Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Etiologia e prevalência da mastite de origem bacteriana em animais livres e portadores de Artrite-encefalite caprina.
Autores:  SANTIAGO, L. B.
BRITO, R. L. L. de
SANTOS, V. W. S. dos
RODRIGUES, A. de S.
ANDRIOLI, A.
ALVES, F. S. F.
PINHEIRO, R. R.
Data:  2014-11-20
Ano:  2010
Palavras-chave:  Artrite-encefalite caprina
Exame microbiológico
Retrovírus
Caprino
Doença animal
Vírus
Microrganismo
Glândula mamária
Etiologia
Mamite
Goats
Caprine arthritis encephalit virus
Microbiological analysis
Mammary gland diseases
Microorganisms
Aetiology
Mastitis
Resumo:  Resumo: A manifestação clínica na glândula mamária da Artrite-Encefalite Caprina (CAE) é freqüente e tem grande significado econômico na caprinocultura ao comprometer a produção leiteira e predispor a glândula mamária a infecções secundárias. Objetivou-se com este estudo determinar a prevalência e isolar e identificar os microrganismos causadores de mastite em animais livres e portadores de CAE. Foram utilizadas 44 cabras mestiças Saanen x Anglo-Nubiana, sendo 19 positivas para a CAE e 25 livres da enfermidade. As amostras de leite para o microbiológico foram coletadas de cada teto, durante sete meses, plaqueadas em Ágar Sangue e mantidas sob incubação a 37°C por 48h, totalizando 588 amostras. As colônias foram caracterizadas macro e microscopicamente. Posteriormente foram submetidas às provas bioquímicas de acordo com a suspeita microbiológica. Em relação ao grupo de animais infectados pela CAE, 28,17% das amostras analisadas foram microbiologicamente positivas, e no rebanho negativo, 18,15% obtiveram resultado positivo. Foi constatada diferença estatística significativa (p<0,01) entre os grupos, demonstrando maior incidência de mastite bacteriana no grupo infectado com CAE. Em relação à identificação dos microrganismos isolados, não houve diferença estatística significativa entre os grupos. Staphylococcus sp. coagulase negativa foi identificado em 95,77% das amostras positivas ao exame microbiológico, no grupo de animais infectados pela CAE, e em 93,44% no rebanho livre da doença. [Aetiology and prevalence of bacterial mastitis in groups of goats free and infected by caprine arthritis encephalitis]. Abstract: The clinical manifestation of Caprine Arthritis Encephalitis (CAE) is usual and means economic losses for dairy goats, decreasing milk production and increasing susceptible of mammary gland to bacterial infections. The aim of the study was to determinate the etiology and prevalence of mastitis in groups of free and infected goats by CAE. It were utilized 44 crossbreed does Saanen x Anglo- Nubiana. One group was composed for 19 females positive for CAE and another group, for 25 negative ones. Milk microbiological exam was accomplished for seven months, of each teat, once at a month, totalizing 588 samples. It were plated in Blood Agar Base and kept at 37°C for 48h. Colonies were characterized macro and microscopically and, then, all biochemical tests were realized. For the CAE infected group, 28,17% of all samples were positives by microbiological exam and, for the negative group, only 18,15%. Statistical difference significant (p<0,01) was observed, showing highest bacterial mastitis incidence on the infected group. Con-sidering the aetiology, it wasn?t noted significant statistical difference between both groups. Coag-ulase negative Staphylococcus sp. was identified in 95,77% of positive samples for microbiological exam, on the CAE infected group, and in 93,44% on the negative group

2010
Tipo:  Artigo em periódico indexado (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  28290

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1000642

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/112060/1/AP-Etiologia.pdf

http://dx.doi.org/10.15528/2176-4158/rcpa.v12n2p223-226
Editor:  Revista Científica de Produção Animal, v. 12, n. 2, p. 223-226, 2010.
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional