Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Rev. Ciênc. Agron.
País:  Brazil
Título:  Herbicidas de uso potencial no controle de buva e sua seletividade sobre aveia e azevém
Autores:  Dalazen,Giliardi
Kruse,Nelson Diehl
Machado,Sérgio Luiz de Oliveira
Data:  2015-12-01
Ano:  2015
Palavras-chave:  Conyza bonariensis
Resistência de plantas daninhas
Pastagem de inverno
Lolium multiflorum
Avena spp
Resumo:  RESUMOA rotação de herbicidas é o principal método de prevenção e manejo da resistência de plantas daninhas a herbicidas. Porém, além de eficientes, os herbicidas devem ser seletivos às culturas. Objetivou-se com este trabalho avaliar a seletividade de herbicidas de uso potencial para o controle de buva sobre aveia branca, aveia comum, azevém comum e azevém tetraploide. Os experimentos foram organizados em blocos ao acaso, em esquema bifatorial, onde o fator A foi formado por herbicidas e o fator B pelas doses X e 2X dos herbicidas, em que a dose X corresponde à dose indicada de ingrediente ativo (i.a.). Os tratamentos avaliados foram: 2,4-D amina (806 e 1612 g i.a. ha-1); metsulfuron-methyl (2,4 e 4,8 g i.a. ha-1); chlorimuron-ethyl (20 e 40 g i.a. ha-1); imazethapyr (350 e 700 g i.a. ha-1); diclosulam (16,8 e 33,6 g i.a. ha-1); saflufenacil (35 e 70 g i.a. ha-1) e flumioxazin (50 e 100 g i.a. ha-1), além da testemunha (sem herbicida). Com exceção do herbicida imazethapyr, os demais foram seletivos à aveia branca, independentemente das doses avaliadas. Os herbicidas 2,4-D, diclosulam, saflufenacil e flumioxazin foram seletivos à cultura da aveia comum, quando aplicados na menor dose avaliada, sendo alternativas para o manejo de buva durante o inverno. O herbicida metsulfuron-methyl apresentou efeito tóxico sobre o azevém comum, diminuindo a massa de matéria seca da parte aérea (MMSPA). Para o azevém tetraploide, excetuando o imazethapyr e a maior dose de flumioxazin, os demais tratamentos mostraram-se seletivos. Embora alguns tratamentos tenham proporcionado sintomas de fitointoxicação, isso não refletiu negativamente na produção de MMSPA, evidenciando a capacidade de recuperação das plantas.
Tipo:  Info:eu-repo/semantics/article
Idioma:  Português
Identificador:  http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902015000400792
Editor:  Universidade Federal do Ceará
Relação:  10.5935/1806-6690.20150067
Formato:  text/html
Fonte:  Revista Ciência Agronômica v.46 n.4 2015
Direitos:  info:eu-repo/semantics/openAccess
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional