Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 70
Primeira ... 1234 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A classe Cytisetea scopario-striati em Portugal continental IPB - Escola Superior Agrária
Costa, José C.; Aguiar, Carlos; Capelo, J.; Lousã, Mário; Castro Antunes, J.H.S.; Honrado, João; Izco, J.; Ladero, M..
Giestais são a designação vulgar em português para as comunidades silicícolas que se inserem na classe Cytisetea scopario-striati e são dominadas por espécies de leguminosas dos géneros Cytisus, Genista, Adenocarpus e Retama. Esta classe tem o seu óptimo na Península Ibérica e representa normalmente as orlas ou etapas de regressão de bosques climácicos da Quercetalia roboris e da Quercion broteroi. No presente trabalho apresentam-se as diversas comunidades da classe Cytisetea scopario-striati que ocorrem em Portugal continental. Propõem-se os seguintes novos sintáxones: Ulici latebracteati-Cytisetum striati cytisetosum grandiflori, Cytiso multiflori-Retametum sphaerocarpae cytisetosum scoparii, Cytiso multiflori-Retametum sphaerocarpae cytisetosum...
Tipo: Article Palavras-chave: Vegetação de Portugal; Cytisetea scopario-striati.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5350
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A distribuição dos pinhais em Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Capelo, J.; Catry, F..
A P.pinaster* é uma árvore indígena de Portugal Continental. Tal facto tem sido repetidamente demonstrado por numerosos estudos paleoeco lógicos (de paleopalinologia e análise antracológica). A aceitação do carácter autóctone da P.pinaster é ainda necessária para explicar a dependência funcional de alguns endemismos de distribuição restrita a estas formações florestais, como é o caso da Linária coutinhoi e do Ranunculus bupleuroides. A presença holocénica de P. pinaster no litoral continental português está bem estabelecida para o Norte Alentejano e Estremadura através da subsp. marítima, que certamente se prolongaria para norte pelos sistemas dunares quaternários litorais.
Tipo: BookPart Palavras-chave: Pinhais; História ambiental; Paleoecologia.
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/5408
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A groundwater system in a mountain environment (Serra da Estrela, Portugal) IPB - Escola Superior Agrária
Espinha Marques, J.; Marques, J.M.; Aguiar, Carlos.
Mountains are often recognized as the "world's water towers", due to their exceptional ability to generate water resources or good quality and. frequently, or considerable economic value (e.g. UNESCO IHP-VI Programme: http://www,unesco.org, Aureli 2002).
Tipo: BookPart Palavras-chave: Portugal; Groundwater.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/4521
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A methodological approach to potential vegetation modeling using GIS techniques and phytosociological expert-knowledge: application to mainland Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Capelo, J.; Mesquita, Sandra; Costa, José C.; Ribeiro, Silvia; Arsénio, Pedro; Neto, Carlos; Monteiro-Henriques, T.; Aguiar, Carlos; Honrado, João; Espírito-Santo, Dalila; Lousã, Mário.
An attempt to obtain a consistent spatial model of natural potential vegetation (NPV) for the mainland Portuguese territory is reported. Spatial modeling procedures performed in a Geographic Information System (GIS) environment, aimed to operationalize phytosociological expert-knowledge about the putative distribution of potential zona1 forest communities dominant in the Portuguese continental territories. The paradigm for NPV assumed was that of RIVAS-MARTINEZ (1976) and RIVAS-MARTINEZ et al. (1999), which presupposes, for a given territory, a univocal correspondence between a uniform combination of bioclimatic stage and lithology given a biogeographical context, and a unique successional sequence leading to a single climax community (i. e. a vegetation...
Tipo: Article Palavras-chave: Vegetation; Natural Potential Vegetation; Portugal; GIS.
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/5379
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A paisagem vegetal e o uso do território ao longo do tempo IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Pinto, B..
A estabilidade macroclimática é uma ilusão transmitida pela nossa curta esperança de vida. À escala geológica, desde tempos geológicos muito remotos (cf. Briggs 1995), nos terrenos que hoje constituem o território português, o clima oscilou entre os frios glaciares e os calores tropicais, passando pelos macroclimas de tipo temperado e mediterrânico (Suc 1984). No início da época Miocénica (23,8-5,3 Ma BP*) grande parte da Península Ibérica estava submetida a um macrobioclima de tipo tropical, com chuvas bem distribuídas ao longo do ano e, à excepção das montanhas, com uma estação fria amena e sem geadas. Cobriam a Península Ibérica amplas florestas tropicais e subtropicais, entre as quais sobressaíam pela sua abundância as florestas laurifólias...
Tipo: BookPart Palavras-chave: Portugal; História ambiental.
Ano: 2008 URL: http://hdl.handle.net/10198/5400
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Achillea ageratum L. (Asteraceae), novidade para o Norte de Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Almeida, J.D. de; Aguiar, Carlos.
A descoberta deste caméfito lenhoso, próprio de sítios húmidos, pousios e incultos (Franco, Nova Flora de Portugal, II: 395, 1984), na Serra de Chavães, numa zona de transição entre as regiões biogeográficas Eurosiberiana e Mediterrânica, constitui uma novidade não só para a província de Trás-os-Montes e Alto Douro (cf. Rozeira, A Flora da província de Trás-os-Montes e Alto Douro in Memórias da Sociedade Broteriana, III, 1944), como também para todo o Norte e Centro de Portugal, excluído o Sector Divisório Português.
Tipo: Article Palavras-chave: Asteraceae; Flora of Portugal.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10198/4483
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aditamentos à vegetação de Portugal continental IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Costa, José C.; Capelo, J.; Amado, A.; Honrado, João; Espírito-Santo, Dalila; Lousã, Mário.
Tipo: Article Palavras-chave: Vegetação de Portugal; Portugal; Fitossociologia.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5340
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Allium oleraceum L.: uma liliácea esquecida da flora de Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Carvalho, Ana Maria.
Embora não existam registos publicados a atestar a presença de A. oleraceum em Portugal (vd. J. PASTOR & A. VALDÉS, Revisión del género Allium (Liliaceae) en la Península Ibérica e Islas Baleares. Ann. Univ. Hisp., 1983; J. do A. FRANCO & M.L. ROCHA AFONSO, Nova Flora de Portugal, vol. III(1): 76-96, 1994), no herbário PO está depositado um exemplar correctamente identificado desta espécie – BA, Trancoso, Tamanhos, num carvalhal (G. Costa s/n, 29-VII-1969, PO 10171) – com um comentário manuscrito, da autoria do seu colector, confirmando tratar-se de uma nova espécie para Portugal. Nos últimos anos recenseamos várias localidades transmontanas de A. oleraceum, todas elas com um reduzido número de indivíduos e localizadas em margens de caminhos pouco...
Tipo: Article Palavras-chave: Flora de Portugal; Liliaceae.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5480
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Allium ursinum L. subsp. ursinum: confirmação da presença em Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos; Aedo, Carlos.
Com a intenção de prospectar a brioflora de um território até então ignorado pelos especialistas, o casal Allorge herborizou em algumas localidades do Distrito de Bragança, no ano de 1931. Desta excursão resultou a publicação: P. ALLORGE & V. ALLORGE [Sur quelques aspects de la végétation aus environs de Bragança. Port. Acta Biol., vol. J. Hen.: 63-86, 1949]. Bem ao gosto da época ALLORGE & ALLORGE (op. cit.) incluem um relato pormenorizado da sua viagem, com referências abundantes à vegetação e à flora vascular da Serra de Nogueira (Trás-os-Montes, Concelho de Bragança, Freguesia de Rebordãos)
Tipo: Article Palavras-chave: Flora de Portugal; Alliaceae.
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5387
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aportaciones al conocimiento de la flora y vegetación del centro-occidente ibérico (CW de España y NE de Portugal). Flora and Vegetation of central-western Iberian Peninsula (CW of Spain and NE of Portugal) IPB - Escola Superior Agrária
Bernardos, Sónia; Amado, A.; Aguiar, Carlos; Crespí, António; Castro, A.; Amich, Francisco.
Continuando con nuestros estudios sobre la Flora y Vegetación en el centro occidente ibérico, y en particular en la Cuenca del Duero (p.e. Amado et al. in Aguiar et al., 2003; Bernardos et al., 2003; Crespí et al., 2003; Bernardos et al., 2004), presentamos ahora diversos resultados de índole corológica, taxonómica y fitosociológica obtenidos en estos territorios lusitano durienses, así como en el sector biogeográfico Toledano Tagano. Aportamos nuevas citas de diversas especies en la zona estudiada, ampliamos asimismo el área de distribución de varios táxones y, por último, discutimos el encuadre sintaxonómico de algunas especies relevantes.
Tipo: Article Palavras-chave: Flora; Vegetação; Península Ibérica.
Ano: 2004 URL: http://hdl.handle.net/10198/5363
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atlas Flora Europaeae. Distribution of vascular plants in Europe: Rosaceae (Rubus) IPB - Escola Superior Agrária
Coutinho, A.; Aguiar, Carlos; Alves, P.J.; Cardoso da Silveira, P.; Almeida, J.D. de; Crespí, António; Honrado, João; Silva, L.; Silva, V..
Tipo: Book Palavras-chave: Flora de Portugal; Taxonomia; Corologia; Rosaceae.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/3416
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação ambiental estratégica do programa de desenvolvimento rural de Portugal 2007-2013: Continente IPB - Escola Superior Agrária
Domingos, Tiago; Rosas, Cátia; Teixeira, Ricardo; Aguiar, Carlos; Calouro, Fátima; Borges, José C.; Belo, Carlos C.; Domingos, José J.D.; Ferreira, Teresa; Freitas, Helena; Magalhães, Manuela R.; Ribeiro, Luis; Malcata, Francisco X..
O Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2007-2013 estabelece o conjunto de medidas, e dentro de cada uma destas as acções e subacções, conducentes ao cumprimento dos objectivos estabelecidos pelo Plano Estratégico Nacional (PEN) de Desenvolvimento Rural 2007-2013. O PEN surge num momento em que a situação do mundo rural português tem apresentado melhorias em termos de bem-estar social, mas ainda assim com perda de competitividade económica local e nacional e de forma assimétrica em termos territoriais. Isto é particularmente verdade para os sectores agrícola, florestal e agro-industrial, que porém falharam o objectivo essencial de criação de riqueza, sendo que os resultados mais visíveis foram a estagnação da produção e o aumento do deficit da balança...
Tipo: Report Palavras-chave: Avaliação Ambiental Estratégica; Portugal.
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5368
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da dinâmica do azoto no solo numa pastagem biodiversa através da sementeira de espécies nitrófilas em micro-talhões no interior da pastagem IPB - Escola Superior Agrária
Rodrigues, M.A.; Gomes, Vanessa; Dias, L.G.; Aguiar, Carlos; Pires, Jaime; Arrobas, Margarida.
Tipo: ConferenceObject
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/3007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biogeografia de Portugal Continental IPB - Escola Superior Agrária
Costa, José C.; Aguiar, Carlos; Capelo, J.; Lousã, Mário; Neto, Carlos.
Apresentam-se alguns conceitos fundamentais usados em Biogeografia. Propõe-se uma tipologia biogeográfica para Portugal continental desenvolvida a partir dos trabalhos de S. Rivas-Martínez para a Península Ibérica, principalmente: RIVAS-MARTÍNEZ et al (1990). São enumeradas as unidades biogeográficas reconhecidas no território continental nacional e discutem-se os seus limites até ao nível de Superdistrito, bem como os critérios e fundamentos florísticos e fitossociológicos usados para a sua segregação. Apresenta-se uma primeira aproximação cartográfica à escala 1 : 2 500 000 das unidades biogeográficas reconhecidas.
Tipo: Article Palavras-chave: Biogeografia; Fitossociologia; Corologia; Portugal.
Ano: 1998 URL: http://hdl.handle.net/10198/714
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biomassa microbiana e respiração do solo em pastagens melhoradas. Resultados preliminares IPB - Escola Superior Agrária
Pereira, Ermelinda; Arrobas, Margarida; Rodrigues, M.A.; Aguiar, Carlos.
As pastagens melhoradas (pastagens permanentes semeadas biodiversas ricas em leguminosas) constituem um sistema de pastagens inovador que contribui para o aumento de matéria orgânica no solo. Os microrganismos do solo são considerados bioindicadores sensíveis de mudança na qualidade do solo, pelo que as alterações na população microbiana poderão ter consequências positivas ou negativas nas propriedades do solo. Este trabalho pretende avaliar alterações na biomassa microbiana e na respiração do solo ao longo de um gradiente topográfico (cimo da encosta – CE; meio da encosta – ME e fundo encosta – FE) em pastagens melhoradas, instaladas na Quinta de França (Covilhã), no Outono de 2007. A recolha de amostras de solo para a determinação dos parâmetros...
Palavras-chave: Biomassa microbiana; Carbono orgânico; Respiração do solo; Pastagens.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10198/3351
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Brief historical ecology of Northern Portugal during the holocene IPB - Escola Superior Agrária
Pinto, B.; Aguiar, Carlos; Partidário, M.R..
This study reviews the main changes of the vegetation and fauna in northern Portugal during the Holocene, using literature from palaeoecology, archaeology, history, writings from travellers and naturalists, maps of agriculture and forestry and expert consultation. The ecological history of this area shows a trend of forestry decline, with periods of recovery of the vegetation related to the decrease of human pressure on natural resources. The deforestation began on the high plateaus of this region, extending later to the heavier and more productive soils of the valleys. In the beginning of the Holocene, the climate seems to have been the most important trigger of change in this area, but human impact probably became preponderant in the last 5000 years. The...
Tipo: Article Palavras-chave: Portugal; Environmental history.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/4509
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Bromus ramosus Huds.: confirmação como espécie indígena em Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos.
Na única citação portuguesa de B. ramosus – «Estremadura, arredores de Alcobaça» (A.R. PINTO DA SILVA & B. RAINHA, Agron. Lusit. 24: 159-203, 1964) – esta espécie é explicitamente referenciada como provável subespontânea. Confirma-se agora a natureza indígena de duas populações transmontanas de B. ramosus, cujos indivíduos vegetavam na margem ou no interior de amiais ripícolas (Populetalia, Osmundo-Alnion) densos e sombrios, desenvolvidos sobre solos derivados de rochas básicas com elevados teores em matéria orgânica. S. RIVAS-MARTÍNEZ et al. (Itinera Geobot. 15, 2002) consideram o B. ramosus como uma característica de Fagetalia sylvaticae.
Tipo: Article Palavras-chave: Flora de Portugal; Poaceae.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5481
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Carbono e azoto da biomassa microbiana do solo em pastagens melhoradas IPB - Escola Superior Agrária
Pereira, Ermelinda; Arrobas, Margarida; Rodrigues, M.A.; Aguiar, Carlos.
A biomassa microbiana representa a componente viva da matéria orgânica do solo, excluindo a macrofauna e as raízes das plantas, representando em alguns ecossistemas cerca de 1 a 5% e 1 a 6% do carbono (C) e azoto (N) orgânico total do solo, respectivamente. Mudanças significativas nos teores de C e N da biomassa microbiana e na sua actividade poderão fornecer evidências de modificações no solo, muitas vezes não detectadas por indicadores de natureza física ou química. De forma a compreender modificações nos teores de C e N do solo em pastagens permanentes semeadas biodiversas ricas em leguminosas (PBRL), procedeu-se à avaliação de C e N da biomassa microbiana, por comparação com uma pastagem natural adjacente. A PBRL foi instalada em 2007 na região Centro...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Biomassa microbiana; Carbono; Azoto; Pastagens.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/3388
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Carex sylvatica Huds.: um cárice novo para a flora de Portugal IPB - Escola Superior Agrária
Aguiar, Carlos.
Encontramos este Carex em bosques higrófilos sobre rochas ultrabásicas, na falda Norte da Serra da Nogueira. O facto de não estar citado nas revisões ibéricas e lusitanas mais modernas do género (M. LUCEÑO, Ruizia 14, 1994; J. do A. FRANCO & M.L. ROCHA AFONSO, Nova Flora de Portugal, vol. III(3), 2003) e de não termos encontrado qualquer exemplar de herbário, ou referências bibliográficas relativa à sua presença em Portugal, obriga-nos a concluir que se trata de uma nova espécie para Portugal. Também no concelho de Bragança foi recentemente localizada uma outra espécie nova de Carex – o C. pallescens L. (C. AGUIAR & A. CARVALHO, Ann. Soc. Brot. 60: 1-11, 1994).
Tipo: Article Palavras-chave: Flora de Portugal; Cyperaceae.
Ano: 2003 URL: http://hdl.handle.net/10198/5494
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Catálogo sintaxonómico e florístico das comunidades vegetais da Madeira e do Porto Santo IPB - Escola Superior Agrária
Costa, José C.; Capelo, J.; Jardim, Roberto; Sequeira, Miguel; Espírito-Santo, Dalila; Lousã, Mário; Fontinha, Suzana; Aguiar, Carlos; Rivas-Martinez, Salvador.
Tipo: Article Palavras-chave: Vegetação de Portugal; Madeira.
Ano: 2004 URL: http://hdl.handle.net/10198/5335
Registros recuperados: 70
Primeira ... 1234 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional