDIM, A. V.; ROGERIO, M. C. P..
O presente estudo foi conduzido objetivando-se medir o estresse climático de ovinos das raças Morada Nova e Santa Inês, criados em condições semi-intensiva, na região semiárida do Nordeste através de medidas das frequências respiratórias e cardíacas. Foram utilizados 10 animais de cada raça, e as mensurações das freqüências respiratórias e cardíacas, efetuadas em cinco dias consecutivos nos turnos da manhã e tarde durante o período chuvoso. Os animais Morada Nova apresentaram menores freqüências respiratórias (44,23 mov/min) e, maiores frequências cardíacas (77,04 bat/min) do que os da raça Santa Inês (51,37 mov/min; 72,02 bat/min,), respectivamente, que mostraram-se mais sensíveis ao estresse ambiental, uma vez que as frequências respiratórias foram...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Parâmetro fisiológico; Frequência respiratória; Frequência cardíaca; Ovino; Estresse térmico; Fator ambiental.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/903511
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de parâmetros fisiológicos em diferentes raças de caprinos na Região Nordeste brasileira. Repositório Alice
BARROS JUNIOR, C. P.; SOUSA JUNIOR, S. C. de; CAMPELO, J. E. G.; AZEVEDO, D. M. M. R.; CARVALHO, G. M. C.; SOUSA, P. H. A. A. de..
Com o crescente aumento da necessidade de produtos de origem animal, vem se buscando alternativas para melhorar o índice produtivo nos rebanhos de caprinos, nessa virtude animais adaptados as condições climáticas vêm se destacando no cesário produtivo, de tal forma que esse pequenos ruminantes possam recorrer a seu mecanismos de termotolerância para manter a temperatura corpórea estável. Para que caprinos venham a desenvolver todo o seu potencial produtivo é necessário que as forças do ambiente, manejo e sanidade estejam a seu favor, nesse sentido inúmeros pesquisadores vêm buscando soluções para que esses requisitos venha a se desenvolver com êxito. Desta forma, o objetivo desta revisão é de reunir informações a respeito do conforto térmico de caprinos...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Ambiência; Temperatura retal; Frequência respiratória; Ambience; Rectal temperature; Respiratory frequency.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1089076
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliações clínicas em ovinos Morada Nova e sua relação com a época do ano na região Nordeste. Repositório Alice
SILVA, N. M. M.; ELOY, A. M. X.; FURTADO, J. R.; VALLE, R. do V.; SOUZA, A. Z. B. de; SILVA, N. M..
Em ambientes de temperaturas elevadas, nas quais a produção de calor excede a dissipação pelos animais, todas as fontes que geram calor endógeno são inibidas, principalmente o consumo de alimento e o metabolismo basal e energético, enquanto a temperatura corporal e a frequência respiratória aumentam. Devido a isso, o estudo relacionado à capacidade dos animais resistirem as condições adversas é importante para a produção. Logo, objetivou-se com esse trabalho avaliar o efeito dos períodos seco e chuvoso com as avaliações clínicas dos ovinos da raça Morada Nova, sob as condições do semiárido cearense. Foram utilizados quatro machos da raça Morada Nova onde foi realizada avaliação clínica, semanalmente, pela manhã, no período de outubro/2008 a junho/2009. Não...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Frequência cardíaca; Frequência respiratória; Temperatura retal; Semiárido; Brasil; Nordeste; Ovino; Raça Morada Nova; Comportamento animal.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/877422
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características termorreguladoras de matrizes suínas em diferentes ordens de parto em clima tropical MV&Z
Borges Vieira, Paula; Borges Santos, Douglas; Regina Bueno de Mattos Nascimento, Mara; Carlos Antunes, Robson; Rage Rezende, Soraia; Almeida Marques da Silva, Natascha.
Foram avaliadas as características termorreguladoras de matrizes suínas emdiferentes ordens de parto. Este estudo foi realizado em Uberlândia, MG. Foramcoletadas temperaturas retais (TR), da pele (TP) e frequência respiratória (FR)de 98 matrizes da genética Penarlan: leitoas, primíparas, 2º a 6º parto e 7º a 11ºparto. A TR (termômetro clínico digital) e a TP (termômetro de infravermelhona paleta, lombo e pernil) foram medidas de 8:30 às 10:30 horas. A FR foiquantificada às 14:00 horas horário em que os animais permaneciam deitados,em repouso. Para FR foi utilizada a análise de variância e para TR e TP, análisenão paramétrica. As médias de TR foram comparadas pelos testes de Kruskal-Wallis. As análises foram efetuadas com os programas SAS e INSTAT. O...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Frequência respiratória; Temperatura da pele; Temperatura retal; Suínos.
Ano: 2014 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/23845
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Consumo, produção de leite e parâmetros fisiológicos de vacas em lactação alimentadas com dietas contendo diferentes quantidades de xiquexique (Pilosocereus gounellei). Repositório Alice
FURTADO, R. N.; CARNEIRO, M. S. de S.; PEREIRA, E. S.; MOREIRA FILHO, E. C.; MAGALHAES, J. A.; OLIVEIRA, S. M. P. de..
2016
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Cactaceae; Estresse térmico; Frequência respiratória; Ingestão de água.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1064829
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos climáticos sobre o comportamento de bovídeos na Ilha de Marajó. Repositório Alice
LOURENÇO JUNIOR, J. de B.; SIMÃO NETO, M.; SÁ, T. D. A.; CAMARÃO, A. P.; LOURENÇO, A. V.; MORAES, M. P. S.; SILVA, J. A. R..
bitstream/item/199211/1/Efeito-climatico.pdf
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Temperatura retal; Frequência respiratória; Ilha de Marajó; Pará; Brasil; Animal; Bioclimatologia; Bovídeo; Bovidae; Amazonia; Body temperature; Climatology; Respiratory quotient.
Ano: 1998 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/398861
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo de respostas fisiológicas de eqüinos sem raça definida e da raça quarto de milha às condições climáticas de Teresina, Piauí. Repositório Alice
OLIVEIRA, L. A. de; CAMPEL, J. E. G.; AZEVEDO, D. M. M. R.; COSTA, A. P. R.; TURCO, S. H. N.; MOURA, J. W. da S..
Estudou-se, com eqüinos Sem Raça Definida e com animais da raça Quarto de Milha, o comportamento de parâmetros fisiológicos com objetivo de avaliar, por meio de testes de tolerância e de dissipação de calor, a adaptabilidade desses animais ao ambiente térmico de Teresina, PI. Coletaram-se as medidas de temperatura retal e as freqüências cardíaca e respiratória em março e outubro, período esse que representa, respectivamente, o período chuvoso e o quente e seco na região. A resposta de cada grupo genético foi avaliada utilizando-se os parâmetros fisiológicos e índices (adaptações dos testes de Ibéria, Benezra e Rainysby). Em cada plantel o delineamento estatístico foi o inteiramente casualisado e as análises feitas com modelo que incluiu efeito de período...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Aclimatação; Frequência respiratória; Temperatura retal.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/71025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Frequência respiratória em caprinos pretos e brancos de diferentes idades. Repositório Alice
ARRUDA, F. de A. V.; PANT, K. P..
Resumo: 0 estudo foi delineado para medir a freqüência respiratória em caprinos desmamados e adultos, de pelagem branca e preta, durante a estação seca e quente, caracterizada por uma temperatura ambiente média de 28ºC pela manhâ e 35ºC à tarde, com uma umidade relativa de 65% às 7:00 horas e 28% às 14h. Os resultados mostraram uma variação na FR entre às 7:00 e 14:00 horas de 18,2 e 33,4 resp/min., respectivamente. Nâo houve diferença entre as médias da FR para os animais desmamados (112 dias) e para os adultos (2, a 2,5 anos), entretanto observou-se que os caprinos de pelagem preta apresentaram uma maior FR do que os brancos. A elevaçâo à tarde da FR foi significativamente superior (P < 0,05) em caprinos de pelagem preta do que nos de pelagem branca....
Tipo: Nota Técnica/Nota Científica (ALICE) Palavras-chave: Frequência respiratória; Tolerância ao calor; Respiratory rate; Heat tolerance; Caprino; Bioclimatologia; Calor; Stress; Goats; Bioclimatology; Heat resistance; Heat tolerance; Heat stress.
Ano: 1985 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/514226
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Frequência respiratória em caprinos pretos e brancos de diferentes idades. Repositório Alice
ARRUDA, F. de A. V.; PANT, K. P..
Resumo: Estes resultados confirmam observações anteriores de que os caprinos de pelagem preta apresentam maior "stress" térmico, quando comparados com os de pelagem branca, durante a estação quente e seca do Nordeste do Brasil. A FR variou de um dia para o outro e a variação diária foi diferente em caprinos desmamados e adultos.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Frequência respiratória; Pelagem; Brasil; Ceará; Respiratory frequency; Brazil; Coat color; Caprino; Bioclimatologia; Pelame; Goat; Bioclimatology.
Ano: 1984 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/515119
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Parâmetros fisiológicos de cabritas de aptidão leiteira alimentadas com torta de mamona destoxificada em substituição ao farelo de soja. Repositório Alice
SANTOS NETO, C. F. dos; ARAÚJO, R. A. de; POMPEU, R. C. F. F.; LUCAS, R. C.; ROGERIO, M. C. P.; CÂNDIDO, M. J. D.; NEIVA, J. N. M.; MARANHÃO, S. R..
Para a bioclimatologia, os caprinos são considerados animais rústicos, mas quando há variações em suas dietas e quando são expostos às regiões quentes como o Nordeste brasileiro com altas temperaturas, esses animais podem apresentar alterações no seu comportamento fisiológico como aumento da temperatura corporal, aumento da frequência respiratória, diminuição da ingestão de alimentos e redução do nível de produção. Diante do exposto, avaliou-se o efeito da substituição do farelo de soja pela torta de mamona destoxificada (TMD) por hidróxido de sódio e hidróxido de cálcio sobre os parâmetros fisiológicos de cabras de aptidão leiteira na fase de recria.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Frequência cardíaca; Frequência respiratória; Temperatura retal; Raça Saanen; Raça Anglo-Nubiana; Aptidão para produção de leite; Substituição de alimento; Caprino; Cabra leiteira; Bioclimatologia; Alimento para animal; Dieta; Nutrição animal; Goats; Milk performance; Bioclimatology; Animal nutrition.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1059948
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Parâmetros fisiológicos e eritrograma de caprinos Canindé criados no semi-árido cearense. Repositório Alice
ELOY, A. M. X.; AGUIAR, F. C. de; BRITO, R. L. L. de; PINHEIRO, R. R.; BRITO, I. F. de; GUIMARÃES, R. de C. M.; ARAÚJO, A. M. de..
A raça Canindé é considerada uma raça nativa do Brasil e possui animais adaptados às condições climáticas do semi-árido e alta prolificidade. Objetivou-se com este estudo determinar os parâmetros fisiológicos e o eritrograma, ao longo do ano (período chuvoso e seco), de caprinos Canindé criados no semi-árido cearense. O estudo foi realizado na Embrapa Caprinos com cinco machos e dez fêmeas da raça Canindé, com idade entre 1 ano e ½ a 3 anos e ½ e escore corporal entre 1,75 a 3,0. As coletas de sangue eram realizadas das 8 às 10 horas da manhã, nos meses de abril e setembro de 2007, totalizando 60 amostras, através de punção da veia jugular com tubo vacutainerÒ com anticoagulante EDTA. Antes e durante o experimento os animais foram avaliados quanto à...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Caprino; Raça nativa; Canindé; Fisiologia animal; Frequência respiratória; Freqüência cardíaca; Bioquímica sérica; Eritrograma; Hemograma; Temperatura retal; Semi-árido; Brasil; Ceará.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/533863
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Respostas fisiológicas de cabras leiteiras criadas na região litorânea do estado do Ceará. Repositório Alice
LIMA, F. R. G.; VASCONCELOS, A. M. de; FAÇANHA, D. A. E.; ELOY, A. M. X.; MAGALHÃES, K. A..
Esse estudo foi conduzido no sitio Acuã na região litorânea do estado do Ceará no período de junho a dezembro de 2000 com o objetivo de avaliar as variações nas concentrações hormonais de T3 e T4 de cabras leiteiras em diferentes épocas de coletas. Foram utilizadas 22 fêmeas caprinas das raças Saanen (n=1O), 1/2 Murciana (n=8), Alpina Americana (n=4) com idade variando entre I a 5 anos e entre a 1a e 4a parição. Na indução do estro foram utilizadas esponjas intra - vaginais de cloprostenol e gonadotrofina eqüina. Não houve efeito significativo entre as variáveis meteorológicas com a temperatura retal e a freqüência respiratória. As concentrações plasmáticas dos hormônios T4 não foram significativas entre raças. O nível hormonal de T3 foi menor nos animais...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Caprino leiteiro; Cabra; Hormônio; Tieróide; Temperatura retal; Frequência respiratória; Brasil; Ceará.
Ano: 2003 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/531143
Registros recuperados: 13
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional