Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade agropecuária no Estado do Pará. Infoteca-e
COSTA, M. R. T. da R.; HOMMA, A. K. O.; REBELLO, F. K.; SOUZA FILHO, A. P. da S.; COSTA, W. B. da; FERNANDES, G. L. da C..
Esta publicação retrata a situação de diversas culturas anuais e permanentes, criação animal, piscicultura e reflorestamento, nos quais o Estado do Pará tem apresentado destaque em nível nacional e até mundial para vários produtos agrícolas. Caracteriza ainda a baixa produtividade da maioria dos produtos e das potencialidades que se apresentam no desenvolvimento de uma nova agricultura tropical para a região, uma agricultura baseada nos produtos regionais, na piscicultura, no reflorestamento e na sua verticalização. Espera-se que seja útil na compreensão da nossa agricultura e de como superar o locus de contradições e paradoxos.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Desenvolvimento agrícola; Economia agrícola; Agricultura; Desenvolvimento regional.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1073940
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Carryover de [Imazapyr + imazapic] na sucessão soja-algodão. Repositório Alice
CAVALIERI, S. D.; MATTE, W. D.; PEREIRA, C. S.; IKEDA, F. S.; ANDRADE JUNIOR, E. R. de; SARAIVA, M. V.; COSTA, W. B. da; POLTRONIERI, F..
Devido à ocorrência de plantas daninhas resistentes e tolerantes ao glyphosate, novos sistemas de cultivo envolvendo organismos geneticamente modificados resistentes a outras moléculas de herbicidas, não seletivos e de amplo espectro, vêm sendo desenvolvidos e utilizados. Nessa temática, a soja resistente a herbicidas do grupo químico das imidazolinonas mostra-se como opção na rotação de eventos de biotecnologia e mecanismos de ação de herbicidas, por meio da aplicação de [imazapyr + imazapic]. Entretanto, por ser um sistema desenvolvido recentemente, pouco se sabe a respeito da atividade residual desse herbicida sobre o algodoeiro cultivado em sucessão. Diante do exposto, objetivou-se com este trabalho avaliar a atividade residual do herbicida...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Atividade residual; Organismo geneticamente modificado; Atividade residual do herbicida; Herbicida; Glycine max; Gossypium hirsutum; Organismo transgenico; Herbicida residual; Glycine max; Gossypium hirsutum; Glyphosate.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1083695
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Carryover de sulfentrazone na sucessão soja-algodão. Repositório Alice
CAVALIERI, S. D.; MATTE, W. D.; PEREIRA C. S.; IKEDA, F. S.; ANDRADE JUNIOR, E. R. de; SHENG, L. Y.; COSTA, W. B. da; POLTRONIERI, F.; SARAIVA, M. V..
A resistência de plantas daninhas ao glyphosate nos sistemas de produção agrícola tem demandado o manejo e prevenção da seleção de biótipos de resistentes, principalmente a partir da aplicação rotacionada de herbicidas com diferentes mecanismos de ação. Nesse cenário, o herbicida sulfentrazone mostra-se como alternativa por possuir excelente espectro de controle. Entretanto, a persistência desse herbicida no solo pode prejudicar a cultura subsequente, visto que sua meia-vida no solo (t½) é estimada entre 110 e 280 dias, variando a partir das condições edafoclimáticas locais. Diante do exposto, objetivou-se com este trabalho avaliar a atividade residual do sulfentrazone aplicado em pré-emergência na cultura da soja sobre o algodoeiro cv. TMG 42 WS cultivado...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Herbicida; Glycine max; Gossypium hirsutum; Persistencia de pesticida; Glycine max; Gossypium hirsutum; Herbicides.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1083703
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comunidade de plantas daninhas em relação à distância de renque de eucalipto em sistema de ilpf em Mato Grosso. Repositório Alice
COSTA, W. B. da; IKEDA, F. S.; POLTRONIERI, F..
Em Mato Grosso vem crescendo de forma exponencial as áreas com sistemas de integração, sendo os dois principais tipos a integração lavoura-pecuária (ILP) e a integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF). Ao todo, a área de produção desses sistemas no estado já ultrapassa 500.000 ha. Praticamente não há estudos e resultados de levantamentos sócio-florísticos de comunidades de plantas daninhas nesses sistemas, embora seu conhecimento seja de grande importância para melhor compreensão do efeito desses sistemas sobre as espécies infestantes. Alguns estudos demonstraram que a temperatura e o sombreamento presente no sistema de ILPF afetam diretamente na germinação de plantas daninhas, tais como Amaranthus sp. Além disso, torna-se importanter selecionar as...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Planta daninha; Ilpf; Erva daninha; Eucalipto.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1065717
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comunidade de plantas daninhas em relação à distância de renque de eucalipto em sistema de ILPF em Mato Grosso Repositório Alice
IKEDA, F. S.; POLTRONIERI, F.; COSTA, W. B. da; AZEVEDO, R. C..
2016
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Commelina benghalensis; Digitaria horizontalis; Fitossociologia; Sistema integrado; Ilpf.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1055043
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Levantamento de comunidade de plantas daninhas em propriedades rurais com sistemas integrados em Mato Grosso Repositório Alice
IKEDA, F. S.; POLTRONIERI, F.; COSTA, W. B. da; SARAIVA, M. V.; AZEVEDO, R. C..
A integração de pastagens com lavouras possibilita o manejo cultural das áreas de lavoura ao reduzir a infestação no período em que o solo é recoberto por elas e pela cobertura física proporcionada pela palhada. Além de reduzir a infestação, as pastagens podem modificar a composição da flora infestante, embora faltem estudos que a demonstrem. Por isso, o objetivo deste trabalho foi avaliar a comunidade de plantas daninhas em propriedades rurais com histórico de sistemas integrados em municípios de Mato Grosso. Os levantamentos foram realizados antes do manejo de plantas daninhas na cultura da soja em duas propriedades (União do Sul-MT e Santa Carmem-MT) e próximo da colheita da soja em outra propriedade com a aplicação de herbicida pré-emergente...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Cenchrus echinatus; Cyperus; Fitossociologia; Murdania; Digitaria horizontalis.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1055052
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Potencial alelopático de compostos voláteis de cultivares de Panicum maximum jacq. sobre Lactuca sativa L.. Repositório Alice
POLTRONIERI, F.; IKEDA, F. S.; COSTA, W. B. da.
A supressão das plantas daninhas exercida pelas plantas de cobertura se deve a interferência que essas causam na comunidade infestante. Por interferência entende-se o somatório de competição por recursos do ambiente (espaço, luz, nutrientes, água etc.) e A alelopatia que algumas plantas de cobertura expressam. Tais substancias alelopáticas podem ser liberadas no meio por lixiviados ou compostos voláteis de folhas ou mesmo por exsudatos radiculares (CONSTANTIN, et al., 2011). As cultivares de P. maximum surgem como alternativa às cultivares de braquiárias (Urochloa spp.) na utilização como planta de cobertura ou mesmo em consórcio com milho (CORREIA et al., 2011) na segunda safra. Contudo há uma lacuna maior quanto a estudos referentes ao potencial...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Panicum maximum; Lactuca sativa.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1065698
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Potencial alelopático de exsudatos radiculares de cultivares de Panicum maximum jacq. sobre Lactuca sativa L. Repositório Alice
POLTRONIERI, F.; IKEDA, F. S.; COSTA, W. B. da.
A supressão das plantas daninhas exercida pelas plantas de cobertura se deve a competição por fatores ambientais (luz, água, nutriente, espaço etc.), somando-se ou não aos efeitos alelopáticos que algumas dessas plantas possam expressar. Nos sistemas integrados, as cultivares de Panicum maximum surgem como alternativa às braquiárias (Urochloa spp.) para a utilização como planta de cobertura na entressafra ou mesmo em consórcio com milho de segunda safra. Porém, praticamente não há estudos sobre o potencial alelopático de cultivares de P. maximum, quando comparados às braquiárias. Em trabalho realizado por Menegatti (2015), foi observado efeito alelopático de lixiviados de folhas de cultivares de P. maximum sobre a germinação de sementes e o desenvolvimento...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Exsudato; Variedade; Panicum maximum; Lactuca sativa.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1065694
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Seletividade doses de sulfentrazone em cultivares de feijão-caupi Repositório Alice
AZEVEDO, R. C.; IKEDA, F. S.; OLIBONE, A. P. E.; COSTA, W. B. da; POLTRONIERI, F.; OLIBONE, D.; CAVALIERI, S. D..
O feijão-caupi possui cultivo intenso nas regiões Norte e Nordeste do país e está se expandindo para a região Centro-Oeste. Devido às grandes áreas de produção nessa região, faz-se necessário o controle químico. No entanto não existem produtos registrados para a cultura, sendo essencial para isso os estudos de seletividade de herbicidas. Por isso, o objetivo deste trabalho foi avaliar a seletividade de doses de sulfentrazone em cultivares de feijão-caupi. O experimento foi realizado em área experimental do Instituto Federal de Mato Grosso, Sorriso-MT, em blocos casualizados em esquema fatorial 4 x 4 com três blocos. Foram avaliadas quatro variedades (Imponente, Tumucumaque, Novaera e Itaim) e quatro doses de sulfentrazone (0; 250; 500 e 1000 g i.a.ha-1)....
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Controle químico; Feijão-de-corda; Fitotoxidade; Plantas daninhas; Vigna unguiculata.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1055056
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tolerância da soja cv. M7739 IPRO ao herbicida sulfentrazone nas condições edafoclimáticas da região médio-norte de Mato Grosso. Repositório Alice
MATTE, W. D.; CAVALIERI, S. D.; PEREIRA, C. S.; IKEDA, F. S.; COSTA, W. B. da; SARAIVA, M. V.; ÁVILA, M. C. R..
A constante aplicação de glyphosate em áreas de soja RR tem contribuído para o surgimento de populações de plantas daninhas resistentes a esse herbicida devido à pressão de seleção. Diante disso, a aplicação de herbicidas alternativos com diferentes mecanismos de ação se mostra necessária a fim de se prevenir essa resistência. Objetivou-se com este trabalho avaliar a tolerância da soja cv. M7739 IPRO ao herbicida sulfentrazonenas condições edafoclimáticas da região médio-norte de Mato Grosso. O experimento foi conduzido em campo na safra 2015/16 naárea do Centro de Treinamento do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt), em Sorriso-MT. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso com cinco repetições, sendo aplicado sete frações (0;...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Daninhas; Glifosato; Planta daninha; Resistencia.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1059104
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tolerância da soja cv. Monsoy 7739 IPRO ao herbicida diclosulam nas condições edafoclimaticas da região médio-norte de Mato Grosso Repositório Alice
MATTE, W. D.; CAVALIERI, S. D.; PEREIRA, C. S.; IKEDA, F. S.; COSTA, W. B. da; POLTRONIERI, F.; ÁVILA, M. C. R..
Dentre as estratégias de manejo para se prevenir a resistência de plantas daninhas nos agroecossistemas, destaca-se a aplicação de herbicidas com diferentes mecanismos de ação. Diante disso, objetivou-se com este trabalho avaliar a tolerância da soja cv. M7739 IPRO ao herbicida diclosulam nas condições edafoclimáticas da região médio-norte de Mato Grosso. O experimento foi conduzido em campo na safra 2015/16 na área do Centro de Treinamento do Instituto Mato-grossense do (IMAmt), em Sorriso-MT. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso com cinco repetições, sendo utilizado sete doses (0; 6,25; 12,5; 25; 50; 100 e 200%) do recomendado do herbicida diclosulam (35 g ha-1). A aplicação do diclosulan foi realizada em pré-emergência no dia 06...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Planta daninha; Seletividade; Merrill; Resistencia.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1059108
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional