Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ADEQUAÇÃO TECNOLÓGICA DE FRUTOS DA AMAZÔNIA: LICOR DE ARAÇÁ-BOI (Eugenia stiptata) McVAUGH Acta Amazonica
ANDRADE,Jerusa de S.; RIBEIRO,Francisca C. F.; ARAGÃO,Carlos G.; FERREIRA,Sidney A. do N..
Para avaliar o potencial do araçá-boi para produção de licores, foi estudada a composição química da polpa e o efeíto de alguns parâmetros do processamento, tais como, tipo de líquido extrator, tempo de maceração, proporção polpa/líquido extrator, proporção xarope/extrato c método de preparo do xarope. O araçá-boi apresentou boas características para o processamento de licor, como o pH ácido, altos teores de acidez titulável, sólidos solúveis e carotcnóides totais. Os parâmetros ideais para obtenção de licor de boa qualidade foram: cinco dias de maceração na proporção de 1:2 (p/v) de polpa:álcool de milho, relação de 1:0,5 (v/v) de xarope:cxtrato na formulação, utilizando-se xarope preparado com dissolução do açúcar sob aquecimento.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto tropical; Eugenia stipitata; Composição química; Obtenção de licor; Avaliação sensorial.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671997000400273
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características físicas e físico-químicas de um tipo de bacuri (Platonia insignis Mart.) com rendimento industrial superior Rev. Bras. Frutic.
Carvalho,José Edmar Urano de; Nazaré,Raimunda Fátima Ribeiro de; Nascimento,Walnice Maria Oliveira do.
Efetuou-se a caracterização física do fruto e físico-química da polpa do bacuri CPATU 207-3, oriundo de uma planta-matriz do Banco de Germoplasma de Bacurizeiro da Embrapa Amazônia Oriental. Para a caracterização física foi utilizada uma amostra de 50 frutos, os quais foram individualmente analisados quanto aos seguintes aspectos: cor do epicarpo, formato, peso, comprimento, diâmetro, espessura da casca, volume da cavidade interna, número de sementes e de segmentos partenocárpicos, rendimentos porcentuais (p/p) de casca, polpa, sementes e do conjunto representado pela coluna placentária e óvulos abortados. A caracterização físico-química foi efetuada em três amostras de polpa congelada a 18ºC negativos, provenientes de frutos em completo estádio de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto tropical; Composição centesimal; Sólidos solúveis.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452003000200036
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características físicas e químicas de um tipo de bacuri (Platonia insignis Mart.) sem sementes Rev. Bras. Frutic.
CARVALHO,JOSÉ EDMAR URANO DE; ALVES,SÉRGIO DE MELLO; NASCIMENTO,WALNICE MARIA OLIVEIRA DO; MÜLLER,CARLOS HANS.
Efetuou-se a caracterização física e química de um tipo de bacuri sem sementes proveniente de uma planta estabelecida em população nativa, no município de Vigia, Pará, Brasil. Os frutos foram coletados após desprenderem-se, naturalmente, da planta-mãe e caracterizados quanto aos seguintes aspectos: peso, comprimento, diâmetro, coloração e formato do fruto, espessura da casca e rendimentos percentuais (p/p) de casca, polpa e do conjunto representado pela coluna placentária e óvulos abortados. Para a polpa, determinaram-se os teores de umidade e de sólidos solúveis totais (°Brix), o pH, a acidez total titulável e a relação sólidos solúveis totais/acidez total titulável. O bacuri sem sementes analisado apresentou tamanho diminuto, com peso médio de 89,24g,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto tropical; Acidez; Sólidos solúveis.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452002000200060
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização e qualidade de frutos de umbu-cajá (Spondias tuberosa X S. mombin) provenientes do Recôncavo Sul da Bahia Rev. Bras. Frutic.
Santos,Márcio Barros dos; Cardoso,Ricardo Luís; Fonseca,Antonio Augusto de Oliveira; Conceição,Milene do Nascimento.
O Recôncavo Sul da Bahia apresenta uma significativa riqueza de fruteiras nativas com grande potencial alimentício. Além de indicativos etnológicos sobre seus usos como alimento, pouco se conhece sobre elas, principalmente sobre sua composição bromatológica. A exemplos destas fruteiras, encontram-se os frutos do umbu-cajá (Spondias tuberosa X S. mombin) que são amplamente consumidos in natura ou na forma de produtos processados em quase todo o Brasil. Devido à crescente aceitação de seus produtos e à incessante busca por novos sabores, as agroindústrias vêm despertando o interesse tanto para o mercado interno quanto para exportações. Entretanto, apesar do forte interesse comercial, poucos estudos foram efetuados na busca de respostas sobre a sua...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fruto tropical; Composição química; (Spondias tuberosa X S. mombin).
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452010000400018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Clarificação de polpa de camu-camu por microfiltração. Repositório Alice
BARRETO, A. G.; CABRAL, L. M. C.; MATTA, V. M. da; FREITAS, S. P..
2013
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Fruto tropical; Vitamina C; Atividade antioxidante; Processo de separação por membranas.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/971133
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento de estacas de ramos de taperebazeiro. Repositório Alice
NASCIMENTO, W. M. O. do..
O taperebazeiro (Spondias mombin L.) é espécie frutífera originária da América tropical, comum nas regiões Norte e Nordeste do Brasil.O trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de diferentes concentrações de AIB sobre o enraizamento de estacas de taperebazeiro. Foram usadas estacas de ramos com 20 cm de comprimento. Com a base das estacas imersas durante 24 horas, nas concentrações de ácido indolbutírico: zero; 500, 1.000, 1.500 e 2.000 mg.L-1. Logo após a imersão foi feito o plantio das estacas em tubetes, contendo como substrato a mistura de areia + fibra de coco triturada. Para a análise estatística foi adotado o delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e quatro repetições de 20 estacas por parcela, totalizando 80 estacas por...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Taperebá; Anacardiaceae; Fruto tropical; Spondias mombin; Raízes.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1057693
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
MANEJO de açaizais nativos para produção de frutos. Infoteca-e
1 folder.
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Açaí; Manejo; Fruto tropical.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1074591
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
O branqueamento do açaí em batedeiras artesanais para controle do Trypanosoma cruzi, agente etiológico da Doença de Chagas. Repositório Alice
FERREIRA, E. A. P.; BEZERRA, V. S.; DAMASCENO, L. F.; FREITAS-SILVA, O..
O açaí é uma das culturas socioeconômicas mais importantes da região amazônica e componente básico da dieta da população local. Há alguns anos, casos de doença de Chagas foram relatados na região amazônica por transmissão pela bebida açaí que continha barbeiros contaminados pelo protozoário Trypanosoma cruzi ou suas fezes. No período de 2007 a 2013 constatou-se que o Estado do Pará concentrou 75% dos casos da doença da Amazônia Legal, e 52,92% do Brasil, seguido pelo Estado do Amapá, com os municípios de Macapá e Santana. A etapa denominada branqueamento dos frutos foi introduzida como controle ao protozoário T. cruzi que pode estar presente em fragmentos de barbeiros contaminados remanescentes da etapa de peneiramento, ou em suas fezes aderidas aos...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Clarificação; Fruto tropical; Doença; Protozoário.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1059688
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade pós-colheita da cajarana em diferentes estádios de maturação durante armazenamento refrigerado Rev. Bras. Frutic.
Aroucha,Edna Maria Mendes; Souza,Clarice Sales Moraes de; Souza,Aline Ellen Duarte de; Ferreira,Rafaella Martins de Araújo; Aroucha Filho,José Carlos.
Este trabalho objetivou avaliar a qualidade pós-colheita da cajarana em diferentes estádios de maturação, durante armazenamento refrigerado. Os frutos foram coletados no município de Mossoró/RN, em quatro estádios de maturação (I: frutos verdes, com algumas protuberâncias; II: frutos com 75% da casca verde; III: frutos com 50% da casca verde; IV: frutos com 25% de casca verde) e transportados para o Laboratório de Pós-Colheita da UFERSA, onde foram selecionados quanto à uniformidade de maturação, lavados e colocados em bandeja plástica para o transporte até a câmara fria regulada com temperatura de 10 ± 2 ºC e UR 90 ± 5%, onde permaneceram por sete e 14 dias. Os frutos foram avaliados quanto à perda de massa, teor de sólidos solúveis, acidez titulável e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Spondias cytherea; Análises fisico-químicas; Fruto tropical.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452012000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Regeneração de estacas de caule de cajazeira com ácido indol butírico. Repositório Alice
NASCIMENTO, W. M. O. do; RODRIGUES JUNIOR, O. M..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fruto tropical; Taperebá; Raízes; Fruteira tropical.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1001005
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional