Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Epidemiologia da helmintose bovina no Pantanal Mato-Grossense: 1.sub-regiao da Nhecolandia, 1976-1978. Infoteca-e
CATTO, J.B.; FURLONG, J..
O Pantanal Mato-Grossense e constituido de diversas sub-regioes com caracteristicas fitogeomorfologicas distintas. A pecuaria de corte regional e explorada em sistemas de criacao extremamente extensiva, no entanto, tem participado expressiva na producao bovina do Brasil Central. A verminose gastrintestinal, identificada como um dos principais fatores espoliativos na producao de carne, atua de forma subclinica em bovinos de corte criados extensivamente, prejudicando o desenvolvimento nas fases de cria e recria e diminuindo a resistencia a infeccoes causadas por bacterias e virus. Com o objetivo de iniciar os estudos sobre a verminose em bezerros no Pantanal, foi realizado um trabalho na fazenda Santa Rosa, situada na Nhecolandia, 100 km a leste da cidade...
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Bovino; Helmintose; Epidemiologia; Pantanal Mato-Grossense; Nhecolandia; Bovine; Helminth; Epidemiology.
Ano: 1980 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/787730
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Epidemiologia da helmintose bovina no Pantanal Mato-Grossense: 2.sub-regiao da Nhecolandia, 1978/1979. Infoteca-e
CATTO, J.B.; FURLONG, J..
O Pantanal Mato-Grossense, uma extensa planicie aluvial de aproximadamente 140.000 km2, divide-se em diversas sub-regioes de acordo com suas caracteristicas e tem como principal atividade economica a criacao de bovinos de corte. A sub-regiao da Nhecolandia se caracteriza por solos extremamente arenosos, topografia plana e presenca de muitas lagoas. A precipitacao pluviometrica media anual no local de estudo, obtida de dados coletados nos ultimos quatro anos, e de 1210 mm, sendo que 75% ocorrem de outubro a marco. A temperatura media mensal oscila entre 20 o e 30 oC. Com o objetivo de estudar a epidemiologia das nematodioses gastrintestinais dos bovinos, a UEPAE de Corumba, a partir de 1976, vem realizando necropsias mensais em bovinos para identificar as...
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Helmintose; Bovino; Pantanal Mato-Grossense; Epidemiologia; Nematodeo; Helminth; Bovine; Epidemiology; Nematode.
Ano: 1981 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/787738
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influências de usinas hidrelétricas no funcionamento hidro-ecológico do Pantanal Mato-Grossense - recomendações. Infoteca-e
CALHEIROS, D. F.; ARNDT, E.; RODRIGUEZ, E. O.; SILVA, M. C. de A..
Esta publicação tem como objetivo registrar e divulgar as recomendações resultantes do Workshop ?Influências de usinas hidrelétricas no funcionamento hidro-ecológico do Pantanal, Brasil? realizado durante o VIII INTECOL ? Conferência Internacional de Áreas Úmidas, em Cuiabá (20-25 de julho de 2008), que teve como objetivo embasar tecnicamente e de forma multidisciplinar a discussão sobre a conservação dos processos hidrológicos que regem o funcionamento e as inter-relações ecológicas características do Pantanal Mato-Grossense. O documento discute com propriedade a importância dos chamados ?pulsos de inundação?, ou ciclos de cheias e secas anuais e interanuais, os quais influenciam, por sua vez, as relações sociais, culturais e econômicas da população...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Meio Ambiente; Impacto ambiental; Hidrelétricas; Pantanal Mato-Grossense.
Ano: 2009 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/812813
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Modelagem sistêmica do ciclo de vida do aguapé no Pantanal e análise do uso desta biomassa para a produção de bio-óleo e bio-fertilizante. Repositório Alice
BULLER, L. S..
O Pantanal ocupa uma área extensa do Brasil em torno de 140.000 km²; seus ecossistemas são caracterizados por áreas com alagamento periódico, campos inundados constantemente e ambientes aquáticos naturais com lagoas (baías), rios e canais (vazantes e corixos); não existem quedas d? água para a geração de energia elétrica dentro da bacia. Em virtude das áreas alagadas existem poucas vias para o abastecimento de combustíveis para as fazendas produtoras que, assim, dependem fortemente de diesel e lenha como fonte de energia. Além disso, as cidades da região dependem da energia elétrica originária de outros estados da federação e a produção industrial (cimento e ferro gusa) é baseada em carvão vegetal, cuja origem é questionável, possivelmente do desmatamento...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Análise emergética; Aguapé; Pantanal Mato-Grossense; Bio-óleo; Pirólise.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/928272
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Períodos críticos de alimentação para bovinos em pastagens nativas, no Pantanal Mato-Grossense. Repositório Alice
POTT, E.B.; CATTO, J.B.; BRUM, P.A.R. de.
Acompanhou-se o desenvolvimento ponderal de 20 bezerros e 20 bezerras de um a três meses ate 32 a 34 meses de idade, com o objetivo de identificar os períodos criticos de alimentação do rebanho bovino.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Gado de corte; Alimentação; Pastagens nativa; Pantanal Mato-Grossense; Beef cattle; Native pastures; Feeding.
Ano: 1989 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/43007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Potencial dendrocronológico de duas espécies de Anadenanthera (Leg. Mimosoideae) em florestas estacionais semideciduais no Pantanal Mato-Grossense e sudeste do estado de São Paulo. Repositório Alice
MATTOS, P. P. de; BOTOSSO, P. C.; TOMAZELLO FILHO, M.; SEITZ, R. A..
A riqueza de informações que podem ser recuperadas pela análise de anéis de crescimento em espécies arbóreas desperta já há algum tempo o interesse de pesquisadores em identificar espécies que permitam com maior facilidade a leitura desses sinais, confirmando ou identificando eventos passados. Muitos desses sinais representam as variações climáticas ou as condições de crescimento a que essas árvores estiveram expostas. A Dendrocronologia em regiões tropicais ainda é pouco explorada, devido as dificuldades em se comprovar a anualidade de formação dos anéis e, muitas vezes, de visualização. Esse estudo busca analisar o potencial dendrocronológico, pelas características de formação da madeira de duas espécies de Anadenanthera, com ampla ocorrência natural em...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Anadenanthera; Mimosoideae; Floresta estacional semidecidual; Pantanal Mato-Grossense; São Paulo; Sudeste.
Ano: 2003 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/307182
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional