Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Extrusão de disco intervertebral caudal (coccígea) em um Basset Hound: primeiro relato de caso Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Polidoro,D.; Corrêa,L.F.D.; Santos,R.P.; Aiello,G.; Chaves,R.O.; Baumhardt,R.; Ripplinger,A.; Mazzanti,A..
RESUMO Relata-se o primeiro caso no Brasil de doença do disco intervertebral (Hansen tipo I) entre as vértebras caudais (coccígeas) em uma cadela Basset Hound com seis anos de idade, castrada, pesando 16kg e com histórico de dor durante defecação e manipulação da região pélvica associada à inabilidade de mover, elevar ou abanar a cauda. Na radiografia simples, observou-se opacidade do forame intervertebral entre a quarta e a quinta vértebra caudal. O animal foi submetido à laminectomia dorsal modificada, seguida de fenestração do disco intervertebral afetado. Decorridos 15 dias da cirurgia, a paciente não demonstrava sinais de dor ao defecar e realizava movimentos de abano de cauda, mas ainda com desconforto na palpação e sem elevação da cauda acima da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Hansen tipo I; Cauda; Laminectomia; Cirurgia.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000601485
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Gemistocytic astrocytoma in the spinal cord in a dog: a case report Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Chaves,R.O.; Bazzi,T.; Copat,B.; Feranti,J.P.S.; Müller,D.C.M.; Corrêa,L.F.D.; Fighera,R.A.; Mazzanti,A..
ABSTRACT This paper reports a case of a rare variant of the cervical spinal cord astrocytoma diagnosed in a dog with progressive neurological signs, initially asymmetrical, not ambulatory tetraparesis, segmental reflexes and normal muscle tone in all four limbs and absence of pain upon palpation of the cervical spine. Myelography revealed attenuation of the ventral and dorsal contrast line in the third region of the fifth cervical vertebra. At necropsy intramedullary cylindrical mass that stretched from the third to the sixth cervical vertebra, which replaced all the gray matter of the spinal cord was observed. In the histological study, there was the replacement of the substance by neoplastic cells mantle arranged loosely. The cells were large and...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Canine; Neoplasm; Glioma; Spinal cord.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000400901
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Heating produced by therapeutic ultrasound in the presence of a metal plate in the femur of canine cadavers Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Andrades,A.O.; Mazzanti,A.; Beckmann,D.V.; Aiello,G.; Chaves,R.O.; Santos,R.P..
The present study aimed to assess the heat generated by a therapeutic ultrasound (TUS) in a metal bone plate and adjacent structures after fixation to the femur of canine cadavers. Ten pairs of hind limbs were used, and they were equally distributed between groups that were subjected to 1- and 3-MHz frequencies, with each frequency testing 1- and 2-W/cm² intensities. The right hind limb was defined as the control group (absence of the metal plate), and the left hind limb was the test group (presence of the metal plate). Therefore, the control groups (CG) were denominated CGI, using TUS with 1-MHz frequency and 1-W/cm² intensity; CGII, using 1-MHz frequency and 2-W/cm² intensity; CGIII, using 3-MHz frequency and 1-W/cm² intensity; and CGIV, using 3-MHz...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Physical therapy; Deep heat therapy; Heating; Contracture.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352014000501343
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Herniorrafia diafragmática videoassistida em gato: relato de caso Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Copat,B.; Bertoletti,B.; Chaves,R.O.; Feranti,J.P.S.; Coradini,G.; Hartmann,H.F.; Corrêa,L.F.D.; Brun,M.V..
RESUMO Relata-se um caso de um felino com sinais de dificuldade respiratória havia cerca de 30 dias e emagrecimento progressivo. Ao exame radiográfico torácico e de abdômen, ficou evidenciada perda de definição da linha diafragmática, sendo compatível com hérnia diafragmática. Na laparoscopia, foi observado grande defeito diafragmático, além de estruturas herniadas. Em razão de as vísceras abdominais direcionarem-se ao tórax, dificultando a oclusão do defeito com suturas intracorpóreas, optou-se pela realização de incisão paracostal, procedendo-se à herniorrafia por celiotomia reduzida. A videolaparoscopia permitiu localizar o local herniado e promover a redução dos órgãos envolvidos com mínimo trauma operatório. Logo, mostrou-se como eficaz ferramenta...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Felino; Hérnia diafragmática; Cirurgia minimamente invasiva.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000400883
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Meloxicam associado ou não ao tramadol no controle da dor após ovário-histerectomia videoassistida em cadelas Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,M.T.; França,R.T.; Feranti,J.P.S.; Coutinho Júnior,A.S.; Soares,A.V.; Santos,F.R. B.; Corrêa,L.F.D.; Hartmann,H.F.; Pinto Filho,S.T.L.; Chaves,R.O.; Pohl,V.H.; Brun,M.V..
O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia do meloxicam associado ou não ao tramadol, no controle da dor após ovário-histerectomia (OVH) laparoscópica com dois portais. Foram selecionadas 14 cadelas hígidas. Os animais foram separados de forma aleatória, em dois grupos. O grupo M (GM) recebeu meloxicam (0,2mg kg-1, s.i.d.), enquanto os animais do grupo MT (GMT) receberam a associação de meloxicam (0,2mg kg-1, s.i.d.) e tramadol (4mg kg-1, t.i.d.), ambos durante dois dias de pós-operatório. Para avaliação da dor pós-cirúrgica, foram utilizadas as escalas de Melbourne e escala visual analógica (EVA), além de mensurações de glicemia e cortisol sérico. Não houve diferença ao se avaliarem os grupos GM e GMT pela escala de Melbourne nem pela EVA. As...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Analgesia; AINES; Videocirurgia.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sonda uretral flexível como método alternativo para aferição invasiva da pressão intracraniana em trauma cranioencefálico induzido em coelhos Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Aiello,G.; Andrades,A.O.; Ripplinger,A.; Soares,A.V.; Polidoro,D.; Vaz,M.A.B.; Colvero,A.C.; Santos,R.P.; Conceição,R.; Chaves,R.O.; Mazzanti,A..
RESUMO O objetivo deste estudo foi utilizar a sonda uretral flexível como método alternativo para aferição da pressão intracraniana em coelhos com trauma cranioencefálico induzido pelo cateter de Fogarty 4 Fr (balão epidural) e comparar os dados obtidos com o método convencional de cateter de ventriculostomia. Foram utilizados 12 coelhos, machos, adultos, distribuídos aleatoriamente em dois grupos, denominados de G1: mensuração da PIC com cateter de ventriculostomia (n=6) e G2: mensuração com sonda uretral (n=6). Foram realizadas duas craniotomias na região parietal direita e esquerda para a implantação do cateter de ventriculostomia ou sonda uretral flexível e o balão epidural, respectivamente. A PAM, a PPC, a FC, a FR e a TR foram mensurados antes e após...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cateter de ventriculostomia; Autorregulação; Neurologia; Cirurgia.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000601551
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional