Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da retenção de nutrientes agrícolas lixiviado para o lençol freático pela vegetação riparia. Repositório Alice
AGUIAR JUNIOR, T. R. de; PARRON, L. M.; FERREIRA, M. T..
A prática da irrigação, associada ao regime irregular das chuvas tendem a aumentar a taxa de lixiviação de nutrientes e poluentes da agricultura para os rios e lagos. Dentre os nutrientes lixiviados o nitrato e o fósforo são os que mais causam impactos em e cossistemas fluviais, sua contaminação é a principal causa de eutrofização nos ecossistemas lóticos e lênticos. Foram selecionad os três pontos de vegetação ripária com 10, 30 e 60 metros de largura entre a agricultura e o rio, nesses pontos foram realizada s perfurações de dois metros para coleta de agua do lençol freático . Foram realizadas análises dos nutrientes NO 2 , NO 3 , NH 4 /NH 3 , P e PO 4 . Houve redução das concentrações médias para todo s os nutrientes estudados ( NO 2 , NO 3 , NH 4 /NH...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Vegetação ripária; Lixiviação; Restauro fluvial; Lençol freático.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/972418
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biomonitoramento dos cursos d'água e avaliação da presença de bioindicadores de qualidade em córregos de cabeceira do Rio Jaguari, Bacia dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí, São Paulo, Brasil. Repositório Alice
SONODA, K. C.; SILVA, M. S. G. M. e; ZANESCO, R. F.; FIGUEIREDO, R. de O.; CARVALHO, M. P.; MARIGO, A. L. S.; ZAMBON, G. V..
Diante da importância estratégica das cabeceiras das bacias dos Rios Camanducaia e Jaguari, para a Bacia do Rio Piracicaba e para a manutenção do Sistema Cantareira no Estado de São Paulo, foi conduzida uma pesquisa para avaliar a qualidade e a quantidade da água visando a sustentabilidade das atividades produtivas no meio rural. A abordagem adotada nesta pesquisa considera que o estudo da qualidade e quantidade da água fluvial em microbacias hidrográficas (<1.000 ha) é uma ferramenta de grande utilidade para avaliar-se as condições de sustentabilidade das atividades produtivas no meio rural. Dentro deste contexto, portanto, o projeto teve como objetivo avaliar em última instância os efeitos do uso da terra sobre a hidrologia e biogeoquímica de...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: EPT; Insetos aquáticos; Manejo; Microbacia; Vegetação ripária.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1078056
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Composição florística da vegetação ripária da Mesobacia Timboteua, Município de Igarapé-Açu (PA), Brasil. Repositório Alice
SARAIVA, G. de S.; MARTINS-DA-SILVA, R. C. V.; XAVIER JUNIOR, S. R.; ILKIU-BORGES, F. de S..
2010
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Vegetação ripária; Igarapé-Açu; Pará; Amazônia; Brasil; Herbário IAN; Flora; Vegetação; Composição botânica; Mata ciliar.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/874141
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comunidades de insetos aquáticos em dois trechos do Córrego Sarandi, Distrito Federal. Infoteca-e
SONODA, K. C..
2010
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Entomofauna; Inseto; Cerrado; Vegetação ripária; Entomology; Savanna; Aquatic insect; Riparian vegetation.
Ano: 2010 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/883871
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Indicadores de serviços ambientais hídricos e a contribuição da vegetação ripária para a qualidade de água. Repositório Alice
AGUIAR JUNIOR, T. R. de; PARRON, L. M..
Muitos serviços ambientais são derivados dos fluxos e da qualidade da água e comumente são denominados serviços ambientais hídricos. Estes serviços são frequentemente regulados pelos ecossistemas terrestres e incluem os serviços de provisão, regulação e suporte. Este capítulo relaciona os serviços ambientais hídricos e seus respectivos indicadores de avaliação, descreve os diversos serviços promovidos pelas matas ripárias, salientando seu poder de filtro e proteção de recursos hídricos e apresenta um estudo de caso de avaliação de qualidade de água e da vegetação ripária em bacias hidrográficas em Ponta Grossa, PR. A abordagem adotada tem em vista o papel das matas ripárias na mitigação de poluentes agrícolas em corpos hídricos superficiais e sua...
Tipo: Capítulo em livro científico (ALICE) Palavras-chave: Serviço ambiental; Vegetação ripária; Qualidade da água.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1024353
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Integridade da paisagem e sua influência sobre a composição da comunidade de Chironomidae (Diptera) em riachos de pequena ordem Ecología austral
De Toni,Kamila R; Nava,Diane; Restello,Rozane M.; Decian,Vanderlei; Rovani,Ivan L.; Hepp,Luiz U..
Trabalhos com ecologia de riachos tem buscado compreender os padrões de distribuição das comunidades aquáticas procurando responder de que forma os fatores locais e regionais, infuenciam na ocorrência e persistência de determinadas espécies nesses ecossistemas. Este estudo investigou a infuência dos usos e ocupação da terra sobre a comunidade de Chironomidae em riachos em duas áreas de drenagem no sul do Brasil. Larvas de Chironomidae foram coletadas em riachos de 1a e 2a ordens. A zona ripária dos riachos (30 m em ambas as margens) teve sua paisagem analisada utilizando técnicas de geoprocessamento e diferentes usos e ocupação da terra foram classifcados e quantifcados. Os usos e ocupação da terra foram diferentes entre as duas áreas de drenagem...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bioindicadores; Uso e ocupação da terra; Macroinvertebrados bentônicos; Vegetação ripária.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.org.ar/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1667-782X2014000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Local representations of change and conservation of the riparian forests along the São Francisco River (Northeast Brazil). Repositório Alice
SILVA, T. C.; RAMOS, M. A.; SCHWARZ, M. L.; ALVAREZ, I. A.; KIILL, L. H. P.; ALBUQUERQUE, U. P..
Investigations of local representations about the environment allow for the elucidation of historical landscape transformation and the elaboration of strategies for environmental conservation. Thus, this study aimed to answer the following questions. How does the local population represent the possible changes in riparian vegetation over time? What historical events were responsible for these possible changes? How does the local population represent concerns related to the use andmaintenance of riparian vegetation? This study was carried out with 87 informants from three communities: two rural ex-settlement communities and one quilombo in Northeastern Brazil. According to the informants, therewere changes in the riparian vegetation. Themain causes of these...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Mata ciliar; Representação local; Conservação; Rio São Francisco; Percepção ambiental; Modificação da paisagem; Vegetação ripária; Recurso natural; Vegetação; Natural resource.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/987548
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Local representations of change and conservation of the riparian forests along the São Francisco River (Northeast Brazil). Repositório Alice
SILVA, T. C.; RAMOS, M. A.; SCHWARZ, M. L.; ALVAREZ, I. A.; KIILL, L. H. P.; ALBUQUERQUE, U. P..
Investigations of local representations about the environment allow for the elucidation of historical landscape transformation and the elaboration of strategies for environmental conservation. Thus, this study aimed to answer the following questions. How does the local population represent the possible changes in riparian vegetation over time? What historical events were responsible for these possible changes? How does the local population represent concerns related to the use andmaintenance of riparian vegetation? This study was carried out with 87 informants from three communities: two rural ex-settlement communities and one quilombo in Northeastern Brazil. According to the informants, therewere changes in the riparian vegetation. Themain causes of these...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Mata ciliar; Representação local; Conservação; Rio São Francisco; Percepção ambiental; Modificação da paisagem; Vegetação ripária; Recurso natural; Vegetação; Natural resource.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/993964
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
O gênero Eugenia L. (Myrtaceae) na planície de alagável do Alto Rio Paraná, Estados de Mato Grosso do Sul e Paraná, Brasil Acta Botanica
Romagnolo,Mariza Barion; Souza,Maria Conceição de.
Foi realizado o levantamento das espécies de Eugenia L. da planície alagável do Alto Rio Paraná, Estados de Mato Grosso do Sul e Paraná (22º40' a 22º55'S e 53º10' a 53º40'W). Esta área localiza-se no domínio da Floresta Estacional Semidecidual e apresenta formações ripárias ao longo do rio Paraná, de suas ilhas e de seus tributários. As espécies registradas foram: Eugenia egensis DC., E. florida DC., E. hyemalis Cambess., E. klappenbachiana Mattos &amp; D. Legrand, E. moraviana O. Berg, E. pyriformis Cambess., E. ramboi D. Legrand, E. repanda O. Berg., E. sulcata Spring. ex Mart. e E. uniflora L. Os meses que apresentaram o maior número de espécies em floração e frutificação foram respectivamente, setembro e novembro. Eugenia florida, E. hyemalis e E....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Myrtaceae; Eugenia; Florística; Vegetação ripária; Rio Paraná.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Os gêneros Calycorectes O. Berg, Hexachlamys O. Berg, Myrcianthes O. Berg, Myrciaria O. Berg e Plinia L. (Myrtaceae) na planície alagável do alto rio Paraná, Brasil Acta Botanica
Romagnolo,Mariza Barion; Souza,Maria Conceição de.
O presente estudo teve por objetivo o levantamento das espécies de Calycorectes O. Berg, Hexachlamys O. Berg, Myrcianthes O. Berg, Myrciaria O. Berg e Plinia L. para a planície alagável do alto rio Paraná, localizada nos Estados do Mato Grosso do Sul e Paraná (22 º40' a 22 º55'S e 53 º10' a 53 º40'W), Brasil. A área de estudo, sob domínio da Floresta Estacional Semidecidual Submontana, compreende formações ripárias do rio Paraná, de suas ilhas e tributários. As espécies registradas foram Calycorectes psidiiflorus (O. Berg) Sobral, Hexachlamys edulis (O. Berg) Kausel &amp; D. Legrand, Myrcianthes pungens (O. Berg) D. Legrand, Myrciaria delicatula (DC.) O. Berg, M. cuspidata O. Berg, Plinia rivularis (Cambess.) Rotman e P. trunciflora (O. Berg) Kausel....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Myrtaceae; Eugeniinae; Florística; Vegetação ripária; Rio Paraná.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Zonas-tampão ripárias no planejamento e gestão de ecossistemas fluviais em paisagens agrícolas. Repositório Alice
AGUIAR JUNIOR, T. R. de.; BORTOLOZO, F. R.; PARRON, L. M..
2013
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Vegetação ripária; Restauração fluvial; Nutrientes agrícolas; Pesticidas.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/978975
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional