Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  O papel das Áreas de Proteção Permanente e da Reserva Legal na conservação de mamíferos de médio e grande porte e como abrigo do javali em duas áreas de agroecossistemas no estado de Mato Grosso do Sul.
Autores:  RIBAS, C. D.
Data:  2015-12-15
Ano:  2015
Palavras-chave:  Agroecologia
Comunidade de mamíferos
Espécie exótica
Fragmentação
Fragmentation
Mammal community
Agroecology
Invasive species
Resumo:  Nas últimas décadas, a atividade agropecuária tem sido responsável por grandes mudanças na paisagem do Brasil, especialmente no Cerrado e Mata Atlântica, configurando uma perda exponencial de habitats florestados, bem como matas ciliares e outras áreas de proteção permanente. Muitas espécies de animais e os próprios cursos d?água são ameaçados pela atividade agropecuária, colocando em risco o futuro da biodiversidade do país. Além disso, a introdução de espécies exóticas invasoras, como o javali, compromete a qualidade do ambiente, além de configurar uma grande ameaça às espécies locais. Os objetivos deste estudo foram averiguar a riqueza e composição da comunidade de mamíferos que ocorre em duas áreas de agroecossistema no sul do estado de Mato Grosso do Sul através de armadilhamentos fotográficos, e averiguar se a distância da câmera em relação ao corpo d'água mais próximo e em relação ao maior fragmento ordenam a estrutura da comunidade de mamíferos, bem como criar um modelo de ocupação para cães e javalis e verificar se as duas espécies ocupam os mesmos ambientes ou se evitam. Foi realizado uma Análise de componentes principais (Pcoa) a fim de verificar a proximidade ou distância entre as comunidades de mamíferos fotografados e, também, verificar a relação entre um gradiente de distância da água e do maior fragmento de mata com a composição de espécies. O modelo de ocupação para cães e javalis utilizado foi o de uma única estação para duas espécies com a parameterização phi/delta, realizado no programa Presence. A riqueza foi de 26 espécies de mamíferos terrestres, de médio e grande porte, dos quais 22 espécies nativas e quatro domésticas (cachorro, cavalo, gado bovino e javali). Dentre essas 22 espécies, 13 encontram-se listadas em alguma das categorias da lista nacional ou das listas estaduais de espécies ameaçadas de extinção do Ministério do Meio Ambiente, das quais 4 encontram-se como vulnerável na lista da IUCN. As espécies que ocorreram com maior frequência em todos os habitats foram javali e anta, respectivamente.

bitstream/item/135605/1/Dissertacao-Cynthia-D.-Ribas1.pdf

Orientador: Guilherme Mourão.
Tipo:  Tese/dissertação (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  59479

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1031668
Editor:  2015.
Relação:  Embrapa Pantanal - Tese/dissertação (ALICE)
Formato:  Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande.

46 f.
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional