Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 21
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos gerais da validação de métodos químicos, biológicos e computacionais na gestão de qualidade de resultados de pesquisa. Infoteca-e
CASTRO, V. L. S. S. de.
bitstream/item/12261/1/documentos_75.pdf
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Sistema da qualidade; Métodos químicos; Métodos biológicos; Ensaios; Validação; Laboratório; Análise de laboratório; Qualidade; Laboratory techniques; Assays; Quality control.
Ano: 2009 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/83076
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da estabilidade e reatividade de soros bovinos estocados sob diferentes temperaturas e submetidos ao teste do antígeno acidificado tamponado para o diagnóstico da brucelose em bovídeos MV&Z
Gitti, C. B.; Zanette, L. C.; Souza, E. J..
Na prática veterinária, os exames laboratoriais são importantes recursos utilizados para apoiar a confirmação do diagnóstico. As amostras de materiais devem passar por um adequado procedimento de embalagem para possibilitar a realização dos ensaios. Desse modo, o presente trabalho analisou a viabilidade diagnóstica de soros bovinos estocados em diferentes temperaturas simulando uma situação adversa de condições de armazenamento e tempo de transporte e submetidos ao teste diagnóstico da brucelose. Duas amostras de soro provenientes de dois bovinos, onde um era reagente à prova do Antígeno Acidificado Tamponado (AAT) e a outra de animal não reagente, foram fracionadas em cinco frascos cada e armazenadas sob cinco diferentes faixas de temperatura: -20oC...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Imunodiagnóstico; Soro; Bovinos; Validação.
Ano: 2016 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/31973
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de modelos de predição da energia metabolizável do milho para suínos Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Pelizzeri,R.N.; Pozza,P.C.; Oliveira,N.T.E.; Somensi,M.L.; Furlan,A.C.; Neumann,M.E..
Os objetivos propostos no presente trabalho foram a validação da predição de modelos de regressão linear de 1º grau, dos valores estimados de energia metabolizável (EM) em função dos valores observados de EM do milho, obtidos em ensaios biológicos com suínos. Setenta e quatro registros de composição química e energética do milho foram obtidos na literatura e utilizados para estimar a EM de 41 modelos de predição em função da composição química. A significância dos parâmetros (β0 e β1) da regressão foi avaliada pelo teste t parcial, e a validação da predição dos modelos de 1º grau foi obtida pela aceitação da hipótese de nulidade conjunta β0=0 e β1=1. Os modelos EM7 = 1,099 + 0,740EB - 5,5MM - 3,7FDN; EM9 = 16,13 - 9,5FDN + 16EE + 23PB*FDN - 138MM*FDN e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição química; Equações lineares; Milho; Validação.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000200023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Calibração e validação da equação universal de perda de solos modificada (MUSLE) utilizando dados hidrossedimentológicos locais Rev. Bras. Ciênc. Solo
Silva,Celina Rubiano da; Chaves,Henrique Marinho Leite; Camelo,Ana Paula.
Modelos hidrossedimentológicos são úteis na análise ambiental de bacias hidrográficas não monitoradas. Entretanto, para que as suas predições sejam confiáveis, é necessário que os modelos sejam adequadamente calibrados e validados para as condições locais. O objetivo do presente trabalho foi calibrar o coeficiente a da MUSLE para as condições da bacia do ribeirão Pipiripau, usando dados hidrossedimentológicos locais, bem como validar a equação calibrada, com uma série de dados diferente da usada na calibração. O coeficiente a da MUSLE foi calibrado por meio do ajuste entre os valores observados e calculados de aporte de sedimento de eventos individuais, correspondentes ao período entre 1999 e 2005, usando dados hidrológicos (Q e q p) observados. Para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Calibração; Validação; Modelos; MUSLE; Aporte de sedimento.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832011000400037
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Compostos orgânicos de resíduos da agroindústria canavieira na produção e estado nutricional de cultivares de alface. Infoteca-e
GOMES, T. C. de A.; SANTOS, T. C. dos; COSTA JÚNIOR, J. C. da; PEREIRA, K. T. de O.; MELO, P. L. A. de; SANTOS, T. A..
bitstream/item/140885/1/BP97.pdf
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Validação; Reciclagem da vinhaça; Fertilizante orgânico; Lactuca sativa L.
Ano: 2015 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1039858
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eficiência de um kit de ELISA na detecção e quantificação de aflatoxina M1 em leite e investigação da ocorrência no estado de Minas Gerais Ciênc. Tecnol. Aliment.
SOUZA,Scheilla V. C.; VARGAS,Eugênia A.; JUNQUEIRA,Roberto G..
Procedimentos para validação intralaboratorial de kits de ELISA foram adotados na verificação da eficiência de um kit para detecção e quantificação de aflatoxina M1 em leite. Foram realizados ensaios com soluções padrões fornecidas pelo kit, amostras artificialmente contaminadas e amostras naturalmente contaminadas. Os valores médios de recuperação obtidos para os padrões do kit apresentaram-se entre 85,6 e 114,8%, com valores de coeficiente de variação entre 11,6 e 23,1%. Nos ensaios com amostras artificialmente contaminadas, foi definida uma faixa ótima de trabalho para análises quantitativas entre 0,019 e 0,090µg/L. A presença de aflatoxina M1 em 110 amostras de leite do estado de Minas Gerais foi investigada. Cinco das 27 amostras positivas na triagem...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Leite; Aflatoxina M1; Validação; ELISA.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20611999000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Escala diagramática para avaliação da severidade da Mancha Ocular em milho causada por Kabatiella zeae Ciência Rural
Camochena,Rubia Cristiani; Santos,Idalmir dos; Mazaro,Sergio Miguel.
O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma escala diagramática para avaliação da severidade da mancha ocular, causada por Kabatiella zeae, em folhas de milho, considerando os limites de severidade mínima e máxima da doença e os níveis intermediários. Os níveis de severidade observados em campo seguiram incrementos logarítmicos, obedecendo a "Lei do Estímulo de Weber-Fechner", representando: 0,9; 2,0; 4,0; 9,0; 18,0; 32,0 e 51,0% da área foliar lesionada. A validação da escala consistiu-se em duas etapas: na primeira, 10 avaliadores, com experiência na avaliação de doenças em plantas, avaliaram 30 folhas com diferentes níveis de severidade, com e sem o uso da escala diagramática. Na segunda etapa, outros 10 avaliadores, sem experiência na avaliação de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Validação; Patometria; Zea mays.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000800006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estimativa da área foliar de pessegueiro por método não-destrutivo Ciência Rural
Sachet,Marcos Robson; Penso,Gener Augusto; Pertille,Rafael Henrique; Guerrezi,Marieli Teresinha; Citadin,Idemir.
RESUMO: A predição de valores de área foliar (AF) sem a destruição de plantas é de grande interesse nas pesquisas agronômicas. Neste trabalho, foram desenvolvidos e testados três modelos de predição de AF, utilizando-se a largura (L), o comprimento (C) ou em ambas as dimensões da folha de pessegueiro 'BRS Kampai'. Testou-se também um modelo genérico de DEMIRSOY et al. (2004), proposto para determinar AF em pessegueiro e desenvolvido nas condições de cultivo da Turquia. O uso de apenas uma dimensão, visando a reduzir a onerosidade nas avaliações, não permite predições adequadas e podem levar a erros estatísticos por alterar a variabilidade dos dados em relação às AF reais. O modelo não destrutivo proposto neste trabalho foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus pérsica; Modelo; Validação; Análise regressão stepwise.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782015001202161
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Manejo reprodutivo bovino: estudo de caso em nível de propriedade. Infoteca-e
SAUERESSIG, M. G..
bitstream/item/75924/1/bolpd-39.pdf
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Validação; Management.; Cerrado; Gado de Corte; Manejo; Reprodução Animal; Taxa de Natalidade; Tecnologia.; Beef cattle; Birth rate; Innovation adoption; Reproduction; Technology transfer..
Ano: 1995 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/550785
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Mitigação de gases de efeito estufa em sistema de Integração Pecuária-Floresta e potencial de produção de Carne Carbono Neutro: Fazenda Lagoa dos Currais, Curvelo-MG. Infoteca-e
GONTIJO NETO, M. M.; BORGHI, E.; RESENDE, A. V. de; CAMPANHA, M. M.; COSTA, T. C. e C. da; SIMÃO, E. de P.; ALMEIDA, R. G. de; ALVES, F. V.; PORFIRIO-DA-SILVA, V..
O uso de sistemas em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) para produção agrícola e pecuária é realidade no Brasil. Entre suas vantagens estão a intensificação sustentável do uso da terra, a diversificação da produção, a conservação do solo, o melhor uso dos recursos naturais e dos insumos, a redução da pressão pela abertura de novas áreas (efeito poupa-terra), o bem-estar animal, o sequestro de carbono, a mitigação das emissões de gases, entre outras. Dentre os relevantes benefícios auferidos por meio de implantação de sistemas integrados de produção, podemos destacar a possibilidade de neutralização de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) por meio do plantio de árvores. O princípio básico da neutralização de carbono é o de sequestro e fixação...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pecuária sustentável; Validação; Metano; Sistema de Cultivo.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1103214
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Padronização e validação do método de vírus, neutralização para quantificação de anticorpos contra febre aftosa MV&Z
Pereira, D. F. S.; Veloso, L. B.; Aquino, C. F.; Xavier, M. A. S.; Mozzer, O. D..
A febre aftosa (FA) é uma doença causada por vírus do gênero Aphtovirus, pertencente à família Picornaviridae. A vacinação sistemática vem sendo empregada como recurso profilático central dos programas de erradicação da doença. O teste de vírus neutralização (VNT) é uma alternativa para avaliar a potência de vacinas, visto que a proteção à FA está associada à indução de altos níveis séricos de anticorpos neutralizantes. O objetivo deste trabalho foi padronizar e validar o método de VNT, incluindo uma etapa colorimétrica na interpretação dos resultados. Na padronização do método foram utilizados soros de animais vacinados, sorotipos virais O1 Campos, A24 Cruzeiro e C3 Indaial, os quais foram analisados previamente pelo Instituto Pirbright (Inglaterra)....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Febre aftosa; Vírus neutralização; Validação.
Ano: 2016 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/32020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Parametrização e avaliação do modelo DSSAT/Canegro para variedades brasileiras de cana-de-açúcar PAB
Nassif,Daniel Silveira Pinto; Marin,Fabio Ricardo; Pallone Filho,Wander José; Resende,Ronaldo Souza; Pellegrino,Giampaolo Queiroz.
O objetivo deste trabalho foi parametrizar e avaliar o modelo DSSAT/Canegro para cinco variedades brasileiras de cana-de-açúcar. A parametrização foi realizada a partir do uso de dados biométricos e de crescimento das variedades CTC 4, CTC 7, CTC 20, RB 86-7515 e RB 83-5486, obtidos em cinco localidades brasileiras. Foi realizada análise de sensibilidade local para os principais parâmetros. A parametrização do modelo foi feita por meio da técnica de estimativa da incerteza de probabilidade generalizada ("generalized likelihood uncertainty estimation", Glue). Para a avaliação das predições, foram utilizados, como indicadores estatísticos, o coeficiente de determinação (R²), o índice D de Willmott e a raiz quadrada do erro-médio (RMSE). As variedades CTC...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Saccharum; Biometria; Calibração; Modelagem; Validação.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2012000300001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
PCR em tempo real para detecção do vírus da doença de Aujeszky Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Fonseca Júnior,A.A.; Cotorello,A.C.; Dias,N.L.; D'Ambros,R.; Leite,R.C.; Heneimann,M.B.; Reis,J.K.P..
O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma PCR em tempo real (qPCR) para o diagnóstico rápido e sensível da doença de Aujeszky. Os iniciadores amplificaram um fragmento de 123 pares de base do gene codificante da glicoproteína D. A qPCR foi testada em 25 amostras de cérebro de suíno positivas e 85 amostras negativas para DA no isolamento viral e na soroneutralização. A sensibilidade analítica foi calculada com acréscimo de um isolado brasileiro do SuHV-1 titulado em amostras de cérebro de suíno negativas na soroneutralização e na PCR. A técnica apresentou sensibilidade analítica de 10-0,5 TCID50/50µL. A qPCR foi capaz de distinguir reações inespecíficas devido a dímero de oligonucleotídeos iniciadores ou amplificações, além do alvo designado (evitando,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Suínos; QPCR; Validação; Doença de Aujeszky.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000300028
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
PCR em tempo real para diagnóstico da leucose enzoótica bovina Ciência Rural
Dias,Natanael Lamas; Fonseca Júnior,Antônio Augusto; Rodrigues,Daniel Sobreira; Camargos,Marcelo Fernandes.
O objetivo deste trabalho foi realizar a validação de uma reação em cadeia da polimerase em tempo real com o sistema Plexor® (qPCR) para o diagnóstico da Leucose Enzoótica Bovina (LEB), por meio da comparação com testes de diagnóstico recomendados pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). A qPCR foi comparada com duas outras técnicas: a PCR nested (nPCR) e a imunodifusão em gel de ágar (IDGA). Das 82 amostras analisadas pela qPCR e nPCR, 79 apresentaram resultados concordantes, sendo a concordância, classificada pelo Índice Kappa, como alta. Entre as PCRs e a IDGA, o número de resultados concordantes foi de 71 e 69, respectivamente, para qPCR e nPCR, sendo a concordância classificada como considerável. A qPCR apresentou altos valores de sensibilidade...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: BLV; Validação; QPCR; NPCR; IDGA.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782012000800017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tradução e validação para a língua portuguesa da escala de neofobia em relação à tecnologia de alimentos: food technology neophobia scale Ciência Rural
Vidigal,Márcia Cristina Teixeira Ribeiro; Minim,Valéria Paula Rodrigues; Moreira,Rêmio Teixeira; Pires,Ana Clarissa dos Santos; Ferreira,Marco Aurélio Marques; Gonçalves,Aline Cristina Arruda; Minim,Luis Antônio.
As indústrias de alimentos vêm inovando e desenvolvendo novos produtos e processamentos, e os consumidores estão mais conscientes e preocupados em relação às novas tecnologias alimentares, o que pode influenciar a aceitação dos alimentos. Nesse contexto, objetivou-se disponibilizar para a língua portuguesa o questionário originalmente desenvolvido em inglês que avalia a neofobia em relação à tecnologia de alimentos, denominado Food Technology Neophobia Scale (FNTS). O instrumento original composto por treze afirmações foi inicialmente traduzido para o português por três indivíduos bilíngues, de forma independente; na sequência, as versões em português foram traduzidas novamente para o inglês por outros três indivíduos bilíngues, também de forma...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aversão; Nova tecnologia; Validação; Consumidor; Escala psicométrica.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014000100028
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tradução e validação para a língua portuguesa de questionário utilizado em estudos de consumidor Ciênc. Tecnol. Aliment.
Deliza,Rosires; Rosenthal,Amauri; Costa,Maria Cristina da.
O presente trabalho objetivou disponibilizar para a língua portuguesa o questionário originalmente desenvolvido em inglês e denominado Need for Cognition (NFC). Tal questionário tem considerável importância no desenvolvimento de estudos do consumidor, uma vez que possibilita segmentar a população de acordo com determinada característica, ou seja, o quanto gostam de se engajar no pensar. O questionário foi traduzido utilizando a metodologia denominada back translation e validado objetivando disponibilizar para a língua portuguesa tal ferramenta, a qual auxilia na interpretação e no entendimento da atitude e comportamento do consumidor frente a um determinado produto ou questão. A maioria das escalas e questionários disponíveis foram desenvolvidos em outros...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Comportamento; Consumidor; Tradução; Validação; Língua portuguesa; Atitude.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612003000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Validação de método para determinação de resíduos de agrotóxicos em tomate: uma experiência laboratorial Ciênc. Tecnol. Aliment.
Cardoso,Maria Helena Wohlers Morelli; Gouvêa,Adherlene Vieira; Nóbrega,Armi Wanderley da; Abrantes,Shirley de Mello Pereira.
Um modelo de procedimento para validação de método de ensaio para determinação de cinco agrotóxicos (γ - HCH, clorotalonil, fenitrotiona, clorpirifós e procimidona em matriz tomate) é demonstrado através da análise cromatográfica. A amostra processada é extraída com 30 mL de acetona e em seguida com 60 mL de uma mistura diclometano: éter de petróleo (1:1). O volume total é centrifugado e a alíquota orgânica é filtrada sob Na2SO4. Um mililitro de extrato orgânico é concentrado e dissolvido em um mililitro de iso-octano. Um microlitro do extrato é analisado no cromatógrafo a gás com detector por captura de elétrons - CG/DCE. Foram avaliados seletividade, linearidade, repetitividade, recuperação e limites de detecção e de quantificação. As recuperações...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Agrotóxicos; Tomate; Cromatografia em fase gasosa; Validação.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612010000500011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Validação de métodos para determinação dos ácidos fítico e oxálico em multimistura Ciênc. Tecnol. Aliment.
Nappi,Giancarlo Ubaldo; Ribeiro-Cunha,Mariem Rodrigues; Coelho,José Virgílio; Jokl,Lieselotte.
Considerando a composição da multimistura distribuída em Belo Horizonte/MG (trigo, fubá, casca de ovo e folha de mandioca), as metodologias de detecção e/ou quantificação dos fitatos e oxalatos foram validadas. A purificação em coluna de troca aniônica forte do ácido fítico e seus derivados desfosforilados extraídos da multimistura apresentou baixos valores de recuperação (49%) nas concentrações menores do fitato adicionado, em relação às mais elevadas (101%), sugerindo a interferência de minerais presentes em altas concentrações, principalmente cálcio. Dos métodos avaliados para a determinação do ácido oxálico, a cromatografia de exclusão iônica foi a que apresentou os melhores resultados, com boas recuperações nos níveis mais altos de adição (88%),...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ácido fítico; Acido oxálico; Cromatografia; Fitatos; Complemento alimentar; Validação.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612006000400016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Validação e difusão de tecnologias para o cultivo da cebola. Infoteca-e
COSTA, N. D.; CANDEIA, J. A..
bitstream/CPATSA/25781/1/COT102.pdf
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Difusão; Validação; Cultivo; Onion.; Cebola; Rendimento; Tecnologia; Variedade..
Ano: 2001 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/151139
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Validação intralaboratorial de método para determinação de aflatoxina M1 em leite por cromatografia em camada delgada Ciênc. Tecnol. Aliment.
Souza,Scheilla V. C. de; Vargas,Eugênia A.; Castro,Luciana de; Junqueira,Roberto G..
Um método para determinação de aflatoxina M1 em leite empregando cromatografia em camada delgada foi otimizado e validado por procedimentos intralaboratoriais. Foram realizados testes para otimização das etapas de extração, purificação, detecção e quantificação por análise visual e densitométrica. Para validação do método foram realizados ensaios de recuperação com soluções padrões e amostras artificialmente contaminadas em níveis entre 0,027µg/L e 0,970µg/L. Foram avaliados linearidade, especificidade, exatidão, precisão, limites de detecção e quantificação. Os valores de porcentagem de recuperação na faixa de quantificação do método variaram de 84,2% a 99,0% na análise visual e de 85,2% a 105,2% na análise densitométrica, com coeficientes de variação de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Leite; Aflatoxina M1; Validação; CCD.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612003000400039
Registros recuperados: 21
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional