Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 18
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento de sementes de arroz e milho em diferentes embalagens e localidades paulistas Bragantia
Razera,Luiz Fernandes; Lago,Antonio Augusto do; Maeda,Jocely Andreuccetti; Zink,Eduardo; Godoy Júnior,Gentil; Tella,Romeu de.
Acondicionaram-se sementes de arroz 'IAC 1246' (Oryza sativa L.) e milho 'Hmd 7974' (Zea mays L.) em embalagens permeáveis ao vapor de água - pano, papel, plástico trançado 5 x 5 e 5 x 6 - e na relativamente impermeável - plástico liso, de 0,25 mm de espessura. Mantiveram-nas em condições não controladas de armazém nas localidades de Campinas e Ubatuba, testando-as quanto à umidade, germinação e vigor a cada trimestre, por 36 meses. As sementes armazenadas em Ubatuba deterioraram-se mais rapidamente, sobretudo quando acondicionadas nas embalagens permeáveis. Em Campinas, as sementes de arroz embaladas em sacos de pano mantiveram germinação acima de 80% até os quinze meses, enquanto aquelas de Ubatuba o fizeram somente até os seis meses. O acondicionamento...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Arroz; Oryza sativa L.; Milho; Zea mays L.; Sementes; Armazenamento; Embalagens.
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000200012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento de sementes de ipê-branco: teor de água e temperatura do ambiente Bragantia
Martins,Leila; Lago,Antonio Augusto do; Andrade,Antônio Carlos Silva de.
O ipê-branco (Tabebuia roseo-alba) é espécie amplamente utilizada em reflorestamentos mistos destinados à recomposição de áreas degradadas e de preservação permanente, no paisagismo em geral e na construção civil. Suas sementes passam por forte variação na qualidade durante o armazenamento, possuindo período de viabilidade curto, o que representa dificuldades no estabelecimento de técnicas de cultivo e dispersão natural. O objetivo desta pesquisa foi estudar o comportamento fisiológico das sementes de ipê-branco durante o armazenamento. Frutos colhidos manualmente de plantas-matrizes foram colocados em ambiente sombreado para posterior extração das sementes. Após esse processo, foi determinado o teor de água das sementes, removendo-se então, uma amostra...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Tabebuia sp.; Propagação; Condição de armazenamento; Qualidade fisiológica.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052009000300026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação de semente de Cedrela fissilis: teor de água da semente e temperatura do ambiente Rev. bras. sementes
Martins,Leila; Lago,Antonio Augusto do.
Foi realizado o estudo do comportamento fisiológico da semente de cedro-rosa (Cedrela fissilis Vellozo), em relação a variações do grau de umidade da semente e da temperatura do ambiente, durante o armazenamento. Frutos colhidos manualmente de plantas-matrizes foram colocados em ambiente sombreado, para posterior extração da semente. Foi determinado o grau de umidade inicial do lote e, paralelamente, obtida a amostra representante dos tratamentos, com o maior teor de água a ser estudado (16,3 %). As sementes remanescentes foram submetidas a secagem, em secador com circulação forçada de ar a 30° C, para a obtenção dos demais graus de umidade desejados (12,4 %, 8,1 % e 4,5 %). As amostras, correspondentes aos diferentes graus de umidade, foram armazenadas em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cedro-rosa; Condição de armazenamento; Qualidade fisiológica.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222008000100020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação de sementes de amendoim em câmara fria e seca Bragantia
Savy Filho,Angelo; Lago,Antonio Augusto do; Zink,Eduardo; Gerin,Marcelo Aparecido Nunes; Maeda,Jocely Andreuccetti; Razera,Luiz Fernandes.
Sementes de amendoim (Arachis hypogaea L.) do cultivar Tatu, produzidas no Centro Experimental de Campinas, no período "das águas" do ano agrícola 1970/1971, foram descascadas manual e mecanicamente, tratadas com fungicida e mantidas em câmara de armazenamento regulada a 15°C e 35% de umidade relativa por 36 meses. Sementes descascadas manualmente apresentaram, ao final desse período, germinação de 87%, e as descascadas mecanicamente, de 62%. Os resultados mostraram ser possível conservar sementes tratadas de amendoim, nas condições mencionadas, por até 36 meses para as descascadas manualmente, e por até 24-30 meses, para as descascadas mecanicamente.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Amendoim; Arachis hypogaea L.; Sementes; Armazenamento; Armazenamento; Frio e seco.
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação de sementes de tangerina 'Cleópatra': teor de água e temperatura do ambiente Rev. bras. sementes
Martins,Leila; Silva,Walter Rodrigues da; Lago,Antonio Augusto do.
O objetivo desta pesquisa foi estudar os efeitos da secagem sobre o comportamento fisiológico das sementes de tangerina (Citrus reticulata Blanco var. Cleópatra) durante o armazenamento. Assim, sementes extraídas manualmente de frutos maduros foram lavadas em água corrente e o excesso de água drenado à sombra. Em seguida, uma amostra representativa de sementes foi removida a fim de constituir a porção com o maior grau de umidade, 48%, a ser estudado. As sementes remanescentes foram submetidas a secagem em equipamento com circulação forçada de ar a 28±2°C, visando à obtenção dos percentuais de 39, 31, 24, 14, 10 e 7 referentes aos demais graus de umidade. As sementes, embaladas em sacos de polietileno, foram armazenadas em câmaras com temperatura controlada...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Citrus reticulata; Semente; Secagem; Comportamento fisiológico.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222007000100025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Craveiro-da-índia: características físicas das sementes e seus efeitos na germinaçao e desenvolvimento vegetativo Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Bovi,Marilene Leão Alves; Bovi,Odair Alves; Lago,Antonio Augusto do.
Sementes de craveiro-da-Índia foram classificadas quanto ao tamanho, cor e densidade, a fim de avaliar seu efeito na germinação em laboratório e na emergência e desenvolvimento das mudas em viveiro. As sementes grandes (média de 2,49g/semente) tiveram maiores porcentagens de germinação e emergência, produziram plantas de maior altura e raízes principais mais longas quando comparadas às sementes pequenas (média de 1,33g/semente). As sementes claras (imaturas) apresentaram comportamento inferior às escuras (maduras) em testes de laboratório e viveiro. Por sua vez, as sementes leves mostraram comportamento inferior ao das pesadas apenas em testes de laboratório, sem reflexos na emergência e no desenvolvimento das mudas em viveiro. Dessa maneira, não se...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Craveiro-da-India; Svzygium aromaticum; Semente; Germinação; Emergência; Desenvolvimento vegetativo.
Ano: 1990 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051990000100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Deterioração de sementes de Crotalaria juncea e suas conseqüências em laboratório e campo Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Salgado,Antonio Luiz de Barros; Lago,Antonio Augusto do.
Sementes de Crotalaria juncea L. com conteúdos de umidade de 6,3 e 11,1%, foram armazenadas por 84 meses em condições ambientes e às temperaturas controladas de 20 e 30°C, e testadas periodicamente no laboratório quanto a germinação e vigor (índice de velocidade de germinação) e no campo quanto a emergência, altura da planta, produção de massa seca (massa vegetal na maturação) e de sementes. Até aos 30 meses, não se observaram diferenças significativas de germinação entre as sementes nas diversas condições, apresentando todas porcentagens acima de 90. Dos 30 meses em diante, as sementes armazenadas nas condições de maior umidade e temperatura exibiram maior velocidade de deterioração, notadamente as mantidas com 11,1% de umidade a 30°C, que mostraram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Crotalaria juncea; Sementes; Deterioração; Germinação; Vigor; Produção.
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Deterioração de sementes de mamona armazenadas com e sem casca Bragantia
Lago,Antonio Augusto do; Zink,Eduardo; Savy Filho,Angelo; Teixeira,João Paulo Feijão; Banzatto,Nicolau Victório.
Sementes de mamona foram armazenadas com casca (sem danos mecânicos provenientes de descasque) e sem casca (método convencional) por um período de 36 meses, em condições não controladas de armazém, na região de Campinas (SP). A gradual deterioração das sementes foi avaliada por testes de germinação a cada três meses e por análise do teor de óleo e ácidos graxos livres aos 36 meses. A deterioração das sementes descascadas mecanicamente e assim armazenadas foi mais rápida do que a daquelas armazenadas com casca, principalmente após o primeiro ano. Sementes com e sem casca do cultivar Campinas apresentaram, depois de 0, 6, 12, 24 e 36 meses de armazenamento, germinação de, respectivamente, 83 e 82%, 82 e 80%, 79 e 69%, 65 e 23% e 51 e 0%. Após os mesmos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Deterioração; Armazenamento; Sementes; Mamona; Cultivares Campinas e Guarani.
Ano: 1985 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051985000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Discriminação entre lotes de sementes de girassol através do teste de envelhecimento rápido Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Razera,Luiz Fernandes; Lago,Antonio Augusto do; Ungaro,Maria Regina Gonçalves.
Vinte lotes distintos de sementes de girassol foram submetidos ao envelhecimento rápido a 42°C e 100% de umidade relativa, por 0, 24, 48, 72, 96 e 120 horas, com o objetivo de determinar o tempo de exposição que melhor discriminasse os lotes pelas suas repostas de germinação após o envelhecimento. Os resultados mostraram que os lotes exibiram grandes diferenças entre si quanto ao grau de resistência às condições desfavoráveis impostas pelo envelhecimento rápido, inclusive aqueles com porcentagens comparáveis de germinação inicial. Esse comportamento variável não pôde ser estimado pelo teste inicial de germinação. O período de 72 horas de exposição na câmara foi o que ofereceu melhor discriminação entre os lotes de germinação inicial mais alta. Entre os...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Germinação; Vigor; Girassol; Helianthus annus L..
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da adição de palha de cana-de-açúcar e da aplicação de vinhaça ao solo no desenvolvimento inicial de três cultivares de mamona Rev. bras. sementes
Novo,Maria do Carmo de Salvo Soares; Ramos,Nilza Patrícia; Lago,Antonio Augusto do; Marin,Guilherme Calderari.
O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito da palha de cana-de-açúcar e da aplicação da vinhaça na emergência de plântulas e no desenvolvimento inicial de três cultivares de mamona. O experimento foi disposto em blocos ao acaso, com quatro repetições, em casa-de-vegetação em Campinas, SP, em vasos com Latossolo Roxo. Foi estudada a combinação entre quantidades de palha de cana-de-açúcar Saccharum spp. cv. SP803280 equivalentes a 0, 5, 10, 15 e 20 t.ha-1, quantidades de vinhaça equivalentes a 0 e 150 m³.ha-1 e as cultivares de mamona IAC-Guarani, Íris e IAC-2028. Diariamente, foi avaliada a emergência das plântulas e no final de 30 dias após a semeadura, foi calculado o índice de velocidade de emergência (IVE) e a porcentagem final de emergência....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ricinus communis; Resíduo de agroindústria; Palhada; Germinação de semente.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222007000100017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da palha de cana-de-açúcar e do tamanho do tubérculo na brotação e no desenvolvimento da parte aérea de tiririca Bragantia
Novo,Maria do Carmo de Salvo Soares; Victória Filho,Ricardo; Langbeck,Fábio Molchanski; Lago,Antonio Augusto do.
Na legislação estadual paulista, foram estabelecidas normas para empregar, gradativamente, a colheita mecanizada da cana-de-açúcar, o que deixa uma camada espessa de palha que pode afetar o desenvolvimento da tiririca, Cyperus rotundus L., uma das espécies de plantas daninhas mais prejudiciais à cultura. O objetivo do experimento foi verificar se a palha de cana-de-açúcar RB 855156, adicionada nas quantidades correspondentes a 0,0; 5,0; 10,0 e 15,0 t ha-1, em vasos plásticos com terra, afeta o desenvolvimento das partes aéreas da tiririca provenientes de tubérculos de tamanho pequeno (0,2-0,3 g) e grande (1,0-1,1 g), plantados em maio, julho e setembro e avaliados a cada 28 dias (até 84 dias) após o plantio. Não houve efeito do tamanho de tubérculos no...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cana crua; Cyperaceae; Brotações.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052006000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da vinhaça no desenvolvimento inicial de girassol, mamona e amendoim em casa de vegetação Bragantia
Ramos,Nilza Patrícia; Novo,Maria do Carmo de Salvo Soares; Ungaro,Maria Regina Gonçalves; Lago,Antonio Augusto do; Marin,Guilherme Calderari.
O trabalho teve como objetivo verificar o efeito da aplicação ao solo da vinhaça, resíduo da indústria canavieira, na emergência de plântulas e no desenvolvimento inicial de girassol, mamona e amendoim - culturas com potencial de utilização na sucessão com a cana-de-açúcar. O experimento foi desenvolvido em vasos com terra, dispostos em blocos ao acaso, sendo cada espécie avaliada individualmente, em esquema fatorial 2 x 3, em quatro repetições. Os tratamentos originaram-se de combinações da aplicação ou não da vinhaça (150 m³ ha-1) sobre três cultivares de girassol (IAC Iarama, Catissol e Hélio 358), de mamona (Guarani, Íris e IAC 2028) e de amendoim (IAC Caiapó, Runner IAC 886 e Tatu). Determinaram-se a velocidade de emergência de plântulas, a primeira...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Girassol; Mamona; Amendoim; Emergência de plântulas; Resíduo agroindustrial.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052008000300017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estádio de maturação e qualidade de sementes de girassol Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Ungaro,Maria Regina Gonçalves; Lago,Antonio Augusto do; Razera,Luiz Fernandes.
Componentes da qualidade de sementes de girassol do cultivar IAC-Anhandy foram avaliados nos anos agrícolas de 1983/84 (Campinas, SP) e 1984/85 (Tatuí, SP). Amostras foram coletadas das regiões central, intermediária e periférica de capítulos colhidos aos 10, 20, 30 e 40 dias após florescimento. Em 1983/84, a proporção de sementes chochas aos 10 dias foi bastante elevada, variando entre 64,1 e 94,4%. Com o avanço da maturação, a porcentagem de sementes chochas decresceu drasticamente, baixando, aos 40 dias, para 5,2, 2,2 e 2,6 nas regiões central, intermediária e periférica respectivamente. Os teores de óleo na semente aos 10 dias foram muito baixos (entre 2,2 e 2,6%), mas aumentaram consideravelmente até os 30 dias, quando atingiram valores entre 44,8 e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Girassol; Helianthus annuus L; Sementes; Maturação; Qualidade; Armazenamento.
Ano: 1987 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051987000100005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do tamanho e umidade do grão na expansão da pipoca South American Mushroom Bragantia
Sawazaki,Eduardo; Morais,Jener Fernando Leite de; Lago,Antonio Augusto do.
Utilizando sementes do cultivar de milho-pipoca South American Mushroom, obtido em 1984/85 em Campinas, SP, procurou-se avaliar os efeitos do teor de umidade e tamanho de grão na expansão da pipoca. Foram empregados tamanhos de grãos compreendidos entre as peneiras 14 e 18 e teores de umidade entre 9,4 e 19,8%. Os resultados mostraram que a capacidade de expansão foi maior nos grãos menores e nos teores de umidade de 10,5 a 11,5%.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Milho-pipoca; Grão; Tamanho; Umidade e capacidade de expansão.
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Longevidade de sementes de algumas espécies de mucuna Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Lago,Antonio Augusto do.
Sementes de mucuna-preta (Stizolobium atterrimum Piper et Tracy), mucuna-rajada (S. deeringianum Bort), mucuna-anã(S. deeringianum Bort) e mucuna-jaspeada (Stizolobium sp.) foram mantidas em condições comuns de armazém no Centro Experimental de Campinas e submetidas a testes de germinação no início e a cada dois meses, por um período total de 30 meses, com exceção dos testes em mucuna-jaspeada que, por insuficiente quantidade de sementes, foram realizados somente até os 12 meses. As sementes de mucuna-preta exibiram 80,0% ou mais de germinação até 30 meses, enquanto as de mucuna-rajada e mucuna-anã tiveram decréscimos significativos, apresentando ao final do período de armazenamento, 64,7% e 58,1% de germinação respectivamente. Até 12 meses, esse...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Armazenamento; Deterioração; Germinação; Mucuna; Stizolobium sp..
Ano: 1986 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051986000100019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Maturação e produção de sementes de gergelim cultivar IAC-China PAB
Lago,Antonio Augusto do; Camargo,Octavio Bento de Almeida; Savy Filho,Angelo; Maeda,Jocely Andreucceti.
Este trabalho teve por objetivo avaliar o desenvolvimento e a qualidade fisiológica e física de sementes de gergelim (Sesamum indicum L.) cultivar IAC-China, durante a fase de maturação. O estudo foi realizado por dois anos agrícolas consecutivos, em plantios tardios "das águas", em área homogênea do Instituto Agronômico, em Campinas, SP. As colheitas foram feitas a intervalos de três a sete dias até os 150 dias após emergência no campo em 1993/1994, e aos 144 dias em 1994/1995. Em cada colheita foram efetuadas as seguintes determinações: conteúdo de umidade das sementes e frutos, massa seca de mil sementes, produção por planta, e germinação até 18 meses de armazenamento em condições não controladas. Os mais altos valores de massa seca de mil sementes, as...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Sesamum indicum; Capacidade germinativa; Massa seca; Época de colheita.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2001000200021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Temperatura, nitrato de potássio e fotoperíodo na germinação de sementes de Hypericum perforatum L. e H. Brasiliense Choisy Bragantia
Faron,Maria Luisa Bertelle; Perecin,Maria Beatriz; Lago,Antonio Augusto do; Bovi,Odair Alves; Maia,Nilson Borlina.
Hypericum perforatum L. e H. brasiliense Choisy, da família Clusiaceae, são espécies de plantas de considerável valor medicinal. A primeira é comercialmente cultivada na Europa e largamente utilizada como fitoterápico para tratamento da depressão. A segunda é nativa do Brasil e, recentemente, vem sendo objeto de muitos estudos por possuir o mesmo potencial farmacológico. Neste trabalho, as sementes de ambas as espécies foram investigadas com relação à massa de mil sementes e a diversas condições de germinação, combinando-se quatro temperaturas, ou seja, 20, 25, 30 e 20-30 ºC, em presença ou ausência de luz e com ou sem umedecimento do substrato de germinação com solução aquosa de nitrato de potássio a 0,2%. O diminuto tamanho das sementes ficou bem...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Hypericum perforatum; Hypericum brasiliense; Plantas medicinais; Sementes; Massa de sementes; Porcentagem de germinação.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052004000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Tratamentos com fungicidas no comportamento de sementes de amendoim Bragantia
Maeda,Jocely Andreuccetti; Lago,Antonio Augusto do; Gerin,Marcelo Aparecido Nunes.
As sementes de amendoim (Arachis hypogaea L.) são especialmente vulneráveis à invasão fúngica, causa freqüente de estandes insatisfatórios e, conseqüentemente, de baixas produções da cultura. A eficiência dos fungicidas Captan, Thiram (TMTD), Benomyl, Quintozene (PCNB) e Thiabendazole, aplicados em sementes de amendoim do cultivar Tatu, foi estudada com relação à emergência de plântulas em casa de vegetação, e à emergência inicial, ao estande final e à produção de vagens no campo. Em todos os parâmetros, não houve efeito de época nem de interação fungicida x época de aplicação. A vantagem do uso de fungicida ficou bem evidenciada, uma vez que as sementes tratadas apresentaram, em relação às não tratadas, emergência de plântulas superior em casa de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Amendoim; Arachis hypogaea L.; Sementes; Fungicidas; Armazenamento; Emergência de plântulas; Produção de vagens.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051995000100011
Registros recuperados: 18
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional