Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação das possibilidades oferecidas por antiquitinas na protecção contra a geração antófaga da traça da oliveira, Prays oleae (Bern.) em Trás-os-Montes. IPB - Escola Superior Agrária
Bento, Albino; Torres, L.; Lopes, João; Pereira, J.A..
Com o presente estudo pretendeu-se contribuir para avaliar os prejuízos causados pelas gerações antófaga e carpófaga da traça da oliveira, Prays oleae (Bem.), em Trás-os-Montes, como base para a definição de estratégias racionais de protecção da cultura contra a praga. Os dados apresentados referem-se ao período de 1996 a 1998, tendo sido obtidos em oliveiras da cultivar Cobrançosa, num olival situado próximo de Mirande1a, não regado e isento de tratamentos fitossanitários. A percentagem de cachos florais atacados variou entre 6,26 % e 15,15 %, o que se traduziu em prejuízos situados entre 254 kg e 581 kg por hectare, ou seja, entre 25400$00 e 58 100$00. Quanto à percentagem de frutos atacados, situou-se entre 36,64 % e 51,68 %, traduzindo-se em prejuízos...
Tipo: Article Palavras-chave: Olivicultura; Traça da oliveira; Fitossanidade; Prays oleae (Bern.); Protecção integrada; Luta biotécnica.
Ano: 2001 URL: http://hdl.handle.net/10198/864
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de prejuízos causados pela traça da oliveira, Prays oleae (Bern.) em Trás-os-Montes IPB - Escola Superior Agrária
Bento, Albino; Torres, L.; Lopes, João; Pereira, J.A..
Com o presente estudo pretendeu-se contribuir para avaliar os prejuízos causados pelas gerações antófaga e carpófaga da traça da oliveira, Prays oleae (Bem.), em Trás-os-Montes, como base para a definição de estratégias racionais de protecção da cultura contra a praga. Os dados apresentados referem-se ao período de 1996 a 1998, tendo sido obtidos em oliveiras da cultivar Cobrançosa, num olival situado próximo de Mirande1a, não regado e isento de tratamentos fitossanitários. A percentagem de cachos florais atacados variou entre 6,26 % e 15,15 %, o que se traduziu em prejuízos situados entre 254 kg e 581 kg por hectare, ou seja, entre 25400$00 e 58 100$00. Quanto à percentagem de frutos atacados, situou-se entre 36,64 % e 51,68 %, traduzindo-se em prejuízos...
Tipo: Article Palavras-chave: Trás-os-Montes; Olivicultura; Traça da oliveira; Fitossanidade; Prays oleae (Bern.); Protecção integrada.
Ano: 2001 URL: http://hdl.handle.net/10198/850
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional